RSS

Arquivo da tag: Falha

Condenado agoniza antes de morrer após falha em injeção letal nos EUA

AppId is over the quota
AppId is over the quota
Clayton Lockett (esquerda) e Charles Warner, os dois condenados á morte em Oklahoma. (Foto: REUTERS/Oklahoma Department of Corrections/Handout)Clayton Lockett (esquerda) e Charles Warner, os dois condenados à morte em Oklahoma (Foto: Reuters/Oklahoma Department of Corrections/Handout)

Um condenado à morte por injeção letal agonizou por mais de 30 minutos devido a complicações durante a execução da pena em Oklahoma, nos Estados Unidos, na noite de terça-feira (29). Segundo as autoridades penitenciárias, o corpo do homem teve rejeição à substância aplicada e ele morreu em decorrência de um ataque cardíaco. A falha fez as autoridades adiarem a execução de um segundo detento, prevista para ocorrer na sequência.

Segundo o jornal local “The Oklahoman”, antes de morrer, o preso Clayton Lockett, de 38 anos, condenado à morte pelo assassinato de uma jovem de 19 anos em 1999, se contorceu e teve convulsões quando recebeu a injeção, que continha uma combinação de substâncias que nunca havia sido utilizada em Oklahoma.

O diretor de prisões do estado, Robert Patton, ordenou a suspensão da execução de Lockett cerca de 3 minutos após a aplicação da injeção. Era a primeira vez que o medicamento “midazolam” era usado como parte de uma injeção em Oklahoma. A execução do condenado cumpria um inédito protocolo de injeção letal que continha três componentes: um sedativo, um anestésico e uma dose letal de cloreto de potássio.

Em março, os advogados de Lockett haviam conseguido o adiamento de sua execução por falta de anestésico para a aplicação da injeção intravenosa, mas o estado obteve a substância e decidiu mudar o procedimento de execução.

Diante do ocorrido, o diretor decidiu adiar por 14 dias a execução do condenado Charles Warner, prevista para ocorrer na mesma noite, segundo informou Jerry Massie, porta-voz das prisões de Oklahoma, à agência de notícias France Presse. Warner recebeu a pena capital em 1997 pelo estupro e assassinato da filha de 11 meses de sua companheira.

Essa seria a primeira execução dupla dos Estados Unidos no século XXI, já que a última vez em que a pena capital foi aplicada em dois condenados no mesmo dia foi em 9 de agosto de 2000, no Texas. Além disso, essa seria a primeira execução dupla em Oklahoma desde 1937.

Nos últimos meses, houve vários episódios de complicações na aplicação da pena de morte no país. A maioria dos 32 estados onde a pena capital está em vigor está tendo problemas para conseguir as substâncias com as quais são feitas as injeções letais convencionais. Com isso, alguns estados estão testando fórmulas alternativas, enquanto outros determinaram o uso obrigatório da cadeira elétrica se não houver medicamentos disponíveis.

Oklahoma mudou a lei que regulamenta a aplicação da pena de morte no final de março, e permitiu o uso de cinco diferentes combinações de substâncias para a injeção letal, após os problemas que ocorreram nas primeiras execuções do ano.

No início de abril, o estado informou aos advogados dos condenados que usaria uma injeção letal com o anestésico midazolam, o paralisante brometo de pancurônio e cloreto de potássio, que interrompe o ritmo cardíaco.

Lockett e Warner processaram o estado por não terem recebido informações sobre onde o estado havia adquirido os medicamentos, nem evidências de que esses remédios fossem seguros. A Suprema Corte de Oklahoma suspendeu na época as execuções de ambos os réus, mas acabou cancelando depois a decisão.

View the original article here

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 1 de maio de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , , ,

Samsung confirma falha em câmera de smartphone Galaxy S5

Câmera do novo smartphone Galaxy S5 (foto) apresenta falha grave (Foto: Gustavo Petró/G1)Câmera do novo smartphone Galaxy S5 (foto)
apresenta falha grave (Foto: Gustavo Petró/G1)

A Samsung confirmou uma falha grave na câmera do seu novo smartphone Galaxy S5 que simplesmente deixa de funcionar permanentemente após o usuário receber um aviso de erro.

O problema acontece quando os usuários recebem o aviso “Warning: Camera Failed” (aviso: câmera falhou, em tradução). Não há uma causa concreta para o erro, que acontece mesmo quando o usuário não está usando a câmera fotográfica do celular. Entretanto, após a mensagem de erro, não é mais possível usar a câmera do aparelho.

Lojas nos Estados Unidos já providenciaram o conserto e até a troca dos aparelhos, mas não há informações específicas sobre como funcionará o reparo ou a substituição para usuários brasileiros.

A Samsung confirmou o problema e informou por meio de comunicado nos Estados Unidos de que está tentando ajudar os consumidores a resolver o problema. Ao site “The Verge”, um porta-voz da companhia sul-coreana disse que “um número limitado de aparelhos apresentou a falha”.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 30 de abril de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Adobe corrige falha grave no Flash Player usada para invadir PCs

A Adobe lançou nesta terça-feira (4) uma atualização de segurança para o Flash Player contendo uma correção para uma vulnerabilidade grave que permite a qualquer site na web infectar o computador com um vírus apenas com o carregamento de uma página web. Segundo o alerta da companhia, a falha já teria sido explorada para atacar sistemas, mas não há dados sobre as vítimas ou detalhes técnicos do problema.

As versões corrigidas são a 12.0.0.44 e superiores para Windows Mac, 11.7.700.261 e superiores para Windows e Mac, 12.2.202.336 para Linux. A versão do Flash em uso pelo navegador pode ser conferida em uma página no site da Adobe (veja aqui).

No boletim de segurança publicado pela Adobe, identificado por APSB14-04, dois pesquisadores da empresa de antivírus Kaspersky Lab recebem agradecimentos por terem colaborado com a empresa na solução da vulnerabilidade. Nesta segunda-feira (3), a Kaspersky Lab informou que descobriu um novo ataque sofisticado que a companhia chamou de “O Máscara” (“The Mask”). O ataque envolveria Flash, mas nenhum detalhe técnico foi fornecido até o momento.

A versão do Flash em uso pode variar de acordo com o navegador usado. Internautas que fazem uso de mais de um navegador regularmente precisam confirmar que a atualização foi instalada em ambos. Caso a atualização não ocorra automaticamente, o download do Flash Player pode ser feito no site da Adobe (clique aqui para acessar).

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 6 de fevereiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , , ,

Menina de 16 anos sobrevive a queda livre de 900 m após falha de pára-quedas

Makenzie Wethington realizava o sonho de saltar de paraquedas quando despencou de uma altura de 900 metros (Foto: EVN/BBC)Makenzie Wethington realizava o sonho de saltar
de pára-quedas quando despencou de uma altura
de 900 metros (Foto: EVN/BBC)

Uma adolescente americana do Texas que celebrava seu aniversário de 16 anos realizando o sonho de pular de pára-quedas, escapou por pouco da morte ao despencar cerca de 900 metros depois de problemas com seu paraquedas.

Makenzie Wethington, de 16 anos, foi hospitalizada após o acidente, neste final de semana, com sangramento interno, rompimento do fígado e fraturas em bacia, vértebras lombares, ombro e várias costelas, além de outros ferimentos.

Wethington tinha ido para Oklahoma fazer o salto por ser nova demais para fazê-lo no Texas, disse sua irmã Megan Wethington ao canal de TV Fox News em Dallas.

‘No Texas você precisa ter 18 anos. Você precisa saltar quatro vez com alguém antes de saltar sozinha. Em Oklahoma, você só precisa ter 16 anos.’

Wethington está tendo uma recuperação ‘milagrosa’ e deve sair da unidade de tratamento intensivo nesta semana.

‘Eu não sei os detalhes do acidente, porque não estava lá. Mas se ela realmente caiu de uma altura de mil metros, eu não sei como ela sobreviveu’, disse Jeffrey Bender, cirurgião responsável pelo caso, em uma coletiva de imprensa.

‘Mesmo os enfermeiros e médicos que escutam a história, se perguntam ‘Como? Como é que ela ainda está aqui?”, disse sua irmã.

A queda
Depois de completar uma aula de treinamento de seis horas exigida pela Pegasus Air Sports Center, em Oklahoma, Makenzie Wethington e seu pai embarcaram em um pequeno avião.

O pai da adolescente saltou primeiro e pousou em segurança. Ele, então, viu sua filha saltar.

‘Eu queria ter ido depois dela, caso algo acontecesse. Mas isso não foi possível por causa do peso do avião e das pessoas, então eu tive que ir primeiro e ela seria a última’, Joe Wethington disse à NBC em Dallas.

Depois de ser acionado, dois segundos depois do salto, seu pára-quedas saiu da mochila, mas não abriu. Ela girou no ar e caiu em um campo com grama.

‘Foi um horror assistir a essa cena, não importa quem fosse, mas eu definitivamente não queria que fosse a minha menina’, disse Wethington.

O proprietário do Pegasus Air Sports Center, Robert Swainson, disse que não estava claro se a queda foi causada pela adolescente ou se pela maneira como o pára-quedas foi preparado para o salto.

Ele disse que o paraquedas do adolescente abriu corretamente, mas ela começou a rodopiar quando o pára-quedas saiu sem se abrir.

Wethington recebeu instruções sobre como lidar com esses problemas durante a sessão de treinamento. Ela também recebeu instruções por meio de um microfone de rádio em seu capacete, mas não seguiu os procedimentos corretos, disse ele.

Swainson acrescentou que ele não conseguiria ajudar a jovem uma vez ficou claro que ela estava com problemas.

‘O máximo que eu podia fazer era gritar’, disse ele.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 30 de janeiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Falha no Google Calendar compartilha agenda com estranhos

Uma falha no Google Calendar, a agenda on-line do Google, faz com que eventos programados sejam compartilhados com estranhos sem que o usuário saiba. A falha envia um convite para participar do evento qualquer endereço de e-mail que esteja relacionado no título ou em um e-mail, por exemplo, e o usuário não recebe confirmação de quem recebeu o convite.

De acordo com o desenvolvedor Terence Eden, que alertou os usuários sobre a falha, isso pode levar a situações constrangedoras, com pessoas fora do assunto recebendo convites profissionais ou pessoais. Embora a falha não envie um e-mail para o estranho convidando para participar do evento, mas a pessoa recebe um alerta sobre o convite no Gmail ou em suas próprias agendas, gerando “spam”.

Em mensagem enviada para Eden, o Google informou que a falha “impacta um número mínimo de usuários”. Não foi informado se haverá correção para a falha.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 28 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

‘Sou hacker do bem’, diz engenheiro que descobriu falha no Facebook

Reginaldo Silva, de São José dos Campos, SP. (Foto: Paula Alvares/ G1)Reginaldo Silva mora em São José dos Campos desde 2004. (Foto: Paula Alvares/G1)

O engenheiro que ficou conhecido por ganhar uma recompensa do Facebook após descobrir uma falha no sistema da rede social mora em São José dos Campos (SP) há nove anos, desde 2004. Reginaldo da Silva, de 27 anos, vai receber R$ 79 mil da rede social porque reportou um bug que poderia permitir o acesso a dados de usuários.

Natural de Uberaba (MG), Reginaldo veio para São José dos Campos estudar engenharia da computação no Instituto Tecnológico da Aeronáutica (ITA), uma das melhores instituições do país. Formado há quatro anos, ele atua como autônomo e trabalha como consultor de segurança digital para empresas e sites. “Eu sou um hacker que age para o bem, esse é o meu trabalho”, diz.

Ele trabalha dentro do próprio apartamento onde mora, na região central da cidade, diz que tem o hábito de trabalhar no horário comercial, mas que às vezes fica até de madrugada procurando falhas em sistemas de grandes empresas.

“Em 2012 eu havia descoberto uma falha em outro sistema e decidi procurar a mesma falha no site do Facebook e encontrei. Então, entrei em contato com eles pela própria página deles na internet e a partir daí começamos a trocar e-mails”, disse.

Silva diz que vai usar a gratificação paga pelo Facebook para quitar as contas de começo de ano e investir. “É uma forma de ganhar dinheiro. Esses sites geralmente tem uma tabela de valores pagos a quem identificar essas falhas”.

Antes do Facebook, Silva diz que identificou brechas no Google, Yahoo, Microsoft e Drupol, um dos principais gerenciadores de conteúdo na internet. Com a descoberta na falha do sistema de Facebook, Reginaldo diz que recebeu diversas propostas de emprego, mas ainda não sabe se irá aceitar alguma delas.

Reginaldo Silva, morador de São José dos Campos que descobriu falha no Facebook e ganhou prêmio de R$ 79 mil (Foto: Paula Alvares/G1)Silva tem 27 anos e trabalha como consultor de segurança digital. (Foto: Paula Alvares/G1)

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 27 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Adolescente é denunciado à polícia por descobrir falha em site

Um adolescente de 16 anos foi denunciado à polícia na Austrália pelo governo próprio local após tentar avisar as autoridades sobre um problema de segurança no site do departamento de transportes.

A vulnerabilidade permitia acesso a um banco de dados do departamento, contendo nomes completos, números de cartão de crédito, endereços residenciais, endereços de e-mail, números de telefone e data de nascimento dos cerca de 600 mil usuários do serviço.

O jovem Joshua Rogers relatou o problema logo após o Natal, mas não obteve resposta. Após aguardar duas semanas, tentou contato com o jornal “The Ages”, que por sua vez entrou em contato com o departamento de transporte para um comentário sobre o caso. As autoridades, entã,  denunciaram Rogers à polícia.

O jornal não diz como o banco de dados foi acessado, mas o problema já foi corrigido pelo departamento de transportes. A falha foi descrita como comum e fácil de ser remediada. A polícia disse que está investigando o caso e que não comenta inquéritos em andamento.

Em fevereiro de 2013, uma palestra foi cancelada no Brasil após a polícia de São Paulo enviar uma notificação aos organizadores de um evento de segurança. A brecha, que seria tema da palestra, também era ligada ao sistema de transportes, na cidade de São Paulo.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 11 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,