RSS

Arquivo da tag: Paquisto

Índia e Paquistão concordam em retomar conversas de paz, diz Sharif

O primeiro-ministro paquistanês, Nawaz Sharif, concede entrevista em Nova Déli nesta terça-feira (27) (Foto: Reuters)O primeiro-ministro paquistanês, Nawaz Sharif, concede entrevista em Nova Déli nesta terça-feira (27) (Foto: Reuters)

O primeiro-ministro paquistanês, Nawaz Sharif, disse nesta terça-feira (27) que diplomatas de alto escalão do Paquistão e Índia se encontrariam em breve para avançar nas negociações de paz, antes prejudicadas por causa da tensão entre as duas potências nucleares.

Sharif foi a Nova Déli na segunda-feira para comparecer à posse do novo primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi, com quem teve uma reunião bilateral “cordial e acolhedora”, disse ele.

“Nós concordamos que nosso encontro em Nova Délhi deveria ser uma oportunidade para ambos os países”, disse ele a jornalistas. “Isso é uma oportunidade para nós de corresponder às esperanças e aspirações de nossos povos, que será bem-sucedida em virar um página em nosso relacionamento.”

“Também concordamos que dois secretários de Relações Exteriores iriam se encontrar em breve para revisar e fazer avançar a agenda bilateral com a mesma disposição de nossa reunião de hoje.”

A Índia disse antes que Modi transmitiu na reunião sua preocupação sobre militantes que usam o território paquistanês como ponto de partida para atos terroristas na Índia. Sharif disse aos jornalistas que as acusações de lado a lado não ajudam na resolução dos problemas.

View the original article here

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 28 de maio de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , ,

Terremotos deixam 1 morto e dezenas de feridos no Paquistão

AppId is over the quota
AppId is over the quota

Uma pessoa morreu e dezenas se feriram em dois terremotos, de magnitudes 4,5 e 4,6, que sacudiram, nesta sexta-feira (9), a região de Nawabshah, no sul do Paquistão, informou a imprensa local.

O primeiro tremor ocorreu por volta das 3h55 locais e o segundo uma hora depois na região da província de Sindh, de acordo com o Instituto Geológico dos Estados Unidos (USGS, sigla em inglês), que monitora sismos em todo o mundo.

Uma mulher acompanha ferido em hospital após terremoto atingir o Paquistão. (Foto: AFP Photo)Uma mulher acompanha ferido em hospital após terremoto atingir o Paquistão. (Foto: AFP Photo)

O número de feridos ainda é incerto. A Efe noticiou 50 feridos. A France Presse (AFP) informou que o número de feridos é de 30 pessoas.

De acordo com a emissora local “Geo”, os telhados de algumas casas desabaram, causando a morte de uma mulher e deixando cerca de 50 feridos.

Os atingidos, entre eles crianças e mulheres, foram transferidos para hospitais próximos. Foi declarado estado de emergência na região, com medidas como o fechamento dos colégios.

Em setembro do ano passado, um terremoto causou a morte de aproximadamente 350 pessoas e feriu mais de mil na província do Baluchistão, no sul do país.

O pior terremoto da história do Paquistão ocorreu em 2005, na região da Caxemira, no norte do país, e calcula-se que causou a morte de pelo menos 80 mil pessoas.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 10 de maio de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Forças afegãs e estrangeiras matam 60 perto da fronteira com Paquistão

AppId is over the quota
AppId is over the quota

Tropas afegãs com o apoio aéreo ocidental mataram 60 militantes em uma batalha no sudeste do Afeganistão, perto da fronteira com o Paquistão, disse a agência de inteligência do Afeganistão nesta quarta-feira (30).

O confronto começou quando cerca de 300 insurgentes da rede militante Haqqani e outros combatentes estrangeiros tentaram invadir bases afegãs no distrito de Ziruk, na província de Paktika, disse o serviço de inteligência do país em comunicado.

