RSS

Arquivo da tag: profissionais

Registros profissionais poderão ser solicitados pela internet

Novo sistema estará disponível a partir de 29/4 para 20 estados. Bahia, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, São Paulo, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul serão os próximos a serem incluídos no sistema

Os trabalhadores das 14 categorias que dependem de registro para exercer a profissão poderão solicitá-lo via internet, a partir da próxima segunda-feira (29). Atualmente, a concessão do registro, feita pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), só pode ser feita mediante a apresentação do profissional nas superintendências do trabalho, com a documentação exigida. Para retirar o registro, a superintendência estabelece um prazo, sem que o profissional possa acompanhar o processo.

O novo Sistema Informatizado de Registro Profissional (Sirpweb) vai estar disponível já na próxima segunda-feira (29) para os seguintes estados: Acre, Alagoas, Amazônia, Amapá, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pará, Paraíba, Piauí, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Santa Catarina, Sergipe e Tocantins.

O programa piloto foi implantado em caráter experimental no Distrito Federal, em novembro de 2012. Numa segunda etapa, chegará aos estados da Bahia, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, São Paulo, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul.

“O sistema vai facilitar a vida dos trabalhadores e, em breve, pretendemos tê-lo implantado em todo o país”, disse, em nota, o ministro do Trabalho, Manoel Dias.

Por meio do Sirpweb, o trabalhador tem de informar, via internet, dados pessoais e relativos ao registro pretendido. Em seguida, será gerado um número de solicitação, discriminando a documentação que deverá ser protocolada na superintendência do Trabalho mais próxima do requerente. A partir de então, todo processo poderá ser acompanhado pela internet. O sistema será disponibilizado nas páginas das Superintendências Regionais do Trabalho e Emprego.

O registro profissional é um cadastro obrigatório a todos os trabalhadores que exercem atividades regulamentadas por legislação própria, entre os quais publicitários, jornalistas, etc. São, ao todo, 14 categorias: agenciador de propaganda, artista, atuário, arquivista, guardador e lavador de veículos, jornalista, publicitário, radialista, secretário, sociólogo, técnico em espetáculos de diversões, técnico de Segurança do Trabalho, técnico em arquivo e técnico em Secretariado.

(*) Com Agência Brasil.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 26 de junho de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Registros profissionais poderão ser solicitados pela internet

Novo sistema estará disponível a partir de 29/4 para 20 estados. Bahia, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, São Paulo, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul serão os próximos a serem incluídos no sistema

Os trabalhadores das 14 categorias que dependem de registro para exercer a profissão poderão solicitá-lo via internet, a partir da próxima segunda-feira (29). Atualmente, a concessão do registro, feita pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), só pode ser feita mediante a apresentação do profissional nas superintendências do trabalho, com a documentação exigida. Para retirar o registro, a superintendência estabelece um prazo, sem que o profissional possa acompanhar o processo.

O novo Sistema Informatizado de Registro Profissional (Sirpweb) vai estar disponível já na próxima segunda-feira (29) para os seguintes estados: Acre, Alagoas, Amazônia, Amapá, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pará, Paraíba, Piauí, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Santa Catarina, Sergipe e Tocantins.

O programa piloto foi implantado em caráter experimental no Distrito Federal, em novembro de 2012. Numa segunda etapa, chegará aos estados da Bahia, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, São Paulo, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul.

“O sistema vai facilitar a vida dos trabalhadores e, em breve, pretendemos tê-lo implantado em todo o país”, disse, em nota, o ministro do Trabalho, Manoel Dias.

Por meio do Sirpweb, o trabalhador tem de informar, via internet, dados pessoais e relativos ao registro pretendido. Em seguida, será gerado um número de solicitação, discriminando a documentação que deverá ser protocolada na superintendência do Trabalho mais próxima do requerente. A partir de então, todo processo poderá ser acompanhado pela internet. O sistema será disponibilizado nas páginas das Superintendências Regionais do Trabalho e Emprego.

O registro profissional é um cadastro obrigatório a todos os trabalhadores que exercem atividades regulamentadas por legislação própria, entre os quais publicitários, jornalistas, etc. São, ao todo, 14 categorias: agenciador de propaganda, artista, atuário, arquivista, guardador e lavador de veículos, jornalista, publicitário, radialista, secretário, sociólogo, técnico em espetáculos de diversões, técnico de Segurança do Trabalho, técnico em arquivo e técnico em Secretariado.

(*) Com Agência Brasil.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 26 de junho de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Profissionais do Brasil podem buscar certificação ITIL MALC em português

Além das certificação intermediária, profissionais brasileiros de TI podem agora podem adquirir o nível Expert em seu próprio idioma.

Já dissemos aqui que as certificações em Information Technology Infrastructure Library, ou ITIL, voltaram ao topo de muitas listas de contratação de TI. Não por acaso, em 2012, o número de exames ITIL na América Latina cresceu 500%, segundo o IT Service Management Forum. Agora, o lançamento dos novos exames em português e espanhol vem suportar o rápido crescimento do mercado de ITIL na região. 

No Brasil, o lançamento de MALC, agora em março de 2013, se soma aos seis exames do nível intermediário (SO, ST, OSA, PPO, RCV, e SOA), já em português, o que significa que os profissionais de TI agora podem alcançar o nível ITIL Expert em seu próprio idioma.

“No passado, com a tradução dos exames de certificação ITIL Service Manager para o português, vimos o número de profissionais certificados crescer da de dezenas para centenas. Tenho confiança que o mesmo acontecerá com o certificado de Expert. Isto demonstra o quão importante é o lançamento do exame MALC em português”, afirma Moracy Ferrari, responsável pelo projeto de traduções em português junto ao Accreditor.

Segundo ele, mesmo com os eventos internacionais que acontecerão no Brasil (Copa do Mundo de Futebol em 2014 e Jogos Olímpicos do Rio em 2016), e com a maioria dos fornecedores de TI disponibilizando seus manuais oficiais em inglês, não é comum encontrar brasileiros que queiram percorrer o caminho total da certificação com exames em inglês. Portanto, a tradução dos exames de ITIL para o português é a chave para o crescimento das Melhores Práticas do ITIL na indústria local de TI.

Os novos exames lançados em português e espanhol para América Latina logo serão acompanhados pela tradução do Glossário do ITIL para o espanhol internacional. Ao unificar os termos dos glossários de espanhol europeu e do latino americano, esta nova tradução permitirá aos profissionais de TI escolher um caminho em seus estudos que poderá compreender uma mistura de exames a partir de uma vasta variedade já disponível em ambas as versões de espanhol.

“Esperamos um grande interesse por estas novas traduções. Isto certamente não acontecerá somente na Argentina: nossos membros do itSMF no Peru, Chile, México, Colômbia e Brasil confirmam que esta tendência de crescimento está acontecendo em todos os países da América Latina. Estamos gratos e felizes em ver o suporte contínuo do Best Management Practice e dos profissionais de ITIL que contribuem com tempo e esforço na localização do ITIL e Gerenciamento de Serviços de TI em nossa região”, completa Alejandro Debenedet, membro fundador do itSMF Argentina e Vice-Chair do itSMF International.

Mais informações sobre a disponibilidade destes exames e os cursos de treinamento associados podem ser obtidas com as Accredited Training Organisations (ATOs) ou os Examination Institutes.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 23 de junho de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Alog investe R$ 2 milhões em capacitação de seus profissionais

Expectativa é de que pelo menos 80% dos talentos da empresa sejam beneficiados com alguma política de treinamento e desenvolvimento.

Algumas empresas já perceberam que o caminho para reduzir o déficit de profissionais especializados de TI no Brasil é treinar seus próprios talentos. Uma das companhias que vem investindo nessa área é o data center A Alog, que está destinando 2 milhões de reais para capacitação de seus aproximadamente 500 colaboradores.

O valor, segundo a companhia, é 30% maior do que o aplicado no ano passado, de 1,5 milhão de reais. A expectativa é de que pelo menos 80% dos profissionais da empresa sejam beneficiados com alguma política de treinamento e desenvolvimento de liderança, processos, gestão, tecnologias e conhecimento de novos produtos.

Ao ingressar na empresa, os profissionais cumprem uma agenda de treinamentos virtuais, em que aprendem mais sobre produtos e serviços, processos e todos os procedimentos internos da Alog. A companhia oferece mais de 70 cursos virtuais criados pelos próprios colaboradores, que contemplam temas técnicos, comportamentais e procedimentos internos. 

