RSS

Arquivo da tag: rebeldes

Retirada de rebeldes de Homs ainda não tem data, diz governador sírio

AppId is over the quota
AppId is over the quota

A data para a saída dos rebeldes da cidade de Homs, no centro da Síria, como parte de um acordo com as forças do governo, não foi definida e ainda pode levar dias para ser acertada, disse o governador da província nesta terça-feira (6).

A retirada dos rebeldes de Homs, uma cidade que já foi chamada de “a capital da revolução”, representa uma grande vitória simbólica para o presidente sírio, Bashar al-Assad, mas tem sido adiada desde o cessar-fogo acordado na sexta-feira.

Os rebeldes se mantêm na parte antiga da cidade e várias outras áreas, apesar de estarem sem suprimentos, desarmados e submetidos ao cerco das forças de Assad há mais de um ano.

O governador de Homs, Talal Barazi, disse que os arranjos para qualquer retirada levariam tempo e se recusou a dizer quando seria provável que isso ocorra.

“As condições são favoráveis e o ambiente é adequado para alcançar passos positivos em direção a acordos e reconciliação e à saída de grupos armados, mas ainda não definimos uma data”, disse ele à televisão Al Manar, dirigida pelo Hezbollah, aliado a Assad.

“Os próximos dias irão testemunhar, se Deus quiser, passos nessa direção, e nós esperamos que haja uma data em breve”, acrescentou.

A maioria dos rebeldes que lutam para derrubar Assad é muçulmano sunita, enquanto os aliados do presidente incluem o xiita Irã e o movimento xiita libanês Hezbollah. Assad é alauíta, uma ramificação do islamismo xiita.

O grupo Observatório Sírio de Direitos Humanos, com sede na Grã-Bretanha, disse que a ONU e os conselhos locais tinham mediado as negociações entre os grupos rebeldes de um lado e as forças do governo, as milícias, o Hezbollah e o governo da província, de outro.

Mais de 150 mil pessoas já morreram na rebelião contra Assad. Milhões fugiram de suas casas e o governo perdeu o controle de faixas de território em todo o norte e leste. Os conflitos matam regularmente mais de 200 pessoas por dia no país.

arte síria versão 15.04 (Foto: Arte/G1)

View the original article here

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 7 de maio de 2014 em Brasil

 

Tags: , , ,

Rebeldes pró-Rússia derrubam dois helicópteros ucranianos

AppId is over the quota
AppId is over the quota
Helicóptero militar ucraniano voa perto de um posto de controle da Ucrânia, perto da cidade de Slaviansk (Foto: Baz Ratner/ Reuters)Helicóptero militar ucraniano voa perto de um posto de controle da Ucrânia, perto da cidade de Slaviansk (Foto: Baz Ratner/ Reuters)

Rebeldes pró-Rússia derrubaram dois helicópteros ucranianos nesta sexta-feira (2), matando dois tripulantes, à medida que tropas da Ucrânia apertam o cerco sobre Slaviansk, cidade mantida por separatistas, no que Moscou classificou como um ataque “criminoso” por Kiev que arruína as esperanças de paz.

O porta-voz do presidente russo, Vladimir Putin, disse que o Kremlin estava “extremamente preocupado” porque não tinha notícias de um representante que Putin enviara à cidade para ajudar a libertar reféns estrangeiros.

Ele disse que uma “operação punitiva” organizada por forças ucranianas acabou com um plano de paz acertado com potências ocidentais duas semanas atrás.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 3 de maio de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , ,

Regime sírio e rebeldes firmam cessar-fogo em parte antiga de Homs

AppId is over the quota
AppId is over the quota

O regime sírio e rebeldes islamitas firmaram um cessar-fogo em bairros da parte antiga de Homs, no centro do país, que deve ser aplicado nas próximas 24 horas, informou nesta sexta-feira (2) o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

A ONG explicou que o acordo, que entrou em vigor ao meio-dia (hora local), estipula que os insurgentes devem deixar a parte velha ao norte da cidade, enquanto as forças governamentais devem assumir o controle do centro velho.

Em fevereiro, com mediação das Nações Unidas, ambos os lados já haviam pactuado uma trégua humanitária para permitir a evacuação de cerca de 1,4 mil civis na região.

A parte antiga está sendo atacada pelo Exército há 20 meses, o que causou uma grave deterioração das condições humanitárias em seu interior.

Na última terça-feira (29), pelo menos 55 pessoas morreram e 111 ficaram feridas, segundo os dados oficiais, em um duplo atentado perpetrado com dois carros-bomba em um bairro de maioria alauita, seita à qual pertence o presidente Bashar al Assad, em Homs.

No entanto, ativistas elevam o número de vítimas desse ataque, registrado no distrito de Al Zahra, para 100. A ação foi reivindicada pelo Frente al Nusra, filial da Al Qaeda na Síria.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 2 de maio de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Outros cinco rebeldes da Al-Qaeda são mortos pelo Exército no Iêmen

AppId is over the quota
AppId is over the quota
Tropas do Iêmen vigiam os arredores da base de Raida, na província de Shabwa (Foto: AFP Photo/STR)Tropas do Iêmen vigiam os arredores da base de Raida, na província de Shabwa (Foto: AFP Photo/STR)

Cinco supostos membros da Al-Qaeda morreram nesta sexta-feira (2) em um ataque do exército iemenita contra suas posições no sul do país, informou a agência oficial de notícias Saba, citando uma fonte militar.

O ataque, realizado com o apoio de aviões de combate na região de Maifaa, na província de Chabwa, também deixou “dezenas de feridos” entre os combatentes da Al-Qaeda, acrescentou a agência.

De acordo com a Saba, o Exército destruiu três veículos dos rebeldes. Um deles tinha um lança-foguetes aéreo.

Esse ataque é parte de uma ofensiva do Exército para tirar combatentes da Al-Qaeda de seus esconderijos, em especial em Chabwa e na província vizinha de Abyane, onde a rede está bem implantada.

A nova ofensiva eleva para 51 o número de mortos na operação militar iniciada na última terça-feira: 24 soldados e 27 combatentes da Al-Qaeda.

Brasileiros
Nesta semana, o presidente do Iêmen, Abd-Rabbuh Mansur Hadi, afirmou que brasileiros foram mortos pelo Exército junto a outros integrantes da rede terrorista Al-Qaeda. De acordo com o presidente, também há mortos de outras nacionalidades, como holandeses, franceses e alemães.

O Ministério das Relações Exteriores do Brasil afirmou que tomou conhecimento do caso agora e que está averiguando as informações da presidência do Iêmen.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 2 de maio de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Arábia Saudita acusa o mundo de traição aos rebeldes sírios

O príncipe herdeiro da Arábia Saudita acusou nesta terça-feira (25) a comunidade internacional de ter “traído” a rebelião síria, que não tem armas na guerra contra o regime do presidente Bashar al-Assad.

“A resistência síria legítima tem sido traída pela comunidade internacional, que a transformou em uma presa fácil”, declarou o príncipe Salman Ben Abdel Aziz na abertura, no Kuwait, da reunião anual da Liga Árabe.

A Arábia Saudita apoia os rebeldes que tentam derrubar, há três anos, o regime de Damasco.

arte síria versão 18.02 (Foto: Arte/G1)

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 26 de março de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , , ,

Rebeldes lutam por posto fronteiriço da Síria perto do Mediterrâneo

Combatentes islâmicos entraram em confronto com as tropas sírias do presidente Bashar al-Assad, pelo controle de uma passagem de fronteira com a Turquia, perto do Mediterrâneo, no sábado, como parte de uma ofensiva destinada a abrir uma passagem dos rebeldes para o mar.

Eles disseram que pesados confrontos continuavam em torno do cruzamento entre Kasab e uma aldeia vizinha, com o mesmo nome – ambas localizadas a cerca de oito quilômetros da costa – um dia depois que os rebeldes iniciaram o ataque.

Durante a guerra civil, que já dura três anos, as tropas de Assad já perderam o controle da maioria das passagens fronteiriças com a Turquia, mas tinham conseguido manter controle sobre Kasab, a porta de entrada para a província costeira de Latakia, que continuou sendo um reduto de Assad.

O ataque a Kasab foi realizado por combatentes da Frente Nusra, braço sírio da al-Qaeda, e pela brigada islamista Ahrar al-Sham, parte da Aliança da Frente Islâmica.

A Frente Islâmica disse que seus combatentes repeliram os avanços do exército e da milícia pró-Assad para retomar a passagem “liberada”, postando um vídeo de combatentes vestidos com uniformes militares usando braçadeiras vermelhas e atirando no que eles diziam que eram tropas do governo.

O Observatório de Direitos Humanos, baseado na Grã-Bretanha, que monitora o conflito sírio, disse que os rebeldes tinham “em princípio” assumido o controle da passagem, embora os confrontos ainda continuem ocorrendo na região, e que as tropas de Assad ainda estavam controlando o vilarejo de Kasab, a menos de 2 quilômetros ao noroeste.

arte síria versão 18.02 (Foto: Arte/G1)

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 24 de março de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Rebeldes sírios tomam colina estratégica a oeste de Aleppo

Os rebeldes sírios tomaram neste sábado (22) uma colina estratégica a oeste de Aleppo, enquanto os combates entre as tropas governamentais e os insurgentes se estendiam à província de Latakia (noroeste), segundo o Observatório Sírio dos Direitos Humanos.

Após um ataque que durou várias horas, os rebeldes conseguiram conquistar o monte Chwayhne, no oeste de Aleppo, informou o OSDH. Pelo menos 21 membros das forças leais ao regime sírio e 18 rebeldes morreram nos combates.

Esta vitória fragiliza o quartel governamental de Zahra, no noroeste da cidade, onde fica a sede dos temidos serviços de inteligência das forças aéreas, que os rebeldes tentam tomar há meses, segundo a Comissão Geral da Revolução Síria (CGRS).

Ao mesmo tempo, os combates entre as forças governamentais e os rebeldes se estendiam para a província de Latakia, afirmou à AFP o diretor do OSDH, Rami Abdel Rahman.

Três grupos islamitas – Frente al Nosra, Sham al Islam e Ansar al Sham – lançaram na terça-feira uma campanha denominada “Anfal’ nesta província até agora relativamente à margem dos combates.

Esta província, de maioria alauita, corrente religiosa do presidente sírio Bashar al Assad, é considerada um dos bastiões do regime.

arte síria versão 18.02 (Foto: Arte/G1)

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 24 de março de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , , ,