RSS

Arquivo da tag: rival

Consultor da Motorola despreza Apple e diz que Samsung é única rival

Guy Kawasaki falou a jornalistas após evento da Motorola em São Paulo (Foto: Gustavo Petró/G1)Guy Kawasaki falou a jornalistas após evento da
Motorola em São Paulo (Foto: Gustavo Petró/G1)

Para a Motorola, a Samsung é a principal rival do mercado porque é a líder no setor de smartphones e “tem dinheiro infinito”, de acordo com Guy Kawasaki, consultor da Motorola e ex-evangelista de produtos da Apple após o evento de lançamento do smartphone Moto X em São Paulo nesta terça-feira (3).

“Eles [a Samsung] são líderes do mercado, têm o mesmo sistema operacional que o nosso [o Android], têm dinheiro infinito. Também têm aparelhos infinitos”, disse aos jornalistas.

Para o ex-funcionário da Apple que trabalhou na área dos computadores Macintosh, a empresa fabricante do iPhone perdeu há muito tempo sua posição como empresa inovadora. “Todos esperam que a Apple lance a Ferrari dos smartphones. Vai ser interessante ver se o próximo iPhone terá tecnologia NFC. Se não tiver, vai ser patético”, disse. “A empresa levou dois anos para lançar um aparelho com 4G, os recursos multitarefa são fracos demais. Isso fez com que eles deixassem de ocupar um lugar muito importante no mercado. A Apple só é rival dela mesma”.

Eles [a Samsung] são líderes do mercado, têm o mesmo sistema operacional que o nosso [o Android], têm dinheiro infinito. Também têm aparelhos infinitos”Guy Kawasaki,
empresário e consultor da Motorola

O objetivo do Moto X, segundo o executivo, é ter funcionalidades além do sistema Android e que facilitam o uso. “Em poucos segundos você faz movimentos com o aparelho e tira fotos, pode fazer pesquisas sem precisar acessar aplicativos e, claro, tem a liberdade de aplicativos do Android, o que não existe no iOS”.

Sobre a aquisição da Nokia pela Microsoft, Kawasaki minimizou, dizendo que as empresas não estão no seu radar de rivais. “Para mim faltam muitos aplicativos no Windows Phone e é por isso que ele não dá certo”.

Quando perguntado sobre o interesse do brasileiro pelo Moto X, já que com mais alguns reais é possível comprar um iPhone 5 ou um Galaxy S4, Kawasaki respondeu que todos são smartphones de alta potência com funcionalidades semelhantes. “Mas temos um melhor design e nossa interface de usuário é melhor. Você não pode dizer ‘Ok Samsung Now’ como você pode dizer ‘Ok Google Now’ no nosso aparelho. Isso é nosso diferencial e temos um aparelho para competir com eles”.

O sistema de reconhecimento de voz é o ponto forte do Moto X, mas ao ser perguntado se qualquer pessoa saberia como usar os recursos, Kawasaki diz que é muito complicado generalizar o uso do recurso. “Mas [com o comando de voz] fica muito mais fácil ligar para um contato e até deixar o relógio para despertar. Ninguém além do usuário poderá usar o ‘Ok Google Now’ já que a voz é autenticada no sistema.”

Smartphone da Motorola
O Moto X, novo smartphone da Motorola, chega ao Brasil por R$ 1,8 mil nesta terça-feira (3) em pré-venda e começará a ser vendido em 15 dias. Fabricado localmente e com internet móvel 4G, o disposivito tem tela de 4,7 polegadas, design curvo e o grande destaque é o comando de voz, que tem um chip dedicado à funcionalidade.

O sistema de escuta passiva fará o reconhecimento da voz do dono para a execução de tarefas como realizar uma busca na internet, e a identificação de gestos para ativar a câmera, checar a temperatura e definir itinerários.

Guy Kawasaki, consultor da Motorola Mobility e ex-evangelista da Apple, apresenta o Moto X, em São Paulo, nesta terça-fera (3). (Foto: Gustavo Petró/G1)Guy Kawasaki, consultor da Motorola Mobility e ex-evangelista da Apple, apresenta o Moto X, em São Paulo, nesta terça-fera (3). (Foto: Gustavo Petró/G1)

View the original article here

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 4 de setembro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Consultor da Motorola despreza Apple e diz que Samsung é única rival

Guy Kawasaki falou a jornalistas após evento da Motorola em São Paulo (Foto: Gustavo Petró/G1)Guy Kawasaki falou a jornalistas após evento da
Motorola em São Paulo (Foto: Gustavo Petró/G1)

Para a Motorola, a Samsung é a principal rival do mercado porque é a líder no setor de smartphones e “tem dinheiro infinito”, de acordo com Guy Kawasaki, consultor da Motorola e ex-evangelista de produtos da Apple após o evento de lançamento do smartphone Moto X em São Paulo nesta terça-feira (3).

“Eles [a Samsung] são líderes do mercado, têm o mesmo sistema operacional que o nosso [o Android], têm dinheiro infinito. Também têm aparelhos infinitos”, disse aos jornalistas.

Para o ex-funcionário da Apple que trabalhou na área dos computadores Macintosh, a empresa fabricante do iPhone perdeu há muito tempo sua posição como empresa inovadora. “Todos esperam que a Apple lance a Ferrari dos smartphones. Vai ser interessante ver se o próximo iPhone terá tecnologia NFC. Se não tiver, vai ser patético”, disse. “A empresa levou dois anos para lançar um aparelho com 4G, os recursos multitarefa são fracos demais. Isso fez com que eles deixassem de ocupar um lugar muito importante no mercado. A Apple só é rival dela mesma”.

Eles [a Samsung] são líderes do mercado, têm o mesmo sistema operacional que o nosso [o Android], têm dinheiro infinito. Também têm aparelhos infinitos”Guy Kawasaki,
empresário e consultor da Motorola

O objetivo do Moto X, segundo o executivo, é ter funcionalidades além do sistema Android e que facilitam o uso. “Em poucos segundos você faz movimentos com o aparelho e tira fotos, pode fazer pesquisas sem precisar acessar aplicativos e, claro, tem a liberdade de aplicativos do Android, o que não existe no iOS”.

Sobre a aquisição da Nokia pela Microsoft, Kawasaki minimizou, dizendo que as empresas não estão no seu radar de rivais. “Para mim faltam muitos aplicativos no Windows Phone e é por isso que ele não dá certo”.

Quando perguntado sobre o interesse do brasileiro pelo Moto X, já que com mais alguns reais é possível comprar um iPhone 5 ou um Galaxy S4, Kawasaki respondeu que todos são smartphones de alta potência com funcionalidades semelhantes. “Mas temos um melhor design e nossa interface de usuário é melhor. Você não pode dizer ‘Ok Samsung Now’ como você pode dizer ‘Ok Google Now’ no nosso aparelho. Isso é nosso diferencial e temos um aparelho para competir com eles”.

O sistema de reconhecimento de voz é o ponto forte do Moto X, mas ao ser perguntado se qualquer pessoa saberia como usar os recursos, Kawasaki diz que é muito complicado generalizar o uso do recurso. “Mas [com o comando de voz] fica muito mais fácil ligar para um contato e até deixar o relógio para despertar. Ninguém além do usuário poderá usar o ‘Ok Google Now’ já que a voz é autenticada no sistema.”

Smartphone da Motorola
O Moto X, novo smartphone da Motorola, chega ao Brasil por R$ 1,8 mil nesta terça-feira (3) em pré-venda e começará a ser vendido em 15 dias. Fabricado localmente e com internet móvel 4G, o disposivito tem tela de 4,7 polegadas, design curvo e o grande destaque é o comando de voz, que tem um chip dedicado à funcionalidade.

O sistema de escuta passiva fará o reconhecimento da voz do dono para a execução de tarefas como realizar uma busca na internet, e a identificação de gestos para ativar a câmera, checar a temperatura e definir itinerários.

Guy Kawasaki, consultor da Motorola Mobility e ex-evangelista da Apple, apresenta o Moto X, em São Paulo, nesta terça-fera (3). (Foto: Gustavo Petró/G1)Guy Kawasaki, consultor da Motorola Mobility e ex-evangelista da Apple, apresenta o Moto X, em São Paulo, nesta terça-fera (3). (Foto: Gustavo Petró/G1)

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 3 de setembro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Rival de Merkel assume postura pacifista sobre Síria antes de debate

AppId is over the quota
AppId is over the quota
Ex-ministro das Finanças e líder da oposição Social Democraca na Alemanha, Peer Steinbrueck é visto durante convenção do partido em Muenster, na Alemanha (Foto: Ina Fassbender/Reuters)Ex-ministro das Finanças e líder da oposição Social
Democraca na Alemanha, Peer Steinbrueck em foto
de 2012 (Foto: Ina Fassbender/Reuters)

Peer Steinbrueck, adversário da chanceler alemã, Angela Merkel, na eleição que se aproxima, assumiu nesta sexta-feira (30) uma postura firme contra uma eventual ação militar ocidental na Síria, na tentativa de encampar o sentimento antiguerra antes de um debate entre os candidatos na TV.

Enquanto Merkel enfrenta um dilema delicado entre apoiar os aliados internacionais da Alemanha e atender aos eleitores alemães contrários a um ataque, Steinbrueck tentou se diferenciar com um estilo tipicamente franco.

“Quero deixar bem claro para mim mesmo e para o SPD (Partido Social-Democrata) que acreditamos que uma intervenção militar seria errada porque não conseguimos ver como ela iria ajudar as pessoas na Síria”, disse o político de centro-esquerda a jornalistas.

Steinbrueck, de 66 anos, está se esforçando para reduzir a popularidade da chanceler antes da eleição de 22 de setembro, quando ela buscará um terceiro mandato.

O candidato de oposição espera melhorar suas chances entre os pacifistas alemães, principalmente na esquerda, como o chanceler Gerhard Schroeder, do SPD, fez na campanha de 2002 ao se opor francamente à invasão do Iraque liderada pelos EUA.

O SPD quer ajudar a comunidade internacional a “romper essa lógica militar”, disse Steinbrueck, propondo que os presidentes da Rússia e dos EUA e os chefes da ONU e da Liga Árabe foquem, em vez disso, na negociação de um cessar-fogo.

Merkel disse que o governo do presidente sírio, Bashar al-Assad, envolvido na guerra civil com rebeldes, não deveria ficar impune pelo que os Estados Unidos disseram ser o uso de armas químicas proibidas internacionalmente, num ataque que matou centenas de civis em um subúrbio de Damasco, na semana passada.

Mas ela não foi a público explicitamente em favor da ação militar, para a qual Washington está se preparando. Assad negou ter usado gás venenoso, culpando os rebeldes pelo ataque.

Questionado na sexta-feira sobre as conversas telefônicas sobre a Síria entre Merkel e Obama e outros líderes, o porta-voz da chanceler, Steffen Seibert, disse em uma coletiva de imprensa que não houve pedido do envolvimento alemão em nenhum ataque militar contra Damasco.

Steinbrueck e Merkel estarão cientes, em seu debate ao vivo na TV no domingo, da opinião pública alemã com relação a um possível ataque militar contra Damasco.

As pesquisas mostram o profundo desgosto por qualquer ação militar, e principalmente por qualquer participação alemã, significando que Berlim pode ficar de lado, como ficou na Líbia há dois anos.

Muitos alemães sentem grande aversão ao envolvimento militar no exterior por causa do passado nazista, quando o país iniciou a Segunda Guerra Mundial e perpetrou o Holocausto.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 31 de agosto de 2013 em Brasil

 

Tags: , , , , , , ,

Rival do iWatch: Google também pode estar preparando relógio inteligente

Ainda não há detalhes sobre como será a provável aparência do dispositivo da gigante de buscas. Samsung confirmou recentemente que trabalha em aparelho parecido.

Há relatos de que o Google está trabalhando no seu próprio relógio inteligente com Android.

“Smartwatch” parece ser o tema do momento no mundo da tecnologia, com ambas as empresas – Apple e Samsung – supostamente trabalhando em projetos do tipo. Bem, agora a gigante de Mountain View também está entrando no jogo com um projeto próprio.

Em 2011, o Google solicitou uma patente para um “relógio inteligente” com display ‘flip-up’ de tela dupla e uma “interface de usuário tátil”. Embora a empresa não tenha trazido um produto desse tipo para o mercado, ela fez o lançamento do Motorola MOTOACTV, um SmartWatch com Android.

Relógios inteligentes de grandes empresas como o Google e a Apple são apenas rumores até o momento, sem nenhuma indicação de quando serão lançados.

A Samsung confirmou que definitivamente está desenvolvendo um e a Sony já tem um SmartWatch há um tempo, então se você quiser um você pode dar uma olhada nele ou em de startups como o Pebble.

Ainda não há detalhes sobre como será a provável aparência do dispositivo do Google ou o que ele poderá fazer. Em geral smartwatches tem uma pequena tela sensível ao toque e se conectam a um smartphone via Bluetooth para que o usuário possa receber notificações e se conectar a redes sociais, além de informar as horas – claro.

Embora o interesse em relógios inteligentes e dispositivos “vestíveis” (wearable) parece estar aumentando, não temos certeza de que alguém realmente quer este tipo de kit.

O que você acha disses novos dispositivos? Você compraria um relógio do Google para sincronizá-lo com o seu smartphone Android? Deixe sua opinião nos comentários abaixo.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 26 de junho de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , , ,

Rival do iWatch? Samsung diz que já trabalha em relógio inteligente

Em entrevista para Bloomberg, executivo da empresa sul-coreana disse que já trabalham no produto “há muito tempo”. Apple não confirmou se prepara “iWatch”.Em meio aos rumores de que a Apple está preparando um “iWatch” para este ano, um executivo da Samsung afirmou que a empresa sul-coreana trabalha em um relógio inteligente (smart watch). As informações são da Bloomberg.

Em entrevista ao site, o vice-presidente executivo de mobile da Samsung, Lee Young Hee, afirmou: “Estamos preparando o relógio há muito tempo. Temos trabalhado duro para deixá-lo pronto. Estamos preparando produtos para o futuro, e o relógio é definitivamente um deles”.

Apesar da revelação, o executivo não quis comentar quais seriam os recursos do novo gadget da Samsung. “A questão aqui é quem vai comercializá-lo primeiro para que os consumidores possam usá-lo de forma significativa.”

Para o analista do grupo de pesquisas NPD, Marshal Cohen, “a corrida agora é para redesenhar o telefone celular para algo que você possar usar”. O especialista acredita que “vamos ver uma competição formidável a partir de muitas direções diferentes – de fabricantes de aparelhos, de acessórios, e até designers de moda”.

Recentemente, a própria Bloomberg afirmou que a Apple possui uma equipe de 100 profissionais trabalhando em um relógio de pulso inteligente, que vem sendo chamado de “iWatch” na imprensa. Além disso, veículos como Wall Street Journal e New York Times também apontam que a empresa de Cupertino trabalha em um aparelho desse tipo. 

No entanto, vale lembrar que a Apple não confirmou nada sobre o assunto até o momento.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 25 de junho de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Rival do iPad Mini? Samsung apresenta “phablet” com tela de 6,3″

Mega 6.3 tem tela HD de 6.3″ e processador dual-core. Mega 5.8 é mais “modesto”, com uma tela de 5.8″, e também poderá estar disponível em versão dual-chip.

Se você já acha o Galaxy Note II e sua tela de 5.5 polegadas “grande demais”, prepara-se para um choque: a Samsung anunciou nesta quinta-feira o lançamento de dois “phablets” (híbridos de smartphone e tablet) em uma nova linha de produtos batizada de “Galaxy Mega”. O principal modelo é o Galaxy Mega 6.3, com uma tela de 6.3 polegadas e resolução HD (720 x 1280 pixels). É um aparelho grande (16,7 x 8,8 cm e 8 mm de espessura, pesando 199 gramas) baseado em um processador dual-core Samsung Exynos 5 de 1.7 GHz acompanhado por 1.5 GB de RAM, e terá versões com 8 ou 16 GB de memória interna, expansível com cartões microSD de até 64 GB.

galaxymega_63-360px.jpg
Samsung Galaxy Mega 6.3

Também há uma câmera traseira de 8 MP, câmera frontal de 1.9 MP para videochamadas, suporte a redes Wi-Fi nos padrões a/b/g/n e o novo 802.11ac, Bluetooth 4.0 e NFC. O sistema operacional é o Android 4.2 com a interface TouchWiz da Samsung e recursos como Multi Window (a capacidade de rodar dois aplicativos ao mesmo tempo) e Air View (detecção do dedo mesmo que ele não esteja tocando na tela).

Já o Galaxy Mega 5.8 é um aparelho mais “modesto”, se é que a palavra pode ser usada em algo com uma tela de 5.8 polegadas. Ela tem resolução qHD, 540 x 960 pixels, a mesma de aparelhos como o Motorola RAZR MAXX ou Sony Xperia P. O processador é um modelo Dual-Core não especificado, de 1.4 GHz, acompanhado por 1.5 GB de RAM e 8 GB de memória interna, com slot para cartões microSD. As medidas são 16,2 x 8,2 cm, 9 mm de espessura e peso de 182 gramas.

galaxymega_58-360px.jpg
Samsung Galaxy Mega 5.8

Câmeras traseira (8 MP) e frontal (1.9 MP) são as mesmas do modelo de 6.3″. O suporte a redes é similar: Wi-Fi 802.11 a/b/g/n (sem ac) e Bluetooth 4.0, mas sem NFC. O sistema operacional também é o Android 4.2 com TouchWiz. A julgar por um logotipo no canto superior direito da tela, o Mega 5.8 será parte da linha DUOS de smartphones Android dual-chip da Samsung.

Segundo a Samsung os aparelhos estarão disponíveis “mundialmente”, com lançamento inicial no mês de Maio na Europa e Rússia. Os preços não foram informados.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 20 de junho de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , ,

Rival do iPad Mini? Microsoft anuncia tablets Windows menores

Revelação foi feita por diretor financeiro da fabricante durante evento com investidores. Empresa não informou tamanhos de telas ou valores. A Microsoft confirmou nesta semana que está trabalhando em tablets Windows 8 com telas menores que 10 polegadas. As informações são do The verge.

Durante o evento sobre resultados financeiros, o CFO da empresa, Peter Klein, afirmou que tablets de telas menores com Windows estão sendo feitos. Segundo o executivo, a fabricante está preparando “um novo pacote de aparelhos touch menores com Windows 8” e com “preços competitivos”.

No entanto, Klein não informou mais detalhes sobre o assunto, como os possíveis tamanhos de tela dos novos tablets ou a faixa de preço.

Como aponta o Mashable, há uma grande “janela” entre o maior smartphone com Windows Phone, o HTC Titan II com 4,7 polegadas, e o menor tablet com Windows 8, que tem 10,1 polegadas. Rumores recentes apontam que a empresa poderia lançar um tablet de 8 polegadas, para competir principalmente com o iPad Mini, da Apple, que tem tela de 7,9 polegadas e preços a partir de 329 dólares nos Estados Unidos.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 20 de junho de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,