RSS

Arquivo da tag: produzido

Pesquisas apontam as diferenças entre o açaí produzido no AM e no PA

A reportagem especial que marca os 13 anos das edições diárias do Globo Rural traz o melhoramento genético do açaí. Há diferenças entre o fruto das palmeiras do Pará e do Amazonas.

A voadeira, uma canoa com motor na popa, navega pelo Rio Solimões em direção às comunidades da região de Manacapuru, no centro-leste do Amazonas, onde há moradores que vivem da extração do açaí. A palmeira que predomina na região é chamada de açaí do Amazonas ou açaí solteiro. A planta da espécie euterpe precatoria é caracterizada por possuir uma única estipe, que é como os pesquisadores chamam o caule.

Alguns frutos caem naturalmente pelo caminho durante o transporte. Sem perceber, os coletores semeiam pés de açaí pela floresta. As mudas que não foram plantadas crescem ao acaso e contribuem para o aumento da quantidade de açaizeiros justamente em áreas aonde há extração do fruto. Os pesquisadores do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA), em Manaus, tentam esclarecer as dúvidas dos produtores. O instituto realiza estudos com o objetivo de conhecer melhor a espécie para buscar o aumento da produtividade.

“Eu coleto populações de açaí ao longo do Rio Solimões e vou comparar a genética dessas populações. Essa é a primeira informação a ser gerada para o melhoramento genético. É muito diferente do açaí do Pará”, diz a Poliana Perrut, pesquisadora do INPA.

Na Ilha do Combu, no Pará, é possível encontrar o açai do pará, um tipo de palmeira da espécie euterpe olerácea que não há no Amazonas. A principal característica dos açaizais das regiões de várzea é o que os especialistas chamam de perfilhamento ou brotação. O estipe da palmeira, como é chamado o tronco dessa espécie, multiplica-se rapidamente e dá origem a vários outros estipes na mesma planta.

“Uma característica da palmeira açaí é a presença nesse tipo de solo úmido, solo úmido, hidromófico alagado. A presença de água e a quantidade de matéria orgânica que aqui existe faz com que várias bactérias se associem ao sistema radicular da palmeira formando esse conjunto de bactérias que vão ajudar na oxigenação da planta. Por esse motivo ela cresce intensivamente”, diz o engenheiro florestal Mário Augusto Jardim.

O extrativista Rosivaldo Quaresma, que pertence a uma família de extrativistas no Combu, usa com habilidade a peconha, espécie de corda feita com cordas da palmeira que fica presa aos pés e apoiada no tronco. A peçonha é utilizada facilitar a subida aos cachos. Ele faz a colheita de açaí preto e de açaí branco, que na verdade fica verde quando está maduro. Os açaizeiros rendem 4,5 mil frutos por cacho, também chamado de touceira.

Com tantas palmeiras brotando de uma mesma planta, Rosivaldo Quaresma não tem motivos para reclamar nem na entressafra, período em que extrai o palmito da parte mais alta e nova do açaizeiro. Com um facão, ele corta o caule até chegar a um ingrediente usado em várias receitas. “A gente derruba os palmitos da adulta e os perfilhos ficam dando fruto pra poder continuar a colheita”, diz.

Há 30 anos, a Embrapa realiza estudos de domesticação do açaí do Pará. As pesquisas resultaram em um banco de germoplasma que tem mais de 800 mudas de açaí plantadas numa área de terra firme, em Belém. Depois, foram selecionadas 25 plantas de elite, que deram mais frutos e de melhor qualidade. Os estudos da formação e do material genético da planta melhoraram a produção das sementes, que deram origem a outras duas plantações de açaí.

Os resultados já começaram a surgir. As palmeiras já estão frutificando precocemente, ou seja, um ano e meio mais cedo do que os açaizeiros encontrados na floresta. O próximo passo é verificar em laboratório se esses frutos têm mais polpa e mais antocianina, um corante natural muito benéfico à saúde.

Fonte G1

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 9 de outubro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Estúdio anuncia filme sobre James Brown produzido por Mick Jagger

AppId is over the quota
AppId is over the quota
Chadwick Boseman durante uma partida entre Pacers e Knicks pela NBA, em 14 de abril de 2013 (Foto: AP Foto/Seth Wenig)Chadwick Boseman durante jogo da NBA, em 14 de
abril (Foto: AP Foto/Seth Wenig)

O estúdio Universal Pictures e a produtora Imagine Entertainment deram sinal verde para o começo das filmagens do longa que vai contar a vida do músico James Brown, que será interpretado por Chadwick Boseman.

O diretor do filme, ainda sem título, será Tate Taylor, conhecido por “Histórias Cruzadas”, que concorreu ao Oscar de Melhor Filme em 2012. Mick Jagger, dos Rolling Stones, é um dos produtores do filme.

A vida do “rei do soul” será contada desde a infância pobre na Geórgia até se tornar um dos artistas mais famosos e influentes do rhythm and blues e autor de sucesso como “(Get up I feel like being a) sex machine”, “Papa’s got a brand new bag”, “I got you (I feel good)” e “It’s a man’s man’s man’s world”.

Até morrer, em 2006, aos 73 anos, Brown continuou tocando. O músico começou a cantar na cadeia com alguns companheiros de cela depois de ser preso por roubo aos 16 anos e vendeu mais de 500 milhões de álbuns nos 50 anos de carreira. Cada um dos álbuns que gravou entre 1960 e 1977 esteve na lista dos cem principais sucessos do ano.

James Brown cresceu nas ruas de Augusta, interior da Geórgia, e cantava e dançava para conseguir pagar um quarto de bordel. Ao sair da cadeia teve uma curta carreira semiprofissional como boxeador.

Ao sair do reformatório montou uma banda, The Famous Flames, que assinou contrato em 1956 com a Kings Records de Cincinnati e, quatro meses, depois “Please, please, please” se tornou a primeira música de R&B a vender mais de um milhão de cópias nos Estados Unidos.

O longa promete tocar em aspectos delicados como a longa luta contra vício em drogas, álcool e maus tratos que surgiram na década de 70 e o acompanharam pelo resto da vida.

Após a morte de seu filho em um acidente de trânsito, sua carreira entrou em decadência, e mesmo tendo alguns sucessos ocasionais, nunca deixou de trabalhar.

O ator que vai ter o desafio de interpretar James Brown é o jovem Chadwick Boseman, mais conhecido por participações em seriados como “Fringe” e “Lei & Ordem”. Seu primeiro filme de repercussão foi “42: a história de uma lenda”, no qual dividiu a tela com Harrison Ford.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 29 de agosto de 2013 em Música

 

Tags: , , , , , , ,

iPad mini custa US$188 para ser produzido, diz site

Uma análise do novo iPad mini, da Apple, feita pela consultoria iSuppli IHS, revela que cada modelo Wi-Fi de 16GB do tablet, com tela de 7,9 polegadas, custa cerca de 188 dólares para ser produzido. Isso equivale a uma margem bruta de lucro de cerca de 43% para a Apple.

O All Things D contou que a análise incluía as identidades de vários dos principais fornecedores de componentes do iPad mini, bem como a lista de materiais (BOM, em inglês).

ipadmini_435

A LG Display e a AU Optronics foram apontados na reportagem como os fornecedores de componentes da tela, que custa cerca de 80 dólares, ou 43% do BOM total. De acordo com o analista Andrew Rassweiler, uma nova tecnologia no display está causando problemas no processo de fabricação e, portanto, levando a custos mais elevados. Estes gastos devem diminuir na medida em que os problemas forem resolvidos, disse ele.

Enquanto a Samsung continua a fabricar o processador A5, a Apple optou por comprar outros componentes – que a Samsung anteriormente fornecia – de diferentes empresas. Por exemplo, a IHS diz que a Hynix Semiconductor, uma fabricante de chips da Coreia do Sul, fez os chips de memória flash no iPad mini, e a companhia japonesa Elpida forneceu a memória do sistema. Os chips de memória custam cerca de 15,50 por unidade, diz a IHS.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 19 de junho de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , ,

PC “All in One” produzido no Brasil terá incentivo fiscal

AppId is over the quota
Benefício será concedido para equipamentos que atenderem as exigências do Processo Produtivo Básico (PPB) da Lei de Informática.

22 de fevereiro de 2012 – 14h51

A produção de computadores do tipo “All in One”, que reúnem a Unidade Central de Processamento (CPU) e o monitor em uma só unidade, já pode ser feita no Brasil com os incentivos tributários previstos pela Lei de Informática.

Para isso, a empresa deve comprovar, entre outros itens, o cumprimento do Processo Produtivo Básico (PPB) que foi publicado no Diário Oficial da última quinta-feira (16/02) pelos Ministérios do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) e de Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI).

As Portarias Interministeriais nº 53 e nº 54 estabelecem o conjunto mínimo de etapas de nacionalização que a empresa terá que atender para ter direito aos benefícios concedidos pelo governo.

Para o cumprimento dessas etapas, ficaram estabelecidos percentuais e cronogramas de montagem e utilização de componentes, partes e peças nacionais, tomando-se por base a quantidade a ser utilizada durante o ano.

Consulta Pública

O novo PPB do computador All in One foi definido a partir de consulta pública realizada pelo Grupo de Trabalho de PPBs, que decidiu utilizar como paradigmas os processos produtivos básicos já definidos para netbooks, notebooks e tablets.

A avaliação do grupo é a de que o All in One traz altas exigências de valor agregado semelhantes às necessárias na fabricação desses itens.

O PPB representa o conjunto mínimo de etapas que caracterizam a industrialização local de determinado produto, que deve ser atendido para a empresa ter direito aos benefícios tributários concedidos às empresas da Zona Franca de Manaus e às que produzem bens de informática e automação com os incentivos fiscais da Lei de Informática (Lei nº 8.248/91), instaladas em qualquer parte do País.

*Com informações da Agência MDIC

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 8 de março de 2012 em Tecnologia

 

Tags: , , ,