Paktika compartilha uma longa e porosa fronteira com regiões paquistanesas que combatentes estrangeiros e a rede Haqqani, aliada do Taliban afegão, utilizam como base.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 1 de maio de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , , ,

Afeganistão acusa serviços secretos do Paquistão de ataque a hotel

O governo afegão acusou abertamente nesta terça-feira (25) os serviços secretos paquistaneses de envolvimento na preparação do atentado contra o hotel Serena de Cabul, que deixou nove mortos, incluindo um jornalista da AFP.

“A investigação realizada após o dramático incidente revelou que os serviços secretos paquistaneses estavam envolvidos na preparação do atentado”, afirmam os serviços secretos afegãos (NDS) em um comunicado.

A presidência afegã já havia acusado no domingo (23) os “serviços secretos estrangeiros” de estarem por trás deste ataque, sem citar diretamente o Paquistão. O Conselho Nacional de Segurança (NSC) afegão, presidido pelo presidente Hamid Karzai, também garantiu que um diplomata paquistanês foi visto filmando os corredores do hotel antes do ataque realizado na noite de quinta-feira por quatro homens armados.

A porta-voz do ministério das Relações Exteriores paquistanesa, Tasnim Aslam, rejeitou na segunda-feira estas insinuações. “É muito perturbador ver que o Paquistão é alvo de tentativas que buscam envolvê-lo neste ato de terrorismo”, declarou.

O governo afegão acusa regularmente o Paquistão, que foi o primeiro apoio dos talibãs quando estiveram no poder (1996-2001) e onde muitos deles se refugiaram após a queda de seu regime, de apoiar sua atual rebelião para defender seus interesses estratégicos na região, o que Islamabad nega.

Nove pessoas morreram no atentado da noite de quinta-feira contra o hotel Serena, o mais luxuoso de Cabul, entre elas duas canadenses que trabalhavam para a fundação Agha Khan e um ex-diplomata paraguaio do organismo americano NDI, Luis María Duarte, assim como o jornalista da AFP Sardar Ahmad, sua esposa e dois de seus filhos.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 26 de março de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , , ,

Tiroteio em Karachi deixa 8 mortos e feridos no Paquistão

Pelo menos 8 pessoas morreram e outras 16 ficaram feridas neste domingo (9) depois de três motos dispararem contra um grupo de pessoas na cidade de Karachi, no Paquistão, informaram fontes policiais.

As seis pessoas que estavam nas motos abriram fogo e fugiram, informou uma fonte policial ao jornal local “Dawn”.

O canal local Geo, que não identificou suas fontes, revelou que o lugar do ataque era próximo à casa de um “líder espiritual”.

Uma criança morreu e quatro dos feridos foram transferidos para o hospital em estado grave.

Com cerca de 20 milhões de habitantes, a cidade portuária de Karachi é a cidade mais povoada do Paquistão e também sua capital financeira.

Os confrontos entre quadrilhas, ataques sectários entre grupos religiosos e ações armadas da insurgência talibã são comuns na metrópole.

Mês passado fundamentalistas deram um duro golpe nas forças da ordem ao assassinar em uma ação suicida um dos máximos responsáveis da luta contra a violência organizada na cidade, o superintendente Chaudhry Aslam.

O atentado contra ‘o comandante mais conhecido do Paquistão’, como era chamado pela imprensa local, foi feito por dois insurgentes quejogaram seu veículo contra o carro em que Aslam viajava.

Voluntários carregam o corpo de uma das vítimas do tiroteiro em Carachi, no Paquistão (Foto: Tizwan Tabassum/AFP)Voluntários carregam o corpo de uma das vítimas do tiroteiro em Karachi, no Paquistão (Foto: Tizwan Tabassum/AFP)

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 10 de fevereiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Atentado deixa mortos no Paquistão

Oito pessoas morreram e 26 ficaram feridas nesta terça-feira (4), em um atentado realizado diante de um hotel em Peshawar, noroeste do Paquistão, anunciaram as autoridades.

“A explosão ocorreu no bairro de Kisa Khwani, de maioria xiitas”, afirmou à AFP Faisal Mujtar, um alto oficial da polícia.

Shaqfat Malik, chefe da unidade de especialistas em bomba, indicou tratar-se de um atentado suicida.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 4 de fevereiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , ,

Médico recupera rosto de vítimas de ataque com ácido no Paquistão

Um cirurgião fez operações reconstrutivas em seis mulheres desfiguradas por ataques com ácido no Paquistão. O médico Asim Shahmalak, que vive no Reino Unido, gastou cerca de 50 mil libras (mais de R$ 200 mil) do próprio bolso para bancar os procedimentos, sem cobrar nada das pacientes.

As cirurgias ocorreram em uma clínica da cidade de Karachi – a mais populosa do Paquistão, localizada no sul do país –, com a ajuda de uma equipe britânica. Shahmalak havia visitado a cidade no ano passado para conhecer as mulheres, que precisavam passar por transplante de cabelo, sobrancelhas e cílios. O médico é um dos nove do mundo capazes de realizar cirurgias desse tipo.

Algumas das vítimas foram atacadas com ácido sulfúrico, que pode ser comprado por baixos preços nas ruas de Karachi.

Entre as mulheres que passaram pela cirurgia, está Kanwal Ashar, de 24 anos, que teve ácido jogado no rosto por um homem após ela ter recusado a proposta de casamento dele. Outra paciente atendida foi Kanwal Qayum, de 26 anos, vítima de um “amigo” que a atacou por ficar com ciúmes após ela ter começado a trabalhar em um novo emprego.

O médico Asim Shahmalak examina uma das pacientes vítima de ataque de ácido que ele operou no Paquistão (Foto: Shakil Adil/AP Images for Crown Clinic)O médico Asim Shahmalak examina uma das pacientes vítimas de ataque de ácido no Paquistão (Foto: Shakil Adil/AP Images for Crown Clinic)Foto divulgada pela Clínica Crown mostra uma das mulheres que passou por cirurgia após ser vítima de ataque de ácido no Paquistão (Foto: Shakil Adil/AP Images for Crown Clinic)Foto divulgada pela Clínica Crown mostra uma das mulheres que passaram por cirurgia após ter sido vítima de ataque de ácido no Paquistão (Foto: Shakil Adil/AP Images for Crown Clinic)O cirurgião Asim Shahmalak gastou cerca de 50 mil libras (mais de R$ 200 mil) de seu próprio bolso para bancar as cirurgias. (Foto: Shakil Adil/AP Images for Crown Clinic)O cirurgião Asim Shahmalak gastou cerca de 50 mil libras (mais de R$ 200 mil) do próprio bolso para bancar as cirurgias de reconstrução em seis mulheres desfiguradas (Foto: Shakil Adil/AP Images for Crown Clinic)Algumas das vítimas foram atacadas com ácido sulfúrico, que pode ser comprado por baixos valores nas ruas de Karachi. (Foto: Shakil Adil/AP Images for Crown Clinic)Algumas das vítimas foram atacadas com ácido sulfúrico, que pode ser comprado por baixos valores nas ruas da cidade de Karachi (Foto: Shakil Adil/AP Images for Crown Clinic)Entre as mulheres que passaram pela cirurgia está Kanwal Ashar, de 24 anos, que teve ácido jogado em seu rosto por um homem após ela recusar sua proposta de casamento. Outra mulher atendida pelo médico foi Kanwal Qayum, 26 anos, que foi vítima do ataque d (Foto: Shakil Adil/AP Images for Crown Clinic)Uma das mulheres vítimas de ácido que passaram por cirurgia (Foto: Shakil Adil/AP Images for Crown Clinic)

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 30 de janeiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,