RSS

Arquivo da tag: formas

Círculos e outras formas geométricas em plantação na Califórnia!

Estranhas formas geométricas apareceram em uma plantação na Califórnia e deixou muita gente intrigada! Afinal, seriam provas de visitas alienígenas?

No último final de semana de dezembro de 2013, alguns moradores de Salinas Valley, próximo ao Condado de Monterey – Califórnia (EUA) – notaram uma enigmática figura que teria aparecido subitamente em uma plantação.

A imagem teria 310 pés de diâmetro e é um aglomerado de figuras geométricas como quadrados, círculos, pontos e linhas. Alguns moradores da região afirmaram que luzes fortes (seguidas de explosões) apareceram nos céus na noite em que o desenho foi gravado no meio das plantas.

A rede de notícias CNN publicou uma matéria a respeito, explicando que a marca na plantação teria sido vista primeiramente pela fotógrafa Julie Belanger, que descobriu a estranha formação enquanto sobrevoava junto com o marido a fazenda de propriedade de Scott Anthony. O fazendeiro tinha acabado de voltar de férias quando recebeu um telefonema de um dos funcionários de sua fazenda sobre o ocorrido.

Seria esse agróglifo a prova definitiva de que alienígenas estariam tentando se comunicar com os seres humanos? Ou tudo não passou de mais uma brincadeira de alguns moradores locais?

Será que isso é verdadeiro ou falso?

Imenso agróglifo teria sido descoberto em uma fazenda na Califórnia! ETs? (foto: Reprodução/YouTube) Imenso agróglifo teria sido descoberto em uma fazenda na Califórnia! ETs? (foto: Reprodução/YouTube)

Infelizmente, não foi dessa vez que presenciamos um contato extraterreno!

Depois de uma semana de suspense, no dia 05 de janeiro de 2014, a fabricante de microchips especializados para computação gráfica NVIDIA publicou em seu blog a verdade. Brian Cualfield explica no artigo que o tal agróglifo era, na verdade, um golpe publicitário para divulgar o lançamento do Tegra K1, um processador móvel usado em automóveis, tablets e telefones celulares.

Brett Murray, funcionário da NVIDIA disse à CNN em uma entrevista telefônica que a ideia de criar o “crop circle” surgiu durante uma sessão de brainstorming no início de dezembro sobre como apresentar o novo produto. A ideia era a de mostrar que um processador tão poderoso como esse só poderia ser explicado como “se fosse de outro mundo”, segundo a empresa!

A NVIDIA trabalhou em sigilo e até importou “mão de obra especializada” trazendo um grupo especializado em criar esses tipos de circulos do Reino Unido.

A propaganda foi feita "sen querer" por inúmeros sites e blogs! (Foto: Montagem/NVIDIA) A propaganda foi feita “sen querer” por inúmeros sites e blogs! (Foto: Montagem/NVIDIA)

Numerólogos devem ter pirado com a recorrência do numero 192 na imagem. O quadrado no centro da figura forma o numero “192” em braile. Além disso, uma representação de um relógio também mostra o numeral curioso. A NVIDIA também explica que 192 é a quantidade de núcleos gráficos presentes no novo processador.

A seguir, o vídeo publicado pela NVIDIA, mostrando como foram feitos os círculos e, Salinas Valley:

Os círculos de Salinas Valley eram, na verdade, parte de um golpe de marketing para divulgar um novo processador de vídeo da NVIDIA!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Fonte E-farsas

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 10 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Inpa avalia formas de ‘salvar’ árvore centenária com risco de cair no AM

Uma comissão técnica formada por pesquisadores do Instituto Nacional de Pesquisas Amazônicas (Inpa) vai avaliar a estrutura física de uma árvore de 600 anos presente do Bosque da Ciência, em Manaus. Cerca de 50% do tronco da Tanimbuca encontra-se oco, o que preocupa a instituição.

O coordenador de extensão do Inpa, Carlos Bueno, informou que o instituto avalia as medidas a serem tomadas para sustentar a árvore. “Estamos juntando pessoas que têm dado seus pareceres e instituições, como o Corpo de Bombeiros, para avaliar quais as soluções para aumentar a resistência da árvore”, afirma.

