RSS

Arquivo da tag: mdias

IBM anuncia suíte para análise de mídias sociais e capacitação de talentos

Tecnologia permite que gestores de marketing e RH utilizem redes sociais para campanhas publicitárias de forma mais estruturada e precisa, afirma a fabricante.

14 de fevereiro de 2013 – 18h15

A IBM quer ajudar líderes de negócios a transformar suas organizações a partir de soluções de social business. Para isso, anuncia serviços e soluções baseados em software e cloud computing. 

A nova suíte, batizada de o IBM Employee Experience Suite, diz a fabricante, permitirá a integração das tecnologias analíticas e de redes sociais da IBM aos processos de negócios de empresas de todos os portes e setores de atuação, que enfrentam o desafio de avaliar e extrair conhecimento dos grandes volumes de dados gerados pelas redes sociais.

De acordo com fabricante, o IBM Employee Experience Suite, também ajuda os líderes de RH a atrair, capacitar e motivar talentos, resolvendo lacunas de qualificação e recursos. A plataforma integra a rede social corporativa da IBM com as soluções de recrutamento, integração, aprendizado e gerenciamento de desempenho da Kenexa, empresa adquirida pela IBM em dezembro de 2012, por 1,3 bilhão de dólares.

“A combinação da Kenexa e IBM contém forte potencial para mudar a forma como RH atrai, retém e treina talentos”, afirma Sidney Sossai, gerente de soluções de colaboração da IBM Brasil.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 26 de junho de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Você sabe como usar mídias sociais para criar valor para os negócios?

O que faz do seu negócio um negócio de ponta? De acordo com um novo relatório do IBM Institute for Business Value, pode ser o quão bem sua empresa implementa os negócios sociais.

20 de novembro de 2012 – 14h08

No estudo “The Business of Social Business” (Os Negócios dos Negócios Sociais), do IBM Institute for Business Value, os autores James Cortada, Eric Lesser e Peter Korsten argumentam que o social não é mais para a geração abaixo dos 30 anos. Simplesmente desenvolver e pôr em ação a tecnologia não é o suficiente.

“[…] As empresas na vanguarda estão fazendo mais do que desenvolver uma presença em importantes plataformas [sociais]. Elas estão pegando suas ferramentas sociais e embutindo-as nos processos e capacidades “core” do negócio. Elas estão utilizando abordagens sociais para algo mais além de se comunicarem melhor com seus fornecedores, parceiros de negócios e, talvez, o mais importante, seus funcionários.”

O estudo da IBM com mais de 1,1 mil empresas ao redor do mundo revela que o investimento em negócios sociais está crescendo: 46% das empresas pesquisadas aumentou seu investimento nos negócios sociais em 2012 e 62% indicou que irá aumentar seus gastos nos próximos três anos.

O repentino crescimento dos negócios sociais está desafiando a cultura corporativa em algumas empresas, o que os respondentes indicam ser algo com o que estão tendo problemas: quase três-quartos relatam que não tiveram o preparo correto para as mudanças culturais necessárias.

“Executivos estão preocupados com o fato de que o negócio social representa uma forma diferente de pensar sobre os funcionários, clientes e como o trabalho é feito, como também os riscos em potencial de uma maior abertura organizacional e transparência”, diz o relatório da IBM.

Aqui estão algumas observações sobre as principais descobertas do estudo, com dicas sobre como sua empresa pode se transformar em um negócio social de sucesso.

“A pesquisa e as entrevistas esclareceram uma coisa. Organizações que estão experimentando mais sucesso nas abordagens dos negócios sociais sabem que elas têm de fazer modificações fundamentais na forma como seus funcionários trabalharam em toda a empresa”, diz o relatório.

Embutir o negócio social com sucesso em uma organização exige três etapas, de acordo com o relatório:

1. Considere como incorporar métricas sociais nos processos tradicionais.
De acordo com o relatório, apenas 20% das organizações são capazes de identificar indicadores chave de desempenho e de acompanharem o ROI dos esforços dos negócios sociais. Aquelas que não conseguem fazê-lo têm problemas com suas iniciativas sociais.

Mas quantificar resultados com base apenas em economias de custo não é suficiente, afirma o relatório. Em vez disso, os negócios devem considerar pilotar um projeto para demonstrar os benefícios acentuados e não tão acentuados da iniciativa social e compará-los com o desempenho de indivíduos que não utilizam a ferramenta social.

“Nós também ouvimos dos respondentes que o uso em potencial dos dados sociais é a forma de justificar a ROI do esforço social”, conta o relatório. “As análises podem possibilitar que as organizações integrem as fontes de dados sociais às tradicionais para tomarem decisões mais eficientes sobre os clientes. Ao examinar os dados residuais das atividades sociais, as organizações podem desenvolver valiosos conteúdos que não estavam disponíveis anteriormente”.

2. Compreenda e administre os riscos associados ao negócio social.
Respondentes da pesquisa da IBM citam várias preocupações sobre o uso das ferramentas sociais para os negócios: ataques a suas marcas, problemas legais, segurança e privacidade de dados e publicação não intencional de informações da empresa.

Cerca de metade das empresas pesquisadas diz não possuir processos eficientes para lidar com essas preocupações, enquanto quase 25% dizem ter e outros 25% têm planos a caminho.

Empresas com estratégias bem sucedidas estabeleceram políticas para os funcionários seguirem ao envolverem-se em iniciativas sociais e possuem uma estrutura de governança para administrar e monitorar o comportamento de seus negócios sociais. Além disso, cuidam dos seguintes pontos:

> Identificar exposições em potencial, envolver de forma proativa os especialistas corretos e desenvolver planos de gestão de risco.

> Tentar solucionar os problemas e compreender seu impacto na organização.

> Fazer perguntas sobre porque um comportamento é um risco e como mitiga-lo.

> Envolver especialistas funcionais antes dos problemas ocorrerem. Isso inclui profissionais das áreas de RH, Jurídica, TI, Comunicações, Finanças e Gestão de risco.

3. Estabeleça uma única mudança nos princípios tradicionais para influenciar a cultura corporativa e o desempenho.

De acordo com a pesquisa, 48% das organizações têm apoio dos diretores mas apenas 22% acredita que o nível gerencial esteja preparado para incorporar os as práticas diárias de negócios sociais.

A IBM sugere três ações para auxiliar os funcionários a compreenderem do valor das iniciativas sociais, envolver as áreas corretas e fornecer apoio apropriado e motivação:

> Faça as pessoas se envolverem utilizando as ferramentas corretas. Crie oportunidades para o uso das novas ferramentas sociais, forneça treinamento cara-a-cara, tutoria reversa e encoraje líderes a modelarem os comportamentos desejados para permitirem o uso das ferramentas sociais. Capture histórias de sucesso de uso de ferramentas sociais como wikis, blogs e vídeos.

> Aplique os conceitos tradicionais de administração de mudança para apoiar a transição. Nomeie vários campeões do negócio social ou especialistas no assunto para encorajar e acelerar a adoção, forneça instrução sobre porque isto é importante e quais as diretrizes para utilização de ferramentas de mídia social dentro e fora da organização e reconheça a utilização desejada, bem como os comportamentos desejados.

> Incorpore as abordagens sociais para apoiar a mudança. Desenvolva narrativas de usuários e cenários de possibilidades fornecidos por meio do uso de abordagens sociais, use abordagens de redes sociais para identificar e se envolver com líderes influentes, forneça apoio aos funcionários, parceiros e clientes.

“A razão pela qual mais organizações estão implementando as práticas de negócios sociais se resume a sustentar sua competitividade e lucratividade em economias nas quais os rivais, parceiros e clientes estão adotando novas formas de conduzir os negócios”, comenta o relatório. “Mais do que simplesmente utilizar as ferramentas de mídia social, entramos em um novo período de transformação fundamental na forma como o trabalho é feito em todos os níveis da empresa e por todas as fronteiras organizacionais”.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 21 de janeiro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Gartner: Mídias sociais vão movimentar US$ 16,9 bilhões este ano

Instituto de pesquisas aponta que redes sociais crescem em importância e empresas devem criar estratégias para fazer parte desse universo

O mercado mundial de mídias sociais vai movimentar 16,9 bilhões de dólares em 2012, aumento de 43,1% em relação ao ano passado, prevê o instituto de pesquisas Gartner. Os números indicam que as empresas devem inserir em suas estratégias de negócios redes sociais e mobilidade, recomenda o Gartner.

Nesse ano, a propaganda teve a maior fatia desse segmento, com 8,8 bilhões de dólares, afirma o instituto de pesquisas. Entre 2010 e 2011, a receita de jogos sociais mais que dobrou e deve chegar aos 6,2 bilhões de dólares até o final deste ano.

O Gartner aponta que o uso de mídias sociais está mais maduro no País e que a crescente concorrência entre os players, cada um disputando o tempo de lazer e a atenção dos consumidores, levará ao aumento de novas formas de mídias sociais [baseadas em web e móveis].

“Os sites de mídias sociais continuarão a incorporar técnicas de jogos em suas redes, influenciados pelas oportunidades de lucro que essas ferramentas apresentam. A venda de bens virtuais continuará a ser fonte primária de faturamento”, diz Van Baker, diretor de pesquisas do Gartner.

O Gartner espera que essa tendência tenha um impacto positivo no faturamento das companhias do setor. Alguns dos desenvolvedores de mídias sociais, como Zynga, Gree e DeNA, mudaram para uma estratégia de plataforma aberta, aumentando a conveniência e escolha dos usuários.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 16 de outubro de 2012 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Gartner: Mídias sociais vão movimentar US$ 16,9 bilhões este ano

Instituto de pesquisas aponta que redes sociais crescem em importância e empresas devem criar estratégias para fazer parte desse universo

O mercado mundial de mídias sociais vai movimentar 16,9 bilhões de dólares em 2012, aumento de 43,1% em relação ao ano passado, prevê o instituto de pesquisas Gartner. Os números indicam que as empresas devem inserir em suas estratégias de negócios redes sociais e mobilidade, recomenda o Gartner.

Nesse ano, a propaganda teve a maior fatia desse segmento, com 8,8 bilhões de dólares, afirma o instituto de pesquisas. Entre 2010 e 2011, a receita de jogos sociais mais que dobrou e deve chegar aos 6,2 bilhões de dólares até o final deste ano.

O Gartner aponta que o uso de mídias sociais está mais maduro no País e que a crescente concorrência entre os players, cada um disputando o tempo de lazer e a atenção dos consumidores, levará ao aumento de novas formas de mídias sociais [baseadas em web e móveis].

“Os sites de mídias sociais continuarão a incorporar técnicas de jogos em suas redes, influenciados pelas oportunidades de lucro que essas ferramentas apresentam. A venda de bens virtuais continuará a ser fonte primária de faturamento”, diz Van Baker, diretor de pesquisas do Gartner.

O Gartner espera que essa tendência tenha um impacto positivo no faturamento das companhias do setor. Alguns dos desenvolvedores de mídias sociais, como Zynga, Gree e DeNA, mudaram para uma estratégia de plataforma aberta, aumentando a conveniência e escolha dos usuários.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 15 de outubro de 2012 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Gartner: Mídias sociais vão movimentar US$ 16,9 bilhões este ano

Instituto de pesquisas aponta que redes sociais crescem em importância e empresas devem criar estratégias para fazer parte desse universo

O mercado mundial de mídias sociais vai movimentar 16,9 bilhões de dólares em 2012, aumento de 43,1% em relação ao ano passado, prevê o instituto de pesquisas Gartner. Os números indicam que as empresas devem inserir em suas estratégias de negócios redes sociais e mobilidade, recomenda o Gartner.

Nesse ano, a propaganda teve a maior fatia desse segmento, com 8,8 bilhões de dólares, afirma o instituto de pesquisas. Entre 2010 e 2011, a receita de jogos sociais mais que dobrou e deve chegar aos 6,2 bilhões de dólares até o final deste ano.

O Gartner aponta que o uso de mídias sociais está mais maduro no País e que a crescente concorrência entre os players, cada um disputando o tempo de lazer e a atenção dos consumidores, levará ao aumento de novas formas de mídias sociais [baseadas em web e móveis].

“Os sites de mídias sociais continuarão a incorporar técnicas de jogos em suas redes, influenciados pelas oportunidades de lucro que essas ferramentas apresentam. A venda de bens virtuais continuará a ser fonte primária de faturamento”, diz Van Baker, diretor de pesquisas do Gartner.

O Gartner espera que essa tendência tenha um impacto positivo no faturamento das companhias do setor. Alguns dos desenvolvedores de mídias sociais, como Zynga, Gree e DeNA, mudaram para uma estratégia de plataforma aberta, aumentando a conveniência e escolha dos usuários.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13 de outubro de 2012 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Dell fortalece estratégia em mídias sociais com Centro de Monitoramento no Brasil

Objetivo da companhia é fortalecer o diálogo com os clientes locais. A iniciativa é a primeira fora dos Estados Unidos.

O primeiro Centro de Monitoramento de Mídias sociais fora dos Estados Unidos acaba de ser inaugurado pela Dell no Brasil, em Eldorado do Sul, região metropolitana de Porto Alegre (RS). Por meio dele, a companhia passa a monitorar todas as menções à marca nas mídias sociais, bem como interagir com os internautas.

O unidade brasileira é a primeira desse tipo inaugurado pela Dell fora dos Estados Unidos, segundo a empresa. A partir desse local, a Dell pretende reduzir o tempo de resposta às demandas dos internautas brasileiros, bem como garantir um maior engajamento da marca nas mídias sociais.

“O sucesso da Dell está diretamente relacionado a seu modelo de atendimento direto aos clientes. E nós entendemos que, atualmente, as mídias sociais são um importante canal para garantir esse relacionamento direto com os usuários”, pontua Raymundo Peixoto, diretor geral da Dell Brasil.

 “O lançamento do Centro de Monitoramento reflete a preocupação de atendermos aos clientes brasileiros de forma cada vez mais rápida e eficiente. Além disso, as sugestões e tendências detectadas nas mídias sociais são essenciais para criarmos soluções e serviços cada vez mais aderentes ao mercado local”, acrescenta.

Em paralelo ao lançamento do Centro de Monitoramento, a Dell Brasil abriu mais um canal de relacionamento com os clientes nas redes sociais, por meio de uma página no Google+. É também o primeiro perfil local da Dell no Google+, além do perfil global. Até então, a empresa mantinha perfis no Facebook, Orkut, Twitter e YouTube, contabilizando mais de 15 mil menções mensais à marca nas mídias sociais, assim como aproximadamente 20 milhões de visualizações a posts por mês que citam a Dell no Twitter.

No caso do Google+, a Dell Brasil pretende utilizar a página na rede social para gerar conteúdos com dicas para os usuários e informações sobre tendências e produtos. Esse ambiente será utilizado também para tirar dúvidas dos clientes, em relação a equipamentos e serviços.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13 de outubro de 2012 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , ,

Gartner: Mídias sociais vão movimentar US$ 16,9 bilhões este ano

Instituto de pesquisas aponta que redes sociais crescem em importância e empresas devem criar estratégias para fazer parte desse universo

O mercado mundial de mídias sociais vai movimentar 16,9 bilhões de dólares em 2012, aumento de 43,1% em relação ao ano passado, prevê o instituto de pesquisas Gartner. Os números indicam que as empresas devem inserir em suas estratégias de negócios redes sociais e mobilidade, recomenda o Gartner.

Nesse ano, a propaganda teve a maior fatia desse segmento, com 8,8 bilhões de dólares, afirma o instituto de pesquisas. Entre 2010 e 2011, a receita de jogos sociais mais que dobrou e deve chegar aos 6,2 bilhões de dólares até o final deste ano.

O Gartner aponta que o uso de mídias sociais está mais maduro no País e que a crescente concorrência entre os players, cada um disputando o tempo de lazer e a atenção dos consumidores, levará ao aumento de novas formas de mídias sociais [baseadas em web e móveis].

“Os sites de mídias sociais continuarão a incorporar técnicas de jogos em suas redes, influenciados pelas oportunidades de lucro que essas ferramentas apresentam. A venda de bens virtuais continuará a ser fonte primária de faturamento”, diz Van Baker, diretor de pesquisas do Gartner.

O Gartner espera que essa tendência tenha um impacto positivo no faturamento das companhias do setor. Alguns dos desenvolvedores de mídias sociais, como Zynga, Gree e DeNA, mudaram para uma estratégia de plataforma aberta, aumentando a conveniência e escolha dos usuários.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 10 de outubro de 2012 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,