RSS

Arquivo da tag: internautas

Internautas relatam ataque que redireciona clientes da Net para vírus

Internautas relataram neste sábado (26) que acesso a alguns sites, entre eles Google e outros sites e portais, resultavam em um redirecionamento para uma página fraudulenta contendo um download falso do Flash Player. Se baixado, o arquivo contamina o computador com um vírus. O problema foi identificado em um servidor de DNS (Domain Name Service) do serviço de internet Net Vírtua. Os usuários compartilharam dados técnicos do problema no fórum de tecnologia “Adrenaline” (acesse aqui).

O G1 tentou contato com a Net na tarde deste sábado para comentar o caso, mas não recebeu resposta até a publicação desta reportagem.

O DNS é a “lista telefônica” da internet, que converte “nomes” como “g1.com.br” em números (endereços IP). Um serviço de DNS é necessário para o funcionamento normal do acesso à internet e faz parte do pacote oferecido pelo provedor. Um provedor normalmente oferece diversos servidores DNS para que o serviço continue funcionando no caso de alguma falha.

De acordo com os relatos dos internautas, o problema estaria em um DNS terciário do Net Vírtua, que retorna um número incorreto e fraudulento para certos endereços. Isso quer dizer que muitos usuários não verão o redirecionamento, porque quem usar os serviços primários e secundários não será redirecionado. Por esse motivo, o redirecionamento pode ser difícil de ser notado e até intermitente.

“Ainda bem que achei esse tópico, liguei pra NET e eles quase disseram que eu ‘tô’ maluco, fiz muitos testes aqui e o problema só podia vir do sinal deles”, afirmou um usuário do Adrenaline identificado como “ghamantorr”.

Esse tipo de ataque pode ocorrer por invasão do servidor de DNS ou com um ataque chamado de “envenenamento de cache” (entenda como funciona).

Não se sabe até o momento quais outros endereços podem ter sido redirecionados e qual o número de clientes que usa o endereço de DNS afetado.

Em 2009, a Net Vírtua sofreu outro ataque semelhante em que um site de uma instituição financeira foi redirecionado para um site clonado que roubava informações das vítimas.

View the original article here

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 30 de abril de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Aplicativos ‘antissociais’ ajudam internautas a proteger privacidade

Aplicativo esconde sua posição para amigos do Foursquare e Instagram (Foto: Divulgação/Cloak)Aplicativo esconde sua posição para amigos do
Foursquare e Instagram (Foto: Divulgação/Cloak)

No que muitos veem como sinal de uma tendência em buscar mais privacidade na internet, desenvolvedores de software estão colocando no mercado aplicativos “antissociais” ou que ajudam pessoas a transmitir mensagens “secretas”.

O aplicativo Cloak (clique aqui), por exemplo, permite que você saiba a localização de pessoas que você conhece para poder evitá-las, segundo seus idealizadores. Os usuários podem optar por receber um alerta quando certas pessoas estão próximas.

Por enquanto, o aplicativo só utiliza dados de localização do Foursquare e do Instagram, por isso só é útil se você estiver seguindo as pessoas que está tentando evitar nestas duas redes.

Os desenvolvedores dizem que estão trabalhando para associar o aplicativo, que já teria sido baixado mais de 100 mil vezes, a outras redes sociais. “Nós criamos o aplicativo porque era algo que tinha que existir. Tínhamos que criá-lo”, disseram eles à BBC.

Aplicativos como o Snapchat, que apaga fotos e vídeos segundos depois de serem vistos, e o Secret, que transmite mensagens anonimamente, estão crescendo em popularidade.

O Cloak se autodenomina como um método para “evitar ex-namorados, colegas de trabalho ou aquelas pessoas que gostam de parar e conversar. Qualquer um que a pessoa preferiria não encontrar”.

Ele foi criado pelo desenvolvedor Brian Moore e pelo ex-diretor criativo do site de notícias Buzzfeed, Chris Baker.

Baker disse ao “Washington Post” que o serviço reflete a nova direção que as redes sociais estão tomando.

“Acho que já vimos o pico das grandes redes sociais”, disse ele.

“Ferramentas como o Twitter e o Facebook são como elevadores lotados com pessoas amontoadas… Eu acho que os aplicativos antissociais estão em ascensão. Há cada vez mais desses tipos de projetos”.

Já para Nick Jones, editor-chefe da revista “App Magazine”, estes nichos de aplicativos estão sendo desenvolvidos não porque haja uma grande necessidade dos consumidores, mas porque os desenvolvedores estão ansiosos para capturar alguns dos poucos mercados de mídia social que permanecem inexplorados.

“As pessoas são obrigadas a diversificar seus aplicativos e encontrar um ângulo único para o seu aplicativo, e depois tentar vendê-lo para o Facebook e ganhar um bom dinheiro”.

Mas ele admitiu: “O ‘secreto’ tem suas vantagens, é bastante atraente”.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 26 de março de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Aplicativos ‘antissociais’ ajudam internautas a proteger privacidade

Aplicativo esconde sua posição para amigos do Foursquare e Instagram (Foto: Divulgação/Cloak)Aplicativo esconde sua posição para amigos do
Foursquare e Instagram (Foto: Divulgação/Cloak)

No que muitos veem como sinal de uma tendência em buscar mais privacidade na internet, desenvolvedores de software estão colocando no mercado aplicativos “antissociais” ou que ajudam pessoas a transmitir mensagens “secretas”.

O aplicativo Cloak (clique aqui), por exemplo, permite que você saiba a localização de pessoas que você conhece para poder evitá-las, segundo seus idealizadores. Os usuários podem optar por receber um alerta quando certas pessoas estão próximas.

Por enquanto, o aplicativo só utiliza dados de localização do Foursquare e do Instagram, por isso só é útil se você estiver seguindo as pessoas que está tentando evitar nestas duas redes.

Os desenvolvedores dizem que estão trabalhando para associar o aplicativo, que já teria sido baixado mais de 100 mil vezes, a outras redes sociais. “Nós criamos o aplicativo porque era algo que tinha que existir. Tínhamos que criá-lo”, disseram eles à BBC.

Aplicativos como o Snapchat, que apaga fotos e vídeos segundos depois de serem vistos, e o Secret, que transmite mensagens anonimamente, estão crescendo em popularidade.

O Cloak se autodenomina como um método para “evitar ex-namorados, colegas de trabalho ou aquelas pessoas que gostam de parar e conversar. Qualquer um que a pessoa preferiria não encontrar”.

Ele foi criado pelo desenvolvedor Brian Moore e pelo ex-diretor criativo do site de notícias Buzzfeed, Chris Baker.

Baker disse ao “Washington Post” que o serviço reflete a nova direção que as redes sociais estão tomando.

“Acho que já vimos o pico das grandes redes sociais”, disse ele.

“Ferramentas como o Twitter e o Facebook são como elevadores lotados com pessoas amontoadas… Eu acho que os aplicativos antissociais estão em ascensão. Há cada vez mais desses tipos de projetos”.

Já para Nick Jones, editor-chefe da revista “App Magazine”, estes nichos de aplicativos estão sendo desenvolvidos não porque haja uma grande necessidade dos consumidores, mas porque os desenvolvedores estão ansiosos para capturar alguns dos poucos mercados de mídia social que permanecem inexplorados.

“As pessoas são obrigadas a diversificar seus aplicativos e encontrar um ângulo único para o seu aplicativo, e depois tentar vendê-lo para o Facebook e ganhar um bom dinheiro”.

Mas ele admitiu: “O ‘secreto’ tem suas vantagens, é bastante atraente”.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 21 de março de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Homem faz ‘moonwalk’ de bicicleta ao enfrentar vento e divide internautas

Um usuário identificado como “Michael Erbsen” publicou um vídeo em seu canal no YouTube que mostra um homem chamado “Gene” enfrentando uma ventania forte enquanto anda de bicicleta, o que resultou em uma imagem curiosa em que o homem parecia andar de bicicleta para trás (assista).

Homem andando de biciclenta foi arrastado para trás, gerando brincadeiras como 'moonbiking' (Foto: Reprodução/YouTube/Michael Erbsen)Homem andando de biciclenta foi arrastado para trás, gerando brincadeiras como ‘moonbiking’ (Foto: Reprodução/YouTube/Michael Erbsen)

A cena, gravada em Nebraska, nos EUA, chegou até a ser apelidada de “moonwalking de bicicleta” ou ainda “Moonbiking” por alguns internautas, fazendo referência ao famoso passo de dança de Michael Jackson, no qual ele andava para trás deslizando os pés no chão.

Contudo, a gravação também gerou bastante debate na web, com afirmações de que a cena teria sido simplesmente invertida, e executada de trás para frente.

O vídeo foi assistido mais de 26 mil vezes em menos de um dia.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 28 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , ,

Foto falsa de lula gigante de 48 m intriga internautas e vira boato na web

Uma imagem falsa de uma lula gigante com mais de 48 metros de comprimento começou a se espalhar pela internet e acabou virando boato, após enganar dezenas de pessoas.

Na foto, compartilhada pelas redes sociais, aparece uma multidão em volta de uma suposta lula de proporções descomunais, que teria aparecido em uma praia da Califórnia, nos Estados Unidos.

Imagem falsa de lula de 48 m de comprimento se espalhou pela rede e assustou internautas (Foto: Reprodução/Twitter/icarpio)Imagem falsa de lula de 48 metros de comprimento se espalhou pela rede e assustou internautas (Foto: Reprodução/Twitter/icarpio)

A brincadeira teria começado em um site de humor, afirmando que a criatura seria resultado do desastre nuclear da usina de Fukushima, no Japão, em 2011.

Vários internautas começaram a espalhar o suposto flagra, que se tornou viral. Na falsa notícia sobre a lula, o site afirmava que “especialistas em gigantismo radiativo” estavam certos de que o animal gigante seria resultado do acidente nuclear japonês, de acordo com o jornal online americano “International Business Times”.

Mas a farsa foi logo descoberta, depois que canais de televisão como o National Geographic analisaram a foto e descobriram que se tratava de uma montagem, feita a partir das imagens de uma baleia encalhada no Chile e de uma carcaça de lula gigante encontrada em uma praia na Espanha.

Um usuário no Twitter identificado como “Fabeilo” chegou a fazer uma montagem comparando a imagem original e a falsa. De acordo com o National Geographic, a maior lula já registrada no mundo tem 13 metros de comprimento, quase cinco vezes menos que a da montagem.

Cacaça de lula gigante atrai curiosos em praia na Espanha (Foto: Reprodução/Facebook/Enrique Talledo)Carcaça de lula gigante que gerou montagem foi achada em praia na Espanha (Foto: Reprodução/Facebook/Enrique TalledoUsuário comparou fotos para desmascarar montagem sobre 'lula gigante' (Foto: Reprodução/Twitter/Fabeilo)Usuário comparou fotos para desmascarar montagem sobre ‘lula gigante’ (Foto: Reprodução/Twitter/Fabeilo)

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 16 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Internautas brasileiros chegam a 105 milhões, segundo pesquisa do Ibope

O número de brasileiros conectados na internet chegou a 105,1 milhões nos meses de maio, junho, julho e agosto de 2013, segundo pesquisa divulgada pelo Ibope nesta quinta-feira (3). O número é 3% maior do que o registrado nos três meses anteriores, quando o país teve 102,3 milhões de internautas.

O estudo corresponde a pessoas com acesso à web em qualquer ambiente (domicílios, trabalho, lan houses, escolas, locais públicos e outros locais).

O crescimento foi mais expressivo no acesso em casa e no local de trabalho. O total de pessoas com acesso em pelo menos um desses dois ambientes foi de 79,5 milhões até agosto, um aumento de 3,8% sobre os 76,6 milhões registrados nos meses de maio, junho e julho, de acordo com o Ibope. Já os usuários ativos em casa ou no trabalho no mês de agosto somaram 57,2 milhões, aumento de 1,8% sobre os 56,2 milhões dos três meses anteriores.

Em dois anos, a pesquisa afirma que o Brasil ganhou 20 milhões de novos internautas com acesso em casa, passando de 57,9 milhões em 2011 para 76,6 milhões em 2013, um aumento de 32%.

Dados dos três meses que antecedem agosto mostram que o tempo de uso do computador em casa e no trabalho diminuiu 4,8%, registrando média mensal de 57 horas. Anteriormente, a médida de uso nestes espaços era de 60 horas.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 4 de outubro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , ,

Mais da metade dos internautas dos EUA pesquisa sobre si na internet

Em um mundo cada vez mais conectado, saber quais segredos a internet guarda a seu respeito é uma grande preocupação de boa parte das pessoas. Pesquisar a si mesmo na web é uma prática recorrente para 56% dos norte-americanos, aponta um levantamento do Pew Research Center divulgada nesta sexta-feira (27), em homenagem ao aniversário de 15 anos do mais famoso dos buscadores, o Google.

O instituto de pesquisa ouviu 1.895 pessoas com mais de 18 anos entre maio e abril deste ano. Em 2001, apenas 22% declaravam fazer essas pesquisas.

Buscar pelo próprio nome para saber o que a web esconde a respeito é mais comum entre homens –58% deles disseram fazer isso– do que entre mulheres –54% delas afirmaram pesquisar sobre si mesmas.

Segundo o Pew Research, a busca pelas “pegadas digitais” é maios entre os mais jovens e o ímpeto por identificá-las diminui com a idade. A porcentagem de quem faz isso é de 64% entre jovens de 18 a 29 anos, de 58% entre os adultos de 30 a 49%, de 49% entre as pessoas com idade entre 50 e 64% e de 45% entre os maiores de 65 anos.

Os mais abastados também se preocupam mais. Por um lado, o índice dos que fazem buscas sobre si é de 48% entre os entrevistados que possuem renda familiar menor de US$ 30 mil ao ano, mas, por outro, é de 66% entre os que têm rendimento familiar anual de US$ 75 mil.

Os norte-americanos com mais anos de escola também são mais adeptos da prática: entre os que possuem diploma universitário, o índice é de 68%, enquanto é de apenas 35% entre aqueles que não possuem sequer diploma do Ensino Médio.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 2 de outubro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,