O preenchimento do tronco da árvore com pedras e concreto está entre as alternativas  analisadas. “Seria uma forma de melhorar a estrutura. Precisaríamos de cálculos de engenheiros civis”, disse o coordeanador.

Para os pesquisadores, a contribuição da árvore vai além da questão ambiental. “Nós temos com a Tanimbuca uma relação afetiva. Podem saber que o Inpa não vai deixar de medir esforços para tentar mantê-la”, garantiu o pesquisador, Hugo Mesquita.

Há 20 anos, o Inpa acompanha o desenvolvimento da tanimbuca centenária. O estudo com um aparelho de tomografia detectou que ela está com metade do tronco oco. A tanimbuca é uma espécie que pode chegar a 35 metros e pesar até 30 toneladas. A árvore presente no Bosque da Ciência tem 20 metros e pesa mais de 15 toneladas.

Pesquisador Carlos Bueno estima que metade do tronco esteja oco (Foto: Girlene Medeiros/G1 AM)Pesquisador Carlos Bueno estima que metade do tronco esteja oco (Foto: Girlene Medeiros/G1 AM)

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 17 de setembro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Carreira: Formas simples e gratuitas de estudar para certificações em TI

Encontre recursos de baixo custo, obtenha experiência prática e prepare-se para as provas que atestam seu conhecimento no mercado

Por muitos anos, certificações em tecnologia da informação (TI) têm sido debatidas por profissionais da área. Alguns acreditam que elas são a chave para um emprego ou um salário melhor. Enquanto outros afirmam que elas só valem no papel. 

Para profissionais da área que estão em busca de certificação para colocar um tempero a mais em suas capacidades, há maneiras de estudar para as provas sem gastar muito ou até sem gastar nada.

Afinal, não há como negar. O investimento em cursos para estudar para exames de certificação é, muitas vezes, caro, observa Tim Warner, um veterano de 15 anos de TI, escritor e treinador no CBT Nuggets, especializada em treinamento de TI. 

Depois de frequentar aulas, você ainda tem de pagar para fazer os exames. “Em média, os preços da prova variam entre 150 dólares e 350 dólares, por tentativa”, diz Warner. “Alguns fornecedores de TI, como a Microsoft têm promoções que diminuem pela metade o custo de inscrição. Mas, de qualquer forma, pode ser caro para muitos profissionais”, ressalta. Felizmente, há uma série de recursos livres e de baixo custo que podem ajudá-lo a estudar para realiza os exames de certificação. Veja abaixo.

Estude as possibilidades com seu empregador atual

Se você estiver em uma posição que sua empresa pode pagar por um curso de formação, fornecer materiais de estudo, ou oferecer outros recursos para obter certificações, não custa tentar. E mesmo que o empregador não pague, ele pode ser oferecer descontos e outras facilidades se for membro de uma organização que oferece tais benefícios. 

Verifique os recursos de sua escola

Se você está atualmente matriculado em um curso de TI, pode verificar se seu departamento acadêmico tem recursos disponíveis, como acesso gratuito a ferramentas de desenvolvimento de software, sistemas operacionais, bem como quaisquer descontos de computadores e hardware.

Aproveite as edições de software voltado para estudantes. E não se esqueça da biblioteca da escola, onde você pode encontrar guias de certificação de estudo ou outros recursos úteis.

Considere programas do governo

Verifique os recursos que as organizações governamentais estão oferecendo. O programa do governo Brasil Mais TI oferece periodicamente cursos gratuitos para profissionais de TI. Dos 500 milhões de reais do governo federal destinados ao TI Maior, uma parcela de 1,4 milhão de reais foi direcionada para capacitação de jovens talentos. Esses novos profissionais receberão treinamento a distância pelo portal do programa. 

Assine o Safari Books Online 

Esta biblioteca digital on demand oferece uma coleção de mais de 20 mil títulos de tecnologia, que incluem mídia digital e livros de desenvolvimento profissional e vídeos da O’Reilly Media, Addison-Wesley, Peachpit Press, Microsoft Press e muito mais.

O conteúdo é em inglês e você pode ler e assistir vídeos no computador ou tablet. Depois de um teste gratuito de dez dias ou mil visualizações de páginas, as taxas variam de 20 dólares a 43 dólares por mês ou 300 dólares a 473 dólares por ano.

Junte-se à IEEE Computer Society

Dedicado ao ensino técnico e colaboração, esse braço do Instituto de Engenheiros Elétricos e Eletrônicos nos Estados Unidos oferece inúmeros recursos que você pode usar para estudar. 

O site conta com mais de 600 livros online via Safari Books, 500 livros online da Element K e descontos em livros sobre TI. Também oferece 4,3 mil cursos online para muitas certificações técnicas e de negócios e exames de proficiência da Brainbench.

O site tem diferentes planos para assinantes, que variam de 49,50 dólares a 99 dólares (para profissionais), a 20 dólares a 40 dólares (para estudantes).

Participe de fóruns de discussão online

Quem melhor para obter conselhos de estudo e aprovação no exame de certificação do que outros que já passaram por isso? Os participantes de fóruns de discussão muitas vezes compartilham exatamente o que eles acharam útil ao estudar e fornecem um feedback geral sobre o exame.

Mas lembre-se que as questões exatas, provavelmente, diferem em cada exame. Importante: obter ou publicar questões literais de exames geralmente é estritamente proibido por aqueles que aplicam os exames.

Verifique se os fornecedores de TI oferecem recursos para certificação 

A maioria dos fornecedores de certificação fornece pelo menos alguns recursos livres básicos no site que você pode usar quando estiver estudando. Embora você provavelmente não encontre profundidade em materiais livres, pode ter acesso a artigos, blogs, vídeos, webinars, fóruns de discussão e outros conteúdos que podem ajudar.

Por exemplo, a Cisco oferece o Cisco Learning Network, a Microsoft oferece o TechNet e o Microsoft Developer Network, a CompTIA o IT Pro Community e o CWNP provê acesso a recursos de aprendizagem sobre Wi-Fi.

Procure cursos online gratuitos de universidades 

A tendência crescente das universidades, incluindo o Massachusetts Institute of Technology (MIT), é oferecer aulas gratuitas online sobre temas de tecnologia. Embora a maioria desses cursos não é focada especificamente em certificações de tecnologia, eles podem ajudar na aprendizagem de uma variedade de tópicos em TI. A Coursera, por exemplo, realiza parcerias com várias universidades para oferecer cursos de sistemas de computadores, segurança e networking.

Verifique o acervo da biblioteca pública de sua cidade

Não se esqueça da biblioteca local. Você pode não encontrar livros atualizados para todas as certificações de TI ou tópicos, mas não faz mal verificar. Também consulte o site da biblioteca e parceiros que possam oferecer uma seleção maior.

Avalie o seu conhecimento com testes práticos

Não desperdice dinheiro para fazer um exame antes de estar pronto. Tire proveito de testes práticos para avaliar o que você sabe e o que precisa estudar mais. Apesar de as perguntas não serem as do exame real, elas devem cobrir temas semelhantes com base nos objetivos do exame.

Se você responder uma pergunta errada, tente compreender por qual razão a sua resposta está errada e as razões por trás da resposta correta. Uma rápida pesquisa no Google irá revelar muitos sites que oferecem esses testes, e você também pode encontrá-los em guias de estudo.

Ganhe experiência

Embora os métodos tradicionais de estudo sejam uma parte importante da preparação para um exame de certificação, contar com experiência prática da tecnologia que você está estudando é essencial para obter uma compreensão mais profunda sobre o tema. 

Obter essa experiência pode ser relativamente fácil para aqueles que trabalham com TI, mas pode parece assustador para os outros. Confira as dicas abaixo.

Ferramentas de cloud

Para obter experiência prática sem ter de comprar e configurar o hardware necessário, considere o uso de nuvem. Por exemplo, o uso gratuito do Amazon EC2 Cloud permite acesso livre a plataformas Linux e Windows. Assim, você pode praticar comandos do Linux ou do Windows Server Administration. O Windows Azure oferece um teste de três meses que você pode usar para desenvolver software ou banco de dados. 

Virtualização, Linux e particionamento

Quando você precisa trabalhar com outro software de virtualização de sistema operacional, como VMware Player, Windows Virtual PC ou VirtualBox é possível executar também outro sistema operacional – e suas apps – direito dentro do Windows. 

