RSS

Arquivo da tag: relao

José Mujica pede a Obama que EUA melhorem relação com o Brasil

AppId is over the quota
AppId is over the quota
Obama e Mujica conversam com a imprensa antes de reunião na Sala Oval da Casa Branca (Foto: BRENDAN SMIALOWSKI/AFP)Obama e Mujica conversam com a imprensa
antes de reunião na Sala Oval da Casa Branca
(Foto: BRENDAN SMIALOWSKI/AFP)

O presidente do Uruguai, José Mujica, pediu nesta segunda-feira (12) a seu colega americano, Barack Obama, que melhore as relações com o Brasil, defendendo que é do interesse de toda a região.

“Pedi a ele que tente melhorar as relações, com um grande respeito, com um país fundamental da América Latina, que se chama Brasil”, disse Mujica, durante entrevista coletiva depois de encontro bilateral na Casa Branca, em Washington.

Mujica não revelou a reação de Obama a seu pedido.

As relações Brasil-Estados Unidos sofreram um afastamento em 2013, depois das revelações de que a Agência de Segurança Nacional americana (NSA, na sigla em inglês) havia interceptado comunicações pessoais eletrônicas da presidente Dilma Rousseff.

O escândalo motivou a suspensão de uma esperada visita de Estado que Dilma faria a Washington em outubro do ano passado.

Desde então, o Departamento de Estado americano e o Itamaraty tentam aparar as arestas e o mal-estar gerado pelo escândalo para recompor o diálogo político e diplomático entre os dois países.

Na semana passada, a subsecretária de Estado americana para a América Latina, Roberta Jacobson, disse à imprensa que as relações bilaterais “estão melhorando”. Segundo ela, essa tendência ficará mais clara após a eleição presidencial no Brasil.

O vice-presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, virá ao Brasil para assistir à estreia da seleção americana na Copa do Mundo em 16 de junho e, no dia seguinte, vai se reunir com Dilma em Brasília.

View the original article here

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 14 de maio de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , ,

Nintendo pede desculpas por não incluir relação homossexual em game

Game de simulação de vida 'Tomodachi Life' não permite casamentos homossexuais (Foto: Nintendo/AP)Game de simulação de vida ‘Tomodachi Life’ não
permite casamentos homossexuais
(Foto: Nintendo/AP)

A Nintendo pediu desculpas nesta sexta-feira (9) por não incluir relações homossexuais no jogo de simulação de vida para o portátil Nintendo 3DS “Tomodachi Life”. A empresa diz que decepcionou muitas pessoas ao não incluir o recurso e que não seria possível incluí-lo em uma atualização gratuita pela internet pois “seria uma mudança significativa que afetaria todo o jogo”.

A companhia japonesa, criadora de “Super Mario”, disse que se fizer outra versão do jogo no futuro, que “ela será mais inclusiva”.

Em comunicado publicado no site oficial da empresa, ela pede “desculpas por desapontar muitas pessoas ao falhar em incluir relacionamentos com indivíduos do mesmo sexo em ‘Tomodachi Life'”. “Infelizmente, não é possível para nós mudar essa decisão de design do jogo e uma mudança tão significativa no jogo não pode ser adicionada por meio de uma atualização”.

“Tomodachi Life” foi lançado no Japão em 2013 e o jogo foi simplesmente traduzido para o inglês, sem adição de conteúdo ou mudanças no esquema de jogo.

O comunicado continua: “Na Nintendo, a dedicação sempre foi motivo de ir além dos jogos para promover um espírito de comunidade e compartilhar um espírito de diversão e alegria. Estamos comprometidos em levar adiante nossos valores de diversão e entretenimento para todos. Caso haja uma nova versão da série ‘Tomodachi’, iremos criam uma nova experiência do zero que será mais inclusiva e que melhor representará todos os jogadores”.

O comunicado da Nintendo foi divulgado depois que a empresa recebeu críticas por não incluir relacionamentos do mesmo sexo no simulador de vida. Em comunicado anterior, a empresa disse que “as opções de relacionamento no jogo representam um mundo de brincadeira e não é uma simulação da vida real. Esperamos que nossos fãs encarem o ‘Tomodachi’ como um jogo esmerado e único, e que, em nenhum momento, tivemos a intenção de fazer qualquer crítica social”.

No game, que, por enquanto, só é vendido no Japão, o usuário escolhe para si um “Mii” – avatares personalizados pelos próprios jogadores – que habitam uma ilha virtual. O jogador pode, então, povoar o local com “personagens Mii de família, amigos ou qualquer um em que você possa pensar”.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 14 de maio de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Presidente da Ucrânia vai debater ‘relação bilateral’ com Putin em Sochi

O presidente da Ucrânia, Viktor Ianukovitch, vai se reunir com seu colega russo Vladimir Putin nesta sexta-feira em Sochi na abertura das Olimpíadas de Inverno, disse nesta quarta (5) à France Presse um porta-voz do Kremlin.

Durante o encontro, eles falarão das “relações bilaterais” entre os países, disse Dimitri Peskov.

A Ucrânia enfrenta, há mais de dois meses, uma onda de protestos de rua, em que a oposição pressiona por uma aproximação política e econômica da União Europeia.

Vários países acusam a Rússia de ter exercido pressões econômicas sobre as autoridades ucranianas para dissuadir Kiev de se aproximar do bloco europeu.

Após a decisão de Yanukovitch, Moscou anunciou em dezembro a concessão à ex-república soviética de um crédito de US$ 15 bilhões, dos quais já tornou disponíveis US$ 3 bilhões, e uma redução considerável do preço do gás.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 6 de fevereiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , , ,

Pesquisa revela a curiosa relação entre o bicho-preguiça e a traça

 Preguiça-de-três-dedos é fotografada na Fundação Aiunau, em Caldas, na Colômbia (Foto: AFP Photo/Raul Arboleda) Preguiça-de-três-dedos é fotografada na Fundação
Aiunau, em Caldas, na Colômbia (Foto: AFP Photo/
Raul Arboleda)

Imagine uma criatura tão preguiçosa que busca alimentos no próprio pelo e só se move uma vez por semana para defecar. Bom, esta criatura existe e é um tipo de bicho-preguiça que, como nas fábulas infantis, se beneficia de uma relação muito próxima com as traças.

Depois de estudar o comportamento ocioso deste mamífero arborícola de três dedos, a preguiça-de-bentinho (Bradypus tridactylus), natural das bacias dos rios Amazonas e Orinoco, uma equipe de biólogos americanos revelou nesta quarta-feira (22) até que ponto esses pequenos animais chegam para honrar seu nome.

Esses bichos-preguiça aperfeiçoaram em particular a arte da inércia através de uma lenta dança, cuidadosamente coreografada com uma variedade específica de traça, revelou um estudo publicado nas “Atas da Real Sociedade B.”, revista dedicada à biologia.

As preguiças habitam o chamado dossel florestal, formado pelas copas das árvores, onde se alimentam principalmente de folhas.

Mas, segundo este estudo, uma vez por semana, os animais descem para defecar no chão, o que os deixa particularmente vulneráveis aos predadores. Além disso, o esforço lhes custa “ao redor de 8% da energia que ingerem em um dia”.

Por que, então, as preguiças se incomodam em descer?

Os cientistas descobriram que, ao descer, as traças que vivem nos pelos da preguiça, põem seus ovos nas fezes do mamífero, onde as larvas se desenvolvem antes de emergir como adultos e voar para a copa da árvore para se unir ao resto da colônia.

As traças atuam como um tipo de fertilizante, potencializando os níveis de nitrogênio na pele da preguiça que, por sua vez, estimula o crescimento de algas.

A estrutura única do pelo da preguiça-de-bentinho, cujas ranhuras abrigam grande quantidade de água da chuva, permite que estas algas se reproduzam.

Estas verdadeiras hortas de algas, “especialmente ricas em carboidratos e gorduras digeríveis”, complementam a dieta da preguiça, à base de folhas muito pouco nutritivas, afirmaram os cientistas.

Essa “complexa” simbiose “reforça os aspectos fundamentais da conduta da preguiça e seu histórico de vida, e pode fomentar (sua) ociosidade”, destacou um resumo da pesquisa.

“Esta fonte até agora desconhecida de alimentos poderia explicar porque as preguiças-de-dentinho têm tanta dificuldade em se alimentar bem em cativeiro”, destacaram os pesquisadores.

“Além da ingestão de nutrientes, também é possível que esses cultivos de algas aumentem as chances de sobrevivência das preguiças ao se camuflarem de predadores aéreos” no meio da vegetação, acrescentaram.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 27 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Pesquisa revela ceticismo nos EUA em relação aos programas da NSA

O discurso da última sexta-feira (17) do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, sobre a reforma da Agência Nacional de Segurança (NSA, sigla em inglês) quase não teve impacto entre os cidadãos, cuja rejeição aos programas de espionagem do país aumentou, segundo uma pesquisa divulgada nesta segunda-feira (20).

Pesquisa revela ceticismo nos EUA em relação aos programas da NSA, diz jornal 'USA Today'. (Foto: Reprodução/USA Today)Pesquisa revela ceticismo nos EUA em relação aos programas da NSA, diz jornal ‘USA Today’. (Foto: Reprodução/USA Today)

A metade dos cidadãos reconheceu que não prestou atenção no discurso, segundo os resultados da pesquisa divulgada pelo Centro Pew e pelo jornal ‘USA Today’,

Dos que garantiram terem ouvido o discurso atentamente, 73% afirmaram que as remodelações propostas por Obama não teriam muito efeito na hora de proteger a privacidade dos cidadãos, contra 21% que responderam que as mudanças fariam efeito.

E em uma proporção de 70% a 26%, os entrevistados afirmaram que não se deve sacrificar a privacidade e a liberdade em favor da luta contra o terrorismo.

Concretamente, a rejeição entre os americanos sobre os polêmicos programas de inteligência parece ter aumentado com o passar do tempo.

Se em julho 44% não estavam de acordo com os programas da NSA, quando os mesmos foram divulgados após as revelações de Edward Snowden, agora a proporção subiu para 53%.

No entanto, e apesar desse ceticismo, 56% afirmaram que são favoráveis a um processo judicial criminal contra Snowden, contra 36% que são contra.

A pesquisa foi realizada entre os dias 15 e 19 de janeiro entre 1.504 pessoas em nível nacional, e conta com margem de erro de 2,9%.

Em seu discurso, Obama ordenou o fim da espionagem dos líderes de países aliados, que o governo deixe de controlar os dados resultantes da vigilância telefônica e que uma corte especial seja responsável por autorizar o acesso aos mesmos.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 22 de janeiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , ,

Uma bela relação entre pai e filha

cyrus

Se você procurar por aí, existem umas 10 mil montagens dessa imagem, mas nenhuma faz tanto sentido quanto essa.

Fonte: ahnegao.com.br

 
Deixe um comentário

Publicado por em 16 de setembro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , ,

‘Meu irmão era uma pessoa limpa’, diz irmã em relação as drogas

Eliana e Daniela, irmãs de Champignon, falam com jornalistas na chegada ao Cemitério Memorial Necrópole Ecumênica, em Santos, onde ocorre o velório (Foto: AGNews)Eliana e Daniela, irmãs de Champignon
(Foto: AGNews)

As irmãs do músico Champignon, Elaine Duarte e Danielle Coelho, desceram do velório na manhã desta terça-feira (10), que acontece em Santos, no litoral de São Paulo, para conversar com a imprensa sobre a morte do irmão. Elas afirmaram que Champignon não usava drogas e que estava depressivo.

As irmãs disseram que conversaram com Cláudia, a esposa de Champignon, para saber o que aconteceu na noite da morte do irmão. Segundo as irmãs, Claudia contou tudo o que aconteceu para elas, mas apenas a esposa de Champignon irá dar entrevista sobre este assunto. “A Claudia não está legal para dar entrevista, ela está se preservando, está preferindo ficar no canto dela”, afirma Eliane.

Questionadas sobre o uso de drogas, as irmãs afirmaram que Champignon não se envolveu nisso como Chorão. “Ele não usava drogas, o exame de toxicologia vai mostrar isso, meu irmão era uma pessoa limpa”, diz Eliane. As irmãs afirmaram mais uma vez que Champignon estava triste e depressivo, e que isso teria sido a causa da sua morte.

Arte Champignon vale esse (Foto: Editoria de Arte/G1)

Trajetória
Champignon tinha 35 anos e nasceu em Santos, litoral paulista. O músico lançou vários discos com a banda Charlie Brown Jr, que deixou em 2005, após brigas com o vocalista Alexandre Magno Abrão, o Chorão.

Nessa época, participou de outros projetos, como o grupo Nove Mil Anjos, que tinha Junior Lima (irmão de Sandy) na bateria.

Em 2011, Champignon retornou ao Charlie Brown Jr. fazendo com que a banda voltasse a contar com a presença dos quatro integrantes da formação original de 1992: Marcão, Champignon, Chorão e Thiago Castanho, além do baterista Bruno Graveto, que passou a integrar o grupo em 2008.

Após a morte de Chorão, em 6 de março deste ano, os membros do Charlie Brown lançaram a banda ‘A Banca’, que tinha Champignon como vocalista.

A próxima apresentação do grupo seria no dia 21 de setembro em Recife, Pernambuco, com a turnê “Chorão Eterno”, show que homenageava além de Chorão, toda a trajetória da banda Charlie Brown Jr.

Duas perdas no mesmo ano
Em 2013, Champignon perdeu dois companheiros de banda entre março e maio: o parceiro Chorão e o guitarrista Peu Sousa, ex-colega de Nove Mil Anjos, encontrado morto em maio em sua casa, no bairro de Itapuã, em Salvador.

Chorão morreu por overdose de cocaína, enquanto a morte de Peu foi provocada por suicídio, segundo informou na época a Polícia Civil da Bahia.

Ao G1, Champignon falou sobre as mortes no dia 6 de maio. “Os dois perderam a fé. Quando perdem a fé, perdem a vontade de viver. Foi mais um dia muito triste”, disse o baixista. “Eu acho que as pessoas, em algum momento da vida, perdem a fé. Independentemente se morrem por droga, ou enforcadas. Se perdem a vida sem culpa de ninguém, acredito que em algum momento perderam a fé”, acrescentou.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13 de setembro de 2013 em Música

 

Tags: , , ,