RSS

Arquivo da tag: julgamento

Justin Bieber muda de olhos durante julgamento?

Vídeo mostra o cantor canadense Justin Bieber mudando seus olhos enquanto ouvia a sua sentença de prisão! Seria essa uma prova de que o rapaz seja reptiliano?

O vídeo apareceu na web na segunda quinzena de janeiro de 2014. Em apenas 2 minutos, um usuário do YouTube mostra a reação um tanto estranha do pop star Justin Bieber durante seu julgamento. Na frente das câmeras, Justin Bieber parece mudar seus olhos!

Justin Bieber parece mudar de olhos durante julgamento! Verdadeiro ou falso? (foto: reprodução/YouTube) Justin Bieber parece mudar de olhos durante julgamento! Verdadeiro ou falso? (foto: reprodução/YouTube)

Muitos blogs publicaram o enigmático vídeo levantando a possibilidade do artista ser um reptiliano e, devido ao enorme stress que estava passando no momento, não teria conseguido camuflar a sua verdadeira forma e, num descuido, teria mostrado seus verdadeiros olhos de extraterrestre.

Verdadeiro ou falso, o vídeo teve mais de 750 mil visualizações em apenas duas semanas! Isso sem contar com as várias outras publicações semelhantes que pipocaram no YouTube na mesma época.

Assista ao vídeo abaixo e descubra conosco se isso é verdade ou mais uma farsa da web:

Como você já deve ter imaginado, o vídeo é falso!

Para se averiguar a veracidade do vídeo, basta uma rápida busca no YouTube e podemos achar diversos trechos da mesma cena, onde observamos que não há nenhuma mudança nos olhos do jovem cantor Justin Bieber.

O vídeo abaixo é da rede de TV CNN, uma das inúmeras que cobriu o julgamento que condenou Justin Bieber, no dia 23 de janeiro de 2014, a pagar uma fiança de 2.500 dólares por dirigir embriagado, com a carteira de motorista vencida e por resistir à prisão:

Parece que esse tipo de brincadeira com os famosos é bastante recorrente lá nos Estados Unidos. A seguir, uma montagem feita com os olhos da apresentadora Oprah:

Note, aos 10 segundos do video acima, os olhos da apresentadora:

Montagem! Montagem!

Na verdade, igualmente aconteceu com o vídeo do Justin Bieber, o filminho foi forjado. Podemos ver o vídeo real a seguir (aos 02:20):

Cena real! (foto: Reprodução/YouTube) Cena real! (foto: Reprodução/YouTube)

Vídeo falso! Justin Bieber não mudou seus olhos no julgamento e (ao que tudo indica) não é reptiliano.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Fonte E-farsas

 
Deixe um comentário

Publicado por em 5 de fevereiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

França começa julgamento de suspeito pelo genocídio de Ruanda

Concepção artística mostra Pascal Simbikangwa nesta terça-feira (4) no tribunal, em Paris (Foto: Benoit Peyrucq/AFP)Concepção artística mostra Pascal Simbikangwa nesta terça-feira (4) no tribunal, em Paris (Foto: Benoit Peyrucq/AFP)

Vinte anos depois do genocídio de Ruanda, a França iniciou o primeiro julgamento contra um suspeito de ser cúmplice do massacre que matou 800 mil pessoas, acusando uma ex-autoridade do setor de inteligência por crimes contra a humanidade.

Pascal Simbikangwa, de 54 anos, compareceu a um tribunal de Paris nesta terça-feira (4)no primeiro dia do esperado julgamento, no qual 50 testemunhas devem descrever o suposto papel do ex-militar no comando dos extremistas hutus.

Ativistas de direitos humanos e jornalistas de Ruanda lotaram o tribunal. Simbikangwa nega as acusações contra ele.

“Não estamos aqui em nosso nome, mas em nome de milhões de vítimas que foram exterminadas em Ruanda em 1994”, disse Alain Gauthier, fundador de um grupo de vítimas de Ruanda.

Considerada por um longo tempo um refúgio para líderes do genocídio de 1994, a França demorou mais tempo do que vizinhos como Bélgica, Suíça e Alemanha para levar à Justiça um suspeito morando no seu território.

A onda de assassinatos de 1994 por extremistas hutus teve como alvo os tutsis, mas hutus moderados também foram vítimas da violência.

O julgamento de Simbikangwa representa um grande passo na frágil reaproximação entre os dois países, e diplomatas franceses têm dito de forma privada que uma absolvição seria um retrocesso.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 5 de fevereiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Amanda Knox é condenada em novo julgamento na Itália

Raffaele Sollecito e seu advogado Luca Maori aguardam veredicto em Florença, na Itália, nesta quinta-feira (30) (Foto: AP/Fabrizio Giovannozzi)Raffaele Sollecito e seu advogado Luca Maori enquanto aguardavam veredicto em Florença, na Itália, nesta quinta-feira (30) (Foto: AP/Fabrizio Giovannozzi)Amanda Knox voltou aos EUA após libertação e poderá ser julgada novamente à revelia (Foto: BBC)Amanda Knox voltou aos EUA após libertação
(Foto: BBC)

A americana Amanda Knox foi considerada culpada no segundo recurso do julgamento do assassinato de Meredith Kercher – a jovem britânica de 21 anos encontrada morta por esfaqueamento em uma república de estudantes, em novembro de 2007. Amanda foi condenada a 28 anos e seis meses de prisão e seu ex-namorado Raffaele Sollecito a 25 anos.

Amanda Knox e Raffaele Sollecito haviam sido absolvidos do crime em 2011 – numa segunda instância após uma primeira condenação. O crime voltou à tona em 26 de março de 2013, quando o mais alto tribunal criminal de Itália anulou a absolvição de Knox e ordenou um novo julgamento.

Knox, agora estudante na Universidade de Washington, Estados Unidos, divulgou um comunicado através de um porta-voz da família dizendo que estava confiante de que seria absolvida novamente.

A Suprema Corte de Cassação da Itália decidiu que o tribunal de apelações em Florença deveria voltar a julgar o caso.

Knox, agora com 25 anos, e Sollecito, 29, foram presos logo após o corpo de Kercher ser encontrado em 2007 com a garganta cortada e em meio a uma poça de sangue em seu quarto em Perugia. Knox e Kercher dividiam o apartamento.

Procuradores alegaram que Kercher foi vítima de um jogo sexual movido a drogas. Knox e Sollecito negaram as acusações e disseram que eles não estavam no apartamento naquela noite, embora tenham admitido que fumaram maconha e que a memória estava ‘nublada’ naquele dia.

Um homem de Costa do Marfim, Rudy Guede, foi condenado pelo assassinato em um processo separado e está cumprindo uma sentença de 16 anos.

Knox e Sollecito foram inicialmente condenado pelo assassinato e a penas de prisão longas, mas foram absolvidos em segunda instância em 2011. Depois de quase quatro anos atrás das grades, na Itália, Knox retornou à sua cidade natal, Seattle, e Sollecito retomou seus estudos de ciência da computação.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 31 de janeiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , ,

Começa o julgamento pela matança no shopping do Quênia

O julgamento de quatro homens acusados de ter dado apoio ao comando que conduziu a matança no shopping Westgate em Nairóbi no final de setembro começou nesta quarta-feira.

Em 21 de setembro, um comando islamista atacou o Westgate disparando indiscriminadamente contra os comerciantes e clientes do centro comercial depois se entrincheirando em seu interior. Em quatro dias, o ataque deixou 67 mortos e uns 20 desaparecidos, segundo fontes oficiais.

Os quatro homens suspeitos, somalis ou de etnia somali, Adan Mohamed Abidkadir Adan, Mohamed Ahmed Abdi, Liban Abdulá Omar e Hussein Hasan Mustafá, não são acusados de ter participado no comando islamita que lançou o ataque, e sim de proporcionar apoio a eles. Eles se declararam inocentes.

26/9 - Imagem cedida pelo governo queniano mostra a destruição causada pelo incêndio provocado no shopping center Westgate, após o fim do ataque em Nairóbi. Carros foram destruídos, e alguns deles ficaram pendurados no estacionamento (Foto: Reuters/Presidential Strategic Communications Unit)26/9 – Imagem cedida pelo governo queniano mostra a destruição causada pelo incêndio provocado no shopping center Westgate, após o fim do ataque em Nairóbi. Carros foram destruídos, e alguns deles ficaram pendurados no estacionamento (Foto: Reuters/Presidential Strategic Communications Unit)

O atentado foi reivindicado pelos islamitas somalis shebab, afiliados à Al-Qaeda. Eles disseram tratar-se de uma represália pela intervenção do exército queniano, desde o final de 2011, na força da União Africana que luta contra eles na Somália.

Fontes da segurança afirmam que todos os membros do comando morreram durante o ataque e em confrontos com a polícia.

Mas a polícia de Nova York, que também participou na investigação, não descarta que alguns agressores tenham fugido e que não há provas formais de sua morte.

Uma parte do shopping desabou durante os confrontos, e os corpos encontrados entre os escombros não foram identificados.

No entanto, com ajuda dos vídeos de vigilância, a ata de acusação cita o nome de dois atacantes: Mohamed Abdinur Said e Hasan Abdi Dhuhulow.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 16 de janeiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , ,

Apple e Samsung tentarão mediação antes de julgamento de patentes

A Apple e a Samsung concordaram em participar de uma sessão de mediação, em meados de fevereiro, para discutir a sua batalha legal sobre patentes de smartphones que será julgada em março, informaram documentos judiciais divulgados na quarta-feira (8). Essa não é a primeira vez que as empresas buscam um acordo fora dos tribunais.

Executivos das duas companhias se reuniram na segunda-feira (6) para “discutir oportunidades de acordo”, segundo um documento enviado ao Tribunal Distrital de San Jose, na Califórnia (EUA), que está cuidando do caso.