Para sistemas operacionais baseados em Linux, você também pode começar a partir de um CD, que não requer a instalação de disco. Se você preferir fazer uma instalação completa de um sistema operacional, pode criar um dual-boot no PC.

Abaixo estão algumas dicas sobre maneiras baratas de ganhar alguma experiência prática por especialidade.

Rede

• Considere a criação de roteadores de código aberto ou livre como RouterOS, ZeroShell ou Endian para obter experiência de rede geral.

• Se você está estudando para uma certificação de rede – da Cisco ou Juniper, por exemplo – use emuladores para praticar comandos e simular configurações de rede. O código fonte aberto GNS3 Graphical Network Simulator, por exemplo, suporta Cisco IOS/IPS/PIX/ASA e Juniper JunOS.

• Para ganhar experiência com autenticação 802.1X ou para RADIUS, tente o open source FreeRADIUS ou o freeware TekRADIUS.

• Para a segurança da rede, considere fazer alguns testes de penetração em sua própria rede com o BackTrack.

Administração de Windows

Além das ferramentas baseadas em nuvem relacionadas acima, a Microsoft oferece testes gratuitos de Windows Server, Windows Small Business Server e outros produtos. Você também pode se inscrever para ter acesso aos recursos do Windows Server no site TechNet da Microsoft.

Banco de dados

Instale um servidor e manipule alguns dados, baixando a versão open source ou trial de seu banco de dados desejado, como MySQL, SQLite, PostgreSQL, Microsoft SQL Server, DB2, ou de produtos de banco de dados Oracle ou Sybase.

Desenvolvimento de software

• Considere efetuar o download da versão de avaliação gratuita de 90 dias do Microsoft Visual Studio para configurar um servidor web com Apache, por exemplo.

• Alunos, educadores e instituições, também têm em mente o programa DreamSpark da Microsoft, que oferece ferramentas de desenvolvimento de forma gratuita. Uma vez que você se inscreve no DreamSpark também pode receber 90 dias de acesso gratuito ao curso de .NET para Pluralsight, que é oferecido por dez dias gratuitamente para o público em geral.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 24 de junho de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Carreira: Formas simples e gratuitas de estudar para certificações em TI

Encontre recursos de baixo custo, obtenha experiência prática e prepare-se para as provas que atestam seu conhecimento no mercado

Por muitos anos, certificações em tecnologia da informação (TI) têm sido debatidas por profissionais da área. Alguns acreditam que elas são a chave para um emprego ou um salário melhor. Enquanto outros afirmam que elas só valem no papel. 

Para profissionais da área que estão em busca de certificação para colocar um tempero a mais em suas capacidades, há maneiras de estudar para as provas sem gastar muito ou até sem gastar nada.

Afinal, não há como negar. O investimento em cursos para estudar para exames de certificação é, muitas vezes, caro, observa Tim Warner, um veterano de 15 anos de TI, escritor e treinador no CBT Nuggets, especializada em treinamento de TI. 

Depois de frequentar aulas, você ainda tem de pagar para fazer os exames. “Em média, os preços da prova variam entre 150 dólares e 350 dólares, por tentativa”, diz Warner. “Alguns fornecedores de TI, como a Microsoft têm promoções que diminuem pela metade o custo de inscrição. Mas, de qualquer forma, pode ser caro para muitos profissionais”, ressalta. Felizmente, há uma série de recursos livres e de baixo custo que podem ajudá-lo a estudar para realiza os exames de certificação. Veja abaixo.

Estude as possibilidades com seu empregador atual

Se você estiver em uma posição que sua empresa pode pagar por um curso de formação, fornecer materiais de estudo, ou oferecer outros recursos para obter certificações, não custa tentar. E mesmo que o empregador não pague, ele pode ser oferecer descontos e outras facilidades se for membro de uma organização que oferece tais benefícios. 

Verifique os recursos de sua escola

Se você está atualmente matriculado em um curso de TI, pode verificar se seu departamento acadêmico tem recursos disponíveis, como acesso gratuito a ferramentas de desenvolvimento de software, sistemas operacionais, bem como quaisquer descontos de computadores e hardware.

Aproveite as edições de software voltado para estudantes. E não se esqueça da biblioteca da escola, onde você pode encontrar guias de certificação de estudo ou outros recursos úteis.

Considere programas do governo

Verifique os recursos que as organizações governamentais estão oferecendo. O programa do governo Brasil Mais TI oferece periodicamente cursos gratuitos para profissionais de TI. Dos 500 milhões de reais do governo federal destinados ao TI Maior, uma parcela de 1,4 milhão de reais foi direcionada para capacitação de jovens talentos. Esses novos profissionais receberão treinamento a distância pelo portal do programa. 

Assine o Safari Books Online 

Esta biblioteca digital on demand oferece uma coleção de mais de 20 mil títulos de tecnologia, que incluem mídia digital e livros de desenvolvimento profissional e vídeos da O’Reilly Media, Addison-Wesley, Peachpit Press, Microsoft Press e muito mais.

O conteúdo é em inglês e você pode ler e assistir vídeos no computador ou tablet. Depois de um teste gratuito de dez dias ou mil visualizações de páginas, as taxas variam de 20 dólares a 43 dólares por mês ou 300 dólares a 473 dólares por ano.

Junte-se à IEEE Computer Society

Dedicado ao ensino técnico e colaboração, esse braço do Instituto de Engenheiros Elétricos e Eletrônicos nos Estados Unidos oferece inúmeros recursos que você pode usar para estudar. 

O site conta com mais de 600 livros online via Safari Books, 500 livros online da Element K e descontos em livros sobre TI. Também oferece 4,3 mil cursos online para muitas certificações técnicas e de negócios e exames de proficiência da Brainbench.

O site tem diferentes planos para assinantes, que variam de 49,50 dólares a 99 dólares (para profissionais), a 20 dólares a 40 dólares (para estudantes).

Participe de fóruns de discussão online

Quem melhor para obter conselhos de estudo e aprovação no exame de certificação do que outros que já passaram por isso? Os participantes de fóruns de discussão muitas vezes compartilham exatamente o que eles acharam útil ao estudar e fornecem um feedback geral sobre o exame.

Mas lembre-se que as questões exatas, provavelmente, diferem em cada exame. Importante: obter ou publicar questões literais de exames geralmente é estritamente proibido por aqueles que aplicam os exames.

Verifique se os fornecedores de TI oferecem recursos para certificação 

A maioria dos fornecedores de certificação fornece pelo menos alguns recursos livres básicos no site que você pode usar quando estiver estudando. Embora você provavelmente não encontre profundidade em materiais livres, pode ter acesso a artigos, blogs, vídeos, webinars, fóruns de discussão e outros conteúdos que podem ajudar.

Por exemplo, a Cisco oferece o Cisco Learning Network, a Microsoft oferece o TechNet e o Microsoft Developer Network, a CompTIA o IT Pro Community e o CWNP provê acesso a recursos de aprendizagem sobre Wi-Fi.

Procure cursos online gratuitos de universidades 

A tendência crescente das universidades, incluindo o Massachusetts Institute of Technology (MIT), é oferecer aulas gratuitas online sobre temas de tecnologia. Embora a maioria desses cursos não é focada especificamente em certificações de tecnologia, eles podem ajudar na aprendizagem de uma variedade de tópicos em TI. A Coursera, por exemplo, realiza parcerias com várias universidades para oferecer cursos de sistemas de computadores, segurança e networking.

Verifique o acervo da biblioteca pública de sua cidade

Não se esqueça da biblioteca local. Você pode não encontrar livros atualizados para todas as certificações de TI ou tópicos, mas não faz mal verificar. Também consulte o site da biblioteca e parceiros que possam oferecer uma seleção maior.

Avalie o seu conhecimento com testes práticos

Não desperdice dinheiro para fazer um exame antes de estar pronto. Tire proveito de testes práticos para avaliar o que você sabe e o que precisa estudar mais. Apesar de as perguntas não serem as do exame real, elas devem cobrir temas semelhantes com base nos objetivos do exame.

Se você responder uma pergunta errada, tente compreender por qual razão a sua resposta está errada e as razões por trás da resposta correta. Uma rápida pesquisa no Google irá revelar muitos sites que oferecem esses testes, e você também pode encontrá-los em guias de estudo.

