RSS

Arquivo da tag: smartphones

Pesquisa mostrará como capturar teclas digitadas em smartphones

Uma pesquisa que será apresentada no final de fevereiro deve demonstrar um nova meio para capturar a digitação em dispositivos Android e iOS, recriando a ameaça dos “keyloggers” que capturam a digitação nos PCs. Desenvolvida por Neal Hindocha, consultor sênior em segurança da Trustwave, a técnica possui algumas limitações, mas mostra que o risco da captura de dados ainda existe nos celulares.

Sistemas usados em smartphones aplicam um isolamento que impede que um aplicativo tenha acesso aos dados de outro. Isso inclui as informações digitadas. Para burlar essa limitação, pesquisadores já apontaram possibilidades como a captura dos movimentos do celular resultantes do toque e a instalação de um “teclado alternativo”. A primeira técnica tem uma alta taxa de erros e é difícil de ser desenvolvida para diversos modelos de celular, já que tamanho, peso e formato modificam os cálculos de movimento; já a segunda técnica requer bastante interação do usuário.

A técnica criada pelo pesquisador da Trustwave é nova e apresenta uma terceira possibilidade para a captura de dados. Hindocha desenvolveu um método que permite a um app capturar fotos da tela (screenshots) enquanto o usuário digita, bem como as coordenadas dos toques feitos na tela. Dessa forma, embora o app não tenha acesso aos dados digitados em si, é possível ver em que local da tela está o teclado e mapear os toques a cada tecla.

O truque pode ser aplicado em celulares iPhone ou iPads desbloqueados, em dispositivos Android desbloqueados (com “root”) e na configuração de fábrica. Nesse último caso, porém, o app malicioso precisa ser instalado por um computador quando o usuário conectar o celular via USB. Hindocha observa que esse último método já está em uso por hackers para instalar pragas digitais com outras finalidades. Sistemas iOS com o bloqueio de fábrica estavam fora do escopo da pesquisa.

“Isso não explora vulnerabilidades, mas abusa de funcionalidades existentes”, explicou Hindocha em entrevista ao G1. Ele conta que analisou a forma como os sistemas lidam com os eventos de toque e que combinou diversos truques para conseguir ler as coordenadas.

O especialista não quis opinar se os responsáveis pelos sistemas – o Google e a Apple – deverão modificar o software para impedir a técnica de funcionar. “Se isso deve ser modificado ou não cabe aos desenvolvedores do sistema, e como sempre envolve um equilíbrio entre funcionalidade e segurança”, diz.

Hindocha conta que teve vontade de analisar a possibilidade de captura da digitação em celulares porque a Trustwave tem diversos clientes na indústria financeira. Durante um teste de vulnerabilidade, ele identificou o que parecia ser uma maneira de capturar os dados, e decidiu realizar a pesquisa. Ele chamou esse mecanismo de “touchloggin”, ou “registro de toques”. Em computadores, a captura de teclas tem o nome de “keylogging”.

Os detalhes técnicos completos do ataque serão revelados durante a conferência de segurança RSA em São Francisco, nos Estados Unidos. A apresentação está marcada para o dia 26 de fevereiro.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 30 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Nintendo insiste em estratégia de consoles e ignora smartphones

A Nintendo insistiu na estratégia de consoles de videogame que a arrastou para prejuízos operacionais por três anos consecutivos, ignorando pedidos para entrar no mercado de dispositivos móveis (smartphones e tablets) e prometendo, em vez disso, impressionar e ganhar consumidores com inovações relacionadas à saúde.

Investidores não ficaram impressionados, cortando mais de US$ 1,2 bilhão do valor das ações da empresa em pouco mais de 30 minutos nesta quinta-feira (30), enquanto o presidente-executivo Satoru Iwata defendia um projeto para 2015.

A criadora de sucessos como “Super Mario” e “Legend of Zelda” tem sido pressionada a diversificar em meio ao mau desempenho de seus consoles, e a aproveitar a disseminação de smartphones e tablets lançando games que podem ser jogados em qualquer dispositivo móvel.

Iwata, porém, foi firme falando que a Nintendo não levará Mario para o mundo dos smartphones, apenas um dia após a fabricante chinesa de computadores Lenovo declarar suas ambições de dispositivos móveis com a comprar da Motorola Mobility, do Google, por US$ 2,9 bilhões.

Ele disse que dispositivos móveis têm um papel como ferramentas de marketing para ajudar consumidores em potencial a “entender o encanto dos jogos da Nintendo”, apesar de que tais jogos ainda precisarão ser usados em consoles da Nintendo.

“Não estou pessimista sobre videogames. Não vamos mudar nossa essência de negócio de oferecer plataformas integradas de hardware e software”, disse Iwata.

O presidente-executivo foi vago sobre os detalhes do novo negócio relacionado à saúde, dando pistas de que o dispositivo ou serviço pode ser usado “além da sala de estar”, diferente de jogos de esporte e fitness disponível nos consoles Wii e Wii U.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 30 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Samsung atinge novo recorde de vendas de smartphones no 4º tri

A Samsung vendeu um recorde de 86 milhões de smartphones no quarto trimestre de 2013 e ampliou sua vantagem sobre a Apple, mesmo após a empresa norte-americana ter alcançado uma nova alta nas vendas de seus iPhones, de acordo com dados da empresa de pesquisa Strategy Analytics.

A Samsung teve 29,6% do mercado mundial de smartphones no quarto trimestre, à frente dos 17,6% da Apple, conforme um forte crescimento no mercado de baixo custo liderado por vendedores chineses continuou a movimentar a indústria de smartphones, mostraram os dados.

A Apple vendeu um recorde de 51 milhões de iPhones no último trimestre do ano embora sua participação de mercado tenha caído ante os 22% do ano anterior, conforme a Huawei e a Lenovo cresceram para se tornar a terceira e a quarta colocada no mundo, respectivamente.

A Huawei vendeu 16,6 milhões de smartphones e a Lenovo vendeu 13,6 milhões, cada uma ficando com 5,7% e 4,7% do mercado.

No fechado de 2013, as vendas mundiais de smartphones cresceram 41% e alcançaram um recorde de 990 milhões de unidades. A Samsung vendeu 319,8 milhões de smartphones, com 32,2% do mercado, uma alta ante os 30,4% em 2012.

A Apple vendeu ao todo 153,5 milhões de iPhones, representando uma fatia de 15,5% do mercado.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 30 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Mercado de smartphones vende mais de 1 bilhão de aparelhos em 2013

O mercado de smartphones superou a marca de 1 bilhão de aparelhos vendidos em 2013, com a sul-coreana Samsung liderando o ranking como a fabricante que vendeu mais unidades, com 31,3% das vendas mundiais.

Assim, a Samsung se situa muito à frente dos 15,3% da Apple, segundo informe da consultoria de pesquisas e análises do mercado IDC.

Smartphone Ascend Mate2 4G, com tela de 6.1 polegadas, lançado pela Huawei na CES 2014. (Foto: Divulgação/Huawei)Smartphone Ascend Mate2 4G, lançado pela Huawei
na CES 2014. (Foto: Divulgação/Huawei)

Segundo o IDC, no total no ano passado foram vendidos 1,004 bilhão de celulares inteligentes, 38,4% a mais que em 2012. E os smartphones foram 55% do 1,8 bilhão de telefones vendidos no total.

“O mero volume e o forte crescimento atestam a popularidade contínua dos smartphones em 2013”, afirmou Ramon Llamas, analista do IDC.

“As vendas totais de celulares inteligentes alcançaram 494,4 milhões de unidades no mundo em 2011 e dobrar este volume em apenas dois anos mostra a forte demanda dos usuários e as estratégias dos vendedores para destacar” estes produtos, afirmou.

A empresa sul-coreana teve um crescimento de 42,9%, o que lhe permitiu ampliar seu domínio no mercado global, segundo cifras do IDC.

A Apple, por sua vez, cresceu 12,9%, menos do que o resto do mercado, à frente da também sul-coreana LG (4,8%) e da chinesa Lenovo (4,5%), destacou o IDC.

iPhone 5S é o principal smartphone da Apple (Foto: Divulgação/Apple)iPhone 5S é o principal smartphone da Apple
(Foto: Divulgação/Apple)

Os dados publicados do quarto trimestre mostraram que a Apple recuperou um pouco suas vendas, com o lançamento dos novos modelos de iPhone.

Outro estudo divulgado na segunda-feira mostrou que o Android, sistema operacional móvel do Google, reforçou sua liderança no quarto trimestre à frente do iOS, o software da Apple, nos principais mercados do mundo, incluindo Estados Unidos, Europa e China.

O Windows Phone, plataforma da Microsoft, conseguiu se situar em um sólido terceiro lugar em alguns mercados, superando o iOS, da Apple, na Itália, segundo pesquisa sobre vendas no quarto trimestre, publicada pela Kantar Worldpanel.

A pesquisa mostrou que o Android, sistema operacional de código aberto, se mantém na liderança na Europa e na maioria dos mercados importantes, exceto o Japão.

O Android terminou 2013 como o primeiro sistema operacional móvel com quota média de 68,6% nos principais mercados da Europa (Reino Unido, Alemanha, França, Itália e Espanha), onde a Apple ficou em segundo lugar, com 18,5%.

Quanto à Nokia, o mercado europeu de celulares inteligentes só cresceu 3% com relação ao ano anterior. ‘O êxito neste mercado não foi suficiente para reverter sua situação, refletida em recentes resultados decepcionantes’, disse.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 30 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Lucro da chinesa Huawei salta com negócio de smartphones

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 16 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Smartphones Xperia T2 Ultra e Xperia E1 são apresentados pela Sony

Novo XperiaT2 Ultra, com tela de 6 polegadas (Foto: Divulgação/Sony)Novo XperiaT2 Ultra, com tela de 6 polegadas
(Foto: Divulgação/Sony)

A Sony apresentou nesta terça-feira (14) dois novos dispositivos, os smartphones Xperia E1 e Xperia T2 Ultra voltados para o consumidor que quer um aparelho de alto padrão, mas não faz questão de um gadget de luxo.

O preço dos aparelhos não foi revelado.

O Xperia T2 Ultra conta com uma tela de seis polegadas e resolução de 720 x 1280 pixels, processador Snapdragon de quatro núcleos com 1,4 GHz, 1 GB de memória RAM e 8 GB de armazenamento – que podem chegar a 32 GB com o uso de memória externa.

Segundo a Sony, a bateria de três mil miliampéres equilibrará o elevado consumo da tela grande.

O novo dispositivo, que será vendido nas cores preto, branco e roxo, possui câmera de 13 megapixels e outra frontal de 1,1.

O Xperia T2 Ultra vem com aplicativos como “Portrait Retouch”, um espelho virtual que permite experimentar diferentes efeitos de maquiagem antes da foto ser tirada, e o “Timeshift Burst”, que captura 31 imagens em dois segundos, antes e após apertar o botão, para capturar o melhor instante.

Xperia E1, mais barato (Foto: Divulgação/Sony)Xperia E1, mais barato e com configurações
menos poderosas (Foto: Divulgação/Sony)

O smartphone tem 7,6 milímetros e pesa 173 gramas, o que o transforma, segundo o diretor de marketing da Xperia, Calum MacDougall, em um produto “extremamente portátil” voltado para o entretenimento.

Também foi apresentado o Xperia E1, um “smartphone” com tela de quatro polegadas e resolução de 800 x 480 pixels.

O dispositivo, equipado com um processador de núcleo duplo de 1,2 GHz e uma memória RAM de 512 MB, também nas cores preto, branco e roxo.

NO E1 a Sony destacou o alto-falante de cem decibéis e a tecnologia ClearAudio, com a qual o usuário pode melhorar o som e equalizar as frequências.

Ambos os smartphones terão a opção simples e dual chip. Os aparelhos devem ser lançados mundialmente no primeiro semestre, mas os preços ainda não foram revelados.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 16 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , ,

Smartphones substituem as chaves para abrir portas na CES 2014

Fechadura inteligente da Goji que detecta quando o smartphone do dono da casa se aproxima e, além de abrir a porta, dá as boas vindas. (Foto: Divulgação/Goji)Fechadura inteligente da Goji que detecta quando o smartphone do dono da casa se aproxima e, além de abrir a porta, dá as boas vindas. (Foto: Divulgação/Goji)

Gabriel Bestard-Ribas, fundador da Goji, estava cansado de ver as chaves de casa arranharem a tela do smartphone que leva no bolso. Por isso, uniu os dois objetos e criou uma das múltiplas fechaduras eletrônicas exibidas na feira Consumer Eletronic Show (CES) 2014, em Las Vegas.

A fechadura criada por Bestard-Ribas combina tecnologias virtual e mecânica de vários séculos para detectar quando o smartphone do dono da casa se aproxima e abrir a porta e dar as boas vindas em seu nome.

Um aplicativo no aparelho informa à fechadura que alguém está se aproximando e, desde que seja morador da casa ou algum conhecido que tenha a senha digital, a porta se abre com uma mensagem personalizada.

Uma câmera integrada à fechadura eletrônica tira fotos dos visitantes que, junto com um alerta sobre a chegada deles, são enviadas aos smartphones dos inquilinos através da rede sem fio da casa.

Podendo ser enviadas por e-mail aos visitantes, as senhas digitais temporárias: têm validade limitada ou são restritas a certos períodos.

“Isto lhe permite ter confiança e controlar o acesso à sua residência”, Bestard-Ribas. “Todos já perdemos ou demos chave a pessoas que não vemos mais e não sabemos se fizeram cópias”, argumentou.

As fechaduras, disponíveis no site da Goji a 299 dólares cada uma, começaram a ser comercializadas em março de 2013 (Veja aqui).

Toque para abrir
As fabricantes Kwikset e Schlage também apresentaram seus dispositivos inteligentes no CES. O aparelho também reconhece o smartphone do morador da casa e abre a porta quando a pessoa toca o que parece ser uma fechadura comum na porta.

“Sempre que você tiver o telefone no bolso ou na bolsa, toca a fechadura e em um segundo [a porta] bloqueia ou desbloqueia”, descreveu Phil Dumas, presidente da companhia UniKey, cuja tecnologia é integrada à Kevo. “Pode, inclusive, dizer de que lado da porta está: se você está dentro e uma pessoa tocar a fechadura do lado de fora, [a porta] não abrirá”, assegurou.

A Kevo é comercializada desde o fim do ano passado por vários distribuidores americanos com um aplicativo adaptado ao iPhone, da Apple. A UniKey espera uma atualização para lançar uma versão compatível com os aparelhos rodam o Android, do Google.

Schlage apresenta um ferrolho em tela tátil que permite abrir a porta à distância de um smartphone e alarmes integrados que disparam se vários códigos incorretos forem introduzidos.

Cada uma destas fechaduras permite ainda um acesso limitado com senhas digitais ou códigos temporários e promete vigiar quem entra em casa e enviar os informes ao smartphone do proprietário.

A fechadura Kevo reconhece o smartphone do morador da casa e abre a porta quando a pessoa toca o que parece ser uma fechadura comum na porta. (Foto: Divulgação/Kwikset)A fechadura Kevo reconhece o smartphone do morador da casa e abre a porta quando a pessoa toca o que parece ser uma fechadura comum na porta. (Foto: Divulgação/Kwikset)

Campainha
Para quem quer saber quem está do outro lado da porta sem ter que trocar a fechadura, a solução é a campainha SkyBell, vendida a 199 dólares na Amazon.

Estas campainhas são integradas a uma câmera e se conectam através da rede wifi para difundir em um smartphone um vídeo em tempo real que mostra quem está diante da porta.

O dispositivo também é dotado de censores de movimento e de visão noturna, o que permite transmitir imagens quando os visitantes chegam ao cair da noite.

“Você pode vê-los, ouvi-los e falar com eles”, destacou Kelly Stewart, que apresentou a campainha no CES. “Se um ladrão estiver na porta, o sensor de movimento o alertará, assim como se sua filha estiver tentando entrar [em casa] discretamente depois da hora combinada”.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 11 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,