RSS

Arquivo da tag: suspende

Corte suspende casamento entre pessoas do mesmo sexo em Michigan

A corte de apelações decidiu neste sábado (22) deixar suspensa até quarta-feira (26) a decisão do juiz federal Bernard Friedman, que declarou a lei que proibia casamentos e adoções para pessoas do mesmo sexo em Michigan, nos Estados Unidos, inconstitucional.

O órgão atendeu o pedido de suspensão solicitado em caráter urgente pelo procurador de Justiça de Michigan, Bill Schuette, pouco após o veredicto de Friedman.

Algumas das secretarias dos condados, responsáveis por emitir licenças de casamento, abriram hoje para atender a grande demanda de casamentos, mas não poderão continuar casando homossexuais até que se resolva o pedido de suspensão apresentado pelo procurador.

Através de uma ordem emitida nesta tarde, a corte federal de apelações ordenou que ‘para permitir uma consideração razoável do pedido de suspensão, se ordena que a sentença fique temporariamente paralisada até quarta-feira’.

O porta-voz da procuradoria Joy Yearout declarou aos jornalistas que, ‘dada a experiência em Utah, esperamos que nosso pedido de suspensão seja concedido’.

No estado, no oeste do país, a suspensão foi determinada em dezembro enquanto o caso é discutido na corte de apelações, mas antes da paralisação temporária cerca de mil parceiros se casaram em Utah.

Em Michigan, até a publicação da ordem paralisação, calcula-se que cem casais do mesmo sexo conseguiram as licenças matrimoniais e se casaram nas secretarias dos condados Ingham, Oakland, Muskegon e Washtenaw.

Na sexta-feira, o juiz federal Bernard Friedman declarou inconstitucional a proibição dos casamentos homossexuais em Michigan, lei incluída como emenda à constituição estadual aprovada em 2004 por 60% dos votos.

A decisão de Friedman foi consequência de um processo apresentado em 2012 por um casal de lésbicas, que argumentou que o Estado não tinha motivos racionais para negar a elas o direito de se casarem e de adotarem crianças.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 24 de março de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , , ,

França suspende maior parte de sua cooperação militar com a Rússia

A França suspendeu a maior parte de suas atividades de cooperação militar com a Rússia, especialmente a o intercâmbio de visitas e exercícios conjuntos, indicou nesta sexta-feira (21) o ministro da Defesa, Jean-Yves Le Drian.

A Europa e os Estados Unidos estão implantando retaliações econômicas à Rússia após a anexação pelo governo de Vladimir Putin da região ucraniana da Crimeia, de maioria russa.

“A França suspendeu a maior parte de suas atividades de cooperação militar com a Rússia”, afirmou o ministro, em visita a Tallin, Estônia, dentro de um rápido giro pelos países bálticos e a Polônia, no contexto da crise ucraniana.

Segundo fontes ligadas ao ministro, os contatos entre os dois Estados-Maiores da França e da Rússia foram cancelados.

Um exercício militar entre Estados Unidos, Grã-Bretanha, França e Rússia, previsto para abril, também foi anulado, segundo a mesma fonte.

new WM.Player( { videosIDs: “3228487”, sitePage: “g1/mundo/videos”, zoneId: “110461”, width: 320, height: 200 } ).attachTo($(“#3228487”)[0]);

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 21 de março de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , , ,

Israel suspende transferências de recursos públicos às colônias

O ministro israelense das Finanças, Yair Lapid, decidiu suspender todas as transferências de recursos públicos destinados às colônias da Cisjordânia até o fim de uma investigação sobre sua utilização.

“Após as informações divulgadas pelo Channel 2 e as informações adicionais que chegaram ao ministério das Finanças, segundo as quais os recursos destinados às colônias foram transferidos ilegalmente ao Conselho Yesha (principal organização representativa dos colonos), o ministro das Finanças anunciou que decidiu interromper todos os pagamentos às colônias para examinar o tema”, afirma um comunicado da pasta.

“Aparentemente, os fundos não foram utilizados com seu fim original, como a segurança, a manutenção das escolas e creches, mas foram supostamente transferidos de forma ilegal ao Conselho Yesha que os teria utilizado com fins políticos, em particular para atividades contra as políticas do governo”, explica a nota.

As colônias da Cisjordânia receberam recursos públicos para compensar as perdas que sofreram durante o congelamento da colonização em 2009 e 2010, segundo o ministério.

De acordo com o Centro para a Renovação da Democracia Israelense (Molad), o governo transferiu 148 milhões de shekels (102,4 milhões de reais) às autoridades locais das colônias da Cisjordânia como forma de compensação pelos impostos sobre os bens imóveis que não foram recebidos em consequência da suspensão das construções durante nove meses.

Yair Lapid pediu aos funcionários do ministério das Finanças que investiguem a questão e entreguem as conclusões dentro de uma semana.

A decisão do ministro das Finanças acontece em plena campanha internacional contra a colonização. Na quinta-feira (30), a atriz americana Scarlett Johansson renunciou ao posto de embaixadora da ONG britânica Oxfam, considerada “incompatível” com a propaganda que faz para a empresa israelense SodaStream, implantada no território palestino ocupado.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 3 de fevereiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Suprema Corte dos EUA suspende execução por injeção no Missouri

A Suprema Corte dos Estados Unidos suspendeu uma execução programada para esta quarta-feira (29) no Missouri e examina outra prevista para acontecer em Louisiana, devido a uma polêmica sobre os produtos utilizados na injeção letal.

A execução de Herbet Smulls deveria ter acontecido à meia-noite desta quarta, mas o juiz Samuel Alito, encarregado dessa zona geográfica na Suprema Corte, decidiu suspendê-la devido a um recurso de último minuto apresentado pelo advogado do detento.

Smulls foi condenado pela morte de um joalheiro em um roubo a mão armada.

Na terça à noite, o governador do Missouri havia se recusado a parar a execução.

A sentença da mais alta instância judicial dos EUA foi anunciada em meio a uma polêmica sobre o uso de pentobarbital letal, utilizado na injeção fabricada por uma companhia farmacêutica. Os componentes usados por esse laboratório, cujo nome não é revelado, não foram aprovados pela FDA, a agência que regula o setor de remédios e medicamentos nos Estados Unidos.

Alito também deve julgar o caso de Christopher Sepulvado, de Louisiana, condenado à pena capital e com a execução prevista para a próxima semana por ter espancado e queimado o enteado de seis anos, em 1992, até levá-lo à morte.

Os advogados de ambos alegam que, ao não revelar o nome do laboratório que fabrica a injeção letal, é impossível determinar se a execução será “um castigo cruel e desumano” – o que é proibido pela Oitava Emenda da Constituição americana.

Segundo os defensores, os componentes usados para levar os presos à morte podem ter sido testados e aprovados pelo mesmo laboratório que fez testes com o medicamento usado em uma polêmica execução em Oklahoma, em 9 de janeiro. Nela, o detento Michael Lee Wilson se queixou de sentir o corpo “ardendo”, quando a injeção foi aplicada.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 30 de janeiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

China suspende banimento sobre venda de videogames estrangeiros

A China afirmou em um comunicado publicado na segunda-feira (6) que suspendeu temporariamente o banimento sobre as vendas de videogames estrangeiros no país, abrindo caminho para empresas como Sony, Microsoft e Nintendo entrarem oficialmente em um mercado de jogos de quase US$ 14 bilhões.

A suspensão da proibição de quase 14 anos permite que “empresas com investimento estrangeiro” fabriquem videogames dentro da zona de livre comércio de Xangai e os vendam na China após inspeção dos departamentos culturais, disse o governo em seu site na segunda (6).

O país baniu os videogames em 2000 citando efeitos adversos sobre a saúde mental de seus jovens. Esses aparelhos, no entanto, há muito tempo podem ser encontrados ilegalmente, mas jogos on-line para PCs ainda são mais populares, com lan-houses muitas vezes cheias com várias fileiras de usuários.

Não foi anunciado por quanto tempo a suspensão irá durar. Também não foram especificados os requisitos para uma empresa com investimento estrangeiro.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 10 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , ,

Universidade suspende dupla filmada fazendo sexo em refeitório na China

Funcionários do restaurante universitário foram flagrados fazendo sexo oral (Foto: Reprodução/Weibo/nick2119)Funcionários do restaurante universitário foram
flagrados fazendo sexo oral (Foto: Reprodução/
Weibo/nick2119)

Um ato sexual flagrado pelo circuito interno de segurança chocou os estudantes da Universidade de Jiangnan em Wuxi, na província chinesa de Jiangsu.

Dois funcionários do restaurante universitário foram flagrados fazendo sexo oral, e as imagens foram parar nos monitores instalados no campus.

Alunos que estavam no refeitório se depararam com a cena sexual e postaram a imagem no site de microblogs chinês Weibo, sendo compartilhada por dezenas de internautas.

Segundo a universidade, o casal envolvido no ato sexual foi suspenso e a instituição abriu uma investigação para apurar o caso.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 25 de setembro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , ,

Japão suspende um dos últimos reatores nucleares em funcionamento

Tanques de água contaminada na usina de Fukushima durante inspeção, no fim de agosto (Foto: Tepco/AFP)Tanques de água contaminada na usina de Fukushima durante inspeção, no fim de agosto (Foto: Tepco/AFP)

Um dos últimos reatores nucleares atualmente em operação no Japão está sendo paralisado nesta segunda-feira (2), afirmou sua operadora, a Kansai Electric Power (Kepco). A medida foi tomada para manutenção, disse a empresa para a agência de notícias France Presse.

Kepco recebeu em 16 de junho de 2012 a autorização das autoridades locais e do então primeiro-ministro, Yoshihiko Noda, para reativar os reatores 3 e 4 de Ohi (oeste), logo antes da implementação de uma nova autoridade reguladora.

O reator 3 foi relançado em 1º de julho de 2012. Foi a primeira reativação desde o acidente ocorrido com Fukushima, em março de 2011, e o final de um breve período de tempo sem energia atômica no país.

O reator 4 foi reativado em parte no dia 19 de julho de 2012. Também vai ser suspenso no dia 15 de setembro para uma sessão de manutenção regular, obrigatória depois de 13 meses de operação contínua, de acordo com a France Presse.

Todas as usinas tiveram suas atividades progressivamente suspensas por precaução, após o acidente provocado pelo tremor seguido de tsunami que resultou no desastre de Fukushima, em 11 de março de 2011.

Depois de parados os reatores 3 e 4, o Japão ficará de novo totalmente sem energia nuclear. É improvável que outros reatores japoneses sejam reativados depois, mesmo após algumas empresas terem pedido que a segurança de instalações fosse certificada pela autoridade reguladora com base em novas normas, mais rígidas, que entraram em vigor em 8 de julho.

Assumindo as rédeas
O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, disse nesta segunda que seu governo assumirá o comando na gestão da crise de Fukushima e não deixará que a operadora da usina nuclear resolva sozinha o problema dos vazamentos, afirma a agência EFE.

Abe explicou que o Executivo “tomará as rédeas e iniciará todas as medidas necessárias” para combater os últimos vazamentos de água radioativa ao mar detectados recentemente na central.

O primeiro-ministro conservador explicou durante reunião com seus sócios de governo, o Partido Novo Komeito, que agora se trata de iniciar medidas contundentes e não de solucionar o problema de maneira improvisada, disse a emisso rapública “NHK”.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 9 de setembro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,