RSS

Arquivo da tag: reivindica

Novo grupo militante reivindica autoria de ataques no Egito

Um novo grupo militante reivindicou a responsabilidade por dois ataques a bomba no Cairo quem tinha como alvo a polícia egípcia, na sexta-feira, e prometeu realizar mais ataques, elevando o risco de uma onda de violência contra as forças de segurança.

O grupo -denominado Ajnad Misr, ou Soldados do Egito- disse, por meio de um comunicado postado em uma página do Facebook em nome da facção, ter realizado o ataque que feriu seis pessoas.

O comunicado foi reproduzido por um website usado por grupos militantes e pelo órgão de inteligência SITE, que monitora tais páginas.

Tiroteios e ataques a bomba contra forças de segurança se tornaram frequentes no país desde julho, quando o Exército depôs o presidente Mohamed Morsi, da Irmandade Muçulmana, após grandes protestos contra o seu governo.

O Estado classificou a Irmandade Muçulmana como um grupo terrorista, mas ela diz estar comprometida com o ativismo pacífico.

O Ajnad Misr surgiu no mês passado, reivindicando a autoria de seis ataques no fim de janeiro, de acordo com o SITE. “(As forças de segurança) não estão a salvo da retaliação contra elas”, disse o grupo no comunicado.

Muitos dos ataques foram reivindicados pelo Ansar Bayt al-Maqdis, um grupo com sede no Sinai do Norte, que transferiu sua atenção de Israel para o governo egípcio depois da queda de Morsi.

As autoridades, apoiadas pelo Exército, reprimem os simpatizantes de Mursi desde a sua queda. Centenas de partidários do ex-presidente foram mortos durante protestos nas semanas posteriores à troca. Milhares de pessoas foram presas.

Centenas de membros das forças de segurança foram mortos dsde então em bombardeios e tiroteios.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 8 de fevereiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Grupo ligado à Al Qaeda reivindica atentado em Beirute

Uma declaração em nome do grupo militante Estado Islâmico do Iraque e do Levante (EIIL), ligado à Al Qaeda, assumiu a responsabilidade neste sábado (4) por um atentado suicida no reduto do Hezbollah no sul de Beirute, que matou pelo menos cinco pessoas há dois dias, incluindo a brasileira Malak Zahwe, de 17 anos.

A suposta alegação do EIIL, que também alertou sobre novos ataques, foi feita em um comunicado respondendo a uma ofensiva contra o grupo nos últimos dois dias por forças rivais no norte da Síria, com a morte de dezenas de pessoas.

O comunicado disse que os combates na Síria haviam sido lançados num momento em que o Estado Islâmico tinha “violado as fronteiras e penetrado o sistema de segurança do Partido de Satanás no Líbano”, uma referência irônica ao Hezbollah, cujo nome significa Partido de Deus, em árabe.

O EIIL disse ter “atingido o reduto na chamada zona de segurança nos subúrbios ao sul de Beirute na quinta-feira na primeira e pequena parcela de uma conta pesada que aguarda esses criminosos”.

Se confirmada, essa será a primeira vez que o EIIL reivindica a responsabilidade por um ataque em Beirute, que sofreu uma onda de atentados desde o verão passado, principalmente visando o Hezbollah e seus aliados.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 10 de janeiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,