RSS

Arquivo da tag: tribunal

Policial fica ferido e suspeito é morto em tiroteio em tribunal nos EUA

Um policial ficou ferido e um suspeito morreu em um tiroteio nesta sexta-feira (6) em frente ao edifício do tribunal do condado de Forsyth, ao norte de Atlanta, Georgia, informou o xerife da região à imprensa.

O gabinete do xerife do condado de Forsyth confirmou à AFP que na manhã desta sexta-feira (6) ocorreu um tiroteio em frente ao tribunal, mas não forneceu maiores detalhes.

O xerife Duane Piper declarou ao canal 2 de Atlanta, Georgia, que um policial foi ferido em uma perna e foi levado a um hospital próximo.

Um suspeito teria morrido, segundo Piper, citado pela rede de televisão.

Uma dúzia de patrulhas da polícia estavam ao redor do edifício, cercado pela forças de segurança, e um esquadrão antiexplosivos também se dirigiu ao local, segundo imagens de canais locais.

Este tiroteio é um novo capítulo em uma série de incidentes violentos similares que atingem periodicamente os Estados Unidos, o último dos quais ocorreu na quinta-feira na universidade Seattle Pacific, no estado de Washington (noroeste), onde um atirador matou uma pessoa e feriu duas.

View the original article here

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 9 de junho de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Tribunal diz que Amanda Knox matou colega de quarto após discussão

AppId is over the quota
AppId is over the quota

O tribunal italiano que considerou a estudante norte-americana Amanda Knox culpada de assassinato em janeiro, afirmou nesta terça-feira (29) que ela matou sua colega de quarto britânica por causa de uma discussão doméstica, e não durante um jogo sexual, e que ela mesma tinha empunhado a faca.

Amanda passou quatro anos em uma prisão italiana após um tribunal considerar que ela e seu então namorado, Raffaele Sollecito, haviam assassinado a estudante britânica Meredith Kercher, de 21 anos, em 2007.

Amanda Knox aguarda início de entrevista para o programa “Good Morning America”, da rede de TV “ABC”, nesta sexta-feira (31) (Foto: Andrew Kelly/Reuters)Amanda Knox aguarda início de entrevista para o programa “Good Morning America”, da rede de TV “ABC”, em 31 de janeiro de 2014 (Foto: Andrew Kelly/Reuters)

Na sua longa explicação sobre o veredicto de janeiro, o tribunal de Florença afirmou que a teoria inicialmente utilizada para condenar o casal – que havia matado Meredith em um jogo sexual que deu errado – não era plausível.

Não era “digno de crédito que os quatro jovens começassem a atividade sexual em grupo e que Meredith Kercher depois, de repente, já não quisesse prosseguir”, disse o tribunal nas “motivações” para a sua decisão, um documento comumente emitido por um tribunal italiano muitas semanas após o seu veredicto.

“Esta hipótese não é compatível com a personalidade da menina britânica”, disse.

Em vez disso, o assassinato ocorreu porque Meredith e Amanda não tinham um bom relacionamento e tiveram uma discussão sobre questões da divisão do apartamento em uma noite em que Amanda e Sollecito tinham tomado drogas, o que levou a uma escalada da situação, disse a corte.

A primeira condenação da americana foi anulada em um recurso. Amanda retornou aos Estados Unidos em 2011, mas ela Sollecito e foram declarados culpados novamente em um novo julgamento.

Os dois tentam proclamar a sua inocência, e estão apelando novamente. Amanda disse que não vai voltar voluntariamente para a Itália para cumprir o resto de sua sentença de mais de 28 anos.

Uma terceira pessoa, o marfinense Rudy Guede, que foi julgado separadamente, está cumprindo uma sentença de 16 anos por sua participação no assassinato de Meredith na cidade universitária de Perugia.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 1 de maio de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Tribunal Constitucional anula eleições de fevereiro na Tailândia

O Tribunal Constitucional da Tailândia anulou, nesta sexta-feira (21), as eleições antecipadas do dia 2 de fevereiro, que foram realizadas mesmo com o boicote da oposição e durante os protestos antigovernamentais.

O tribunal decidiu por seis votos a favor e três contra que as eleições não foram válidas porque a votação não pôde ser completada em todas as circunscrições em um único dia, informou o jornal “The Nation”.

De acordo com a decisão do tribunal, a Comissão Eleitoral deve estipular uma nova data para as eleições com o governo interino da primeira-ministra, Yingluck Shinawatra.

A votação do dia 2 de fevereiro não foi concluída em várias circunscrições da capital Bangcoc e na maioria das províncias do sul do país porque alguns manifestantes impediram previamente o registro de candidatos e sitiaram as zonas eleitorais.

Os manifestantes, liderados pelo ex-vice-primeiro-ministro Suthep Thaugsuban, exigem que um conselho não eleito substitua o Executivo e reforme o sistema, que consideram corrupto, antes aconteça uma nova votação.

No entanto, o governo interino insiste na realização de eleições antecipadas para sair da crise política na qual o país está imerso e rejeitou, desde o primeiro dia, em utilizar a força para dissipar os protestos.

Suthep acusa Yingluck de ser uma marionete de seu irmão Thaksin Shinawatra, o ex-primeiro-ministro deposto em um golpe de Estado em 2006, e de obter suas vitórias eleitorais através da compra de votos e de medidas populistas.

A Tailândia vive uma grave crise política desde o golpe militar que depôs Thaksin, que vive no exílio em Dubai para evitar uma condenação de dois anos de prisão por corrupção que ele atribui a motivos políticos.

Desde então, Bangcoc e outras partes da Tailândia foram cenário de protestos de simpatizantes e opositores do governo da vez.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 21 de março de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Tribunal confirma vitória de ex-guerrilheiro em El Salvador

O ex-guerrilheiro e candidato de esquerda Salvador Sánchez Cerén venceu a eleição presidencial de El Salvador, segundo a apuração final do Tribunal Supremo Eleitoral (TSE), após quatro dias de confusão por denúncias de fraude da direita.

Sánchez Cerén, da governante Frente Farabundo Martí para a Libertação Nacional (FMLN), recebeu 50,11% dos votos (1.495.815) e Norman Quijano, da Aliança Republicana Nacionalista (Arena), 49,89% (1.489.451), segundo a recontagem das atas eleitorais, anunciou o presidente do TSE, Eugenio Chicas.

No domingo, a apuração preliminar mostrava o mesmo resultado, mas Quijano protestou e exigiu a contagem “voto a voto”. O candidato de direita também pediu a anulação do processo por considerar que aconteceu “fraude”.

“O povo unido jamais será vencido” e “Salvador, presidente”, gritavam os militantes da FMLN diante do hotel da capital do país no qual o TSE instalou o centro de operações.

Sánchez Cerén, de 69 anos e atual vice-presidente do primeiro governo de esquerda de El Salvador, presidido desde 2009 por Mauricio Funes, venceu o primeiro turno de 2 de fevereiro com 48,9% dos votos, contra 38,9% de Quijano, o que exigiu um segundo turno.

Candidato presidencial Salvador Sanchez Ceren e sua esposa Margarita Villalta durante a votação no domingo (2) (Foto: Jose Cabezas/ AFP)Candidato presidencial Salvador Sanchez Ceren e sua esposa Margarita Villalta durante a votação no domingo (2) (Foto: Jose Cabezas/ AFP)

Ele será o primeiro ex-guerrilheiro a assumir a presidência de El Salvador e o quarto na América Latina, depois do nicaraguense Daniel Ortega, do uruguaio José Mujica e da brasileira Dilma Rousseff.

O futuro presidente assumirá o cargo em 1º de junho em um país abalado pela violência, pela pobreza que afeta 40,7% dos 6,2 milhões de habitantes com uma economia que cresceu apenas 1,9% em 2013.

Após o anúncio do TSE, os partidos políticos tem três dias para apresentar recursos. A proclamação oficial do vencedor deve acontecer na próxima semana.

O TSE também deve decidir sobre um recurso de nulidade da eleição, mas declarou “improcedentes” outros dois sobre a contagem “voto por voto”, porque o número de cédulas impugnadas não superava a diferença entre os dois candidatos e não alterava o resultado da apuração preliminar.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13 de março de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , ,

Tribunal russo ordena prisão de líder de organização radical ucraniana

Um tribunal de Moscou, na Rússia, emitiu nesta quarta-feira (12) uma ordem de prisão para o líder da organização ultranacionalista ucraniana Pravy Sektor (“setor da direita”, em tradução livre), Dmitri Yarosh, acusado de incitação ao terrorismo, informaram fontes judiciais.

Yarosh, contra quem a justiça russa já havia ditado uma ordem de busca e captura internacional, é acusado de incitar a realização de atividades terroristas e extremistas, crime para o qual o Código Penal da Rússia prevê punições de até cinco anos de prisão.

A Procuradoria Geral da Ucrânia declarou que não existem motivos para a prisão de Yarosh, muito menos para extraditá-lo a outro país.

O líder ultranacionalista, um dos protagonistas da revolução ucraniana que derrubou o regime do presidente Viktor Yanukovich no mês passado, anunciou que concorrerá à Presidência do país nas eleições antecipadas convocadas para o próximo dia 25 de maio.

Após a saída de Yanukovich, as novas autoridades ucranianas ofereceram a Yarosh o cargo de secretário adjunto do Conselho de Defesa e Segurança Nacional da Ucrânia, mas ele rejeitou a proposta.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13 de março de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , , ,

Especialista analisa em tribunal porta atingida por Pistorius

O investigador forense Gerhard Vermeulen mostra como a porta do banheiro da casa de Oscar Pistorius pode ter sido golpeada, durante julgamento do atleta na África do Sul (Foto: Alexander Joe/AP)O investigador forense Gerhard Vermeulen mostra
como a porta do banheiro da casa de Oscar
Pistorius pode ter sido golpeada, durante
julgamento do atleta na África do Sul (Foto:
Alexander Joe/AP)

A porta do banheiro através da qual Oscar Pistorius atirou quando matou sua namorada, Reeva Steenkamp, no dia 14 de fevereiro do ano passado, foi examinada nesta quarta-feira (12) por um especialista ante o tribunal que julga o atleta paralímpico sul-africano por suposto assassinato.

O atleta, amputado das duas pernas, mas que utiliza próteses, afirmou no ano passado que na noite do incidente disparou contra a porta do banheiro de seu quarto pensando que havia um ladrão no local, e não sua namorada.

Logo depois dos tiros, disse ter colocado as próteses e forçado a porta com um bastão de críquete para socorrer a vítima.

Em sua declaração, o coronel Gerhard Vermeulen, um especialista da polícia científica sul-africana, formulou uma hipótese que contradiz a declaração do atleta.

O perito explicou que na porta há duas marcas que constituem “a prova irrefutável de que foi utilizado um bastão de críquete para derrubá-la”.

Depois verificou a altura das marcas e a posição que Pistorius deveria estar para tentar abrir a porta, forçando-a primeiro e depois utilizando o bastão para fazê-la ceder.

“O bastão atravessou a porta, e em sua ponta há marcas que correspondem ao que ocorreu. De alguma forma, a pessoa girou o bastão para forçar a porta”, declarou o especialista, mostrando o bastão de críquete utilizado na noite do crime.

O especialista explicou que, se Pistorius tivesse atingido a porta utilizando as próteses, teria sido muito incômodo. Ele se ajoelhou para ilustrar a posição mais provável adotada pelo atleta para abrir a porta.

“A marca corresponde, com toda lógica, ao fato de não ter colocado suas próteses”, acrescentou o especialista, que tem 30 anos de experiência.

Pistorius alega que, depois de ter baleado Reeva por engano, tentou abrir a porta do banheiro com um bastão para salvá-la.

Já a promotoria ressalta que o atleta inicialmente atingiu a porta com o bastão para tentar alcançar Reeva, e, diante do fracasso, atirou contra a porta.

Vermeulen não forneceu detalhes sobre a sequência.

Esta quarta-feira é o oitavo dia do processo de Pistorius, acusado do assassinato de sua namorada, a modelo Reeva Steenkamp, de 29 anos. O julgamento, realizado em Pretória, deve prosseguir até 20 de março.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13 de março de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Tribunal do Quênia impõe pena recorde a traficante chinês de marfim

O chinês Tang Yong Jian (ao centro) é visto durante o julgamento realizado em Nairóbi, no Quênia, nesta segunda-feira (27) (Foto: Tony Karumba/AFP)O chinês Tang Yong Jian (ao centro) é visto durante o julgamento realizado em Nairóbi, no Quênia, na segunda-feira (27) (Foto: Tony Karumba/AFP)

Um chinês que foi detido em posse de marfim no aeroporto de Nairóbi foi condenado nesta terça-feira (28) por um tribunal do Quênia a pagar uma multa recorde de US$ 233.000 ou a sete anos de prisão, caso não tenha condições de pagar a quantia.

A condenação, a maior para este tipo de caso no Quênia, é a primeira imposta dentro de uma nova lei de proteção da fauna promulgada em dezembro e que endurece consideravelmente as sanções para caçadores furtivos e traficantes.

Até então as sanções eram consideradas extremamente clementes ante as quantidades de marfim obtidas com o tráfico e o alcance do massacre dos grandes mamíferos na África.

Tang Yong Jian, de 40 anos, havia sido detido em meados de janeiro com 3,4 quilos de marfim bruto em uma maleta no aeroporto internacional de Nairóbi, onde fazia uma escala em um voo entre Moçambique e China. Na segunda-feira (27) ele se declarou culpado de posse ilegal e de tráfico de marfim. Agora tem 14 dias para recorrer da decisão.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 30 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,