Ainda segundo a Alog, a empresa estimula seus colaboradores a formarem grupos de estudo fora do horário do expediente e oferece toda a infraestrutura necessária. Os funcionários também podem realizar cursos de aprimoramento de português e atendimento ao cliente. Todas as ações conjuntas resultaram em mais de 18 mil horas de treinamento em 2012.

“Temos esta cultura de investimentos na capacitação de nossos colaboradores desde 2005, quando a empresa foi criada. Até o momento, já foram mais de 4,5 milhões de reais destinados a treinamentos de gestão e técnicos”, afirma Eduardo Carvalho, presidente da Alog. 

O executivo destaca que é importante incentivar a formação dos funcionários, tanto para que eles possam se desenvolver profissionalmente como para colaborar com expertise no segmento em que atua.

A empresa apoia todas as certificações técnicas, de processos ou gestão, por meio de reembolso do valor de provas – aos colaboradores aprovados – e subsidia cursos preparatórios. Atualmente, as certificações técnicas Cisco, Linux, Microsoft, Oracle e VMware são as mais requisitadas pelos profissionais da Alog e as mais famosas de gestão são ITIL, Cobit e PMP.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 23 de junho de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , ,

HP e Cesar selecionam 15 profissionais para residência em software

Inscrições foram prorrogadas até 6/02. Aprovados vão atuar em Sorocaba (SP) e serão capacitados no desenvolvimento de aplicações para Windows 8. Valor da bolsa é de R$ 2 mil.

A unidade de Sorocaba (SP) do Centro de Estudos e Sistemas Avançados do Recife (Cesar) e a HP reabriram as inscrições do processo seletivo para o programa de residência em software. Serão escolhidos 15 profissionais graduados, ou em graduação até fevereiro de 2013, para receberem capacitação em desenvolvimento de aplicações para Windows 8.

As vagas são para profissionais de cursos como Design Gráfico e de Interação, Engenharias de Software e da Computação, Ciência da Computação, Processamento de Dados e Comunicação Visual.

As novas inscrições podem ser feitas pelo site do Cesar, na opção “Bolsista residência HP/Cesar”, até o dia 06 de fevereiro. O valor da bolsa é R$ 2 mil. O programa tem início  no mês de fevereiro, com término em seis meses.

Os selecionados receberão monitoria de especialistas do Cesar de diferentes áreas de atuação. A equipe multidisciplinar possibilita o desenvolvimento de aplicações focadas na experiência do usuário, atrativas e intuitivas.

Durante a execução do projeto, os alunos da residência serão constantemente acompanhados por tutores e estarão inseridos no ambiente profissional do Cesar. O modelo de residência de software fornece aos alunos um mecanismo inovador de capacitação humana, que funciona também como um catalisador de experiência.

O edital completo pode ser acessado no site do Cesar. 

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 23 de junho de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Asyst International + Rhealeza abre 128 vagas para profissionais de TI

Oportunidades são para atuação em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, região Norte, Nordeste e Centro-Oeste.

A Asyst International + Rhealeza, especializada em suporte ao usuário final (service desk + field service) na América Latina, abriu 128 vagas para profissionais da área de TI para atuação em várias regiões do País.

As oportunidades são destinadas aos cargos de analista de suporte, administrador de rede e técnico de suporte de campo. As posições estão disponíveis nas seguintes localidades: São Paulo (capital, Grande SP, litoral e interior), Rio de Janeiro, Minas Gerais, região Norte, Nordeste e Centro-Oeste.

Para candidatar-se a qualquer uma das posições, é necessário estar cursando ensino técnico ou superior na área de informática e ter experiência profissional anterior na função.

Os interessados devem acessar o site da empresa, clicar no link Trabalhe Conosco e seguir as instruções. Ou, ainda, enviar o currículo por e-mail para selecao@asystinternational.com.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 22 de junho de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Cinco livros indispensáveis para os profissionais de TI

Em um mundo de tweets e webinários, profissionais de TI ainda obtêm algum valor de forma tradicional: livros

21 de dezembro de 2012 – 10h45

Encaremos – quando o assunto é o desenvolvimento de um profissional de TI, os livros podem ser o último lugar onde procurar informações. Com webinários, fóruns online, blogs, páginas na internet, bootcamps e a mídia social, os livros parecem ser realmente um último recurso.

“A maior parte das informações que recebo são da internet, sejam manchetes através do Twitter ou ponteiros para artigos ricos em informações postados em um blog”, concorda Doug Ross, CIO da Western Southern Financial Group em Cincinnati. “O conteúdo mais digerível no momento está vindo na forma de postagens curtas ou em vídeos no YouTube”.

Ainda assim, de vez em quando um trabalho seminal aparece (O “Being Digital” de Nicholas Negroponte vem à mente) e a leitura passa a ser indispensável, conta Ross.

Pedimos para alguns profissionais de TI envolvidos em diferentes indústrias e cargos para nomearem os livros que influenciaram suas carreiras. Aqui está o resumo dos títulos para serem lidos antes que o ano acabe ou para serem colocados nas suas metas para o ano que está por vir.

1. “The Leadership Secrets of Santa Claus” (Os segredos da liderança de Papai Noel), Eric Harvey, David Cottrell, Al Lucia e Mike Hourigan
Dica de George Lasseigne, diretor de tecnologia da Warren Manufacturing.

Existem algumas coisas que tornaram este livro relevante para mim. Primeiro, o momento. A indicação chegou por e-mail (ainda não faço a menor ideia de quem o enviou ou como o consegui) logo depois que eu obtive meu primeiro cargo de administração. Eu não tinha funcinários diretos na época, mas estava gerindo vários terceirizados. O que realmente se destacou foi o conselho para contratar e rodear-me de profissionais qualificados. Investir na qualidade e não na quantidade.

Apesar de soar como senso comum, realmente me ocorreu que é melhor não ter muitos que façam tudo do do que poucos encarregados de parte do trabalho. Finalizei alguns contratos e precisei assumir mais trabalho do que gostaria por certo tempo. Contudo, éramos mais produtivos, e todos – especialmente eu – estávamos mais felizes. É uma dura lição que todos os administradores precisam aprender logo.

Outro importante ponto foi a simplicidade. Eu havia lido alguns outros livros de liderança no passado, mas grande parte deles era longa e indiferente. Este livro realmente foi direto ao ponto no fato de que a administração não é complexa. Ela se resume a muito senso comum e a tratar as pessoas de forma justa. A parte complicada é executar e manter decisões difíceis de forma consistente.

2. “The Peter Principle: Why Things Always Go Wrong” (O princípio de Peter: Porque coisas sempre dão errado?), Laurence Peter e Raymond Hull
Dica de Donald Roper, administrador de sistemas da Greenville.

Considero esse livro revelador, pois um de seus princípios é que “supercompetentes” nunca passarão de certo ponto a menos que seu chefe ou o chefe de seu chefe não os vejam como uma ameaça. Se você for muito competente em seu trabalho, seu chefe pode, na verdade, lhe fazer perder o seu trabalho simplesmente para manter a hierarquia dos incompetentes.

A parte selvagem é que eu realmente vi isso acontecer. No meu caso, era um chefe incompetente preocupado com o fato de que ele poderia perder seu trabalho para uma pessoa “supercompetente” que definitivamente tinha educação e um conjunto de habilidades melhores do que as de seu administrador. O gerente montou neste pobre sujeito até que o mesmo foi embora, frustrado.

3. “The 11 Secrets of Highly Influential IT Leaders” (Os 11 segredos de lideres de TI altamente influentes), Marc J. Schiller
Dica de Jessica Carroll, diretor de Informação & Tecnologia Digital da U.S. Golf Association.

Ao ler este livro, eu tive uma epifania profissional. Estive estimulando uma parceria de negócios de TI dentro de nossa organização por algum tempo, e este livro esboçou alguns itens tangíveis e realistas a serem feitos em direção a essa meta.

Por exemplo, ele destaca que a TI precisa compreender como cada unidade de negócio funciona, além de recitar alguns “itens” de alto nível. O autor oferece etapas sobre como ir mais fundo na compreensão do fluxo de trabalho do negócio e, ao fazê-lo, como isto pode afetar relacionamentos mais profundos pela empresa.

Como uma segunda perspectiva, o “Lessons in IT Transformation” (Lições na transformação da TI) é uma leitura fantasticamente envolvente que também destaca os métodos em direção a uma TI mais saudável e integrada.

[As recomendações de Carroll são pessoais e não representam aquelas de seu empregador, a United States Golf Association.]

4. “Good to Great” (De bom para ótimo), Jim Collins
Dica de Doug Ross, CIO do Western Southern Financial Group

A partir de uma perspectiva de liderança, o conceito deste livro de um líder de nível 5 (um que misture “extrema humildade pessoal com intensa vontade profissional”) ressoou para mim. Sua mensagem – ter um foco no sucesso do negócio e não em seu engrandecimento pessoal – é crítica.  O Vice Almirante James Stockdale sobreviveu a uma prisão Vietnamita. Quando lhe perguntaram como ele conseguiu tal feito, ele disse que foi porque ele era realista. Os otimistas diziam, ‘Até o próximo natal, teremos saído daqui’, e eles entravam em pânico quando isso não acontecia. Mas ele ficava focado como um laser nos fatos de sua realidade, simplesmente passando por ela. Então, a mensagem é sobre humildade e ter os melhores interesses da empresa em mente versus a abordagem alternativa do típico executivo cruel.

Assim como em muitas culturas típicas de escritório, sempre tendemos a ter alguns livros de negócios circulando – “The Elements of Power” (Os elementos do poder) (por Terry Bacon) e “The Game Changer” (O modificador de jogos) (A.G. Lafley e Ram Charan) são exemplos típicos. “The Designful Company” (A empresa projetista), por Marty Neumeier, é uma leitura rápida que fala sobre a natureza do projeto e o papel que ele tem desempenhado para a Apple tornar-se a empresa bem sucedida que é hoje.

5. “StrengthsFinder 2.0” (Buscador de força), Tom Rath
Dica de Casey Biddle, analista técnico da State Farm.

Não li muitos livros sobre conselho de carreira, mas o mais recente foi este curto e pequeno livro. Li alguns livros das aulas de Dale Carnegie também e recomendaria qualquer aula ou webinário deles.

Outras fontes de informações para incrementar a carreira

Além dos livros, aqui estão outras formas pelas quais profissionais de TI estão obtendo orientação e enriquecimento profissional.

Segundo Jessica Carroll, a Society for Information Management (SIM) é uma fonte valiosa para conexões entre pessoas envolvidas com TI. Cada reunião mensal facilita conversações cara-a-cara e apresentações relevantes de lideres da indústria. Não existe uma reunião se quer que eu deixe sem fazer, pelo menos, três novos e valiosos contatos – pessoas com quem exista um fluxo aberto e profissional de conhecimento.

O LinkedIn é outra fonte _ essa diária _  para conexões com a indústria. Através desta mídia social Jessica conheceu a maior parte de seus colegas mais próximos, foi apresentada a incríveis grupos e organizações (como a SIM), e foi capaz de aumentar minha rede de contatos de formas que simplesmente não teriam existido sem a mídia social.

“Para manter esta ferramenta significativa, eu me conecto predominantemente com indivíduos em papeis similares. Não estou buscando por volume de contatos, em vez disso busco por profissionais que têm interesses de negócios sinceramente conectados e que estão abertos a compartilhar conhecimento e ideias”, afirma.

Já Thom Jonnson, administrador sênior de sistemas da AT&T Services, Califórnia do norte, gosta de ver webinários sobre conceitos com os quais precisa se familiarizar. “Eles não são bons para treinamentos profundos, mas você pode ter uma introdução e ver o que um aplicativo faz e como ele funciona em ambientes diferentes”, explica.

Na opinião de Doug Ross, Western Southern, uma das melhores fontes que é o blog “Joel on Software”, criado por Joel Spolsky. “Também sigo centenas de pessoas no Twitter, incluindo todas as principais publicações de tecnologia e lideres de pensamento, como Bruce Schneier, Sophos e Symantec”, afirma. Na opinião dele, alguns dos melhores artigos sobre negócios estão sendo feitos em blogs em oposição aos periódicos.

Ross também considera os vídeos do TED Talks e do Tech Talk do Google intrigantes. “E existem alguns vídeos instrucionais realmente bons que utilizamos de Stanford e do MIT. Fizemos nossos desenvolvedores assistirem um recente Tech Talk sobre o aplicativo web security – é realmente uma ótima forma de compartilhar conhecimento com desenvolvedores que, de outra forma, não o teria”, comenta.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 31 de maio de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , ,