RSS

Arquivo da tag: estamos

Estamos de volta (eu acho)

Consegui dar uma amenizada na crise, vamos ver se dessa vez a coisa vai.

Não se preocupem, vocês não vão se livrar de mim tão cedo. A não ser é claro que eu ganhe na loteria e largue tudo pra viver no Taiti.

Pode ser que ainda ocorram instabilidades, mas pelo menos agora consegui postar.

E segue a vida…

Fonte: ahnegao.com.br

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 16 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: ,

Cook: não estamos interessados apenas no lucro, mas em fazer os melhores produtos

Em entrevista durante conferência sobre resultados da Apple, CEO também criticou rumores da imprensa de TI que sugeriam vendas menores do iPhone.

Nesta quarta, 23/1, a Apple apresentou seus resultados financeiros para o primeiro trimestre fiscal do ano, encerrado em dezembro de 2012, e o CEO Tim Cook aproveitou para falar sobre diversos assuntos, incluindo a mentalidade da companhia no mercado e os muitos rumores sobre supostas vendas menores do iPhone.

“A coisa mais importante para a Apple é fazer os melhores produtos no mundo que enriqueçam as vidas dos consumidores. Isso significa que não estamos interessados no lucro em si apenas. Podemos colocar a marca da Apple muitas coisas e vender muito mais, mas não é para isso que estamos aqui. Queremos apenas fazer os melhores produtos”, disse Cook, que assumiu o cargo oficialmente há mais de um ano. 

Vale notar que, apesar do que Cook falou, a Apple mudou após a morte de Steve Jobs. O cofundador da empresa se mostrava contrário a apostar em tablets com telas menores do que as 9,7 polegadas do iPad, que lidera o mercado. No entanto, com a chegada de rivais do Google e Amazon com telas de 7” e preços bem menores, a empresa de Cupertino lançou o iPad mini, com tela de 7,9” e preço inicial de 329 dólares nos EUA – contra 499 dólares pelo modelo de entrada do iPad padrão.

Leia também:

– Review: iPad mini entrega experiência completa de tablet

timcook01.jpg

Quando questionado sobre questões como uma possível TV da Apple, Cook que não poderia comentar. O mesmo aconteceu quando um jornalista perguntou se a companhia repetiria o ciclo de upgrades de 2012 neste ano que acaba de começar.

Além disso, afirmou que a Apple está muito feliz com a tela de 4 polegadas do iPhone 5 e que nenhum rival do mercado, como Samsung Galaxy S III e Nokia Lumia 920, chega perto da qualidade de tela do smartphone da Apple.

“Não acredite no hype”

Cook também aproveitou o evento para se manisfestar de forma negativa em relação aos muitos rumores recentes de que a Apple teria diminuído pedidos de componentes, o que significaria para muitos veículos, uma queda na demanda do iPhone.

“Sei que tem surgido muitos rumores sobre cortes de pedidos e coisas do pedido, e por isso deixem-me tomar um momento para comentar o assunto. Não quero falar sobre nenhum rumor em especial, porque passaria o resto da minha vida fazendo isso, mas sugiro que é bom sempre questionar a precisão de qualquer tipo de rumor sobre planos de produção. E também destacaria que mesmo que um dado apontado em particular fosse verdadeiro, seria impossível interpretá-lo de maneira precisa para sugerir qualquer mudança para o nosso negócio geral, porque a cadeira de fornecimento é algo muito completo, e obviamente temos muitas fontes para as coisas. Os rendimentos podem vriar, o desempenho do fornecedor pode variar, as posições iniciais de inventário podem variar. Quero dizer, existe uma lista enorme de coisas que tornariam um único dado algo lá não muito para se tomar como base sobre o que está acontecendo.

No último trimestre, a Apple vendeu 47,8 milhões de iPhones contra “apenas” 37 milhões de unidades no mesmo período do ano anterior. O iPad também registrou crescimento, com as vendas saltando de 15,4 milhões de unidades no trimestre do ano anterior para 22,9 milhões nos últimos meses. Por outro lado, as vendas de iPods e Macs caíram – Cook disse que os números menores dos Macs aconteceram por causa do lançamento tardio dos novos iMacs, que só chegaram às lojas no final de novembro.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 19 de junho de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , ,

Cook: não estamos interessados apenas no lucro, mas em fazer os melhores produtos

Em entrevista durante conferência sobre resultados da Apple, CEO também criticou rumores da imprensa de TI que sugeriam vendas menores do iPhone.

Nesta quarta, 23/1, a Apple apresentou seus resultados financeiros para o primeiro trimestre fiscal do ano, encerrado em dezembro de 2012, e o CEO Tim Cook aproveitou para falar sobre diversos assuntos, incluindo a mentalidade da companhia no mercado e os muitos rumores sobre supostas vendas menores do iPhone.

“A coisa mais importante para a Apple é fazer os melhores produtos no mundo que enriqueçam as vidas dos consumidores. Isso significa que não estamos interessados no lucro em si apenas. Podemos colocar a marca da Apple muitas coisas e vender muito mais, mas não é para isso que estamos aqui. Queremos apenas fazer os melhores produtos”, disse Cook, que assumiu o cargo oficialmente há mais de um ano. 

Vale notar que, apesar do que Cook falou, a Apple mudou após a morte de Steve Jobs. O cofundador da empresa se mostrava contrário a apostar em tablets com telas menores do que as 9,7 polegadas do iPad, que lidera o mercado. No entanto, com a chegada de rivais do Google e Amazon com telas de 7” e preços bem menores, a empresa de Cupertino lançou o iPad mini, com tela de 7,9” e preço inicial de 329 dólares nos EUA – contra 499 dólares pelo modelo de entrada do iPad padrão.

Leia também:

– Review: iPad mini entrega experiência completa de tablet

timcook01.jpg

Quando questionado sobre questões como uma possível TV da Apple, Cook que não poderia comentar. O mesmo aconteceu quando um jornalista perguntou se a companhia repetiria o ciclo de upgrades de 2012 neste ano que acaba de começar.

Além disso, afirmou que a Apple está muito feliz com a tela de 4 polegadas do iPhone 5 e que nenhum rival do mercado, como Samsung Galaxy S III e Nokia Lumia 920, chega perto da qualidade de tela do smartphone da Apple.

“Não acredite no hype”

Cook também aproveitou o evento para se manisfestar de forma negativa em relação aos muitos rumores recentes de que a Apple teria diminuído pedidos de componentes, o que significaria para muitos veículos, uma queda na demanda do iPhone.

“Sei que tem surgido muitos rumores sobre cortes de pedidos e coisas do pedido, e por isso deixem-me tomar um momento para comentar o assunto. Não quero falar sobre nenhum rumor em especial, porque passaria o resto da minha vida fazendo isso, mas sugiro que é bom sempre questionar a precisão de qualquer tipo de rumor sobre planos de produção. E também destacaria que mesmo que um dado apontado em particular fosse verdadeiro, seria impossível interpretá-lo de maneira precisa para sugerir qualquer mudança para o nosso negócio geral, porque a cadeira de fornecimento é algo muito completo, e obviamente temos muitas fontes para as coisas. Os rendimentos podem vriar, o desempenho do fornecedor pode variar, as posições iniciais de inventário podem variar. Quero dizer, existe uma lista enorme de coisas que tornariam um único dado algo lá não muito para se tomar como base sobre o que está acontecendo.

No último trimestre, a Apple vendeu 47,8 milhões de iPhones contra “apenas” 37 milhões de unidades no mesmo período do ano anterior. O iPad também registrou crescimento, com as vendas saltando de 15,4 milhões de unidades no trimestre do ano anterior para 22,9 milhões nos últimos meses. Por outro lado, as vendas de iPods e Macs caíram – Cook disse que os números menores dos Macs aconteceram por causa do lançamento tardio dos novos iMacs, que só chegaram às lojas no final de novembro.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 4 de maio de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , ,

‘Estamos comprometidos com os produtos da Autonomy’, afirma CEO da HP

Fabricante quer assegurar aos clientes que continuará a desenvolver e apoiar produtos da Autonomy.

22 de novembro de 2012 – 11h40

A CEO da Hewlett-Packard, Meg Whitman, tranquilizou os clientes dizendo que o futuro da linha de produtos Autonomy é seguro. A declaração foi realizada um dia depois de a HP ter revelado um escândalo contábil alegando que a empresa comprada no ano passado escondeu sua situação financeira.

“Continuamos 100% comprometidos com a Autonomy e suas tecnologias”, afirmou Meg durante um webcast para clientes da companhia na quarta-feira (21/11). A CEO e outros executivos da HP disseram que a HP vai continuar a investir e apoiar os produtos da Autonomy, que incluem ferramentas de análise de dados, arquivamento e backup, bem como gerenciamento de conteúdo web.

“Ainda temos grandes expectativas”, completou George Kadifa, vice-presidente-executivo da área de Software da HP.

Ainda no dia 21/11 Meg organizou uma conferência com os funcionários da divisão Autonomy para sustentar sua moral após os problemas contábeis divulgados pela HP no dia anterior. A HP está “terrivelmente preocupada” sobre como o escândalo afetaria seus funcionários, disse. “Como você se sentiria? Você se sentiria abandonado e traído”, enfatizou.

“Eu disse para eles: “Não é culpa de vocês. A situação é resultado de um esforço intencional por parte de um pequeno número de funcionários da Autonomy”, relatou Meg. 

Quando pergunta por um cliente se os problemas com a Autonomy eram resultado de uma falha de diligência Meg disse que não. “A compra foi supervisionada pela HP em sua gestão anterior”, lembrou. Ela reconheceu, no entanto, que estava no board da HP quando aconteceu a votação para definir a compra da empresa. A auditoria, na época, lembra, foi conduzida pela Deloitte.

Entenda o caso

Na terça-feira (20/11), a HP lançou uma bomba quando revelou que a Autonomy teria manipulado seus livros contábeis antes de a HP comprar a empresa no ano passado por 10,3 bilhões de dólares. A antiga gestão da Autonomy nega as acusações.

Segundo a HP, a Autonomy tomou medidas para tornar a empresa mais rentável do que ela realmente era. Ela também teria apontado algumas vendas de baixa margem de hardware como vendas de maior margem de software. Como resultado da suposta fraude, a HP sofreu uma baixa contábil de 8,8 bilhões de dólares no ano fiscal.

Após o acontecimento, Meg também procurou tranquilizar os clientes da HP sobre as finanças da empresa. Apesar da perda, a HP gerou mais de 4 bilhões de dólares em fluxo de caixa, disse, parte do valor foi usado para pagar as dívidas.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 11 de fevereiro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Microsoft contesta Apple e diz que estamos na Era dos supercomputadores

A Microsoft parece estar cada vez mais provocando a Apple na guerra dos computadores versus Mac.

Falando na Worldwide Partner Conference, o chefe de operações da Microsoft, Kevin Turner, alegou que a afirmação da Apple de que estamos na era pós-PC está errada. De acordo com a Microsoft, nós estamos na era dos supercomputadores.

A companhia está atualmente promovendo o lançamento do seu tablet, o Surface, anunciado no final de junho.

Turner disse: “Eles falaram em essa ser a era pós-computadores, falaram sobre tablets e PCs serem diferentes, mas a realidade é que pensamos que isso está completamente errado.”

Em vez disso, Turner acha que deveríamos estar falando sobre a era dos supercomputadores, na qual todos os dispositivos utilizam um sistema operacional unificado, como no caso da Surface. O tablet rodará uma versão completa com o Windows 8 (no entanto, também estará disponível uma versão do sistema que irá rodar em aparelhos com processadores ARM, o Windows RT).

novoipad_apps.jpg

E, claro, de acordo com a Microsoft, o Windows 8 estará no centro dessa nova era de computadores, de acordo com a reportagem feita pelo site americano The Verge. “Acreditamos que um com um simples apertar de botão, você pode perfeitamente trabalhar com os dois mundos. Acreditamos que você pode utilizar o touch-screen, a caneta, um mouse e também o teclado”, disse Turner.

O CEO da Apple, Tim Cook, já deixou sua visão bem clara sobre as a união entre computador e tablet – caminho que a Microsoft está apostando. Durante a conferência em abril, ele disse: “você pode unir uma torradeira de uma geladeira, mas você sabe, esse tipo de junção não agradará aos usuários.”

O Surface, linha de tablets com 10 polegadas da Microsoft que rodará e o novo OS da empresa – o Windows RT e o Windows 8 – não representam ameaça ao domínio da Apple no mercado de tablets, de acordo com especialistas.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 19 de agosto de 2012 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Para Microsoft, Apple está errada e que estamos é na Era dos supercomputadores

Chefe de operações da gigante de software criticou a rival que afirma que estamos vivendo a era Pós-PC.

A Microsoft parece estar cada vez mais provocando a Apple na guerra dos computadores versus Mac.

Falando na Worldwide Partner Conference, o chefe de operações da Microsoft, Kevin Turner, alegou que a afirmação da Apple de que estamos na era pós-PC está errada. De acordo com a Microsoft, nós estamos na era dos supercomputadores.

A companhia está atualmente promovendo o lançamento do seu tablet, o Surface, anunciado no final de junho.

Turner disse: “Eles falaram em essa ser a era pós-computadores, falaram sobre tablets e PCs serem diferentes, mas a realidade é que pensamos que isso está completamente errado.”

Em vez disso, Turner acha que deveríamos estar falando sobre a era dos supercomputadores, na qual todos os dispositivos utilizam um sistema operacional unificado, como no caso da Surface. O tablet rodará uma versão completa com o Windows 8 (no entanto, também estará disponível uma versão do sistema que irá rodar em aparelhos com processadores ARM, o Windows RT).

novoipad_apps.jpg

E, claro, de acordo com a Microsoft, o Windows 8 estará no centro dessa nova era de computadores, de acordo com a reportagem feita pelo site americano The Verge. “Acreditamos que um com um simples apertar de botão, você pode perfeitamente trabalhar com os dois mundos. Acreditamos que você pode utilizar o touch-screen, a caneta, um mouse e também o teclado”, disse Turner.

O CEO da Apple, Tim Cook, já deixou sua visão bem clara sobre as a união entre computador e tablet – caminho que a Microsoft está apostando. Durante a conferência em abril, ele disse: “você pode unir uma torradeira de uma geladeira, mas você sabe, esse tipo de junção não agradará aos usuários.”

O Surface, linha de tablets com 10 polegadas da Microsoft que rodará e o novo OS da empresa – o Windows RT e o Windows 8 – não representam ameaça ao domínio da Apple no mercado de tablets, de acordo com especialistas.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 19 de agosto de 2012 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,