O documento afirma que os CEOs da Apple, Tim Cook, e da Samsung, Kwon Oh-Hyun, participarão da sessão, que será supervisionada por um mediador escolhido conjuntamente, antes de 19 de fevereiro, juntamente com três ou quatro advogados de cada empresa.

As duas gigantes da tecnologia se encontrarão nos tribunais em março em mais um capítulo dessa guerra de patentes. A juíza distrital Lucy Koh havia pedido que as duas empresas fizessem uma proposta de mediação antes do julgamento.

A Samsung, maior fabricante mundial de smartphones, foi condenada a pagar à Apple em 2012 mais de US$ 900 milhões em multas ao fim de um longo processo judicial em San Jose.

Mas o caso, um dos vários que estão sendo disputados em tribunais e agências administrativas em todo o mundo, não prejudicou as vendas de Samsung, que saltou à frente da Apple em vários mercados em escala global.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 11 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , ,

Tribunal marca julgamento de presidente islamita deposto no Egito

Um tribunal do Egito marcou nesta quarta-feira (9) a data do julgamento do presidente deposto Mohamed Morsi e de outros líderes da Irmandade Muçulmana para 4 de novembro, sob acusações de incitação à violência.

O juiz Nabil Saleeb disse que Morsi, que foi deposto pelo Exército em julho, e 14 membros da Irmandade foram indiciados por “incitarem a morte e a tortura de manifestantes em frente ao palácio (presidencial) Etihadeya”.

Ao menos sete pessoas morreram no dia 5 de dezembro de 2012 em confrontos entre partidários e opositores do primeiro presidente eleito democraticamente no Egito. Seus opositores o acusavam de querer islamizar o país após a publicação de um decreto constitucional.

A Irmandade Muçulmana, confraria à qual Morsi pertence, afirmou que os mortos eram, em sua maioria, islamitas.

Os confrontos explodiram quando partidários de Morsi dispersaram um acampamento de manifestantes opositores no exterior do Palácio Presidencial.


Entre os outros acusados figuram Esam al Arian, número dois do partido da Libertade e da Justiça (PLJ), braço político da Irmandade Muçulmana, e Mohamed Beltagi, um ex-parlamentar.

Os militares mantêm Morsi em um local secreto desde sua detenção.

Os outros acusados estão detidos ou foragidos.

Manifestante usa uma máscara do presidente deposto, Mohamed Morsi durante uma manifestação em Istambul. (Foto: Ozan Kose/AFP)Manifestante usa uma máscara do presidente deposto Mohamed Morsi durante uma manifestação em Istambul. (Foto: Ozan Kose/AFP)

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 9 de outubro de 2013 em Brasil

 

Tags: , , , , , ,

Julgamento de ex-guarda-costas de Gisele e Brady começa nesta segunda

Tom Brady e Gisele Bündchen no baile do Metropolitan Museum, em Nova York. (Foto: AP)Tom Brady e Gisele Bündchen no baile do
Metropolitan Museum, em Nova York. (Foto: AP)

Um tribunal da Costa Rica iniciou nesta segunda-feira (23) julgamento contra três guarda-costas da modelo brasileira Gisele Bundchen e do astro de futebol americano Tom Brady por tentativa de homicídio contra dois fotógrafos, um deles da Agence France-Presse.

Os costa-riquenhos Manuel Valverde (26) e Miguel Solís (43) e o colombiano Alejandro Valverde (34) são os acusados pela agressão, registrada no dia 4 de abril de 2009 em Cóbano de Puntarenas.

Segundo a acusação, os guarda-costas de Bundchen e Brady abriram fogo contra o carro no qual Yuri Cortez, fotógrafo da AFP de nacionalidade salvadorenha, e seu colega de Costa Rica Carlos Avilés, se deslocavam.

O incidente ocorreu nas proximidades de uma casa de praia na qual era realizada a festa de casamento de Bundchen e Brady.

Cortez e Avilés, que tentavam tirar algumas fotos do casamento, foram abordados pelos guarda-costas, que exigiram que entregassem os cartões de memória de suas câmeras, o que os fotógrafos se negaram a fazer.

Quando os repórteres se afastavam do local, ao menos um dos guarda-costas disparou contra o veículo e o projétil, que entrou pelo vidro traseiro, passou entre os dois fotógrafos, perdeu força, bateu no para-brisas e caiu dentro do veículo, segundo a denúncia.

Embora os demandantes tenham saído ilesos, apresentaram a acusação como tentativa de homicídio, por considerarem que o ato colocou suas vidas em risco.

Durante a abertura da audiência, a juíza Arroyo aceitou um pedido da defesa no sentido de não permitir que tirassem fotografias dos acusados, um direito que a legislação da Costa Rica concede.

Os acusados também se ampararam no direito de não depor na abertura do julgamento.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 24 de setembro de 2013 em Brasil

 

Tags: , , , , , ,