RSS

Arquivo da tag: violar

Human Rights Watch diz que NSA continua a violar privacidade pessoal

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, não fez o bastante ao reformar as atividades de monitoramento da Agência de Segurança Nacional (NSA, na sigla em inglês) e continua a violar o direito à privacidade dos cidadãos, disse à Reuters o chefe da Human Rights Watch.

Obama anunciou na sexta-feira (21) um veto ao monitoramento de líderes de países aliados e o início da redução à vasta coleta de dados telefônicos de cidadãos norte-americano, na tentativa de reafirmar nacional e internacionalmente que os EUA vão levar em conta a questão da privacidade levantada pelos vazamentos do ex-prestador de serviço da NSA Edward Snowden.

“Tudo que Obama nos ofereceu são algumas garantias vagas de que as comunicações das pessoas serão ouvidas somente se houver um interesse nacional em jogo, o que é um padrão bastante confuso”, disse Kenneth Roth, diretor-executivo da organização com sede em Nova York, em entrevista em Berlim.

“Não houve um reconhecimento de que não norte-americanos fora dos Estados Unidos têm o direito à privacidade de suas comunicações, … e que todo mundo tem o direito de não ter suas comunicações eletrônicas despejadas em um computador do governo”, acrescentou.

Roth disse que não há nenhuma prova de que a coleta de comunicações em massa fez qualquer diferença para a segurança.

Em seu relatório global, a HRW disse que há o risco de que governos respondam aos Estados Unidos fazendo com que os dados das pessoas permaneçam em seus próprios países, o que pode resultar numa censura maior da Internet.

Fonte G1

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 22 de janeiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , , ,

Juíza dos EUA quer impedir Apple de violar competitividade de e-books

A juíza dos Estados Unidos que considerou a Apple responsável por fazer acordos com editoras para fixar preços de livros eletrônicos emtiu nesta sexta-feira (6) uma ordem para impedir a fabricante do iPad de fazer novas violações à competitividade nas vendas de e-books.

A juíza Denise Cote, de Manhattan, afirmou que a Apple não pode mais celebrar acordos com cinco grandes editoras dos EUA que impediriam sua capacidade de reduzir preços de varejo dos e-books ou oferecer descontos nos preços.

A juíza também disse que iria nomear um monitor externo para rever as políticas de defesa da concorrência, rotinas e treinamento da Apple por dois anos.

Os termos da sentença expiram após cinco anos, mas podem ser extendidas por um ano, se necessário.

A liminar ocorre após Cote ter constatado, em 10 de julho, que a Apple conspirou com cinco editoras para minar preços de e-books estabelecidos pela Amazon, varejista que lidera as vendas on-line.

O Departamento de Justiça acolheu a liminar. “Os consumidores vão continuar a se beneficiar de preços de e-books mais baixos, como resultado da ação do departamento de restabelecer a concorrência neste setor importante”, disse o procurador-geral adjunto Bill Baer em um comunicado .

A Apple disse nesta sexta-feira que vai recorrer da liminar. “A Apple não conspirou para corrigir preços de e-books”, disse o porta-voz da empresa, Tom Neumayr. “A iBookstore deu aos clientes mais opções e injetou a necessária inovação e concorrência no mercado.”

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 8 de setembro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Samsung processa Apple por violar patentes com iPhone 5

A Samsung entrou com um pedido na justiça dos Estados Unidos nesta segunda-feira, 1/10, para adicionar o iPhone 5 ao seu processo por patentes. Além disso, ontem um juiz local revogou uma proibição de venda do tablet Galaxy Tab 10.1, da companhia sul-coreana.

O novo pedido da Samsung, feito junto ao distrito do nordeste da Califórnia, quer adicionar o iPhone 5 ao seu segundo processo feito contra a Apple em 18 de abril, anunciou a empresa da Coreia do Sul em um comunicado oficial.

“Sempre preferimos competir no mercado com nossos produtos inovadores, em vez de brigar nos tribunais”, afirmou a Samsung. “No entanto, a Apple continua a tomar medidas legais agressivas que vão limitar a competição no mercado. Sob essas circunstâncias, não temos muita escolha a não ser tomar as medidas necessárias para proteger nossas inovações e direitos de propriedade intelectual.”

O mesmo tribunal retirou uma determinação preliminar que proibia as vendas do Samsung Galaxy Tab 10.1. Em sua decisão, a juíza Lucy Koh descobriu que a base para a proibição não existe mais, uma vez que um júri encontrado em agosto pela Samsung (no julgamento contra a Apple) não violou a patente de design “D’889”.

Leia também:

– Review: iPhone 5 é o próximo passo na evolução dos smartphones

iphone5_435

“Estamos satisfeitos com a decisão do tribunal hoje, que sustenta nossa posição de que não houve violação das patentes de design da Apple e que uma proibição não era necessária”, afirmou a Samsung em uma declaração.

No dia 24 de agosto, um júri na Califórnia decidiu que a Samsung deve pagar 1,05 bilhão de dólares em danos para a Apple por violar as patentes de smartphones e tablets da rival de Cupertino.

Procurado pela reportagem, um porta-voz da Apple afirmou que a empresa não tinha comentários sobre o assunto.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
1 comentário

Publicado por em 14 de novembro de 2012 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Apple é acusada pela Samsung de violar patentes com iPhone 5

Nesta segunda, 1/10, empresa sul-coreana adicionou novo smartphone em sua ação judicial e conseguiu fim da proibição de venda do seu tablet Galaxy Tab 10.1.

A Samsung entrou com um pedido na justiça dos Estados Unidos nesta segunda-feira, 1/10, para adicionar o iPhone 5 ao seu processo por patentes. Além disso, ontem um juiz local revogou uma proibição de venda do tablet Galaxy Tab 10.1, da companhia sul-coreana.

O novo pedido da Samsung, feito junto ao distrito do nordeste da Califórnia, quer adicionar o iPhone 5 ao seu segundo processo feito contra a Apple em 18 de abril, anunciou a empresa da Coreia do Sul em um comunicado oficial.

“Sempre preferimos competir no mercado com nossos produtos inovadores, em vez de brigar nos tribunais”, afirmou a Samsung. “No entanto, a Apple continua a tomar medidas legais agressivas que vão limitar a competição no mercado. Sob essas circunstâncias, não temos muita escolha a não ser tomar as medidas necessárias para proteger nossas inovações e direitos de propriedade intelectual.”

O mesmo tribunal retirou uma determinação preliminar que proibia as vendas do Samsung Galaxy Tab 10.1. Em sua decisão, a juíza Lucy Koh descobriu que a base para a proibição não existe mais, uma vez que um júri encontrado em agosto pela Samsung (no julgamento contra a Apple) não violou a patente de design “D’889”.

Leia também:

– Review: iPhone 5 é o próximo passo na evolução dos smartphones

iphone5_435

“Estamos satisfeitos com a decisão do tribunal hoje, que sustenta nossa posição de que não houve violação das patentes de design da Apple e que uma proibição não era necessária”, afirmou a Samsung em uma declaração.

No dia 24 de agosto, um júri na Califórnia decidiu que a Samsung deve pagar 1,05 bilhão de dólares em danos para a Apple por violar as patentes de smartphones e tablets da rival de Cupertino.

Procurado pela reportagem, um porta-voz da Apple afirmou que a empresa não tinha comentários sobre o assunto.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 11 de novembro de 2012 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Google acusa Apple de violar suas patentes com o Siri

O Google deu entrada hoje, 21/8, em sete ações na justiça contra a Apple por supostas violações de patentes pelo uso do assistente controlado por voz Siri, e-mail, reprodução de vídeos, e outros recursos.

Atualmente, a Apple está no final de um turbulento julgamento contra a Samsung, que utiliza o sistema Android, da Google, em seus smartphones e tablets. No entanto, geralmente supõe-se que a briga maior é entre Apple e Google, com Steve Jobs já tendo chamado o Android de “um produto roubado”.

Até agora, Apple e Google tem evitado amplamente o confronto nos tribunais, região dominada por disputas entre a empresa de Cupertino e a Samsung. De qualquer maneira, a batalha por patentes parece longe do fim, e agora a Apple entrará em confronto direto com o Google.

O Google adquiriu a Motorola Mobility em maio deste ano, e são essas patentes que a gigante de buscas está usando para montar o ataque contra a Apple. A ação alega que a Apple viola sete patentes do Google, incluindo Siri, Lembretes de Localização, notificações de e-mail, e Reprodução de Vídeo.

“Nós gostaríamos de resolver essas questões de patentes, mas a indisposição da Apple em chegar a um acordo nos deixa sem escolha a não ser nos defender e as inovações dos nossos engenheiros”, afirmou a Motorola Mobility ao jornal britânico The Telegraph.

siriiphone4s02.jpg

Ainda exclusivo do iPhone 4S, recurso Siri foi introduzido pela Apple no final de 2011

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 10 de outubro de 2012 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,