Ganhe experiência

Embora os métodos tradicionais de estudo sejam uma parte importante da preparação para um exame de certificação, contar com experiência prática da tecnologia que você está estudando é essencial para obter uma compreensão mais profunda sobre o tema. 

Obter essa experiência pode ser relativamente fácil para aqueles que trabalham com TI, mas pode parece assustador para os outros. Confira as dicas abaixo.

Ferramentas de cloud

Para obter experiência prática sem ter de comprar e configurar o hardware necessário, considere o uso de nuvem. Por exemplo, o uso gratuito do Amazon EC2 Cloud permite acesso livre a plataformas Linux e Windows. Assim, você pode praticar comandos do Linux ou do Windows Server Administration. O Windows Azure oferece um teste de três meses que você pode usar para desenvolver software ou banco de dados. 

Virtualização, Linux e particionamento

Quando você precisa trabalhar com outro software de virtualização de sistema operacional, como VMware Player, Windows Virtual PC ou VirtualBox é possível executar também outro sistema operacional – e suas apps – direito dentro do Windows. 

Para sistemas operacionais baseados em Linux, você também pode começar a partir de um CD, que não requer a instalação de disco. Se você preferir fazer uma instalação completa de um sistema operacional, pode criar um dual-boot no PC.

Abaixo estão algumas dicas sobre maneiras baratas de ganhar alguma experiência prática por especialidade.

Rede

• Considere a criação de roteadores de código aberto ou livre como RouterOS, ZeroShell ou Endian para obter experiência de rede geral.

• Se você está estudando para uma certificação de rede – da Cisco ou Juniper, por exemplo – use emuladores para praticar comandos e simular configurações de rede. O código fonte aberto GNS3 Graphical Network Simulator, por exemplo, suporta Cisco IOS/IPS/PIX/ASA e Juniper JunOS.

• Para ganhar experiência com autenticação 802.1X ou para RADIUS, tente o open source FreeRADIUS ou o freeware TekRADIUS.

• Para a segurança da rede, considere fazer alguns testes de penetração em sua própria rede com o BackTrack.

Administração de Windows

Além das ferramentas baseadas em nuvem relacionadas acima, a Microsoft oferece testes gratuitos de Windows Server, Windows Small Business Server e outros produtos. Você também pode se inscrever para ter acesso aos recursos do Windows Server no site TechNet da Microsoft.

Banco de dados

Instale um servidor e manipule alguns dados, baixando a versão open source ou trial de seu banco de dados desejado, como MySQL, SQLite, PostgreSQL, Microsoft SQL Server, DB2, ou de produtos de banco de dados Oracle ou Sybase.

Desenvolvimento de software

• Considere efetuar o download da versão de avaliação gratuita de 90 dias do Microsoft Visual Studio para configurar um servidor web com Apache, por exemplo.

• Alunos, educadores e instituições, também têm em mente o programa DreamSpark da Microsoft, que oferece ferramentas de desenvolvimento de forma gratuita. Uma vez que você se inscreve no DreamSpark também pode receber 90 dias de acesso gratuito ao curso de .NET para Pluralsight, que é oferecido por dez dias gratuitamente para o público em geral.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 20 de junho de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Veja formas simples e gratuitas de estudar para certificações em TI

Encontre recursos de baixo custo, obtenha experiência prática e prepare-se para as provas que atestam seu conhecimento no mercado.

20 de fevereiro de 2013 – 07h30

Por muitos anos, certificações em tecnologia da informação (TI) têm sido debatidas por profissionais da área. Alguns acreditam que elas são a chave para um emprego ou um salário melhor. Enquanto outros afirmam que elas só valem no papel. 

Para profissionais da área que estão em busca de certificação para colocar um tempero a mais em suas capacidades, há maneiras de estudar para as provas sem gastar muito ou até sem gastar nada.

Afinal, não há como negar. O investimento em cursos para estudar para exames de certificação é, muitas vezes, caro, observa Tim Warner, um veterano de 15 anos de TI, escritor e treinador no CBT Nuggets, especializada em treinamento de TI. 

Depois de frequentar aulas, você ainda tem de pagar para fazer os exames. “Em média, os preços da prova variam entre 150 dólares e 350 dólares, por tentativa”, diz Warner. “Alguns fornecedores de TI, como a Microsoft têm promoções que diminuem pela metade o custo de inscrição. Mas, de qualquer forma, pode ser caro para muitos profissionais”, ressalta. Felizmente, há uma série de recursos livres e de baixo custo que podem ajudá-lo a estudar para realiza os exames de certificação. Veja abaixo.

Estude as possibilidades com seu empregador atual

Se você estiver em uma posição que sua empresa pode pagar por um curso de formação, fornecer materiais de estudo, ou oferecer outros recursos para obter certificações, não custa tentar. E mesmo que o empregador não pague, ele pode ser oferecer descontos e outras facilidades se for membro de uma organização que oferece tais benefícios. 

Verifique os recursos de sua escola

Se você está atualmente matriculado em um curso de TI, pode verificar se seu departamento acadêmico tem recursos disponíveis, como acesso gratuito a ferramentas de desenvolvimento de software, sistemas operacionais, bem como quaisquer descontos de computadores e hardware.

Aproveite as edições de software voltado para estudantes. E não se esqueça da biblioteca da escola, onde você pode encontrar guias de certificação de estudo ou outros recursos úteis.

Considere programas do governo

Verifique os recursos que as organizações governamentais estão oferecendo. O programa do governo Brasil Mais TI oferece periodicamente cursos gratuitos para profissionais de TI. Dos 500 milhões de reais do governo federal destinados ao TI Maior, uma parcela de 1,4 milhão de reais foi direcionada para capacitação de jovens talentos. Esses novos profissionais receberão treinamento a distância pelo portal do programa. 

Assine o Safari Books Online 

Esta biblioteca digital on demand oferece uma coleção de mais de 20 mil títulos de tecnologia, que incluem mídia digital e livros de desenvolvimento profissional e vídeos da O’Reilly Media, Addison-Wesley, Peachpit Press, Microsoft Press e muito mais.

O conteúdo é em inglês e você pode ler e assistir vídeos no computador ou tablet. Depois de um teste gratuito de dez dias ou mil visualizações de páginas, as taxas variam de 20 dólares a 43 dólares por mês ou 300 dólares a 473 dólares por ano.

Junte-se à IEEE Computer Society

Dedicado ao ensino técnico e colaboração, esse braço do Instituto de Engenheiros Elétricos e Eletrônicos nos Estados Unidos oferece inúmeros recursos que você pode usar para estudar. 

O site conta com mais de 600 livros online via Safari Books, 500 livros online da Element K e descontos em livros sobre TI. Também oferece 4,3 mil cursos online para muitas certificações técnicas e de negócios e exames de proficiência da Brainbench.

O site tem diferentes planos para assinantes, que variam de 49,50 dólares a 99 dólares (para profissionais), a 20 dólares a 40 dólares (para estudantes).

Participe de fóruns de discussão online

Quem melhor para obter conselhos de estudo e aprovação no exame de certificação do que outros que já passaram por isso? Os participantes de fóruns de discussão muitas vezes compartilham exatamente o que eles acharam útil ao estudar e fornecem um feedback geral sobre o exame.

Mas lembre-se que as questões exatas, provavelmente, diferem em cada exame. Importante: obter ou publicar questões literais de exames geralmente é estritamente proibido por aqueles que aplicam os exames.

Verifique se os fornecedores de TI oferecem recursos para certificação 

A maioria dos fornecedores de certificação fornece pelo menos alguns recursos livres básicos no site que você pode usar quando estiver estudando. Embora você provavelmente não encontre profundidade em materiais livres, pode ter acesso a artigos, blogs, vídeos, webinars, fóruns de discussão e outros conteúdos que podem ajudar.

Por exemplo, a Cisco oferece o Cisco Learning Network, a Microsoft oferece o TechNet e o Microsoft Developer Network, a CompTIA o IT Pro Community e o CWNP provê acesso a recursos de aprendizagem sobre Wi-Fi.

Procure cursos online gratuitos de universidades 

A tendência crescente das universidades, incluindo o Massachusetts Institute of Technology (MIT), é oferecer aulas gratuitas online sobre temas de tecnologia. Embora a maioria desses cursos não é focada especificamente em certificações de tecnologia, eles podem ajudar na aprendizagem de uma variedade de tópicos em TI. A Coursera, por exemplo, realiza parcerias com várias universidades para oferecer cursos de sistemas de computadores, segurança e networking.

