RSS

Arquivo da tag: viagem

Obama conclui viagem asiática com advertência a China

O presidente Barack Obama encerrou nesta terça-feira (29) nas Filipinas uma viagem asiática que teve como objetivo tranquilizar os aliados sobre o compromisso regional dos Estados Unidos e advertiu a China que não deve utilizar a força para resolver as disputas territoriais.

No último dia de viagem, que também o levou a Japão, Coreia do Sul e Malásia, Obama aproveitou um discurso pronunciado para militares americano e filipinos em Manila para pedir moderação a China, mas sem citar o país.

O presidente dos EUA, Barack Obama, acena antes de deixar as Filipinas nesta terça-feira (29) (Foto: Romeo Ranoco/Reuters)O presidente dos EUA, Barack Obama, acena antes de deixar as Filipinas nesta terça-feira (29) (Foto: Romeo Ranoco/Reuters)

“Nós acreditamos que as nações e os povos têm o direito de viver em paz e segurança, que sua soberania e integridade sejam respeitadas”, disse.

“Acreditamos que é preciso respeitar a legislação internacional, preservar a liberdade de navegação e não obstruir o comércio. Acreditamos que as disputas devem ser resolvidas pacificamente e não por meio da intimidação ou força”, insistiu o presidente americano.

A viagem asiática de Barack Obama passou por quatro países que registram momentos de tensão com Pequim, que reivindica a quase totalidade do Mar da China, Oriental e Meridional.

As tensões com o Japão são mais fortes em consequência das Ilhas Senkaku, um arquipélago desabitado no Mar da China Oriental controlado pelos japoneses, mas reivindicado pelos chineses com o nome de Diaoyu.

O governo americano reiterou a posição que anuncia há muito tempo: que Washington apoiará Tóquio no caso de agressão pelas ilhas Senkaku, sem um pronunciamento sobre a quem pertencem as ilhas.

Um editorial publicado nesta terça-feira pelo jornal China Daily acusa Obama de “considerar Pequim como um adversário”.

“Washington já não tenta dissimular a vontade de conter a influência chinesa na região”, afirma o jornal oficial chinês.

“Estados Unidos mostra que é uma ameaça para a China em matéria de segurança”, completa.

Washington adotou uma posição muito delicada, pois necessita da China para conter a turbulenta Coreia do Norte, que prepara um quarto teste nuclear, segundo os analistas.

Mas os americanos voltaram a desafiar Pequim com a assinatura de um acordo de defesa reforçado com Manila, que permite o aumento da presença militar dos Estados Unidos nas Filipinas. Ou seja, às margens do Mar de China.

Ao citar o tratado de defesa mútua de 1951, Obama advertiu: “Este tratado significa que nossas nações prometem, e cito, ‘nossa determinação comum de defensa de ataques armados externos'”.

“E nenhum agressor potencial pode deixar-se levar pela ilusão de que algum deles está sozinho. Em outras palavras, nosso compromisso para defender as Filipinas é invulnerável. O governo dos Estados Unidos cumprirá com este compromisso porque os aliados nunca estão sozinhos”, afirmou.

Ao contrário das garantias fornecidas ao Japão, ou Coreia do Sul no caso de agressão do Norte (28.500 soldados americanos estão posicionados no Sul), Obama não citou especificamente as zonas marítimas que são a causa do conflito China-Filipinas como um motivo de ajuda a Manila se Pequim assumir o controle destas pela força.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 30 de abril de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Presidente chinês faz 1ª viagem à Europa em plena crise da Crimeia

O presidente chinês, Xi Jinping, chegou neste sábado (22) à Holanda em sua primeira visita oficial à Europa, em plena crise diplomática após a anexação da Crimeia pela Rússia.

Presidente chinês, Xi Jinping, e a mulher Peng Liyuan na chegada em Amsterdã (Foto: Peter De Jong/AFP)Presidente chinês, Xi Jinping, e a mulher Peng Liyuan na chegada em Amsterdã (Foto: Peter De Jong/AFP)

Xi, no poder há pouco mais de um ano, chegou pouco depois do meio-dia (8h de Brasília) ao aeroporto de Amsterdã, onde foi recebido pelo rei Willem-Alexander e por sua esposa, a argentina Máxima.

