RSS

Arquivo da tag: identificao

Facebook trabalha em identificação facial com ‘performance humana’

Sistema de reconhecimento facial do Facebook usa técnicas que o fazem identificar 97,25% dos rostos humanos (Foto: Divulgação/Facebook)Sistema de reconhecimento facial do Facebook
usa técnicas que o fazem identificar 97,25% dos
rostos humanos (Foto: Divulgação/Facebook)

O Facebook anunciou o desenvolvimento de uma tecnologia de identificação facial que tem o objetivo de ter uma performance similar a dos seres humanos. O projeto, chamado de DeepFace, é um sistema que reconhece 97,25% dos rostos – quase o mesmo que humanos obtiveram no mesmo teste que o sistema passou, que foi de 97,5%.

A tecnologia mapeia os rostos em três dimensões e depois cria um modelo plano. Filtros de cores são aplicados para mostrar elementos faciais específicos. O Facebook trabalhou com 4,4 milhões de imagens de rostos de mais de 4 mil usuários da rede social para conseguir treinar o sistema.

O projeto não ficará somente no Facebook. A rede social deve lançá-lo um pouco antes do mês de junho, para conseguir uma avaliação da comunidade de pesquisas, a fim de participar do evento “IEEE Conference on Computer Vision and Pattern Recognition”.

O reconhecimento facial em fotos foi lançado pela rede social no final de 2010 inicialmente nos Estados Unidos, chegando ao resto do mundo em 2011. São mais de 350 milhões de fotos publicadas no site diariamente e a grande maioria delas identifica seus usuários. As pessoas também podem se marcar ou identificar amigos nas imagens.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 19 de março de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Peritos trabalham na identificação de vítimas de colisão frontal na Argentina

Bombeiros apagam as chamas de ônibus de passageiros que colidiu com caminhão na Argentina, deixando 17 mortos (Foto: Los Andes/Ap)Bombeiros apagam as chamas de ônibus de passageiros que colidiu com caminhão na Argentina na última sexta-feira (7), deixando 19 mortos (Foto: Los Andes/Ap)

Peritos trabalhavam neste domingo (10) na identificação das vítimas do acidente rodoviário ocorrido na última sexta-feira em Mendoza, Argentina, quando um caminhão brasileiro e um ônibus colidiram de frente, deixando 19 mortos, três deles alemães.

A maioria das vítimas morreu carbonizada, e vários corpos desmembrados foram encontrados. O Corpo Médico Forense de Mendoza realiza testes de DNA a partir de amostras de sangue de parentes das vítimas, mas estima-se que os resultados poderão demorar cinco dias.

O acidente aconteceu quando um ônibus de passageiros foi atingido de frente pelo caminhão, carregado de alho, que circulava na contramão por uma rodovia, em alta velocidade.

Poucos dados
Dezenove pessoas morreram e 14 ficaram feridas, segundo o ministro da Saúde de Mendoza, Matías Roby, embora a lista oficial da promotoria dê conta de 17 mortos. Segundo Roby, entre os mortos há três alemães, e um outro, em estado grave, está internado no Hospital Central de Mendoza.

Até o momento, foi identificado apenas o corpo de José Nievas, motorista do ônibus acidentado, da empresa Plusultra Mercosur, que havia partido de Córdoba com destino a Mendoza.

“Temos uma lista de 28 passageiros que viajavam no ônibus, mas assim como nove desceram em San Martín, outros desceram em La Paz, Villa Mercedes e San Luis, e algum passageiro pode ter embarcado em uma parada intermediária, sem estar registrado”, explicou o delegado Juan Carlos Caleri, diretor geral da polícia de Mendoza. “O choque nos arrancou do assento”, disse.

Quando ocorreu o choque frontal com o ônibus, o caminhão, de placa brasileira, era seguido pela polícia, que tentava pará-lo, após ser alertada por outros motoristas. Com o impacto, os dois veículos se incendiaram, e os sobreviventes escaparam pelas janelas.

“Conversava com minha mulher, o choque nos arrancou do assento e a fumaça tomou conta. Quebramos o vidro e nos jogamos”, contou Edgardo Silva, que viajava no último assento do ônibus, de dois andares.

A promotoria confirmou que o caminhão havia fugido de um controle alfandegário antes do acidente. O serviço de emergência 911 recebeu alertas sobre a suposta embriaguez do motorista, após um incidente com um motorista antes de o caminhão acessar a rodovia em que ocorreu a tragédia.

O promotor Martín Scattareggi disse que o estado do corpo do caminhoneiro impede a perícia necessária para determinar se o mesmo estava embriagado.

Em declarações à AFP, Sadi Guidini, responsável pela logística da empresa ACM Transporte, de Realeza, Paraná, à qual pertencia o caminhão, disse suspeitar de que o motorista, identificado como Genésio Mariano, 35, tenha sido assaltado, e garantiu que o mesmo tinha experiência e responsabilidade.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 10 de fevereiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , , ,

Facebook considera usar fotos de usuários para identificação facial

O Facebook considera incorporar as fotos do perfil da maior parte seus usuários em sua base de reconhecimento facial, expandindo o escopo desse controverso recurso da rede social. Atualmente, a empresa possui mais de um bilhão de membros.

Divulgada em uma atualização de sua política de uso de dados nesta quinta-feira (29), a decisão pretende melhorar o desempenho da ferramenta de sugestões de marcação, que utiliza tecnologia de reconhecimento facial para acelerar o processo de identificação de amigos e conhecidos que aparecem em fotos postadas na rede.

A tecnologia atualmente identifica rostos automaticamente nas fotos publicadas ao compará-los com fotos anteriores nas quais os usuários foram marcados. Os usuários do Facebook podem escolher remover as marcações que os identificam.

As mudanças anunciada nesta quinta em um momento em que as políticas de privacidade do Facebook e de outras empresas de internet estão sob escrutínio, após a revelação de que os Estados Unidos mantêm um programa de ciberespionagem de internautas.

Facebook, Google e outras empresas afirmam nunca ter participado de qualquer programa que desse ao governo acesso direto a seus servidores e que só fornecem informação como resposta a pedidos específicos, de acordo com a lei.

A diretora de privacidade do Facebook, Erin Egan, disse que adicionar fotos do perfil dos membros daria aos usuários mais controle sobre sua informação pessoal, tornando mais fácil identificar as fotos em que aparecem.

“Nosso objetivo é facilitar a marcação para que as pessoas saibam quando há fotos delas no nosso serviço”, disse Egan.

Ela acrescentou que os usuários não confortáveis com a tecnologia de reconhecimento facial poderão desabilitar a opção, nesse caso a foto do perfil da pessoa não será adicionada à base de dados de reconhecimento facial.

A ferramenta de reconhecimento facial tem sido uma questão polêmica para as empresas de tecnologia, levantando preocupações de autoridades e especialistas. A sugestão de marcação, introduzida pela empresa em 2011, não está disponível na Europa justamente devido à preocupação de reguladores do continente.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 31 de agosto de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

OAB ameaça ir à Justiça contra identificação eletrônica de carros

Para entidade, projeto do Contran previsto para entrar em vigor em janeiro de 2013, é inconstitucional, pois invade a privacidade dos motoristas.

A implantação do Sistema Nacional de Identificação Automática de Veículos (Siniav), prevista para janeiro do ano que vem, divide opiniões entre especialistas no setor. Para alguns, a instalação de um dispositivo eletrônico em toda a frota rodoviária em circulação no País representa invasão de privacidade. Para outros, o rastreamento, que inclui informações sobre o deslocamento dos carros em tempo real, aumenta a segurança e facilita o ordenamento do tráfego de pessoas e de cargas no território brasileiro.

Entre os contrários à medida está a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), que pretende ajuizar ação direta de inconstitucionalidade (Adin) no Supremo Tribunal Federal para contestar a instituição do sistema. Segundo o relator da matéria no Conselho Federal da OAB, Carlos Roberto Siqueira Castro, conhecer a exata localização do veículo de uma pessoa fere o direito constitucional à garantia de privacidade dos cidadãos.

Já o professor de direito constitucional da Universidade Católica de Pernambuco Marcelo Labanca sustenta que o controle, da maneira como está sendo proposto, não é excessivo, nem invade a esfera da privacidade.

“A medida não viola o direito de privacidade do cidadão. Isso ocorreria se os chips fossem implantados nas pessoas para monitorá-las. Se o carro A ou B está em um local, isso não significa que a pessoa X ou Y esteja lá também. Os veículos devem ser monitorados, pois não há privacidade para o cidadão usar o carro como queira. É necessário haver controle do trânsito e de seus veículos por parte do Estado”, diz Labanca.

O professor alerta, no entanto, que deve haver confidencialidade dos dados. As informações que ficarão armazenadas no dispositivo são: número de série do chip de RFID, identificação da placa, categoria, espécie e tipo do veículo. “O que não pode é o Estado usar esses dados para divulgação individual a terceiros. Os dados devem ser preservados para utilização nos fins propostos.”

De acordo com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Informação, que financiou o desenvolvimento do sistema juntamente com o Ministério das Cidades, a tecnologia usada prevê a confidencialidade dos dados relacionados aos proprietários dos veículos. Além disso, o protocolo de segurança de todas as informações contidas no sistema é baseado em chaves de proteção extremamente modernas.

O Ministério das Cidades reforçou, por meio de sua assessoria de imprensa, que o protocolo de comunicação adotado é “padrão, sigiloso e seguro e de propriedade da União”. As informações serão fornecidas às entidades licenciadas somente mediante assinatura de termo de confidencialidade.

*Com informações da Agência Brasil

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13 de novembro de 2012 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,