RSS

Arquivo da tag: Turismo

Conteúdo sobre Senna é lançado para ‘Gran Turismo 6’

Jogadores podem pilotar a Lotus de F1 de Senna (Foto: Divulgação/Sony)Jogadores podem pilotar a Lotus de F1 de Senna (Foto: Divulgação/Sony)

O conteúdo adicional gratuito em homenagem ao piloto brasileiro Ayrton Senna no simulador “Gran Turismo 6”, do PlayStation 3, chega nesta sexta-feira (30), de acordo com a Sony. O download pode ser feito diretamente pelo game ou pela loja virtual PlayStation Store.

Com o lançamento do conteúdo, aparecerá um menu exclusivo sobre o tricampeão mundial de Fórmula 1 que os jogadores poderão acessar.

O pacote traz três veículos: seu kart, seu carro na Fórmula 3 e sua Lotus quando começou na Fórmula 1 em 1985. Os três veículos podem ser comprados com dinheiro virtual recebido com vitórias no game e a Lotus pode ser conquistada gratuitamente ao conseguir troféu de bronze nas corridas deste modo de jogo. Os desafios que tem como objetivos baixar os tempos do campeão ocorrem nas pistas de Monza e de Brands Hatch, que foram readaptadas para seu traçado daquele ano.

Os desafios não são fáceis, mesmo com um kart, o mais lento dos três veículos, obviamente. Mas o grande desafio está com o carro de Formula 1. O tempo a ser batido nas duas pistas são de pole positions de Senna com sua Lotus em 1985: “1:25:084” em Monza e “1:07:169” em Brands Hatch.

A Sony afirma que quer fazer com que os fãs treinem muito e façam diversas tentativas para conseguir, no mínimo, o troféu de bronze.

 Além dos veículos, das pistas e das roupas, todo o conteúdo voltado a Ayrton Senna em “Gran Turismo 6” conta a história do brasileiro. Há fotos inéditas dos álbuns pessoais da família que são compartilhadas no game. Em slides, um texto explica diversos momentos da vida e da carreira do piloto, algo que percebe-se ter sido feito por fãs.

Kazunori Yamauchi, o criador da franquia, esteve no Brasil em 2013 durante a feira Brasil Game Show – onde ele mesmo anunciou o conteúdo – e visitou o Instituto Ayrton Senna para conhecer melhor a vida do piloto.

new WM.Player( { videosIDs: “3374550”, sitePage: “g1/tecnologia/games/videos”, zoneId: “110461”, width: 320, height: 200 } ).attachTo($(“#3374550”)[0]);

View the original article here

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 31 de maio de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Conteúdo sobre Ayrton Senna chega a ‘Gran Turismo 6’ em 27 de maio

Lotus pilotada por Ayrton Senna em 1985 está em extra gratuito de 'Gran Turismo 6' (Foto: Divulgação/Sony)Lotus pilotada por Ayrton Senna em 1985 está em extra gratuito de ‘Gran Turismo 6’ (Foto: Divulgação/Sony)

Os compradores do simulador de corrida “Gran Turismo 6”, do PlayStation 3, poderão fazer o download gratuito de carros e desafios baseados na carreira do piloto brasileiro Ayrton Senna, que morreu há 20 anos. O conteúdo extra por download (DLC) será lançado para quem tem o jogo no dia 27 de maio, de acordo com comunicado da Sony.

Após a instalação do arquivo, haverá a opção “Ayrton Senna” disponível no menu principal do jogo. Ao entrar nesta seção, os jogadores poderão entrar em desafios inspirados na carreira do piloto na Fórmula 1, com direito à roupas e veículos clássicos do brasileiro que podem ser escolhidos. Entre os desafios estão a possibilidade de disputar suas voltas pole position em circuitos como Brands Hatch e Monza tentando fazer um tempo ainda menor.

Os desafios liberam mais conteúdo de Senna como a Lotus 97T e um kart do piloto, por exemplo. Os jogadores que conquistarem o terceiro lugar ou uma posição melhor, em qualquer um dos lendários desafios de Senna receberão um carro. Os pilotos também terão a opção de comprar um veículo com créditos do jogo na concessionária Ayrton Senna, sem ter que completar o evento sazonal.

O lançamento do novo conteúdo do jogo inclui um dos primeiros karts de Senna, construído pela DAP, que ajudou a dar início à sua carreira de piloto; e o Lotus 97T que o Senna pilotou durante a sua segunda temporada de Fórmula 1, em 1985, quando ele conquistou sete pole positions.

Além dos carros, a atualização do jogo inclui Desafios do Senna, que colocam os jogadores nas mesmas pistas em que Senna correu, desafiando-os a superarem seus lendários tempos de volta.

“Para os fãs de corridas de todo o mundo, o nome Senna evoca uma gama de emoções. Isso não deixa dúvidas do que Ayrton Senna representa para tantas pessoas. Para mim, ele é um herói pessoal; alguém que me inspirou a tomar o rumo em que estou hoje”, disse Kazunori Yamauchi, criador de “Gran Turismo” e presidente da Polyphony Digital. “Estou honrado por poder apresentá-lo à geração mais jovem de fãs de corridas por meio do ‘Gran Turismo’. Sinto que é uma oportunidade e um privilégio dar continuidade ao seu trabalho e legado por meio do Instituto Ayrton Senna e estou grato em poder fazer a minha parte para atender o desejo dele de melhorar a vida de milhões de crianças que são auxiliadas pelo Instituto.”

Lotus pilotada por Ayrton Senna em 1985 está em extra gratuito de 'Gran Turismo 6' (Foto: Divulgação/Sony)Lotus pilotada por Ayrton Senna em 1985 está em extra gratuito de ‘Gran Turismo 6’ (Foto: Divulgação/Sony)

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 14 de maio de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Reunião do Tratado Antártico aborda impacto do turismo na região

O turismo na Antártica e seu impacto ambiental é um dos temas discutidos na 37ª reunião consultiva anual do Tratado Antártico, que teve início em Brasília nesta segunda-feira (28).

“Alguns países veem com certa preocupação a questão. Consideram que há turismo demais na região”, explicou em coletiva de imprensa o secretário da brasileira Comissão Interministerial de Recursos do Mar (CIRM), contra-almirante Marcos Silva Rodrigues.

“A preocupação do Sistema Antártico é que haja regras para a preservação do continente”, disse o diretor de Meio Ambiente do Ministério das Relações Exteriores do Brasil, José Raphael Azeredo.

Trinta e dois mil turistas visitam todos os anos a Antártica, explica Francisco Berguño, chefe da delegação chilena e da Direção Antártica da chancelaria de seu país. “O mais importante é que o turismo tem que ser totalmente controlado para minimizar qualquer dano ao continente”, disse.

O turismo no continente branco, que nos anos 1990 não passava de 5.000 visitantes ao ano, multiplicou-se, principalmente com cruzeiros de luxo, embora também com voos que chegam à região. O caso de um navio russo que ficou parado vários dias no fim do ano passado na Antártica reavivou o debate sobre o turismo e desatou críticas nos meios científicos.

Outros temas
Cinquenta países são signatários do Tratado Antártico, que entrou em vigor em 1961. Desde 1983, o Brasil é um dos 29 membros consultivos, com direito de voto e decisão.

As reuniões, anuais, serão celebradas em Brasília até 7 de maio. Outros temas que serão abordados serão o avanço da pesquisa biológica e a preservação de fauna e flora no continente gelado, além da cooperação entre os Estados-membros, informou a chancelaria brasileira.

O Tratado Antártico estabelece a não militarização desde continente, liberdade de pesquisa científica, proteção ambiental e suspensão de reivindicações territoriais.

Exemplar de pinguim-papua é visto na Baía do Almirantado, região onde está abrigada a Estação Antártica Comandante Ferraz (Foto: Eduardo Carvalho/G1)Exemplar de pinguim-papua é visto na Baía do Almirantado, região onde está abrigada a Estação Antártica Comandante Ferraz (Foto: Eduardo Carvalho/G1)

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 30 de abril de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , ,

Com crise política, receita do turismo no Egito cai 41% em 2013

Apoiadores de Morsi protestam em frente à Academia Militar, onde acontece o julgamento do ex-presidente, nesta segunda-feira (4) (Foto: Amr Nabil/AP)Manifestantes protestam no Cairo, capital do país. Crise política afetou turismo (Foto: Amr Nabil/AP)

A receita com o turismo no Egito afundou 41% em 2013 ante o ano anterior para US$ 5,9 bilhões, informou na última semana o ministro do Turismo, Hisham Zaazou, mais um sinal da pressão sofrida por uma das principais fontes de divisas estrangeiras do Egito.

O setor do turismo no país mais populoso do mundo árabe enfrenta dificuldades desde que o autocrata Hosni Mubarak foi deposto por uma revolta popular em 2011.

Após uma pequena melhora em 2012, o turismo levou um novo golpe em 2013, quando centenas de pessoas foram mortas em meio à violência que seguiu a deposição do presidente islamita eleito, Mohamed Mursi, pelo Exército em julho, após protestos em massa contra seu governo.

Zaazou, em uma mensagem de texto à Reuters, confirmou que as receitas do turismo no Egito em 2013 alcançaram US$ 5,9 bilhões. “O número está correto e para o ano de 2012 foram US$ 10 bilhões”, disse ele.

As receitas do turismo no primeiro trimestre do ano financeiro egípcio, que começa em 1º de julho, caíram para US$ 931,1 milhões de dólares ante os US$ 2,64 bilhões do ano anterior, de acordo com dados do banco central publicados no mês passado.

O número de diárias passadas no Egito por turistas entre julho e setembro caiu 57% para cerca de 15 milhões e a média de gastos dos visitantes também caiu em comparação com o ano anterior, informou o banco central.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 28 de janeiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , ,

Apresentado no Salão de Detroit, FT-1 Concept chega ao ‘Gran Turismo 6’

FT-1 é lançado gratuitamente em 'Gran Turismo 6' (Foto: Divulgação/Sony)FT-1 é lançado gratuitamente em ‘Gran Turismo 6’ (Foto: Divulgação/Sony)

O simulador de corrida “Gran Turismo 6”, do PlayStation 3, receberá nesta terça-feira (14) uma atualização gratuita que trará o carro conceitual Toyota FT-1 Concept Coupé. O veículo foi apresentado pela Toyota na segunda-feira (13) na abertura do Salão de Detroit, nos Estados Unidos.

O modelo foi desenvolvido primeiramente para “Gran Turismo”, para onde o carro ficará restrito por enquanto.

O carro será disponibilizado para um evento dentro do game.

Jogadores que atingirem um determinado tempo nas voltas e obtiverem medalha de bronze receberão o FT-1 em suas garagens virtuais.

FT-1 é lançado gratuitamente em 'Gran Turismo 6' (Foto: Divulgação/Sony)FT-1 é lançado gratuitamente em ‘Gran Turismo 6’
(Foto: Divulgação/Sony)

O lançamento de carros conceituais no game também foi feito no final de 2013 pela Mercedes-Benz, que mostrou o AMG Vision Gran Turismo, também restrito ao simulador.

Segundo a Toyota, o projeto começou há dois anos e foi desenvolvido pelo centro de design Calty, que completa 40 anos.

“Gran Turismo 6” é exclusivo do PlayStation 3, é dublado e é vendido por R$ 150.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 16 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Caro e crescente, turismo na Antártica preocupa cientistas

Foto mostra Barbara Tucker, passageira do navio preso entre o gelo na Antártica, ao lado de pinguim neste domingo (29) (Foto: Andrew Peacock /www.footloosefotography.com/AFP)Foto mostra Barbara Tucker, passageira do navio russo preso entre o gelo na Antártica, ao lado de pinguim (Foto: Andrew Peacock /www.footloosefotography.com/AFP)

O caso do navio russo encalhado durante vários dias na Antártica despertou críticas nos meios científicos e evidenciou os riscos do turismo no continente branco, acessível sobretudo aos mais abonados, afirmam especialistas.

Na semana passada, Yves Frenot, diretor do Instituto Polar francês Paul-Emile Victor, indignou-se com os contratempos sofridos pelos cientistas franceses, chineses e australianos devido às operações de resgate do navio russo “Akademik Chokalskiy”.

“Não se trata de colocar a Antártica em uma redoma de vidro e mantê-la exclusivamente para os cientistas, mas é preciso que o turismo seja controlado para se ter a certeza de poder organizar ajuda em caso de problemas”, declarou Frenot.

A Antártica é um dos últimos locais a oferecer a turistas ricos uma imensidão de neve e gelo, povoada por pinguins, focas e baleias.

Mas, como descobriram os passageiros do “Akademik Chokalskiy’, as nevascas, os icebergs e as condições climáticas extremas podem azedar o passeio.

O caso do navio russo deve “nos lembrar de que se trata de um ambiente extremo, tanto para as expedições científicas quanto para os cruzeiros turísticos”, disse Daniela Liggett, especialista em turismo na Antártica da Universidade de Canterbury, na Nova Zelândia.

Sete vezes mais turistas
Em 24 anos, o número de turistas na Antártica multiplicou-se por sete, passando de 5 mil em 1990 para 35 mil em 2013, segundo cifras das operadoras de turismo.

A maioria visita o polo sul de navio e paga até US$ 11 mil dólares (mais de R$ 26 mil) por uma cabine de luxo na alta temporada, entre novembro e março.

Outros turistas admiram a vastidão de neve e gelo do alto, em voos especiais.

O primeiro cruzeiro turístico na Antártica foi realizado em 1958 e reuniu uma centena de passageiros no navio argentino “Les Eclaireurs”.

Turismo de risco
O desenvolvimento do turismo neste continente virgem e frágil alarma muitos especialistas, que chamam atenção para os riscos e problemas que implica a ajuda aos navios em dificuldade.

“O isolamento é algo específico da Antártica e, se acontece algo a um navio grande, é quase impossível ajudar todos os passageiros rapidamente”, explicou Daniela Ligget.

As equipes de resgate tradicionais estão a milhares de quilômetros e a ajuda costuma envolver navios de expedições científicas, que tiveram seus programas – minuciosamente preparados devido ao curto verão antártico – afetados por grandes perturbações.

O “Akademik Chokalskiy” ficou encalhado na véspera de Natal a uma centena de quilômetros da base francesa, Dumont d’Urville.

O navio quebra-gelo chinês que o socorreu também ficou preso no gelo. Os dois navios conseguiram sair da região na terça-feira passada.

O “Astrolabe”, um navio francês que reabastece a base Dumont d’Urville durante o verão no Hemisfério Sul, foi requisitado por vários dias, assim como um navio científico australiano.

No navio russo havia turistas e cientistas que refaziam, um século depois, a experiência do explorador australiano Douglas Mawson. Era “uma expedição pseudocientífica”, disse Yves Frenot.

Os navios de cruzeiro, que contam com o aval da Associação Internacional de Operadores de Turismo na Antártica (IAATO), costumam navegar de dois em dois para poder socorrer um ao outro em caso de dificuldade, explicou Liggett, assegurando que as embarcações zelam pelo meio ambiente.

“Eles vendem aos seus clientes paisagens, vida selvagem e um meio ambiente intacto. Têm interesse em preservar isso”, afirmou a especialista.

As embarcações turísticas aplicam medidas de descontaminação para que os passageiros não deixem na Antártica espécies exógenas ou micróbios, explicou Amanda Lynnes, porta-voz da IAATO.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 11 de janeiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , ,

Fazendas unem turismo e atividade pecuária no Pantanal

Milhares de pessoas do mundo inteiro procuram o Pantanal para fotografar a onça pintada, o maior felino das Américas. O Pantanal tem 4 mil quilômetros quadrados de extensão, sendo uma parte em Mato Grosso e outra em Mato Grosso do Sul. O município de Miranda é o mais procurado pelos turistas.

O nome científico da onça pintada  é panthera onca, animal nativo do continente americano e que pode ser encontrado em quase todas as regiões brasileiras. É o maior carnívoro terrestre do nosso país. Um macho adulto pode chegar a 150 kg.

Num braço do Rio Miranda, do alto de uma balsa, pode-se ver melhor a mata da margem onde a onça pode estar escondida. A visualização da onça só é permitida de dentro do barco, sem incomodar o bicho. Em geral, ela caça durante a noite. Durante o dia, costuma frequentar a margem dos rios à procura de sombra e ar. Suas manchas funcionam como uma impressão digital  e ajuda especialistas a identificá-las.

Algumas fazendas tradicionais do município de Miranda estão explorando a imagem da onça para atrair os turistas. Uma delas é a San Francisco, onde já foram avistadas 14 onças. O dono da fazenda, Roberto Coelho, transformou sua sede em um hotel e afirma que o novo ramo de atividade gerou mais empregos para a região.

“Acredito que o turismo dá mais renda do que o gado. A onça está dando dinheiro. O turismo é uma razão de preservá-la e de tocar uma pecuária junto com ela”, diz Roberto.

No município de Poconé, o Porto Jofre, na beira do Rio Cuiabá, é o ponto de encontro dos turistas que chegam do mundo inteiro para ver e fotografar a onça pintada. São tantas onças na região que é muito difícil o turista perder a viagem.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 9 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,