O mandatário chinês está acompanhado de sua esposa, a popular cantora e general do Exército Peng Liyuan, e de cerca de 200 empresários, que participarão de um fórum econômico sino-holandês no domingo.

A chegada do líder chinês acontece às vésperas de uma reunião do G7, na segunda-feira. No encontro do seleto grupo dos sete grandes países industrializados -Reino Unido, França, Canadá, Alemanha, Japão e Estados Unidos- serão discutidas novas sanções contra a Rússia pela anexação da Crimeia, em meio à maior crise na Europa desde a Guerra Fria.

Pequim, que mostrou uma indulgente neutralidade com Moscou, absteve-se no sábado passado durante a votação de uma resolução do Conselho de Segurança da ONU condenando o referendo da Crimeia. O documento contou com o apoio do restante dos países e recebeu o veto da Rússia.

O presidente Xi Jinping terá que defender essa posição diante de seu homólogo americano, Barack Obama, com quem deve se reunir, aproveitando a Cúpula sobre Segurança Nuclear (NSS, segundo suas siglas em inglês).

Esta cúpula, que será realizada na segunda e na terça-feira em Haia por iniciativa de Obama, vai reunir cerca de 50 líderes de todo mundo para analisar as formas de evitar atentados terroristas nucleares.

Obama quer deixar como legado a segurança nuclear. Em 2009, afirmou que o terrorismo nuclear é a “ameaça mais imediata e extrema para a segurança mundial”.

Xi Jinping também deve falar da crise na Ucrânia durante seus encontros com a chanceler alemã, Angela Merkel, e com o presidente francês, François Hollande.

A Ucrânia é um assunto difícil para a China. O governo de Pequim está dividido entre sua defesa tradicional da integridade territorial e sua solidariedade a Moscou, considerado um aliado contra Washington.

Vários assuntos, em particular as acusações de ciberespionagem, deixam Estados Unidos e China em lados opostos.

Apesar disso, os especialistas não esperam que Xi vá fazer grandes declarações sobre a situação na ex-república soviética.

O mandatário chinês deve visitar a França na terça à noite em ocasião do 50º aniversário do reconhecimento da China Popular pelo general De Gaulle. Na sexta, irá a Berlim e, no domingo seguinte, a Bruxelas, onde fará uma visita de dois dias.

No dia 1º de abril, ele realizará a primeira visita de um presidente chinês às instituições europeias em Bruxelas, capital da União Europeia, maior sócio comercial da China.

As autoridades chinesas anunciaram na sexta-feira seu desejo de encerrar uma investigação antidumping contra exportadores europeus de vinho, depois do acordo alcançado entre organizações profissionais vitícolas da China e da União Europeia.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 24 de março de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , , ,

Nascem filhotes de tartaruga marinha na Praia de Boa Viagem, no Recife

Quando técnicos chegaram à Praia de Boa Viagem, só restava um filhote no ninho. O restante já tnha entrado no mar. (Foto: Divulgação/ ONG Ecoassociados)Quando técnicos chegaram à Praia de Boa Viagem, na manhã desta quarta (19), só restava um filhote no ninho. O restante já tnha entrado no mar  (Foto: Divulgação/ ONG Ecoassociados)

Quarenta e quatro filhotes de tartaruga marinha nasceram, nesta quarta-feira (19), na Praia de Boa Viagem, na Zona Sul do Recife. Apenas um ovo não eclodiu. O ninho ficava próximo ao quiosque 26 e era monitorado desde janeiro pela Brigada Ambiental da Prefeitura do Recife, em parceria com a ONG Ecoassociados.

De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Recife, os filhotes nasceram na madrugada desta quarta, 51 dias após a desova. O órgão isolou a área com estacas e uma placa de sinalização.

A ONG informou que os filhotes são da espécie tartaruga-de-pente. Ainda segundo a organização, pesquisas indicam que a cada mil nascidos, apenas um ou dois conseguem chegar à vida adulta.