Verifique o acervo da biblioteca pública de sua cidade

Não se esqueça da biblioteca local. Você pode não encontrar livros atualizados para todas as certificações de TI ou tópicos, mas não faz mal verificar. Também consulte o site da biblioteca e parceiros que possam oferecer uma seleção maior.

Avalie o seu conhecimento com testes práticos

Não desperdice dinheiro para fazer um exame antes de estar pronto. Tire proveito de testes práticos para avaliar o que você sabe e o que precisa estudar mais. Apesar de as perguntas não serem as do exame real, elas devem cobrir temas semelhantes com base nos objetivos do exame.

Se você responder uma pergunta errada, tente compreender por qual razão a sua resposta está errada e as razões por trás da resposta correta. Uma rápida pesquisa no Google irá revelar muitos sites que oferecem esses testes, e você também pode encontrá-los em guias de estudo.

Ganhe experiência

Embora os métodos tradicionais de estudo sejam uma parte importante da preparação para um exame de certificação, contar com experiência prática da tecnologia que você está estudando é essencial para obter uma compreensão mais profunda sobre o tema. 

Obter essa experiência pode ser relativamente fácil para aqueles que trabalham com TI, mas pode parece assustador para os outros. Confira as dicas abaixo.

Ferramentas de cloud

Para obter experiência prática sem ter de comprar e configurar o hardware necessário, considere o uso de nuvem. Por exemplo, o uso gratuito do Amazon EC2 Cloud permite acesso livre a plataformas Linux e Windows. Assim, você pode praticar comandos do Linux ou do Windows Server Administration. O Windows Azure oferece um teste de três meses que você pode usar para desenvolver software ou banco de dados. 

Virtualização, Linux e particionamento

Quando você precisa trabalhar com outro software de virtualização de sistema operacional, como VMware Player, Windows Virtual PC ou VirtualBox é possível executar também outro sistema operacional – e suas apps – direito dentro do Windows. 

Para sistemas operacionais baseados em Linux, você também pode começar a partir de um CD, que não requer a instalação de disco. Se você preferir fazer uma instalação completa de um sistema operacional, pode criar um dual-boot no PC.

Abaixo estão algumas dicas sobre maneiras baratas de ganhar alguma experiência prática por especialidade.

Rede

• Considere a criação de roteadores de código aberto ou livre como RouterOS, ZeroShell ou Endian para obter experiência de rede geral.

• Se você está estudando para uma certificação de rede – da Cisco ou Juniper, por exemplo – use emuladores para praticar comandos e simular configurações de rede. O código fonte aberto GNS3 Graphical Network Simulator, por exemplo, suporta Cisco IOS/IPS/PIX/ASA e Juniper JunOS.

• Para ganhar experiência com autenticação 802.1X ou para RADIUS, tente o open source FreeRADIUS ou o freeware TekRADIUS.

• Para a segurança da rede, considere fazer alguns testes de penetração em sua própria rede com o BackTrack.

Administração de Windows

Além das ferramentas baseadas em nuvem relacionadas acima, a Microsoft oferece testes gratuitos de Windows Server, Windows Small Business Server e outros produtos. Você também pode se inscrever para ter acesso aos recursos do Windows Server no site TechNet da Microsoft.

Banco de dados

Instale um servidor e manipule alguns dados, baixando a versão open source ou trial de seu banco de dados desejado, como MySQL, SQLite, PostgreSQL, Microsoft SQL Server, DB2, ou de produtos de banco de dados Oracle ou Sybase.

Desenvolvimento de software

• Considere efetuar o download da versão de avaliação gratuita de 90 dias do Microsoft Visual Studio para configurar um servidor web com Apache, por exemplo.

• Alunos, educadores e instituições, também têm em mente o programa DreamSpark da Microsoft, que oferece ferramentas de desenvolvimento de forma gratuita. Uma vez que você se inscreve no DreamSpark também pode receber 90 dias de acesso gratuito ao curso de .NET para Pluralsight, que é oferecido por dez dias gratuitamente para o público em geral.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 5 de maio de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,