RSS

Arquivo da tag: Zelndia

Cientistas querem estudar terremotos silenciosos na Nova Zelândia

Produtos caídos ao chão após o terremoto desta segunda-feira (20) na pequena cidade de Wairarapa (Foto: Marty Melville/AFP)Produtos caídos ao chão após o terremoto em janeiro deste ano na pequena cidade de Wairarapa, que fica na Ilha Norte da Nova Zelândia (Foto: Marty Melville/AFP)

Uma equipe de sismólogos vai estudar os chamados “terremotos silenciosos” na fossa de Hikurangi, uma área de convergência de placas tectônicas que ficam em frente à ilha Norte da Nova Zelândia e que, acreditam os cientistas, seja capaz de gerar tremores de 9 graus de magnitude.

Durante as próximas duas semanas os cientistas vão colocar instrumentos de medição sísmica procedentes do Japão e dos Estados Unidos para estudar por um ano a atividade nesta área, situada na baía Poverty. As informações são do jornal “New Zealand Herald”.

O projeto representa a maior instalação de instrumentos no leito marinho na Nova Zelândia para estudar os eventos sísmicos lentos ou terremotos silenciosos, nos quais os deslocamentos não causam estrondos e acontecem, ao contrário de um terremoto convencional, em um período de horas, semanas ou meses. Os instrumentos fornecerão maior informação sobre os tremores e tsunamis na fossa de Hikurangi.

Tremores silenciosos na Nova Zelândia

Fossa de Hikurangi fica em frente à llha Norte do país, onde está a capital, Wellington

Ali, os terremotos silenciosos acontecem com um intervalo aproximado de cerca de 18 meses e deslocam porções de terreno dois centímetros para leste a cada uma ou duas semanas. Se este mesmo deslocamento se desse em alguns segundos, em vez de semanas, registraria terremotos de uma intensidade de seis a sete graus.

“As zonas de subducção, como a que se encontra em frente à ilha do Norte, podem gerar os maiores terremotos do mundo”, explicou o sismólogo neozelandês Bill Fry ao lembrar os tremores de Sumatra (Indonésia) em 2004 e o de Tohuku (Japão) em 2011, que registraram uma intensidade de 9,1 e 9 graus, respectivamente.

A Nova Zelândia se assenta na falha entre as placas tectônicas do Pacífico e Oceania e registra cerca de 14 mil terremotos a cada ano, dos quais entre 100 e 150 têm a potência suficiente para serem percebidos.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 14 de maio de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Premiê da Nova Zelândia propõe referendo para mudar bandeira

Atleta eleva bandeira atual da Zona Zelândia em competição (Foto: AFP)Atleta eleva bandeira atual da Zona Zelândia em
competição (Foto: AFP)

A população da Nova Zelândia será convocada para participar de um referendo para decidir se deve mudar a bandeira nacional, que em várias visões mantém uma referência ao antigo colonizador, o Reino Unido.

O premiê John Key anunciou planos para realizar um referendo em três anos. Seus adversários políticos falaram que irão acompanhar os planos mesmo que Key deixe o poder nas próximas eleições.

A bandeira atual leva a Constelação do Cruzeiro do Sul e inclui uma referência ao Reino Unido no topo. Muitas pessoas entendem que que uma bandeira similiar à atual não refletiria a situação de independência da Nova Zelândia.

A ideia foi divulgada durante pronunciamento de Key na Victoria Universidade de Wellington, capital do país. Ele disse que esta era a visão dele. “A bandeira mantém a dominação da Nova Zelândia à Union Black (nome da bandeira britânica) de uma forma que nós não estamos há muito tempo mais dominados pelo Reino Unido”, afirmou ele. 

Militares que serviram nas Forças Armadas se opuseram à mudança e um debate se instalou a respeito.

O premiê defendeu que a nova bandeira seja algo mais moderno e citou como exemplo a bandeira do All Blacks, como é chamada a seleção nacional de rúgbi. “Nós devemos ser representados por uma bandeira que realmente represente com distinção a Nova Zelândia”, afirmou.

Pesquisas de opinião recentes mostraram conflitos de opiniões sobre as mudanças, mas um levantamento privado indicou que a maioria tinha tendência favorável à mudança. Já outra pesquisa, divulgada por uma emissora de TV, deu resultado contrário: 72% se satisfeitos com o símbolo atual.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13 de março de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

39 baleias-piloto morrem encalhadas em praia da Nova Zelândia

As baleias ficaram presas no domingo, e a maré baixa dificultou a operação de salvamento (Foto: Reprodução/GloboNews)As baleias ficaram presas no domingo, e a maré baixa dificultou a operação de salvamento (Foto: Reprodução/GloboNews)

Trinta e nove baleias-piloto morreram depois de encalhar em uma praia remota da Ilha Sul de Nova Zelândia, disseram autoridades do meio-ambiente nesta segunda-feira (6).

As baleias eram monitoradas depois que foram localizadas próximo à costa da Golden Bay no domingo (5), mas a guarda costeira não foi capaz de impedi-las de encalhar, segundo o Departamento de Conservação.

O responsável pelos serviços de conservação de Golden Bay, John Mason, disse que 12 delas morreram naturalmente e que o restante foi sacrificado depois de ser constatado que elas estavam muito longe para serem levadas de volta ao mar.

Os encalhes de grupos de baleias-piloto são comuns na Nova Zelândia, intrigando os cientistas sobre as causas que levam os mamíferos a nadar até a praia em grandes grupos.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 9 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Aves kiwi, em sério risco de extinção, morrem em zoo da Nova Zelândia

Foto de arquivo mostra aves kiwi sendo examinadas por bióloga do Departamento de Conservação da Nova Zelândia, em 1999. (Foto: AFP Photo/Files/Torsten Blackwood)Foto de arquivo mostra aves kiwi sendo examinadas por bióloga do Departamento de Conservação da Nova Zelândia, em 1999. (Foto: AFP Photo/Files/Torsten Blackwood)

Autoridades neozelandesas afirmaram nesta terça-feira (1º) que oito aves kiwi, ameaçadas de extinção, morreram com infecção respiratória enquanto recebiam tratamento no zoológico de Wellington, em uma perda descrita como ‘uma tragédia’ por organizações ambientalistas.

As oito aves eram todas jovens kiwis rowi (‘Apteryx rowi’), a mais rara das subespécies do pássaro emblemático da Nova Zelândia, informou o Departamento de Conservação (DOC, na sigla em inglês). ‘Obviamente os funcionários do zoo e do DOC estão devastados com a perda das aves’, afirmou a gerente de biodiversidade do DOC, Jo Macpherson.

O número de kiwi despencou com a introdução de predadores como arminhos, ratos e furões, desde a colonização europeia, e especialistas calculam que restem apenas 70 mil animais.

A subespécie ‘rowi’ é vista como em sério risco de extinção, e restariam apenas 400 indivíduos, embora a população tenha aumentado de 150 em meados dos anos 1990 graças a um intensivo programa de conservação.

Restam apenas 400 exemplares de aves kiwi no mundo. (Foto: AFP Photo/Files/Torsten Blackwood)Restam apenas 400 exemplares de aves kiwi no
mundo. (Foto: AFP Photo/Files/Torsten Blackwood)

O esquema envolve voluntários que exploram áreas selvagens da Ilha Sul em busca de ovos de ‘rowi’, que então levam os ovos para chocar em uma ilha livre de predadores, onde os filhotes ficam até que estejam grandes o suficientes para se defender e são, então, devolvidos a seu hábitat.

Macpherson disse que os oito kiwis tinham sido transferidos da ilha para o Zoo de Wellington para que pudessem receber tratamento contra um parasita intestinal.

No entanto, ela afirmou que o parasita debilitou o sistema imunológico das aves, tornando-as vulneráveis a um fungo encontrado em cascas de árvores, que foram usadas na área onde estavam abrigadas.

‘A casca de árvore tem sido usada regularmente no zoo para simular um ambiente natural sem efeitos adversos’, explicou. ‘Esta é uma ocorrência extremamente rara e infeliz e se tornou um grande golpe’.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 3 de outubro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , ,

Fundador do Megaupload processa Nova Zelândia por espionagem

Fundador do Megaupload, Kim Dotcom, deixa uma corte de Auckland nesta terça-feira (28) (Foto: Gino Demeer/Reuters)Fundador do Megaupload, Kim Dotcom, em foto de
fevereiro de 2012 (Foto: Gino Demeer/Reuters)

O fundador do Megaupload, Kim Dotcom, está processando o governo neozelandês pelos “excessos” cometidos pela polícia na invasão da casa do empresário em janeiro de 2012. Na ocasião, equipes especiais da polícia entraram na mansão em vans e helicópteros, confiscando joias e outras propriedades sem relação com as acusações de infração de direitos autorais enfrentadas por Dotcom.

Nascido na Alemanha como Kim Schmitz, Dotcom tem direito de residência permanente na Nova Zelândia. Ele foi preso a pedido do FBI, acusado de cooperar com as infrações de direito autoral cometidas por usuários que enviavam arquivos ao site de troca de arquivos Megaupload. O empresário responde a um processo de extradição da Nova Zelândia para os Estados Unidos.

O mandado de busca e apreensão usado pela polícia em 20 de janeiro de 2012 foi considerado ilegal pela justiça neozelandesa, garantindo a Dotcom o direito de processar o governo e obrigando a divulgação dos documentos da investigação. As autoridades entraram com recurso, mas os tribunais deram outra decisão favorável ao fundador do Megaupload em março de 2013.

O Escritório Governamental de Segurança nas Comunicações (GCSB, na sigla em inglês) também teria espionado Dotcom de maneira ilegal, porque o órgão era proibido de monitorar cidadãos do próprio país. Por conta desse caso, a lei foi modificada para que o GCSB tenha essa autoridade.

Segundo os advogados do empresário, policiais teriam usado força excessiva durante a invasão ilegal à mansão, pois ninguém teria apresentado resistência. Dotcom ainda disse que o processo deverá revelar o envolvimento dos programas de monitoramento da internet da Agência de Segurança Nacional (NSA), como o Prism, na obtenção de seus dados.

Por conta dos excessos, Dotcom pede uma indenização de seis milhões de dólares neozelandeses, ou R$ 11 milhões.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 17 de setembro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Homem ‘disfarçado’ de vaca rouba carne de mercado na Nova Zelândia

Homem usou "disfarce" de vaca para roubar carne em mercado na Nova Zelândia (Foto: Arquivo/ AP)Homem usou ‘disfarce’ de vaca para roubar carne
em mercado na Nova Zelândia (Foto: Arquivo/ AP)

Um homem foi flagrado vestido de vaca e roubando carne dentro de um mercado na Nova Zelândia.

De acordo o jornal “The News Zeland Herald”, o incidente ocorreu em Nelson, próximo ao horário de fechamento do estabelecimento.

O homem, vestido com uma roupa lembrando uma vaca, entrou na loja com outras duas pessoas e roubaram filés da seção de carnes. O trio saiu em um carro vermelho, segundo o jornal.

Já o gerente da loja disse que a equipe foi alertada por um cliente que viu o ladrão em ação.

Um porta-voz da polícia disse que o autor do crime foi “provavelmente com a intenção de se parecer com a carne que estava roubando”. Nenhum dos ladrões foi deito pela polícia.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 2 de setembro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Homem ‘disfarçado’ de vaca rouba carne de mercado na Nova Zelândia

Homem usou "disfarce" de vaca para roubar carne em mercado na Nova Zelândia (Foto: Arquivo/ AP)Homem usou ‘disfarce’ de vaca para roubar carne
em mercado na Nova Zelândia (Foto: Arquivo/ AP)

Um homem foi flagrado vestido de vaca e roubando carne dentro de um mercado na Nova Zelândia.

De acordo o jornal “The News Zeland Herald”, o incidente ocorreu em Nelson, próximo ao horário de fechamento do estabelecimento.

O homem, vestido com uma roupa lembrando uma vaca, entrou na loja com outras duas pessoas e roubaram filés da seção de carnes. O trio saiu em um carro vermelho, segundo o jornal.

Já o gerente da loja disse que a equipe foi alertada por um cliente que viu o ladrão em ação.

Um porta-voz da polícia disse que o autor do crime foi “provavelmente com a intenção de se parecer com a carne que estava roubando”. Nenhum dos ladrões foi deito pela polícia.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 2 de setembro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,