Integrantes da ONG analisam ninho de tartarugas na Praia de Boa Viagem (Foto: Divulgação/ ONG Ecoassociados)Integrantes da ONG analisam ninho de tartarugas em Boa Viagem (Foto: Divulgação/ ONG Ecoassociados)

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 21 de março de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , ,

Britânica acha aranha e 400 filhotes em caixa ao voltar de viagem da África

A britânica Nora Serrat, de 32 anos, levou um enorme susto após voltar de uma viagem a uma floresta em Camarões e encontrar na bagagem uma aranha da família das “Sparassidae” (conhecida também como ‘huntsman’), que carregava uma bolsa com mais de 400 filhotes.

Aranha enorme 'viajou' de Camarões até o Reino Unido na bagagem de britânica (Foto: Reprodução/Facebook/The Rainforest Foundation UK)Aranha enorme ‘viajou’ de Camarões até o Reino Unido na bagagem de britânica (Foto: Reprodução/Facebook/The Rainforest Foundation UK)

De acordo com o jornal “Daily Mail”, Nora, que é membro da Rainforest Foundation, fez uma visita de caridade ao local e acredita que o animal, conhecido por escolher presas como escorpiões e até morcegos, se esconder na bagagem da inglesa.

Só quando a mulher estava desempacotando seus bens pessoais que viu o artrópode enorme em uma caixa de papelão, junto com seus filhotes.

Os funcionários imediatamente chamaram a Sociedade Zoológica de Londres para cuidar do animal, e devolvê-la ao meio-ambiente em segurança, juntamente com seus filhotes.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 19 de março de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , ,

Gêmeos que processaram Facebook pagam viagem espacial com bitcoin

Aeronave espacial da Virgin Galactic, empresa de turismo espacial que aceita bitcoins como pagamento. (Foto: Divulgação/Virgin Galactic)Aeronave espacial da Virgin Galactic, empresa de turismo espacial que aceita bitcoins como pagamento. (Foto: Divulgação/Virgin Galactic)

Conhecidos por terem processado o cofundador do Facebook, Mark Zuckerberg, acusando-o de ter roubado a ideia da rede social, os gêmeos Cameron e Tyler Winklevoss já apostam no bitcoin desde o ano passado, quando entraram com os papéis para operarem um fundo de investimento na moeda virtual. Agora, os dois querem que o dinheiro virtual os leve mais longe: para o espaço.

Cameron e Tyler anunciaram que utilizaram alguns de seus bitcoins na compra de passagens para uma viagem ao espaço, promovida pela companhia Virgin Galactic, do grupo do milionário Richard Bransson.

A empresa de turismo espacial pretende fazer sua primeira incursão fora do planeta Terra em agosto deste ano, mas já aceita bitcoins como forma de pagamento desde novembro de 2013.

“Os humanos tem uma longa tradição de explorar e forjar novas fronteiras, tanto fisicamente e metaforicamente”, escreveu Tyler no blog da Winklevoss Capital, fundo de investimento em bitcoins dos gêmeos.

“Desde suas gêneses, bitcoin e Virgin Galactic têm escrito o próximo capítulo em nossos livros de história. Enquanto um está abrindo uma nova era de pós-moedas, inteiramente baseada em sistemas financeiros descentralizados, a outra está tocando uma nova era pós-aviação, de sistemas de viagem baseados em aeronaves sub orbitais”, escreveu Tyler.

Em junho do ano passado, os gêmeos enviaram à xerife do mercado financeiro norte-americano SEC (equivalente à brasileira CVM) os documentos para abrirem o capital de um fundo que negociará bitcoins como se fossem ações.

Desde então, os dois lançaram um índice da moeda virtual chamado Winkdex e trabalharam para levantar capital para um processador de pagamentos com a criptomoeda.

Segundo a Virgin Galactic, eles não são os primeiros a pagar a conta da viagem ao espaço com bitcoins.

