RSS

Arquivo da tag: Maduro

Maduro anuncia aumento de 30% no salário mínimo da Venezuela

AppId is over the quota
AppId is over the quota
Cronologia Venezuela com miss (Foto: Arte/G1)

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, anunciou nesta terça-feira (29) um aumento de 30% no salário mínimo, que se soma ao reajuste de 10% aplicado em janeiro, para fazer frente à inflação de 59,3% registrada nos últimos 12 meses.

“Decidi dar um aumento ao salário mínimo nacional e às pensões de 30%, para elevar o salário e as pensões a níveis necessários para a vida em nosso país”, disse Maduro em um ato no Palácio de Miraflores.

“Isto quer dizer que neste ano já concedemos ao sistema de defesa do salário 43% de aumento”, destacou Maduro, que prevê mais um reajuste do mínimo para o último trimestre de 2014.

Com o aumento de hoje, o salário mínimo venezuelano é de 4.251,71 bolívares (US$ 675 no câmbio oficial), contra uma cesta básica que Maduro calculou em 3.730 bolívares (US$ 592). O mesmo salário comparado ao dólar no paralelo é 10 vezes menor.

Além da inflação anual próxima aos 60%, a Venezuela enfrenta um desabastecimento crônico de produtos básicos, o que provoca longas filas nos supermercados.

Inflação, desabastecimento e insegurança são os principais elementos da onda de protestos que sacode o país há quase três meses, e que já deixou 41 mortos, centenas de feridos e inúmeros detidos.

“Espero que até o final deste ano já tenhamos estrangulando e derrotado esta perversa inflação e possamos transitar para um bom equilíbrio nos preços dos produtos e dos serviços”, disse Maduro, que atribui a situação a uma “guerra” econômica promovida pela oposição.

A Venezuela, país com as maiores reservas de petróleo do planeta, experimentou em 2013 uma forte desaceleração, com crescimento de 1,6% do PIB, muito abaixo dos 3% projetados.

View the original article here

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 1 de maio de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Venezuela captura generais que pretendiam se rebelar, afirma Maduro

Três generais da Força Aérea da Venezuela que pretendiam se rebelar contra o governo foram capturados, anunciou nesta terça-feira (25) o presidente Nicolás Maduro em uma reunião com chanceleres da União de Nações Sul-Americanas (Unasul) em Caracas.

A reunião ocorreu durante protestos de opositores, que já deixaram 34 mortos durante confrontos com as forças policiais e militares do país.

“Capturamos três generais da aviação que vínhamos investigando graças à poderosa moral de nossas Forças Armadas. Três generais que pretendiam se rebelar contra o governo legitimamente constituído”, disse Maduro.

Ele não revelou os nomes os militares.

Segundo Maduro, os oficiais generais são acusados de ter “vínculos diretos com setores da oposição”.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 26 de março de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , , ,

Danny Glover acompanha Maduro em ato que homenageia Hugo Chávez

O presidente da Venezuela Nicolás Maduro conversa com o ator e ativista Danny Glover durante uma reunião no palácio presidencial Miraflores, em Caracas, nesta quinta-feira (6). (Foto: AFP/Divulgação Presidência/Marcelo Garcia)O presidente da Venezuela Nicolás Maduro conversa com o ator e ativista Danny Glover no palácio presidencial Miraflores, em Caracas, nesta quinta-feira (6). (Foto: AFP/Presidência – Marcelo Garcia)

O ator americano Danny Glover acompanhou o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, nesta quinta-feira em um ato de entrega de casas que aconteceu no marco dos eventos para lembrar o primeiro aniversário da morte do líder venezuelano Hugo Chávez (1999-2013).

“Viva Hugo Chávez. Estou tão orgulhoso de estar com vocês. É estimulante poder celebrar Hugo Chávez. Sua memória vive conosco”, disse Glover no ato realizado no oeste de Caracas para homenagear o líder que morreu em consequência de um câncer no dia 5 de março do ano passado.

O ator, que visitou Chávez em várias oportunidades, disse que a Venezuela tem uma liderança em toda a região e que o governante falecido foi “um líder eleito que pôde erguer a democracia real”.

“Não vamos permitir que se rompa nem se viole sua soberania”, declarou pouco antes de receber uma bandeira da Venezuela de presente, com a qual se agasalhou.

Maduro agradeceu Glover pela “expressão sincera” e disse à audiência chavista presente no ato que seu governo tem “as melhores relações” com o povo dos Estados Unidos, e que as más relações são “com a elite que dirige” esse país.

“Vocês não sabem as pressões às quais se submete qualquer amigo da Venezuela que nos Estados Unidos diga uma palavra de respeito, de admiração pelo comandante Chávez. Estes são homens muito valentes, muito autênticos que são capazes de dizer sua verdade além das pressões e perseguições”, afirmou.

Maduro agradeceu, além disso, a atores venezuelanos que apoiam sua gestão de governo e que também estiveram presentes no ato de hoje.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 7 de março de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,