RSS

Arquivo da tag: Revista

Monica Lewinsky diz em revista que se arrepende de ‘affair’ com Clinton

AppId is over the quota
AppId is over the quota
Bill Clinton se envolveu em um escândalo sexual com Monica Lewinsky (Foto: AFP)Bill Clinton se envolveu em um escândalo sexual com Monica Lewinsky (Foto: AFP)

A ex-estagiária da Casa Branca, Monica Lewinsky, de 40 anos, disse em depoimento à revista “Vanity Fair” divulgado nesta terça-feira (6) que se arrepende profundamente da aventura amorosa que teve com o então presidente dos Estados Unidos, Bill Clinton, que gerou um escândalo no governo norte-americano em 1998. “Eu, pessoalmente, me arrependo profundamente o que aconteceu entre mim e o presidente Clinton. Deixe-me dizer novamente: Eu. Me arrependo. Profundamente. Do que. Aconteceu”, escreveu Lewinsky.

Ela afirmou que a relação que teve com Clinton foi consensual. “Sim, meu chefe se aproveitou de mim, mas eu me mantenho firme neste ponto: a relação foi consensual”, afirma Mônica, que na época tinha 22 anos. “Qualquer abuso veio na sequência, quando eu virei bode expiatório para poder proteger a sua posição poderosa.”

Monica trabalhou na Casa Branca entre 1995 e 1996. O escândalo foi revelado dois anos depois. O então presidente democrata Bill Clinton chegou a passar por um processo de impeachment, no qual conseguiu manter seu mandato, depois de mentir sobre suas relações com a ex-estagiária da Casa Branca Monica Lewinsky. Clinton a princípio negou ter se relacionado com Lewinsky. Com o crescimento das acusações, Clinton acabou confessando e enfrentando o julgamento, o que marcou o restante do seu mandato. A então primeira-dama Hillary Clinton perdoou o presidente.

Ela afirmou que após o escândalo, recusou ofertas de mais de US$ 10 milhões porque não achava que fosse a coisa certa a fazer. Monica foi morar em Londres, onde fez mestrado em psicologia social na London School of Economics. Também viveu em Los Angeles, Nova York e Portland. Lewinsky escreveu na revista que desde o escândalo teve problemas para conseguir trabalho. “Meus potenciais empregadores sempre diplomaticamente lembravam a minha história e eu nunca era ‘a pessoa certa’ para a posição.

View the original article here

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 7 de maio de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Laboratório suíço quebra recorde ao criar menor capa de revista do mundo

A National Geographic Kids divulgou nesta sexta-feira a imagem (25) fotos da menor capa de revista do mundo, confeccionada por cientistas.

A partir de uma tecnologia similar à impressão 3D, a equipe em Rueschlikon, na Suíça conseguiu esculpir a capa em um polímero de 11×14 micrômetros, que contém a imagem de dois pandas.

O projeto foi certificado pelo Guinness Book como a menor capa de revista do mundo, e é tão pequena que 2 mil dessas imagens são suficientes para caberem em um único grão de arroz.

Capa de revista feita em laboratório mede 11x14 micrômetros (Foto: National Geographic Kids/Reuters)Capa de revista feita em laboratório mede 11×14 micrômetros (Foto: National Geographic Kids/Reuters)O físico Urs Duerig usa pinças para segurar uma ponta de silício afiada, 100 mil vezes menor do que um lápis apontado. O laboratório criou a menor capa de revista do mundo (Foto: Arnd Wiegmann/Reuters)O físico Urs Duerig usa pinças para segurar uma ponta de silício afiada, 100 mil vezes menor do que um lápis apontado. O laboratório criou a menor capa de revista do mundo (Foto: Arnd Wiegmann/Reuters)

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 30 de abril de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , ,

‘Estou ansiosa’, diz ativista do RS sobre foto em revista masculina

Ana Paula Maciel garante estar ansiosa com a repercussão da foto, que sairá na edição desta terça-feira da Playboy (Foto: Luiza Carneiro/G1)Ana Paula Maciel garante estar ansiosa com a repercussão da foto, que sairá na edição desta terça-feira da Playboy (Foto: Luiza Carneiro/G1)

A bióloga Ana Paula Maciel, de 32 anos, aguarda ansiosa a repercussão da sua foto publicada em uma revista masculina brasileira. A edição de março da revista sairá na próxima terça-feira (11), e contará com uma entrevista e uma imagem da ativista apenas de biquíni feita em Maringá, no Paraná. Com o sonho de construir um santuário para animais selvagens, a gaúcha, que mora atualmente em Porto Alegre, quer posar nua e usar o cachê para financiar o projeto. No ano passado ela ficou presa na Rússia por cerca de dois meses ao lado de outros ativistas do Greenpeace, após um protesto no Ártico.

“Eu estou super ansiosa com a repercussão que a revista do dia 11 poderá trazer. Estou esperançosa que dê certo. É a partir dessa foto que será possivel eu conversar com a revista sobre um possível ensaio, mas ainda não é nada garantido”, contou Ana Paula ao G1, antes de participar do programa Jornal do Almoço, da RBS TV, sobre o Dia Internacional da Mulher neste sábado (8) (veja no vídeo acima).

Ainda na Rússia, Ana Paula recebeu e-mails com a possível ideia de que poderia posar nua na revista Playboy. A decisão foi tomada de maneira súbita, sem nenhuma dúvida. Amigos, familiares e principalmente o namorado, que mora no México, incentivaram. Do Greenpeace só recebeu a orientação de deixar claro que se tratava de um projeto pessoal e não da organização.

“Tenho vontade de realizer esse sonho. O cachê está longe de me deixar rica, até porque vou usar para realizar o meu sonho, fazer a reserva, e isso envolve investimentos, profissionais. É um projeto a médio e longo prazo”, pontuou.

Sobre a relação de ganhar dinheiro expondo seu corpo, a ativista revela que não tem medo das repercussões negativas. Para ela, a ideia é melhor do que entrar para a política, por exemplo. “Já tive oportunidade de entrar para a política, já me questionaram do salário que eu ganharia em quatro anos, mas para mim isso não é honesto. Honesto é usar as ferramentas que eu tenho e aproveitar as oportunidades que a vida está me trazendo”, esclareceu.

Ana Paula elogiou a revista e disse ser o melhor canal neste momento para alcançar sua meta. “Entendo que a nudez é bem aceita na sociedade e que a revista é voltada ao público adulto, é inteligente, uma revista em moldes que não tem absolutamente nada com a pornografia ou vulgaridade. E isso é aceito”, completou.

Desde que revelou sua intenção, a bióloga tem acompanhado a repercussão em sua página pessoal no Facebook e em comentários de matérias publicadas. Segundo ela, as mensagens são de apoio. Ainda no programa da RBS TV, ela aproveitou e fez um pedido público: “Se você gostou, respeita meu negócio, tem que ligar para a Playboy e pedir mais. Este é meu sonho”.

new WM.Player( { videosIDs: “3199070”, sitePage: “aftvrbs_rsg1/videos”, zoneId: “134763” } ).attachTo($(“#3199070”)[0]);

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 10 de março de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Mundial do Medo: Revista France Football reclama da Copa no Brasil

Share Button

Será verdade que foi publicada uma matéria falando mal da Copa do Mundo no Brasil em uma das revistas mais conceituadas do mundo?

No começo de fevereiro de 2014, uma notícia se espalhou pelas redes sociais e em inúmeros sites e blogs. De acordo com o texto, uma matéria teria sido publicada dias antes em uma conceituada revista francesa especializada em futebol onde 3 jornalistas daquele país teriam ridicularizado o Brasil e os atrasos no andamento das obras para a Copa do Mundo – que será realizada aqui entre os meses de junho e julho de 2014 – além de expor a precariedade dos serviços de hospitais e infraestrutura do nosso país!

O texto ainda afirma que os repórteres falam sobre a corrupção do governo Lula e do PT, além de usar como exemplo um deputado palhaço (no caso, o cantor Tiririca).

Algumas das publicações desse artigo tiveram mais de 45.000 compartilhamentos no Facebook. Muita gente indignada com o tom da matéria que, como é afirmado no texto, teria ocupado 12 páginas da revista France Football.

Mas será que isso realmente aconteceu?

Capa da revista francesa que teria falado mal do Brasil na Copa! Verdade ou farsa? (foto: Divulgação) Capa da revista francesa que teria falado mal do Brasil na Copa! Verdade ou farsa? (foto: Divulgação)

O autor desse texto que está circulando pela web se aproveitou do fato de ser difícil um leitor brasileiro conseguir acesso ao conteúdo da revista. No site da France Football é possível se baixar edições anteriores do periódico, mas esse serviço não está liberado para visitantes de outros países.

Uma das características de um bom boato digital, como já mostramos outras vezes aqui no E-farsas, é que o fato geralmente teria ocorrido bem longe, para ficar difícil do leitor conseguir averiguar.

Mas, com a ajuda de diversos leitores do E-farsas, conseguimos uma versão em PDF da tão falada revista e, com a ajuda do Google Translate e dois amigos franceses leitores do E-farsas, destrinchamos cada parágrafo da polêmica matéria.

A revista France Football existe.Na edição da revista do dia 28 de janeiro de 2014, os jornalistas Éric Champel, Éric Frosio e François Verdenet escreveram uma enorme reportagem sobre alguns dos problemas que o Brasil parece estar sofrendo para conseguir deixar tudo pronto para a Copa do Mundo de 2014.A matéria fala da corrupção no Brasil, dos atrasos nas entregas dos estádios e da falta de infraestrutura para receber os turistas durante os jogos da Copa.

As duas primeiras páginas da matéria mostram a fachada do estádio de Itaquera, com a lateral da construção quebrada (em decorrência de uma queda de parte da estrutura do teto, que matou 2 funcionários da obra em novembro de 2013). Nessas páginas há apenas uma introdução que diz:

“Brasil, o medo sobre o Mundial. Atraso nas obras dos estádios, aumento dos preços, riscos de novas manifestações nas ruas, grande diferenças de temperatura entre as sedes, o Mundial do Brasil suscita inquietudes a menos de 140 dias da partida de abertura, no dia 12 de junho em São Paulo“

O texto que circula pelo Facebook diz:

“12 páginas de uma Revista Francesa (France Football) que resumem o Brasil em todos os sentidos”

Só nessa primeira parte já podemos notar certa discrepância entre o que foi publicado na revista e o que foi espalhado aqui. Além disso, são 10 páginas de matéria e não 12, como foi afirmado. Dessas 12 páginas, 2 são apenas com uma foto do estádio “Itaquerão” Arena Corinthians com um pequeno texto.

Páginas iniciais da matéria publicada na France Football mostra estádio Itaquerão em obras! (foto: Reprodução) Páginas iniciais da matéria publicada na France Football mostra estádio “Itaquerão” em obras! (foto: Reprodução)

Prosseguindo, temos:

 ”[…] Todo o alto escalão do governo Lula está preso por corrupção, mas os artistas e grande parte da população acham que eles são honestos, e fazem campanhas para recolher dinheiro para eles“

A reportagem da France Football fala de corrupção, mas tudo é dito de maneira genérica. Em momento algum é citada alguma participação do ex-presidente Lula, do PT, ou de outros partidos.

Outro trecho que foi adaptado do original é:

 “O Deputado mais votado do Brasil é um palhaço analfabeto e banguela, que faz uma dança ridícula, com roupas igualmente ridículas, e seu bordão é: ‘pior que está não fica’”.

Da mesma forma que no parágrafo anterior, não encontramos nenhuma menção ao Deputado Tiririca e tampouco das suas roupas e das suas músicas. A France Football fala de um dentista que se fantasiou de Batman em uma manifestação que ocorreu no dia 9 de janeiro. Isso, para mostrar o tom das manifestações que estão ocorrendo aqui no Brasil!

Em outro parágrafo, o texto que se espalhou pela rede afirma:

“Reze para não ter problemas de saúde quando estiver no Brasil […]“

Não encontramos a frase na matéria da revista. Provavelmente, o tradutor deve ter se empolgado. O exagero persiste em outros trechos, como esses:

“Ônibus lotados a toda velocidade dividem faixas com carroças, mendigos, motoqueiros cruzando faixas sem sinalizar, pessoas xingando, engarrafamentos […] Todo brasileiro conhece alguém que foi assassinado […] Recomenda-se levar uma pequenas quantidade de dinheiro para caso de assaltos. É comum assassinarem as pessoas que nada tem para o assalto.”

Sabemos que isso existe mesmo em diversas cidades do Brasil, mas não há nada parecido na reportagem da France Football. Quem acrescentou esses trechos falsos no artigo sequer teve o cuidado de corrigir a ortografia do seu próprio texto…

Algumas publicações no Facebook mostram duas moças correndo, com as mãos tampando os seios e afirma que essa foto faria parte da matéria da France Football. As garotas são, na verdade, integrantes do BBB 14 Vanessa e Clara. Não há nenhuma fotografia sequer semelhante na revista.

Imagem associada à matéria da France Football é, na verdade, de um trecho do BBB 14 (foto: Reprodução/Facebook) Imagem associada à matéria da France Football é, na verdade, de um trecho do BBB 14 (foto: Reprodução/Facebook)

Apesar do autor do texto apócrifo ter inventado dezenas e dezenas de parágrafos, há muita coisa que foi publicada pela revista France Football que não foi “aproveitada” pelo boateiro. Alguns exemplos são:

A revista afirma que 150 mil militares e policiais já estão escalados em todo o país, mas questiona se eles serão mais eficazes do que foram durante a visita do Papa Francisco;Os jornalistas franceses também se perguntam se a diferença de temperatura entre as cidades sedes dos jogos não irá atrapalhar o rendimento dos atletas. “As temperaturas no Brasil podem ser irritantes”, dizem os repórteres.Ah! A matéria da revista francesa também questiona se a Copa do Mundo no Brasil não seria um trampolim para a candidatura de Ricardo Teixeira à presidência da FIFA.

O texto que circula pela web sobre uma matéria publicada numa revista francesa não é totalmente falso, mas é exagerado. Claro, o Brasil tem muitos problemas (e quem não os tem?), mas acontece que alguém (ou “alguéns”) deve ter lido uma reportagem que saiu na France Football em janeiro de 2014 e resolveu não apenas traduzir o artigo, como também acrescentar inúmeros parágrafos de sua cabeça e espalhou a notícia pela web. Cada blog e site que a republicou, acabou por acrescentar outros pontos e o texto que lemos hoje em dia quase não tem nada do original. Quem se lembra da brincadeira do telefone-sem-fio?

Nota do autor: Muito obrigado aos inúmeros leitores amigos do E-farsas que se empenharam em conseguir uma versão digital da citada revista para analisarmos. Infelizmente, por questões de diretos autorais, não podemos reproduzir a matéria aqui… (mas dá uma procurada na internet que você acha pra baixar)!

Share Button Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Fonte E-farsas

 
Deixe um comentário

Publicado por em 7 de março de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Apple deveria criar celular com Android, diz Steve Wozniak a revista

steve wozniak com novo ipad (Foto: David McNew/Reuters)Steve Wozniak com novo iPad (Foto: David
McNew/Reuters)

Steve Wozniak, cofundador da Apple, disse que a companhia deveria pensar em lançar um aparelho que abrisse mão do sistema operacional iOS e operasse com o Android, sistema desenvolvido pelo Google. As declarações do homem que, ao lado de Steve Jobs, criaram a Apple, foram dadas à revista “Wired”.

“Não há nada que manteria a Apple fora do mercado Android como um mercado de telefone secundário”, disse Wozniak que, além de já não estar envolvido com o dia a dia de trabalho na Apple, se tornou um dos seus críticos mais contundentes. Ele sugeriu que a Apple crie um aparelho que rode o Android como alternativa ao iPhone.

“Nós poderíamos competir muito bem. As pessoas gostam dos modelos de estilo preciosos e das engenhosidades que nós fazemos com nossos produtos se comparados aos Androids oferecidos. Nós poderíamos jogar em duas arenas ao mesmo tempo”, disse ele à revista.

Woz participou da conferência Apps World North America, em São Francisco, que ocorreu nesta semana e tratatou do desenvolvimento e aplicativos para smartphones e tablets. Além disso, ele apoiou a decisão da Apple de não acrescentar muitas ferramentas ao iPhone. “Se você tem algo realmente bom, não mude isso. Não estrague tudo”, comentou.

“Você pega um celular da Samsung e tira uma foto dizendo ‘sorria’, mas quanta inovação há nisso? Isso é apenas jogar um monte de recursos”, afirmou.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 8 de fevereiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , , ,

Campanha de novo ‘Metal Gear Solid’ tem 2 horas, diz revista

Snake é o herói da série 'Metal Gear' (Foto: Divulgação/Konami)Snake é o herói da série ‘Metal Gear’
(Foto: Divulgação/Konami)

A campanha principal de “Metal Gear Solid: Ground Zeroes”, sem contar objetivos paralelos e extras, tem duas horas de duração, de acordo com a reportagem da revista especializada em games “Game Informer”.

Os repórteres da publicação jogaram uma versão quase final do título, prólogo de “Metal Gear Solid V: The Phantom Pain”, e afirmaram que conseguiram concluir o objetivo principal em menos de duas horas. Alguns “game testers”, funcionários que testam os games em busca de falhas, conseguiram concluir a missão principal em cinco minutos, segundo a Konami.

O motivo para “Ground Zeroes” ter sido separado de “Phantom Pain” é que o criador da série, Hideo Kojima, queria dar algo para os fãs jogarem enquanto o desenvolvimento de “MGSV” fosse concluído.

Previsto para Xbox One, PlayStation 4, Xbox 360 e PlayStation 3, “Ground Zeroes” será lançado em 18 de março. O preço será inferior a média dos jogos vendidos nos Estados Unidos, que é de US$ 60. Para a antiga geração, o game custará US$ 20 na versão digital e US$ 30 na versão física. Já na atual geração de videogames, o título será vendido por US$ 30 na versão digital e US$ 40 na versão em disco.

Capa da revista 'Game Informer', que traz reportagem sobre 'Metal Gear Solid V' (Foto: Divulgação/Game Informer)Capa da revista ‘Game Informer’, que traz reportagem sobre ‘Metal Gear Solid V’ (Foto: Divulgação/Game Informer)

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 6 de fevereiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Romance entre Hollande e atriz teria começado em 2011, diz revista

A atriz francesa Julie Gayet em 25 de maio de 2012 (Foto: AFP)A atriz francesa Julie Gayet em imagem de 25 de
maio de 2012 (Foto: AFP)

O suposto romance entre o presidente da França, François Hollande, de 59 anos, e a atriz Julie Gayet, de 41 anos, teria começado em 2011, quando o atual chefe de Estado era candidato socialista ao comando do país, afirmou nesta sexta-feira (17) a revista “Closer”, que divulgou há uma semana fotos que revelariam a relação entre os dois.

A publicação afirmou que Hollande e Julie se conheceram em 2011 e que, desde então, passaram a se ver em vários locais. Depois das eleições presidenciais, em maio de 2012, os dois começaram a se encontrar próximo aos escritórios da sociedade de produção da atriz, em Faubourg Saint Honoré, em Paris.

O casal teria deixado de se encontrar no local depois que uma porteira tentou fotografar Hollande e Julie juntos. Em seguida, eles teriam passado a se ver na casa da atriz, na capital francesa, segundo a “Closer”.

Em junho de 2013, os dois teriam encontrado um apartamento na Rue du Cirque, no mesmo distrito em que fica o Palácio do Eliseu, residência oficial do presidente. Nesse local, foram feitas as fotos da revista publicadas na semana passada.

A “Closer” sustentou que Hollande desistiu, no verão passado, de se hospedar em um fim de semana na Grécia, onde estava sua mulher, Valérie Trierweiler, para ir à cidade de Tulle, na França, onde se encontrou com Julie.

A atriz e o presidente, que chegou a ser apresentado a avó de Julie e a parte de sua família, de acordo com a revista, passaram juntos as noites dos dois últimos dias de 2013 e dos dois primeiros de 2014, no apartamento da Rue du Cirque. As fotos divulgadas na “Closer” seriam dessa época.

A publicação reconheceu ter recebido na quinta-feira (16) um processo judicial no qual a atriz pede 54 mil euros (R$ 173.610) de indenização por invasão de privacidade.

Desse montante, Julie exige 50 mil euros (R$ 160.750) por danos morais e 4 mil euros (R$ 12.860) para pagar os gastos com o processo. Além disso, a atriz quer publicar um direito de resposta na capa da revista.

Na semana passada, quando a “Closer” publicou as fotos, a primeira-dama Valérie Trierweiler pediu explicações a Hollande, que teria reconhecido o romance, segundo a revista. Poucas horas depois, Valérie foi internada no Hospital da Salpêtrière, em Paris, onde permanece até agora.

O presidente, embora tenha condenado a publicação, disse que não a processaria. A “Closer” justificou nesta sexta-feira a divulgação da matéria, alegando que sua intenção foi abrir um debate sobre o direito ao segredo da vida privada do presidente da República.

A revista argumentou que o rumor sobre o romance circulava há vários meses, em vários meios de comunicação, e o boato havia sido, inclusive, alimentado pela própria atriz, que ameaçou em março de 2013 processar quem divulgasse algo a respeito.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 17 de janeiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , , ,