RSS

Arquivo da tag: primeiros

Vídeo mostra terremotos sentidos no planeta nos primeiros meses de 2014

Uma animação divulgada pelo Centro de Alerta de Tsunami do Pacífico (PTWC, na sigla em inglês) mostra todos os terremotos registrados ao redor do planeta desde 1° de janeiro até 30 de abril deste ano.

O vídeo, elaborado com dados do Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS) e da Administração Nacional Oceânica e Atmosférica (NOAA, na sigla em inglês), contém uma grande quantidade de tremores. Os círculos, de diferentes tamanhos, indicam a magnitude dos fenômenos, enquanto as cores apontam a profundidade marinha em que eles ocorreram.

Segundo o USGS, abalos sísmicos acontecem todos os dias, em uma média de 11 por hora. Os terremotos de magnitude moderada são menos comuns: um a dois por mês. No entanto, em abril, ocorreram 13 tremores de magnitude igual ou superior a 6,5, algo considerado incomum, segundo o centro de alerta de tsunamis.

No dia 1° de abril, um abalo de magnitude 8,2 sacudiu o Chile, matando pelo menos seis pessoas e deixou feridos graves. Dois dias depois, outro potente terremoto, desta vez de magnitude 7,8, voltou a assustar parte do país. Também foram registrados fenômenos considerados fortes na Nicarágua, no México, no Canadá e no sul do Oceano Atlântico.

De acordo com o PTWC, foram emitidos cinco alertas de tsunami no último mês: dois
no norte do Chile (em 1° de abril e 3 de abril) e três nas Ilhas Salomão (dias 12, 13 e 19 de abril).

Trecho de vídeo mostra locais (Foto: Reprodução/YouTube/PacificTWC)Trecho de vídeo mostra locais onde ocorreram terremotos entre janeiro e abril (Foto: Reprodução/YouTube/PacificTWC)

View the original article here

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 14 de maio de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Vídeo mostra terremotos sentidos no planeta nos primeiros meses de 2014

Uma animação divulgada pelo Centro de Alerta de Tsunami do Pacífico (PTWC, na sigla em inglês) mostra todos os terremotos registrados ao redor do planeta desde 1° de janeiro até 30 de abril deste ano.

O vídeo, elaborado com dados do Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS) e da Administração Nacional Oceânica e Atmosférica (NOAA, na sigla em inglês), contém uma grande quantidade de tremores. Os círculos, de diferentes tamanhos, indicam a magnitude dos fenômenos, enquanto as cores apontam a profundidade marinha em que eles ocorreram.

Segundo o USGS, abalos sísmicos acontecem todos os dias, em uma média de 11 por hora. Os terremotos de magnitude moderada são menos comuns: um a dois por mês. No entanto, em abril, ocorreram 13 tremores de magnitude igual ou superior a 6,5, algo considerado incomum, segundo o centro de alerta de tsunamis.

No dia 1° de abril, um abalo de magnitude 8,2 sacudiu o Chile, matando pelo menos seis pessoas e deixou feridos graves. Dois dias depois, outro potente terremoto, desta vez de magnitude 7,8, voltou a assustar parte do país. Também foram registrados fenômenos considerados fortes na Nicarágua, no México, no Canadá e no sul do Oceano Atlântico.

De acordo com o PTWC, foram emitidos cinco alertas de tsunami no último mês: dois
no norte do Chile (em 1° de abril e 3 de abril) e três nas Ilhas Salomão (dias 12, 13 e 19 de abril).

Trecho de vídeo mostra locais (Foto: Reprodução/YouTube/PacificTWC)Trecho de vídeo mostra locais onde ocorreram terremotos entre janeiro e abril (Foto: Reprodução/YouTube/PacificTWC)

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 9 de maio de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Paris bate seu recorde de calor de 1880 nos primeiros dias de março

As temperaturas em Paris alcançaram nos primeiros dez dias do mês de março 21,6ºC, um recorde desde 1880 pelo bom tempo registrado em várias partes da França, indicou nesta segunda-feira o serviço nacional de meteorologia.

O recorde anterior em Paris era de 21,2 graus, indicou o Météo-France, que também registrou recordes de temperatura em Le Mans (centro-oeste, 20,8º), Lille (norte, 19,5º) e Orleans (centro, 22,2º).

“São temperaturas claramente primaveris, de um mês de maio, e é uma prolongação do inverno que tivemos”, também com temperaturas altas, indicou o meteorologista Jérôme Lecou.

Franceses aproveitam dia de sol e tempo bom em Paris neste domingo 99) (Foto: Alain Jocard/AFP)Franceses aproveitam dia de sol e tempo bom em Paris neste domingo 99) (Foto: Alain Jocard/AFP)

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 11 de março de 2014 em Brasil

 

Tags: , , ,

Softwares usados na Copa são os primeiros a ter selo ‘made in Brazil’

Software que será usado na Copa do Mundo, Módulo Risk Manager foi um dos primeiros a receber Certic, selo nacional de desenvolvimento no Brasil. (Foto: Divulgação/Módulo)Software que será usado na Copa do Mundo, Módulo Risk Manager foi um dos primeiros a receber Certic, selo nacional de desenvolvimento no Brasil. (Foto: Divulgação/Módulo)

Dois programas de computador que serão utilizados na Copa do Mundo são os primeiros softwares a receberm o certificado de desenvolvimento no Brasil. As primeiras plataformas “made in Brazil” são o IntelleTotum, para interceptações telefônicas (conhecidas como “grampos”), e o Módulo Risk Manager, que compila informações para gerir grandes eventos e situações de risco.

Concedidos nesta semana, os primeiros selos, chamados de Certic, saem quase um ano e meio após o lançamento do programa nacional TI Maior, que, entre outros objetivos, procura engrossar o ecossistema de tecnologia da informação no país.

Uum dos primeiros a receber Certic, o selo nacional de desenvolvimento no Brasil, o Módulo Risk Manager foi usado na Jornada Mundial da Juventude e será usado na Copa do Mundo. (Foto: Divulgação/Módulo)Uum dos primeiros a receber Certic, o selo
nacional de desenvolvimento no Brasil, o Módulo
Risk  Manager foi usado na Jornada Mundial da
Juventude e será usado na Copa do Mundo.
(Foto: Divulgação/Módulo)

Veterano de grandes eventos, o Módulo Risk foi utilizado na Jornada Mundial da Juventude, no Panamericano e na Rio+20. Ele reúne os dados dos diversos órgãos envolvidos na segurança, processa a informação e a exibe em telões, para que os operadores tomem decisões rápidas.

Durante os jogos da Copa, por exemplo, os telões irão mostrar imagens de todas as câmeras que filmarem a localidade da partida, desde aquelas utilizadas para controle do trânsito até as que são posicionadas nos helicópteros da polícia.

“A informação muitas vezes vem de fontes distintas, que nem sempre tem um valor por si só”, diz Marlon Gaspar, diretor de desenvolvimento da carioca Módulo, responsável pelo software que será usado durante a Copa do Mundo nos centros de comando e controle das 12 cidades sede e no utilizado pelo Ministério da Justiça. Por essa solução, integrada a sistemas de radiocomunicação, vídeo e processamento de dados, o governo desembolsou R$ 244 milhões.

Grampeando redes sociais
O outro software “made in Brazil” que estará na Copa é o IntelleTotum, plataforma de interceptações telefônicas. Desenvolvido pela catarinense Dígitro, o programa é usado por vários órgãos de segurança pública e por Ministérios Públicos de todo o Brasil.

Uma das aplicações do IntelleTotum é o software Guardião, utilizado pelo Centro de Defesa Cibernética do Exército (CDCiber) para monitorar redes sociais, como o Facebook e o Twitter, em busca de informações para conter atos contra a segurança nacional.

Ao G1 o general José Carlos dos Santos, militar à frente do CDCiber, afirmou que o Guardião foi usado para monitorar as manifestações que pipocaram pelo Brasil em julho de 2013, bem como durante a Copa das Confederações e a JMJ. Em junho, quando a bola rolar, o Exército colocará o Guardião em campo.

O Certic é a credencial necessária para que empresas de software obtenham vantagens em uma licitação pública, benefício concedido nesta semana pelo governo. Com ele, os preços das empresas autenticadas recebem uma margem de preferência de 18% em relação ao das estrangeiras. Isso quer dizer que, caso tenham um software até 18% mais caro que suas concorrentes de fora do país, ainda assim podem vencer a licitação.

Espionagem
Segundo membros do governo e empresários ouvidos pelo G1, as Certics miram um problema e acabam destravando outro: ajudam a reduzir a dimensão da espionagem cibernética dos Estados Unidos, que, segundo revelações do ex-técnico da CIA Edward Snowden, chegam a forçar o acesso aos sistemas de empresas norte-americanas.

“Não é nenhuma panaceia em questão de segurança, não, mas ajuda um pouco”, diz Rafael Moreira, secretário de Política de Informática do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI).

“Acaba resvalando, porque empresas que não tem nenhum tipo de desenvolvimento no país vão acabar tendo dificuldade aqui”, diz. Para gozar do benefício de ter margens preferenciais, as empresas precisarão garantir a abertura do código, explica Moreira.

“Isso não garante que o software não tenha ‘porta dos fundos’, mas a empresa que mantiver caixas pretas terá mais dificuldades, sim”, afirma. As “portas dos fundos” são brechas nos códigos dos softwares que, segundo as revelações de Snowden, são deixadas por companhias dos EUA para que agências de segurança como a NSA aproveitem e espionem usuários.

Para Gaspar, da Módulo, a Certic “vai levar a gente a ter uma segurança muito maior nos nossos sistemas de informação, na nossa segurança contra espionagem e contra a robustez desses sistemas”

Nos próximos dias, mais cinco softwares devem ganhar o Certic. Outros cinco também aguardam na fila. Segundo Moreira, do MCTI, desde que o governo abriu o processo para análise prévia dos programas, 60 pedidos foram feitos. O documento é fornecido pelo Centro de Tecnologia da Informação (CTI) Renato Archer, de Campinas.

Veja como obter um selo ‘made in Brazil’:

1) A entidade interessada se inscreve na plataforma CERTICSys, que simula a avaliação do software (Veja aqui);
2) Depois do cadastro, a contratação da avaliação deve ser feita para que avaliadores façam uma visita e colham evidências do desenvolvimento do software;
3) São avaliados critérios como investimento em pesquisa e desenvolvimento no Brasil, aplicação desses resultados no software e nível de inovação tecnológica;
4) O CTI Renato Archer decida se valida a análise ou não; em caso positivo, o MCTI emite o certificado.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 28 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , ,

Vaticano tem suspense à espera dos primeiros cardeais do Papa Francisco

As previsões se multiplicavam nesta sexta-feira (10) no Vaticano sobre a nomeação nos próximos dias ou semanas dos cerca de 14 novos cardeais que deverão dar mais peso aos países da América do Sul e Latina no “Colégio Sagrado”.

O primeiro consistório do Papa argentino está marcado para 22 de fevereiro. Segundo o padre Federico Lombardi, porta-voz da Santa Sé, é tradição que o Papa anuncie com mais de um mês de antecedência os nomes dos novos “príncipes da Igreja”, para que eles tenham tempo de preparar sua viagem a Roma para receber o barrete cardinalício.

Papa Francisco fala com fiéis durante a audiência geral desta quarta-feira (8) (Foto: Tony Gentile/Reuters)Papa Francisco fala com fiéis durante a audiência geral desta quarta-feira (8) (Foto: Tony Gentile/Reuters)

Vários especialistas começaram a divulgar suas listas de potenciais favoritos, enquanto o anúncio pode ser feito durante qualquer Angelus ou audiência geral.

O anúncio é muito aguardado, enquanto o Papa tem frequentemente denunciado um carreirismo na Igreja. Alguns temem seu estilo autoritário e estão com medo de perder seu poder.

Tornar-se cardeal deveria significar para o sortudo ser um conselheiro do Papa.

Francisco pode nomear pelo menos 14 novos cardeais com menos de 80 anos – eleitores em caso de conclave para a eleição de um novo Papa – para preencher as vagas vazias desde o último conclave de Bento XVI em 2012.

Francisco deve nomear cardeais da América Latina, incluindo os arcebispos de Buenos Aires, Santiago e Rio de Janeiro, e provavelmente outros.

Por uma questão de equilíbrio, ele deverá nomear cardeais da África, um continente que não lhe é familiar, e da Ásia, onde a Igreja, minoritária, está se expandindo.

O Papa é quase forçado, salvo uma grande surpresa, nomear como cardeal seu novo secretário de Estado, o “jovem” (58 anos) italiano Pietro Parolin, o alemão Gerhard Ludwig Müller, “guardião do dogma” (prefeito da Congregação da Doutrina da Fé) e o novo prefeito do clero, o italiano Beniamino Stella. Deve também dar o barrete a outro italiano, Lorenzo Baldisseri, secretário-geral do Sínodo, que desempenha um papel de confiança na preparação dos grandes encontros de bispos no final de 2014 e 2015 sobre a família.

No conclave de março de 2013, Jorge Mario Bergoglio, recém nomeado Papa deu seu barrete ao bispo Baldisseri, dizendo: “Agora você é metade cardeal”, segundo o vaticanista Marco Tosatti.

A alta representação dos italianos no “Colégio Sagrado”, que reúne todos os cardeais, incluindo os 120 eleitores do conclave, tem sido muitas vezes criticada.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 11 de janeiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Zoo no Canadá grava filhote de urso polar dando seus primeiros passos

O zoológico de Toronto, no Canadá, divulgou esta semana um vídeo que mostra um filhote de urso polar com dois meses de vida dando seus primeiros passos.

Na gravação, o pequeno mamífero, que ainda não tem nome, aparece bocejando, emite grunhidos e tenta ficar em pé apoiado em suas quatro patas.

De acordo com a instituição, o espécime macho nasceu em 9 de novembro e, desde então, recebe atenção dos tratadores da instituição. Ainda segundo um comunicado, o filhote pesa 4,4 kg, seus olhos se abriram aos 35 dias de vida e seus dentes já começaram a se desenvolver. Ele é tratado em uma incubadora com temperatura controlada.

De acordo com a União Internacional para Conservação da Natureza (IUCN), os ursos polares (Ursus maritimus) são considerados vulneráveis na natureza e foram incluídos na Lista Vermelha de Espécies Ameaçadas, organizada pela instituição, que é ligada às Nações Unidas.

Estados Unidos, Canadá, Rússia, Groenlândia e Noruega detêm uma população global de ursos polares estimada entre 20.000 e 25.000 animais.

Mas a crescente atividade econômica nesta região ambientalmente sensível e as emissões de gases de efeito estufa estão acelerando o degelo e ameaçando as espécies.

Os ursos polares dependem da cobertura de gelo para caçar focas, seu principal alimento. A mudança de habitat, com a perda de gelo e de permafrost (solo permanentemente congelado), também afeta a construção de tocas pelas fêmeas, onde no futuro as mamães ursas vão entrar para hibernar após terem se alimentado fartamente.

Filhote de urso polar com dois meses de vida tenta dar seus primeiros passos no zoológico de Toronto, no Canadá (Foto: Divulgação/Zoológico de Toronto)Filhote de urso polar com dois meses de vida tenta dar seus primeiros passos no zoológico de Toronto, no Canadá (Foto: Divulgação/Zoológico de Toronto)

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 11 de janeiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , , ,

Zoo no Canadá grava filhote de urso polar dando seus primeiros passos

O zoológico de Toronto, no Canadá, divulgou esta semana um vídeo que mostra um filhote de urso polar com dois meses de vida dando seus primeiros passos.

Na gravação, o pequeno mamífero, que ainda não tem nome, aparece bocejando, emite grunhidos e tenta ficar em pé apoiado em suas quatro patas.

De acordo com a instituição, o espécime macho nasceu em 9 de novembro e, desde então, recebe atenção dos tratadores da instituição. Ainda segundo um comunicado, o filhote pesa 4,4 kg, seus olhos se abriram aos 35 dias de vida e seus dentes já começaram a se desenvolver. Ele é tratado em uma incubadora com temperatura controlada.

De acordo com a União Internacional para Conservação da Natureza (IUCN), os ursos polares (Ursus maritimus) são considerados vulneráveis na natureza e foram incluídos na Lista Vermelha de Espécies Ameaçadas, organizada pela instituição, que é ligada às Nações Unidas.

Estados Unidos, Canadá, Rússia, Groenlândia e Noruega detêm uma população global de ursos polares estimada entre 20.000 e 25.000 animais.

Mas a crescente atividade econômica nesta região ambientalmente sensível e as emissões de gases de efeito estufa estão acelerando o degelo e ameaçando as espécies.

Os ursos polares dependem da cobertura de gelo para caçar focas, seu principal alimento. A mudança de habitat, com a perda de gelo e de permafrost (solo permanentemente congelado), também afeta a construção de tocas pelas fêmeas, onde no futuro as mamães ursas vão entrar para hibernar após terem se alimentado fartamente.

Filhote de urso polar com dois meses de vida tenta dar seus primeiros passos no zoológico de Toronto, no Canadá (Foto: Divulgação/Zoológico de Toronto)Filhote de urso polar com dois meses de vida tenta dar seus primeiros passos no zoológico de Toronto, no Canadá (Foto: Divulgação/Zoológico de Toronto)

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 11 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , ,