RSS

Arquivo da tag: telefones

Os telefones dos passageiros do Malaysia Airlines continuam tocando?

Share Button

É verdade que os celulares dos passageiros do voo 370 da Malaysia Airlines continuam tocando quando chamados pelos familiares? Será que o avião pousou?

No dia 8 de março de 2014, um avião da companhia Malaysia Airlines perdeu contato duas horas após decolar em Kuala Lampur. O Boeing 777 tinha 239 pessoas e as equipes de buscas ainda procuram por alguma pista de onde a aeronave foi parar (até o fechamento dessa matéria, não a haviam encontrado).

Logo após o anuncio da perda de contato com as torres de comando do solo, os familiares tentaram entrar em contato com seus parentes que estavam no voo. Daí, muitos sites publicaram a notícia de que as chamadas feitas para os celulares dos passageiros ficavam tocando antes de caírem na caixa postal.

A notícia alimentou a teoria de que o avião, na verdade, não teria caído no mar, ma teria apenas pousado em solo e que todos estariam vivos.

Será verdade que os celulares dos passageiros continuam tocando como afirmam inúmeros sites pela web?

Boeing 777 desapareceu e parentes afirmam que os celulares dos passageiros ainda funcionam! Verdadeiro ou falso? (foto: Reprodução/Facebook) Boeing 777 desapareceu e parentes afirmam que os celulares dos passageiros ainda funcionam! Verdadeiro ou falso? (foto: Reprodução/Facebook)

Depois do sumiço do avião da Malaysia Airlines, muitas notícias e teorias apareceram na web a respeito do incidente misterioso. Muitas delas, pura especulação e invencionice.

Infelizmente, os celulares chamam, mas isso não significa que os aparelhos estejam ligados.

Em entrevista à CNN no dia 12 de março de 2014, o especialista em tecnologia Jeff Kagan explicou que o sistema de comunicação da telefonia celular deu uma falsa esperança aos familiares dos passageiros desaparecidos.

Jeff explica que:

 ”Quando um celular toca, ele primeiro se conecta com a rede e tenta localizar o telefone do usuário final. Se ele [o celular] não encontrar o telefone depois de alguns minutos, depois de alguns toques, normalmente, ele se desconecta e é isso que está acontecendo. Então, eles [os familiares] estão ouvindo tocar supõem que o celular está se conectando com seus entes queridos, mas não é. […] Só porque o aparelho começa a tocar não é prova de que há algum aparelho ligado do outro lado -. Isso é apenas a forma como as redes trabalham”

Ou seja, quem está ligando ouve o sinal de “chamando” uma vez, o que significa que a operadora está tentando localizar o telefone tendo como base no último local onde uma chamada foi completada. Quando a rede não encontra o aparelho naquele local, vai expandindo a sua busca, até encontrar o destinatário da chamada (ou cair na caixa postal).

Isso corrobora com informações vindas da China afirmando que as ligações feitas de lá para os passageiros chamam apenas uma vez e então cai.

Como ainda não encontraram nenhuma pista do paradeiro do Boeing 777, muito se especula sobre o que de fato teria acontecido com a aeronave. As teorias vão desde um possível sequestro, passando por alguma explosão no ar ou ainda (a teoria que achamos mais curiosa) que o aparelho tenha ido para outra dimensão no Triangulo das Bermudas (sim, tem site que está afirmando isso). Nenhuma dessas teorias se confirmou (ainda).

Os celulares dos passageiros parecem estar chamando quando os familiares tentam contato, mas isso é apenas o como o sinal da telefonia celular funciona.

Share Button Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Fonte E-farsas

 
Deixe um comentário

Publicado por em 15 de março de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Obama diz que os EUA não olham e-mails e telefones de gente comum

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse nesta quarta-feira (4) que os EUA não espionam as ligações telefônicas e as correspondências de pessoas comuns, mas a coleta de informações de inteligência pelos EUA é direcionada a áreas específicas de preocupação.

“Eu posso assegurar ao público na Europa e ao redor do mundo que nós não estamos bisbilhotando os emails das pessoas ou escutando seus telefonemas”, disse Obama durante uma coletiva de imprensa conjunta com o premiê sueco, Fredirik Reinfeldt.

“O que nós estamos tentando fazer é mirar, bem especificamente, em algumas áreas de preocupação”, disse Obama, acrescentando que tais áreas incluem ações contra o terrorismo, armas de destruição em massa e segurança cibernética.

O presidente dos EUA, Barack Obama, fala sobre a Síria nesta quarta-feira (4) em Estocolmo (Foto: AFP)O presidente dos EUA, Barack Obama, em entrevista coletiva nesta quarta-feira (4) em Estocolmo (Foto: AFP)

Fonte E-farsas

 
Deixe um comentário

Publicado por em 5 de setembro de 2013 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Obama diz que os EUA não olham e-mails e telefones de gente comum

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse nesta quarta-feira (4) que os EUA não espionam as ligações telefônicas e as correspondências de pessoas comuns, mas a coleta de informações de inteligência pelos EUA é direcionada a áreas específicas de preocupação.

“Eu posso assegurar ao público na Europa e ao redor do mundo que nós não estamos bisbilhotando os emails das pessoas ou escutando seus telefonemas”, disse Obama durante uma coletiva de imprensa conjunta com o premiê sueco, Fredirik Reinfeldt.

“O que nós estamos tentando fazer é mirar, bem especificamente, em algumas áreas de preocupação”, disse Obama, acrescentando que tais áreas incluem ações contra o terrorismo, armas de destruição em massa e segurança cibernética.

O presidente dos EUA, Barack Obama, fala sobre a Síria nesta quarta-feira (4) em Estocolmo (Foto: AFP)O presidente dos EUA, Barack Obama, em entrevista coletiva nesta quarta-feira (4) em Estocolmo (Foto: AFP)

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 5 de setembro de 2013 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Obama diz que os EUA não olham e-mails e telefones de gente comum

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse nesta quarta-feira (4) que os EUA não espionam as ligações telefônicas e as correspondências de pessoas comuns, mas a coleta de informações de inteligência pelos EUA é direcionada a áreas específicas de preocupação.

“Eu posso assegurar ao público na Europa e ao redor do mundo que nós não estamos bisbilhotando os emails das pessoas ou escutando seus telefonemas”, disse Obama durante uma coletiva de imprensa conjunta com o premiê sueco, Fredirik Reinfeldt.

“O que nós estamos tentando fazer é mirar, bem especificamente, em algumas áreas de preocupação”, disse Obama, acrescentando que tais áreas incluem ações contra o terrorismo, armas de destruição em massa e segurança cibernética.

O presidente dos EUA, Barack Obama, fala sobre a Síria nesta quarta-feira (4) em Estocolmo (Foto: AFP)O presidente dos EUA, Barack Obama, em entrevista coletiva nesta quarta-feira (4) em Estocolmo (Foto: AFP)

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 5 de setembro de 2013 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Obama diz que os EUA não olham e-mails e telefones de gente comum

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse nesta quarta-feira (4) que os EUA não espionam as ligações telefônicas e as correspondências de pessoas comuns, mas a coleta de informações de inteligência pelos EUA é direcionada a áreas específicas de preocupação.

“Eu posso assegurar ao público na Europa e ao redor do mundo que nós não estamos bisbilhotando os emails das pessoas ou escutando seus telefonemas”, disse Obama durante uma coletiva de imprensa conjunta com o premiê sueco, Fredirik Reinfeldt.

“O que nós estamos tentando fazer é mirar, bem especificamente, em algumas áreas de preocupação”, disse Obama, acrescentando que tais áreas incluem ações contra o terrorismo, armas de destruição em massa e segurança cibernética.

O presidente dos EUA, Barack Obama, fala sobre a Síria nesta quarta-feira (4) em Estocolmo (Foto: AFP)O presidente dos EUA, Barack Obama, em entrevista coletiva nesta quarta-feira (4) em Estocolmo (Foto: AFP)

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 5 de setembro de 2013 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Obama diz que os EUA não olham e-mails e telefones de gente comum

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse nesta quarta-feira (4) que os EUA não espionam as ligações telefônicas e as correspondências de pessoas comuns, mas a coleta de informações de inteligência pelos EUA é direcionada a áreas específicas de preocupação.

“Eu posso assegurar ao público na Europa e ao redor do mundo que nós não estamos bisbilhotando os emails das pessoas ou escutando seus telefonemas”, disse Obama durante uma coletiva de imprensa conjunta com o premiê sueco, Fredirik Reinfeldt.

“O que nós estamos tentando fazer é mirar, bem especificamente, em algumas áreas de preocupação”, disse Obama, acrescentando que tais áreas incluem ações contra o terrorismo, armas de destruição em massa e segurança cibernética.

O presidente dos EUA, Barack Obama, fala sobre a Síria nesta quarta-feira (4) em Estocolmo (Foto: AFP)O presidente dos EUA, Barack Obama, em entrevista coletiva nesta quarta-feira (4) em Estocolmo (Foto: AFP)

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 5 de setembro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Nono dígito começa a valer para telefones celulares do interior paulista

Ligações de celular vão ganhar mais um número (Foto: Maiara Pires/G1)Ligações de celular vão ganhar mais um número
neste domingo em SP (Foto: Maiara Pires/G1)

A partir deste domingo (25), números de celulares do interior paulista que operam nos códigos DDD 12, 13, 14, 15, 16, 17, 18 e 19 precisam acrescentar o 9 antes do número para realizar ligações. A mudança atinge oito regiões de São Paulo.

Até o dia 3 de setembro, porém, as chamadas feitas com 8 dígitos continuarão a ser completadas. A partir do dia 4 de setembro, as operadoras não são mais obrigadas a completar ligações sem o nono dígito, mas uma mensagem vai informar aos clientes sobre a necessidade dele. A partir de 3 de dezembro, essa mensagem também deixa de ser obrigatória.

A implementação vai aumentar em quase duas vezes e meia a capacidade de habilitação de linhas de telefonia celular na região, segundo informações da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

De acordo com a agência, os oito dígitos permitem hoje o registro de um total de 296 milhões de linhas de celular (37 milhões para cada um dos 8 DDDs). Com o nono dígito, essa capacidade sobe para 720 milhões (90 milhões por DDD). Atualmente, estão ativos cerca de 30 milhões de celulares entre os códigos 12 e 19.

O custo para a implantação do nono dígito no interior de São Paulo, incluindo campanha para informar a população, é de R$ 98 milhões e vai ser pago pelas operadoras de telefonia.

Cronograma do nono dígito
A Anatel começou a implementar o nono dígito para celulares em julho de 2012, na área de código DDD 11, que inclui a cidade de São Paulo. Essa medida foi motivada pelo crescimento da base de assinantes do serviço.

Para efeito de padronização, porém, a agência decidiu por implantar o nono dígito no restante do país. O cronograma prevê a exigência no interior de São Paulo a partir deste domingo. No Rio de Janeiro e Espírito Santo, a obrigação vale a partir de 27 de outubro.

Até 31 de dezembro de 2014, o nono dígito começa a valer para nos estados do Amazonas, Roraima, Pará, Amapá e Maranhão. Até 31 de dezembro de 2015, a regra atinge também Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia e Minas Gerais.

Por fim, até 31 de dezembro de 2016, o nono dígito começa a ser obrigatório no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Rondônia, Acre, Goiás, Tocantins e no Distrito Federal.

Tecnologia
Aplicativos móveis criados para atualizar a agenda de contatos do smartphone com o nono dígito em São Paulo ganharam novas versões para também acrescentar o 9 aos telefones celulares do interior de São Paulo. Confira as opções:

9d+ (Foto: Reprodução)

9d+ (Nono Dígito SP)

O aplicativo 9 d+ (Nono Dígito SP) foi atualizado no dia 22 de agosto para contemplar a inclusão do dígito 9 aos celulares de São Paulo e interior. 

Ao abrir o programa, basta clicar em um botão para que todos os números de São Paulo da sua agenda sejam atualizados com o dígito 9. É possível reverter o processo clicando em outro botão.

O 9d+ não edita ou remove nenhum dos telefones dos seus contatos. Ao invés disso, ele cria um novo número com o identificador “9d+”. Vale lembrar que o app, a princípio, só acrescentará o dígito 9 aos números registrados com os prefixos 11, 12, 13, 14, 15, 16, 17, 18 e 19. Para adicioná-lo a números sem a descrição do DDD, selecione essa opção no menu principal.

Aplicativo 9 Dígitos (Foto: Reprodução/App Store)

9 Dígitos

Além de incluir o número 9 nos celulares com DDDs da capital e do interior de São Paulo, o ‘9 Dígitos’ o aproveita a análise da agenda pra ver se há números com código de operadora diferente da operadora do usuário. “Acontece muito com pessoas que mudaram de operadora mas não atualizaram todos os números da agenda”, comenta o desenvolvedor Alexandre Fugita. “Se houver diferenças, o app avisa e pergunta se a pessoa quer atualizar isso também”, explica ele sobre a versão do app atualizada em 15 de agosto.

A aplicativo pago também ganhou uma versão gratuita, o ‘9 Dígitos Free’ que não atualiza a agenda, mas permite visualizar e ligar para os números já com o nono dígito. “Esse app redireciona para o pago caso o usuário tenha interesse em atualizar a agenda”, detalha o desenvolvedor.

Aplicativo nonoDígito (Foto: Divulgação/nonoDígito)


nonoDígito

Por enquanto, somente a versão do ‘nonoDígito’ para o sistema iOS, da Apple, está atualizada desde 28 de julho para incluir o dígito 9 aos novos DDDs do interior de São Paulo. O app inclui uma versão gratuita, o ‘nonoDígito Free’.

O diferencial da versão paga, de acordo com o desenvolvedor Caio Lopes, é criar um backup automático da agenda, que o usuário pode restaurar a qualquer momento.

Lopes informa que a nova versão para o sistema Android, do Google, será liberada nesta sexta-feira (23).

O usuário pode ainda optar por colocar o nono dígito em todos os contatos, independentemente do DDD. É possível voltar atrás da decisão tocando na opção “desfazer”.

O aplicativo também identifica prefixos de celular iniciados pelo número 5 e preserva as marcações de código de operadora e código do país na agenda do celular. 

Aplicativo 'Novo número Brasil' (Foto: Reprodução/GooglePlay)

Novo número Brasil

O aplicativo antes conhecido como ‘Novo número SP’ foi atualizado em 23 de julho e mudou de nome. “Atualizei o nome do aplicativo para mostrar que o foco mudou para cobrir todos os DDD que terão o dígito 9 adicionado”, explica o desenvolvedor Guilherme Brighenti, ao G1.

Para usar o app basta selecionar a opção “Iniciar busca de contatos a modificar”, e então o aplicativo ira mostrar todos os contatos que devem ser atualizados. Basta clicar em “Alterar contatos” e a sua agenda já estará inteira atualizada.

“Um dos diferenciais do aplicativo é que ele permite a visualização dos contatos que serão modificados antes de efetivamente atualizar a agenda. Assim o usuário tem a opção de rever quais alterações serão feitas em sua agenda”, explica Brighenti.

O aplicativo também da a opção de reverter as mudanças feitas.

Dígito SP+9 (Foto: Reprodução)

Dígito +9

O aplicativo para celulares BlackBerry, antes conhecido como ‘Dígito SP+9’, foi atualizado em 16 de agosto e passou a se chamar apenas ‘Dígito +9’ passando a atualizar a agenda de contatos atualiza a agenda de contatos do usuário para o novo formato de nove dígitos dos celulares do interior de São Paulo.

“O primeiro passo é informar qual o DDD do seu celular – 011 ou outro. Depois, o aplicativo verifica quais números precisam de atualização e é só clicar no botão ‘+9 Iniciar’, e aguardar alguns segundos”, explica a desenvolvedora Navita. É possível voltar a agenda antiga ao clicar em “desfazer”.

A desenvolvedora informa que as praças do Rio de Janeiro e Espirito Santo serão contempladas com a atualização a partir de outubro de 2013.

Aplicativo Dígito9 para iOS (Foto: Reprodução/AppStore)

Dígito 9

Atualizado em 15 de agosto o aplicativo é uma versão aprimorada do ‘Dígito 9 SP’, que agora inclui os DDDs do interior de São Paulo na migração da agenda de contatos para iPhone ou iPad.

“O aplicativo atualiza corretamente apenas os números necessários, sem duplicá-los ou salvá-los em uma nova categoria”, destaca o engenheiro Fernando Ghedin, desenvolvedor do app.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 28 de agosto de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , ,

Saiba como configurar seus e-mails e telefones no Messages

Quando você configura o app Messages (Mensagens) no iOS ou OS X, é preciso fornecer uma Apple ID ativa. Mas uma única Apple ID pode ser associada a vários números de telefone e endereços de e-mail, e o sistema iMessage te permite enviar e receber mensagens com esse endereço de e-mail ou número de iPhone que esteja associado a essa ID.

Isso pode ter muitas repercussões se você estiver configurando o Messages no iOS (no iPhone ou outro aparelho) ou no Mac OS X 10.8 Mountain Lion. Por exemplo, em um iPhone, você pode optar por receber apenas as mensagens direcionadas ao seu número de telefone. Ao mesmo tempo, é possível configurar o app Messages em um Mac para receber mensagens pelo mesmo número de telefone assim como em uma dezena de endereços de e-mail diferentes.

Configurações de conta

Ao usar o iOS 6 e o OS X 10.8.2, quando você está logado com uma Apple ID e abre as configurações do Messages, verá uma lista de todo e-mail associado com essa Apple ID. Se você possui um ou mais iPhones, os números de telefone deles podem ser usados com qualquer outra cópia do Messages conectada com a mesma Apple ID – é assim que você consegue enviar iMessages para o seu número de telefone no Mac.

Para configurar todas essas opções no iOS, toque em Ajustes -> Mensagens -> Enviar e Receber (Settings > Messages > Send & Receive). Em um iPhone, o número de telefone será verificado e marcado em cinza, e não pode ser desmarcado; só é possível desabilitar o iMessage no aparelho. Em todos os outros aparelhos, você verá uma lista de números de telefone e endereços de e-mail que você já verificou com a sua Apple ID. Você pode tocar para marcar seu uso como destino nesse aparelho, ou tocar na seta azul para remover o endereço da lista. Também é possível apagá-lo da sua conta da Apple ID, após confirmar que quer fazer isso. Para adicionar e-mails extras, basta tocar em Adic. Outro E-mail… (Add Another Email), e seguir os procedimentos.

No Messages do OS X, você seleciona Mensagens > Preferências (Messages > Preferences), clica no botão Contas (Accounts), e seleciona a entrada de iMessage. Faça login com a Apple ID desejada, se ela já não estiver conectada. Então você verá uma lista de endereços de e-mail com os dizeres Você Pode Ser Encontrado para Mensagens Em (You Can Be Reached for Messages At). Selecione quais você quer ou não incluir. Clique em Adicionar E-mail (Add Email) para seguir o mesmo caminho do iOS para incluir outros endereços em sua conta da Apple ID, e assim torná-los disponíveis no Message para usar com iMessage.

dicaimessage01

Como no iOS 6 e no Mac OS X 10.8.2, sempre que você remove ou adiciona endereços de e-mail ou números telefônicos ao Messages, ou habilita ou desabilita um deles, todos os aparelhos associados com essa Apple ID para iMessage mostram uma notificação informando a alteração. Um alerta também aparece quando você adiciona um endereço à sua Apple ID ou ativa iMessage no iPhone. Geralmente é um caso de informação demais.

Se você possui um iPhone e o número dele não aparece como uma opção para receber iMessage no app Messages no Mac OS X, marque a opção Habilitar Essa Conta (Enable This Account). Se isso não funcionar, faça logout da sua Apple ID (clique em Sair/Sign Out) e então faça login novamente. Caso essa opção também não funcione, vá em Ajustes -> Mensagens (Settings > Messages) e mude a opção iMessage de On para Off e então para On novamente. Por último, mais um truque: toque em Enviar e Receber, depois no botão da Apple ID na parte superior, e selecione Finalizar Sessão. Faça login de novo, e o número do seu iPhone deve (finalmente) aparecer na lista de endereços de endereços disponíveis para receber mensagens no Mensagens do Mac.

Como falamos acima, você pode optar por receber mensagens em um conjunto diferente de endereços em cada aparelho que usa. Por exemplo, meu endereço antigo @mac.com foi convertido para @me.com e agora para @icloud.com. Não preciso necessariamente usar todos eles, por isso deixo apenas o @icloud.com habilitado. 

Estratégias

Quanto a escolher quais endereços usar, existem algumas estratégias que você pode seguir.

Número um, seja mais limitado: escolha um único endereço ou número de telefone para passar para todo mundo. Consolide toda a entrega de iMessage de colegas de trabalho, amigos, e outros, em um único endereço/número que você habilita em cada aparelho. Isso pode ser um problema se as pessoas tiverem vários endereços para você, porque o Mensagens no iOS e OS X permite que elas tentem te contatar por qualquer endereço de e-mail ou número telefônico. Além disso, o app Mensagens no OS X mostra um ícone azul de iMessage próximo a qualquer endereço de e-mail ou número associado com uma Apple ID ou conta de iMessage, não importando se ela está configurada para ser recebida em qualquer lugar.

dicaimessage02

Outra estratégia é ser mais amplo: escolha um conjunto comum de endereços e números em que você possa ser encontrado. Selecione (no iOS) ou marque as opções próximas (no OS X) as maneiras mais comuns para as pessoas entrarem em contato com você. Isso deve garantir que você receberá as iMessages sempre que precisar em qualquer aparelho.

Por último, seja específico: configure um conjunto diferente de opções de entrega em cada aparelho. Você pode querer usar seu número de iPhone apenas no smartphone, e combinações diferentes de endereços e números em seus outros aparelhos. Você pode então ver quem usa iMessage para falar com você para selecionar métodos específicos de as pessoas te encontraram. Isso pode virar algo bastante complicado, mas é sempre uma opção. A escolhe de número de telefone no iPhone e endereço de e-mail em outros aparelhos é uma divisão mais fácil e lógica, obviamente.

Enviar de

Até agora, falamos apenas sobre receber mensagens. Mas e sobre escolher um endereço para ser usado quando você envia uma iMessage? A solução está em uma opção simples: Star New Conversations From (Começar Novas Conversas Em) – ela aparece tanto no iOS quanto no OS X. Você pode escolher entre os métodos de contato disponíveis, incluindo um número de telefone conectado a um iPhone e endereços de e-mail, para escolher a maneira pela qual o Mensagens lida com novas conversas (Antes essa opção ficava nomeada de forma confusa como Caller ID no iOS 5 e versões anteriores ao OS X 10.8.2

dicaimessage03

Você pode escolher enviar mensagens a partir de qualquer endereço de e-mail ou número telefônico associado com sua Apple ID. Nos sistemas anteriores ao iOS 6 e ao OS X 10.8.2, a Apple usava qualquer coisa que você selecionava para essa opção como o endereço de retorno para novas conversas. Mas também usava-o como o endereço para “responder rapidamente” se alguém de quem você tinha aceitado iMessages antes iniciasse uma conversa. Felizmente, isso mudou: qualquer endereço que você e um amigo de iMessage estiverem usando continua sendo utilizado para a conversa. 

Apesar de gerenciar endereços para iMessages ser algo um pouco confuso às vezes, é algo mais racional do que era nas versões anteriores do iOS e OS X. A Apple tornou mais consistente e previsível saber o método de envio/recebimento e a origem/destino das suas iMessages.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 7 de janeiro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,