Os gêmeos Tyler e Cameron Winklevoss ao lado de Richard Bransson, da Virgin Galactic, empresa de turismo espacial que aceita bitcoins. (Foto: Divulgação/Winklevoss Capital)Os gêmeos Tyler e Cameron Winklevoss ao lado de Richard Bransson, da Virgin Galactic, empresa de turismo espacial que aceita bitcoins. (Foto: Divulgação/Winklevoss Capital)

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 7 de março de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , ,

Viagem de negócios ao Irã ‘não ajuda’, diz Kerry à França

O secretário de Estado dos Estados Unidos, John Kerry, disse ao chanceler da França, Laurent Fabius, que uma viagem ao Irã feita por homens de negócios franceses “não ajuda” e passa a impressão equivocada de que Teerã está normalmente aberta aos negócios, disse um funcionário do governo dos EUA.

Sob um acordo provisório alcançado entre o Irã e outras seis potências mundiais em novembro, Teerã concordou em limitar partes de seu programa nuclear em troca do alívio de algumas sanções internacionais.

O relaxamento nas sanções provocou uma corrida entre empresas ocidentais para explorar as oportunidades de negócios lucrativos no país do Oriente Médio. Na segunda-feira (5), o Irã recebeu mais de 100 executivos das maiores companhias francesas.

“O secretário Kerry falou diretamente com o chanceler (Laurent) Fabius sobre a delegação de comércio… sobre como isso não ajuda no sentido de assegurar que de fato não é um ambiente normal de negócios”, disse o subsecretário de Estado de Assuntos Políticos, Wendy Sherman, durante uma audiência para parlamentares norte-americanos na terça-feira (4).

“Teerã não está aberta aos negócios porque nossos alívios das sanções são bem temporários, bem limitados e bem específicos”, acrescentou.

Ninguém no Ministério de Relações Exteriores da França estava imediatamente disponível para comentar sobre a ligação de Kerry a Fabius.

Kerry participa de seminário em Munique e fala sobre Irã (Foto: Brendan Smialowski/Pool/AFP)Kerry participa de seminário em Munique e fala sobre Irã (Foto: Brendan Smialowski/Pool/AFP)

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 5 de fevereiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , ,

Náufrago resgatado nas Ilhas Marshall começa viagem de volta

Mapa náufrago méxico (Foto: Arte/G1)

O náufrago mexicano que afirmou ter passado vários meses à deriva no Oceano Pacífico até chegar a um pequeno atol nas Ilhas Marshall iniciou neste domingo (2) uma longa viagem de retorno a seu país.

José Iván, o nome com o qual se identificou, foi levado em uma lancha da Marinha local neste domingo do atol de Ebon, sul do arquipélago, para a capital Majuro, onde deve chegar na segunda-feira.

Em Majuro será submetido a exames médicos antes de iniciar os trâmites necessários para a repatriação.

‘Quero retornar ao México!’, disse José Iván por rádio à intérprete Magui Vaca em seu primeiro diálogo com uma pessoa que fala espanhol, depois de ter passado mais de um ano à deriva em uma pequena embarcação de fibra de vidro de 24 pés (quase sete metros) de comprimento, cujos motores perderam as hélices.

‘Me sinto mal. Estou longe. Não sei onde estou nem o que aconteceu’, disse à intérprete.

José Iván explicou que zarpou do México em 24 de dezembro de 2012 para pescar tubarões. O tempo que passou perdido em alto-mar seria de pouco mais de 13 meses, não os 16 que foram mencionados a princípio, depois que ele foi resgatado na quinta-feira.

Até o momento não estão claros os motivos da embarcação ter ficado tanto tempo à deriva nem como faleceu, há alguns meses, o homem que o acompanhava no barco.

Segundo a intérprete, José Iván está muito confuso e não sabe dizer o que aconteceu nos meses em que passou no oceano.

‘Ele está um pouco desesperado e quer voltar ao México, mas não sabe como’, disse a intérprete.

Quando dois habitantes do atol de Ebon o resgataram do mar, na quinta-feira, ele usava apenas uma cueca feita com um pedaço de pano, tinha o cabelo muito comprido e barba abundante. Além disso, não conseguia caminhar sem ajuda.

O náufrago explicou por meio de desenhos que sobreviveu comendo tartarugas, aves e peixes que pescava com as mãos. Também mostrou que bebia sangue de tartaruga quando não chovia.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 3 de fevereiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , , ,