RSS

Arquivo da tag: proteo

Justiça dos EUA concederá igual proteção a casais gays no país

O Departamento de Justiça dos Estados Unidos ordenará na segunda-feira (10) a seus empregados no país que garantam, pela primeira vez, igual proteção perante a lei a todos os casais homossexuais.

A medida, anunciada este sábado (08) pelo procurador-geral de EUA, Eric Holder, em discurso em Nova York, afetará todos os programas administrados pelo Departamento de Justiça, desde a proteção por falência até as visitas em centros penitenciários.

O memorando que será publicado na segunda-feira detalhará os direitos dos casais do mesmo sexo, incluído o direito de se negar a testemunhar caso possa incriminar o companheiro e inclusive nos casamentos não reconhecidos no estado onde vivem os casais.

O casamento gay é legal em 17 estados do país.

“Em cada julgamento, em cada trâmite e em cada local em que um membro do Departamento de Justiça represente o governo federal dos EUA, se esforçarão para garantir que os casais do mesmo sexo recebam os mesmos privilégios, proteções e direitos que os casamentos heterossexuais sob a lei federal”, afirmou Holder.

O titular da Justiça americana comparou a campanha pelos direitos homossexuais com a luta pelos direitos civis dos anos 60.

“O papel do Departamento de Justiça na hora de lutar contra a discriminação deve ser tão enérgico hoje em dia como foi durante a época de Robert Kennedy”, afirmou Holder em referência ao procurador-geral e líder na defesa dos direitos civis.

O anúncio de Holder acontece menos de um ano depois de a Suprema Corte dos Estados Unidos dar um passo decisivo a favor do casamento gay ao declarar inconstitucional a Lei de Defesa do Casamento (DOMA, em inglês).

Essa lei define o casamento como “a união entre um homem e uma mulher” e impedia, portanto, que os homossexuais casados nos estados onde é legal tivessem reconhecimento e benefícios fiscais em nível federal.

Ativistas pró-casamento gay fazem vigília diante do prédio da Suprema Corte dos EUA em Washington. (Foto: Jonathan Ernst/Reuters)Ativistas pró-casamento gay fazem vigília diante do prédio da Suprema Corte dos EUA em foto de setembro de 2013. (Foto: Jonathan Ernst/Reuters)

Fonte G1

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 10 de fevereiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , ,

França multa Google em R$ 486 mil por não respeitar proteção de dados

A Comissão Nacional Francesa de Informática e Liberdades (CNIL), responsável pela proteção de dados dos cidadãos na França, anunciou nesta quarta-feira (8) que impôs uma sanção de 150 mil euros, o equivalente a R$ 486 mil, ao Google por não respeitar as regras do país sobre confidencialidade.

O buscador deverá, além disso, publicar por 48 horas em sua versão francesa, o Google.fr, um comunicado demonstrando a sanção, indicou a CNIL em comunicado. O aviso deverá ser veiculado dentro de oito dias.

A multa imposta ao Google é a máxima prevista pela legislação francesa para este tipo de faltas e a maior da história do organismo, dado “o número e a gravidade das faltas constatadas”, acrescentou a entidade.

Em dezembro, a Espanha considerou ilegal a forma como o Google utiliza os dados dos espanhóis e multou a companhia em 900 mil euros, o equivalente a R$ 2,93 milhões.

A CNIL reprova o grupo por não respeitar a lei francesa em sua política de proteção de dados imposta em março de 2012, quando decidiu fundir as regras de confidencialidade de cerca de 60 serviços que presta, tais como o buscador tradicional, o de vídeos do YouTube, o Gmail e o serviço de mapas.

“Por causa do número de serviços relacionados, praticamente todos internautas franceses foram afetados por esta decisão”, indicou a CNIL. A CNIL considera que os dados recolhidos por estes serviços são de “caráter pessoal”, por isso, a empresa deve respeitar as regras do país.

O organismo reprova o Google pela falta de informação suficiente aos usuários sobre as condições e a finalidade do tratamento dos dados pessoais. Os internautas “não podem compreender nem a finalidade da coleta, ao não estar determinada como exige a lei, nem a amplitude dos dados coletados’, por isso que ‘não estão em condição de exercer seus direitos”, afirma a CNIL.

Além disso, a CNIL estima que o Google não respeita a obrigação de obter o consentimento dos usuários para introduzir “cookies” em seus computadores. Além disso, o buscador não estabelece a duração de conservação desses dados e se existe a possibilidade de combiná-los entre o conjunto de seus serviços.

A CNIL indicou que as faltas cometidas pelo Google foram constatadas por 29 organismos europeus de proteção de dados e que as conclusões de sua análise “são similares com as das autoridades holandesas e espanholas” no final do ano passado.

View the original article here

 
1 comentário

Publicado por em 9 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

São Sebastião cria área de proteção de 1,3 milhão de metros quadrados

Projeto para a criação da APA foi aprovado pela Câmara e sancionada pela Prefeitura de São Sebastião no final de agosto. (Foto: Munir El Hage/PMSS)Projeto para a criação da APA foi aprovado pela Câmara e sancionada pela Prefeitura de São Sebastião no final de agosto. (Foto: Munir El Hage/PMSS)

Uma área de preservação ambiental (APA) com 1,3 milhão de metros quadrados entre as praias da Baleia e Barra do Sahy, na costa sul de São Sebastião, litoral norte, deve movimentar a economia e o turismo da região. A APA criada recentemente forma um corredor de mangue e mata nativa que serão preservados pelo município.

O projeto para a criação da APA foi aprovado pela Câmara e sancionada pela prefeitura no final de agosto. Segundo Maria Fernanda Carbonelli, da ONG Movimento Preserve o Litoral Norte, a região é o habitat de 87 espécies de animais – 14 delas em extinção.

“São Sebastião vinha sofrendo bastante com a especulação imobiliária, principalmente a praia da Baleia e a barra do Sahy, e a questão do ecoturismo era muito pouco explorada. Entendendo as necessidades da comunidade e a necessidade de preservação do município, nosso movimento mapeou essa área por mais de três meses, catalogando todas as espécies que vivem aqui. Nossa ideia é aliar preservação à sustentabilidade”, afirmou Maria Fernanda.

No local não será mais possível construir imóveis nem praticar a pesca profissional. Apenas construções antigas, às margens do rio Sahy serão mantidas. A próxima etapa, segundo a prefeitura, é desenvolver um projeto de uso do espaço.

“A ideia da APA é trazer para a comunidade uma oportunidade de geração de emprego e renda com extrativismo, ecoturismo, exploração da educação ambiental e mercado científico para fazer da APA algo que ela tem um potencial enorme”, disse o secretário de Meio Ambiente, Eduardo do Rego.

Os moradores também apoiaram a criação da APA. “Aqui tem um potencial grande, as pessoas vão gostar. Vai ser um parque maravilhoso com uma qualidade de vida muito legal. Tem muita coisa para ver que a gente já não estava mais vendo e teremos mais facilidade de encontrar no caminho”, afirmou o pescador Delzino dos Santos Filho.

Das 87 espécies que vivem no local, pelo menos 14 estão ameaçadas de extinção. (Foto: Munir El Hage/PMSS)Das 87 espécies que vivem no local, pelo menos 14 estão ameaçadas de extinção. (Foto: Munir El Hage/PMSS)

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 24 de setembro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Zoológico de Sorocaba faz campanha para proteção de lobo-guará

Campanha tem como objetivo divulgar a espécie que está ameaçada de extinção (Foto: Emerson Ferraz/PMS)Campanha tem como objetivo divulgar a espécie que está ameaçada de extinção (Foto: Emerson Ferraz/PMS)

A Secretaria do Meio Ambiente de Sorocaba (SP) está comemorando os três meses de nascimento de dois filhotes machos de lobo-guará. Os animais nasceram no dia 13 de junho, no Parque Zoológico Municipal “Quinzinho de Barros”. De acordo com o zoo, a espécie de canídeo sul-americano, típica do cerrado brasileiro, atualmente está na lista das espécies ameaçadas de extinção.

“O nascimento desses dois lobos está sendo considerado um sucesso, pois se trata da concretização das metas de conservação da espécie, proposto no Plano de Ação Nacional para o Lobo-Guará, coordenado pelo ICMBio. A equipe do nosso zoológico está de parabéns pelo trabalho realizado”, declara a secretária do Meio Ambiente, Jussara de Lima Carvalho.

De acordo com a bióloga Cecília Pessuti, da Secretaria do Meio Ambiente, os filhotes são de uma primeira cria de um jovem casal habitante do zoo. Os bichos tiveram que ser retirados do recinto com alguns dias de vida para garantir sua sobrevivência e foram colocados no setor de veterinária do parque, local onde ficam os filhotes em crescimento, onde eles receberam cuidados intensos dos médicos-veterinários e biólogos. “No cativeiro, algumas vezes, eles precisam ser retirados do convívio com a mãe, devido à diversos problemas, entre eles doenças, condições climáticas adversas e risco de morte”, explica Cecília.

O público poderá conhecer os filhotes somente no mês de outubro, quando eles serão colocados no recinto do zoo. Depois disso, eles serão enviados a outros zoológicos.

Trabalho de preservação da espécie
O lobo-guará habita atualmente o ecossistema de Cerrado e áreas abertas da Bahia, Goiás, Minas Gerais, São Paulo, Paraná e Rio Grande do Sul, assim como alguns países vizinhos, como Paraguai e Argentina. As principais causas de ameaça de extinção da espécie são os atropelamentos, perda de habitat, caça, entre outras.

Desde a década de 1980, o “Quinzinho de Barros” atua no programa nacional de manejo da espécie e desenvolve pesquisas nas áreas de veterinária, biologia e genética – um trabalho importante para a conservação do lobo-guará.

Nos anos 1990 foi criado junto à Sociedade de Zoológicos do Brasil o Plano de Manejo para o lobo-guará em cativeiro. Desde então, diversos zoológicos somam esforços para conservar a espécie. Mais recentemente, o Zoológico de Sorocaba vem trabalhando conjuntamente ao Plano Nacional de Ação para a Conservação do Lobo-guará coordenado pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), órgão ambiental do governo brasileiro.

Escolhendo nomes
O zoológico de Sorocaba está realizando uma campanha para escolher os nomes dos filhotes de lobo-guará. Os interessados em participar da campanha tem até o dia 4 de outubro para votar em dois nomes. Uma urna ficará disponível na biblioteca do setor de educação ambiental do zoológico de Sorocaba. As opções são: Baru, Lupim, Faísca, Apolo, Félix e Chuck.

Os nomes mais votados serão divulgados no dia 12 de outubro, Dia do Lobo-Guará, que será comemorado no zoo com uma programação especial. O “Quinzinho de Barros” está localizado na rua Theodoro Kaisel, 883, na Vila Hortência.

Filhotes machos comemoram três meses de nascimento no Zoológico de Sorocaba (Foto: Emerson Ferraz/PMS)Filhotes machos comemoram três meses de nascimento no Zoológico de Sorocaba (Foto: Emerson Ferraz/PMS)

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 16 de setembro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Vídeo mostra gata escalando tela de proteção ao tentar entrar em casa

Um vídeo publicado na web mostra uma gata escalando uma tela de segurança na tentativa de entrar na casa de sua dona.

Imagens mostram o felino dando dois saltos e se pendurando na tela. Publicado no dia 16 de agosto, vídeo recebeu mais de 44 mil visualizações no YouTube. Assista ao vídeo.

Vídeo mostra o felino dando dois saltos e se pendurando na tela (Foto: Reprodução/YouTube/Fiasco)Vídeo mostra o felino dando dois saltos e se pendurando na tela (Foto: Reprodução/YouTube/Fiasco)

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 12 de setembro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Após danificar Jaguar com reflexo, prédio coloca proteção em calçada

O arranha-céu de Londres, na Inglaterra, que nos últimos dias provocou danos em veículos e comércios pelos raios solares que refletem em suas vidraças, colocou nesta quarta-feira (4) uma proteção temporária na calçada afetada.

O particular desenho côncavo da fachada do edifício de 37 andares, na fase final de sua construção, faz com que a luz se concentre em alguns pontos de ruas divisórias e provocou um pequeno incêndio em uma barbearia, além de derreter o espelho retrovisor e danificar a lateral de um Jaguar que estava estacionado próximo ao local, entre outros problemas.

Após danificar Jaguar com reflexo, prédio colocou proteção temporária em calçada (Foto: Carl Court/AFP)Após danificar Jaguar com reflexo, prédio colocou proteção temporária em calçada (Foto: Carl Court/AFP)Edifício conhecido como 'wakie talkie', em Londres, na Inglaterra, foi capaz de derreter peças de um Jaguar com o reflexo do sol (Foto: Leon Neal/AFP)Edifício conhecido como ‘wakie talkie’, em Londres, na Inglaterra, foi capaz de derreter peças de um Jaguar com o reflexo do sol (Foto: Leon Neal/AFP)

A construtora Land Securities, que constrói o arranha-céu apelidado de “Walkie Talkie”, se comprometeu a ressarcir os consertos necessários, assim como a avaliar de novo seu projeto arquitetônico para evitar que continue ocorrendo esses problemas.

“Entramos em contato com os comerciantes da zona para informar sobre as medidas que serão tomadas e contamos com seus comentários para decidir o curso de ação necessária”, assinalou um porta-voz da companhia.

A empresa disse que falou com Martin Lindsay, o motorista de um Jaguar que afirmou que os reflexos do arranha-céu danificaram seu automóvel, e afirmou que “como gesto de boa vontade” cobrirá “os custos da reparação”.

O “Walkie Talkie”, que deve ficar pronto no final de ano, segundo as previsões da construtora, está avaliado em 200 milhões de libras.

Proteção temporária foi colocada em calçada afetada por reflexo de prédio (Foto: Carl Court/AFP)Proteção temporária foi colocada em calçada afetada por reflexo de prédio (Foto: Carl Court/AFP)Retrovisor e emblema da marca derreteram e uma das laterais do veículo ficou deformada pelo reflexo do sol (Foto: Reprodução/TV Globo)Retrovisor e emblema da marca derreteram e uma das laterais do veículo ficou deformada pelo reflexo do sol (Foto: Reprodução/TV Globo)

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 6 de setembro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , ,

Americana tenta ser a primeira a nadar de Cuba à Flórida sem proteção contra tubarões

AppId is over the quota
AppId is over the quota

A nadadora americana de longa distância Diana Nyad quer ser a primeira pessoa a atravessar a nado os 166 km que separam Cuba do Estado americano da Flórida, sem uma gaiola de proteção contra tubarões.

Nyad, que começou o percurso no sábado dia 31 de agosto, já percorreu mais da metade da distância entre a ilha e o continente.

A mulher de 64 anos, disse que essa será sua quinta e última tentativa de completar a travessia.

Ano passado ela precisou cancelar a prova depois de uma grande tempestade e após ser queimada diversas vezes por águas-vivas.

Dessa vez, ela está usando uma máscara de silicone especial para proteger o rosto de águas-vivas, mas até o momento Nyad não cruzou com nenhuma.

Sua equipe de apoio tem feito constantes atualizações em sua página na internet. No domingo, por volta das 17h (horário local) foi dada a informação de que ela já havia nadado ‘mais do que em qualquer outra tentativa anterior’, e que sua ‘velocidade média geral de 3.28 km/h está aumentando progressivamente ao longo do dia devido a uma corrente favorável.’

“Eu acho que tenho um pouco de sorte a meu favor em relação a mãe natureza. Eu estou pronta, e a proteção contra águas-vivas está melhor do que antes”, disse ela enquanto se preparava para deixar a capital cubana, Havana.

Ambição de uma vida

Nyad disse que a máscara, feita especialmente para a ocasião, torna a respiração mais difícil e pode diminuir sua velocidade, mas que a ajudaria a ‘passar por esses animais’.

As regras do nado de longa distância dizem que ela não pode, em momento algum, segurar no barco de apoio.

Nyad tem uma equipe de 35 pessoas para ajudá-la a manter seu curso e dar-lhe comida e água. Ela acredita que poderá levar até três dias para completar a travessia.

Durante sua última tentativa em agosto de 2012, ela teve que ser retirada da água após 41 horas, quando uma tempestade, e repetidas queimaduras de águas-vivas venenosas, não a deixaram continuar.

A nadadora tentou pela primeira vez completar a travessia em 1978 usando uma gaiola de proteção contra tubarões.

A segunda tentativa – sem uma gaiola – em 2011, teve que ser cancelada por causa de uma dor no ombro e um ataque de asma. No mesmo ano, queimaduras de águas-vivas acabaram com sua terceira tentativa de completar o cruzamento.

Falando em uma entrevista em Cuba, na sexta-feira (30), Nyad disse que esta seria sua última tentativa. “É muito emocionante para mim – já era há 35 anos, e ainda é – fazer algo que ninguém jamais fez. Tudo valeu a pena”, disse ela.

“Mas, desta vez, se eu não concluir a travessia, direi com orgulho que não tenho mais nada a acrescentar.”

Em junho, a nadadora de longa distância australiana Chloe McCardle tentou fazer a travessia sem uma gaiola de proteção contra tubarões, mas teve que desistir depois de também ser queimada por águas-vivas.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 2 de setembro de 2013 em Brasil

 

Tags: , , , , , , ,