RSS

Arquivo da tag: estreia

One Direction estreia no Brasil nesta quinta; veja discografia comentada

AppId is over the quota
AppId is over the quota
Zayn Malik, Niall Horan, Liam Payne, Louis Tomlinson e Harry Styles, do One Direction (Foto: Divulgação/T4F)Zayn Malik, Niall Horan, Liam Payne, Louis Tomlinson e Harry Styles, do One Direction (Foto: Divulgação/T4F)

Boy band mais popular da atualidade, o One Direction talvez não existisse se seus cinco integrantes não tivessem “fracassado” individualmente alguns anos atrás. Em 2010, os garotos participaram do reality show musical britânico The X Factor. Concorrendo cada um por si, foram eliminados antes da final. Mas os produtores do programa viram que, juntos, os rapazes tinham potencial. Assim nasceu o grupo, que nesta quinta-feira (8), no Rio, abre sua primeira turnê no Brasil.

Harry Styles, Niall Horan, Zayn Malik, Liam Payne e Louis Tomlinson lançaram o disco de estreia do One Direction, “Up all night”, em novembro de 2011. Desde então, mantiveram o esquema de um CD de inéditas a cada novembro. Em 2012, veio “Take me home”. Em 2013, “Midnight memories”.

É este trabalho mais recente que sustenta os shows da atual turnê do quinteto, chamada Where we are. A excursão começou no dia 25 de abril e já visitou Colômbia, Peru, Chile, Argentina e Uruguai. No Brasil, passam primeiro pelo Rio. Em seguida, tocam duas vezes em São Paulo, neste sábado (10) e neste domingo (11).

De acordo com o site Setlist.fm, as apresentações na América Latina têm mostrado repertório idêntico. São sempre as mesmas 23 músicas – e elas devem se repetir no Brasil. Veja, a seguir, detalhes da discografia do One Direction e entenda como cada álbum do grupo contribui para os shows. Depois, o provável set list dos shows.

Capa de 'Up all night', do One Direction (Foto: Divulgação)Capa de ‘Up all night’, o CD de estreia
(Foto: Divulgação)

‘Up all night’ (2011)
A estreia do One Direction costuma ceder apenas três músicas aos shows da turnê – e elas devem aparecer apenas na segunda metade da apresentação. O single “What makes you beautiful”, primeiro hit da boy band, não poderia ficar de fora. Geralmente, é a 19ª da noite, logo antes de a banda sair de cena (depois vem o bis).

No Brasil, a música ficou ainda mais conhecida dois anos atrás, ao ser usada no vídeo comemorativo do garoto Nissim Ourfali. Com seus versos cantados em ritmo bem marcado e um refrão simples e feito para gritar junto, “Beautiful” é um pop grudento e encerra a primeira parte do show.

As outras de “Up all night” que têm vez são o single “One thing” (17ª do set), mais uma com versos relativamente tranquilos e refrão explosivo; e “Moments” (a 13ª). Esta sequer faz parte da versão original do CD, já que integra somente a edição “deluxe”.

Do CD, os fãs devem sentir falta de “Gotta be you” (uma balada que poderia funcionar num momento mais calmo ou para testar habilidades vocais dos jovens cantores) e de “More than this”. Também lançada como single, a faixa não tem sido tocado na Where we are tour.

Capa de 'Take me home', do One Direction (Foto: Divulgação)Capa de ‘Take me home’, do One Direction
(Foto: Divulgação)

‘Take me home’ (2012)
O segundo CD do One Direction tem, usualmente, cinco músicas nos shows. Três delas foram lançadas como single. A dançante “Kiss you” (segunda do set), com sua levada à base de sintetizadores e leve influência hard rock, deve render palmas para acompanhar o ritmo.

Essa canção esteve no centro de uma polêmica com o Restart. Quando lançou “Cara de santa”, a banda brasileira recebeu críticas, justamente pelo fato de o arranjo supostamente lembrar o de “Kiss you” . Ao G1, o vocalista e guitarrista Pe Lu disse que tudo não passava de “picuinha” e classificou o trabalho do One Direction de “muito fino”. 

De “Take me home”, a apresentação provavelmente terá ainda o pop festivo de “Live while we’re young”, com seu coro de “ô, ô, ô, ô!” digno de estádio, e a baladona “Little things”, que investe em violões dedilhados e nos vocais sensíveis e emotivos. Finalmente, há o pop rock agitado “C’mon, c’mon”, com seu jeito de trilha sonora para cenas com carros correndo numa estrada, e “Rock me”, que propõe uma mistura de pop, hard rock levemente distorcido e R&B. Um “clássico” exemplar da sonoridade das boy bands.

Capa de 'Midnight memories', do One Direction (Foto: Divulgação)Capa de ‘Midnight memories’, do One Direction
(Foto: Divulgação)

‘Midnight memories’ (2013)
Os singles do disco mais recente merecem toda atenção e aparecem em momentos marcantes do show. O número escolhido para abrir os trabalhos, por exemplo, é a música roqueira cheia de guitarras que batiza o disco. Para o desfecho, mesma coisa: lá está “Best song ever”.

Todos os demais hits de “Midnight memories” estão representados, caso de “Little black dress”, “Story of my life” e “You & I”, que sai como single em 25 de maio. Para se ter uma ideia, o bis só tem faixas do CD mais recente, incluindo “Little white lies”.

O site Metacritic.com, que compila críticas de publicações estrangeiras, dá uma média de 59 para “Midnight memories”. O número é inferior ao obtido por “Up all night” (média de 64) e “Take me home” (média de 68). De acordo com o resumo do portal, o novo disco é “mais rock” que os seus predecessores.

Mas, na avaliação da revista americana “Billboard”, “Midnight” mereceu nota 85 e supera “Take me home”, porque traz “ideias novas interessantes” e ajuda a “manter ouvintes ansiosos para a evolução da banda”. Já a crítica da “Rolling Stone” é menos generosa e atribui nota 50.  Cita que o One Direction “é feliz ao recorrer a riffs de rock e batidas de hip hop”. Mas peca ao oferecer a “baladas ruins que indicam que Bryan Adams encarna o ideal de maturidade” dos meninos.

Repertório da turnê ‘Where we are’, segundo o site Setlist.fm:

1. “Midnight memories”, de “Midnight memories”
2. “Little black dress”, de “Midnight memories”
3. “Kiss you”, de “Take me home”
4. “Why don’t we go there?, da versão deluxe de “Midnight memories”
5. “Rock me”, de “Take me home”
6. “Don’t forget where you belong”, de “Midnight memories”
7. “Live while we’re young”, de “Take me home”
8. “C’mon, c’mon”, de “Take me home”
9. “Right now”, de “Midnight memories”
10. “Through the dark”, de “Midnight memories”
11. “Happily”, de “Midnight memories”
12. “Little things”, de “Take me home”
13. “Moments”, da versão deluxe de “Up all night”
14. “Strong”, de “Midnight memories”
15. “Better than words”, de “Midnight memories”
16. “Alive”, da versão deluxe de “Midnight memories”
17. “One thing”, de “Up all night”
18. “Diana”, de “Midnight memories”
19. “What makes you beautiful”, de “Up all night”

Bis
20. “You & I”, de “Midnight memories”
21. “Story of my life”, de “Midnight memories”
22. “Little white lies”, de “Midnight memories”
23. “Best song ever”, de “Midnight memories”

Serviço
One Direction no Rio
Quando: quinta-feira, 8 de maio de 2014
Horário: 19h30
Onde: Parque dos Atletas (Avenida Salvador Allende, s/n°- Barra da Tijuca)
Capacidade: 35 mil pessoas
Ingressos: de R$ 280 a R$ 600 (com meia-entrada); esgotados
Classificação: não é permitida a entrada de menores de 6 anos; de 6 a 13 anos, permitida a entrada com pais ou responsávei; a partir de 14 anos, permitida a entrada desacompanhados

One Direction em São Paulo
Quando: sábado, 10 de maio de 2014
Show extra: domingo, 11 de maio de 2014
Horário: 19h30
Onde: Estádio do Morumbi (Praça Roberto Gomes Pedrosa, nº 1)
Capacidade: 65 mil pessoas
Ingressos: de R$ 150 a R$ 600 (com meia-entrada)
Classificação: não é permitida a entrada de menores de 6 anos; de 6 a 13 anos, permitida a entrada com pais ou responsávei; a partir de 14 anos, permitida a entrada desacompanhados

View the original article here

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 14 de maio de 2014 em Música

 

Tags: , , , , , ,

One Direction estreia no Brasil com show para 40 mil pessoas no Rio

AppId is over the quota
AppId is over the quota
One Direction no Parque dos Atletas, no Rio, nesta quinta-feira (8) (Foto: Alexandre Durão/G1)One Direction no Parque dos Atletas, no Rio, nesta quinta-feira (8) (Foto: Alexandre Durão/G1)

A banda britânica One Direction se apresentou para 40 mil pessoas no Parque dos Atletas, Zona Oeste do Rio, na noite desta quinta-feira (8). O grupo afirmou que “foi o melhor show da vida deles”.

A apresentação teve homenagens ao Brasil, inclusive, com o vocalista Harry Styles exibindo uma tatuagem com o nome do país na coxa direita. O cantor chegou a levar um tombo em “Best song ever”, última canção do show, mas não se machucou e reagiu com bom humor.

Fãs registram momento em que Harry Styles mostra a coxa com a palavra 'Brasil' (Foto: Reprodução/Twitter)Fãs registram momento em que Harry Styles
mostra a coxa com a palavra ‘Brasil’.
(Foto: Reprodução / Twitter)

O setlist contou ainda com sucessos como “What makes you Beautiful” e “One thing”. O show teve uma hora e quarenta de duração.

A apresentação começou às 20h45, após abertura do grupo brasileiro P9. A banda abriu a apresentação com o hit “Midnight memories”, do disco homônimo, lançado em novembro de 2013. Em seguida tocaram “Little black dress” e o sucesso “Kiss you”, para delírio dos fãs. Após a música o grupo fez uma pausa e Harry Styles pegou uma bandeira do Brasil de um dos fãs e agradeceu ao público.

Muitos fãs – a grande maioria de adolescentes – foi ao show de cabelos pintados e fantasias em homenagem ao One Direction. O público era formado em sua maioria por crianças e adolescentes acompanhados dos pais. Algumas jovens mais emocionadas choraram durante quase todo o show.

A mãe Anã Paula Sales levou a filha Luana Sales, de 8 anos, à apresentação. A criança foi acompanhada também de um grupo de amigas. “Estamos esperando um show muito bacana. Ela é muito fã”, disse a mãe.


Após a banda tocar “Moments”, o telão exibiu pedidos de fãs por vídeo. O quinteto tentou sambar no palco após um pedido gravado de uma fã. As arquibancadas responderam com gritos de “Eu te amo!” para os vocalistas Nial e Liam.

Harry Styles mostrou sua tatuagem escrita “Brasil” na coxa após “Better than words” e deixou as fãs enlouquecidas.

Mas o ápice da empolgação foi em “What makes you beautiful”, maior sucesso da banda, que foi a última antes do bis. O grupo agradeceu e disse que foi o melhor show da vida deles. “Foi o show que mais gostei em toda a minha vida, de verdade. Obrigado, Rio”, disse o vocalista Liam, acompanhado em seguida por Nial.

Harry Styles com camisa da seleção brasileira no Rio (Foto: G1/Marcelo Elizardo)Harry Styles com camisa da seleção brasileira no
Rio. (Foto: G1 / Marcelo Elizardo)

O One Direction encerrou o show no Rio com o sucesso “Best song ever”, também do álbum “Midnight Memories”. Eles agradeceram em português com um “obrigado”. Uma queima de fogos encerrou o evento.

Harry Styles, Niall Horan, Zayn Malik, Liam Payne e Louis Tomlinson lançaram o disco de estreia do One Direction, “Up all night”, em novembro de 2011. Desde então, mantiveram o esquema de um CD de inéditas a cada novembro. Em 2012, veio “Take me home”. Em 2013, “Midnight memories”.

É este trabalho mais recente que sustenta os shows da atual turnê do quinteto, chamada Where we are. A excursão começou no dia 25 de abril e já visitou Colômbia, Peru, Chile, Argentina e Uruguai. No Brasil, passaram primeiro pelo Rio. Em seguida, tocam duas vezes em São Paulo, neste sábado (10) e neste domingo (11).

As apresentações na América Latina têm mostrado repertório idêntico. São sempre as mesmas 23 músicas – e elas devem se repetir no Brasil.

Público brasileiro espera show do One Direction nesta quinta-feira (8) no Parque dos Atletas, no Rio (Foto: Alexandre Durão/G1)Público brasileiro espera show do One Direction nesta quinta-feira (8) no Parque dos Atletas, no Rio (Foto: Alexandre Durão/G1)Harry Styles, do One Direction, em show no Rio nesta quinta-feira (8) (Foto: Alexandre Durão/G1)Harry Styles, do One Direction, em show no Rio nesta quinta-feira (8) (Foto: Alexandre Durão/G1)Harry Styles e Liam Payne no Parque dos Atletas, no Rio, nesta quinta-feira (8) (Foto: Alexandre Durão/G1)Harry Styles e Liam Payne no Parque dos Atletas, no Rio, nesta quinta-feira (8) (Foto: Alexandre Durão/G1)One Direction em show no Rio nesta quinta-feira (8) (Foto: Alexandre Durão/G1)One Direction em show no Rio nesta quinta-feira (8) (Foto: Alexandre Durão/G1)Liam Payne, do One Direction, em show no Rio (Foto: Alexandre Durão/G1)Liam Payne, do One Direction, em show no Rio (Foto: Alexandre Durão/G1)

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 14 de maio de 2014 em Música

 

Tags: , , ,

Jorge Vercillo estreia show em turnê que celebra seus 20 anos de carreira

AppId is over the quota
AppId is over the quota
O cantor Jorge Vercillo (Foto: Divulgação)O cantor Jorge Vercillo (Foto: Divulgação)

O cantor e compositor Jorge Vercillo fará estreia de show da turnê “Jorge Vercillo – 20 Anos”,  que celebra duas décadas de carreira, no dia 6 de junho, às 21h, no Teatro Castro Alves, em Salvador. Os ingressos custam entre R$ 40 e R$ 100.

O espetáculo apresenta vários temas de novela, como “Fênix” e “Ela une todas as coisas”, até os hits radiofônicos como “Quem nem maré” e “Monalisa”.

Também estarão presentes canções como “Encontro das águas”, “Face de Narciso”, “Melhor lugar” e “Homem Aranha”, do CD “Elo”, e “Líder dos templários”, do CD “Coisa de Jorge”.

A obra do compositor carioca busca refletir a pluralidade multirracial do Brasil. Ele tem sido reconhecido como um dos principais nomes dessa nova geração, que une contexto harmônico jazzístico a uma sonoridade pop que se firmou nas rádios e nos ouvidos do público nas últimas duas décadas.

Serviço
O que: “Jorge Vercillo – 20 Anos”
Quando: 6 de junho (sexta-feira)
Onde: Teatro Castro Alves, no bairro do Campo Grande, em Salvador
Horário: 21h
Informações: (71) 3117-4899 / 7811-9339
Classificação: 14 anos
Quanto: Filas A à W – R$ 100,00 (inteira) / R$ 50,00 (meia); Filas X à Z11 – R$ 80,00 (inteira)/ R$ 40,00 (meia). ** Estudantes, deficientes físicos e maiores de 60 anos são beneficiários de desconto de 50%
Local de venda dos ingressos:Bilheteria do Teatro, Pontos de Venda (SAC Barra e SAC Bela Vista)

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 14 de maio de 2014 em Música

 

Tags: , , , ,

One Direction estreia no Brasil nesta quinta; veja discografia comentada

AppId is over the quota
AppId is over the quota
Zayn Malik, Niall Horan, Liam Payne, Louis Tomlinson e Harry Styles, do One Direction (Foto: Divulgação/T4F)Zayn Malik, Niall Horan, Liam Payne, Louis Tomlinson e Harry Styles, do One Direction (Foto: Divulgação/T4F)

Boy band mais popular da atualidade, o One Direction talvez não existisse se seus cinco integrantes não tivessem “fracassado” individualmente alguns anos atrás. Em 2010, os garotos participaram do reality show musical britânico The X Factor. Concorrendo cada um por si, foram eliminados antes da final. Mas os produtores do programa viram que, juntos, os rapazes tinham potencial. Assim nasceu o grupo, que nesta quinta-feira (8), no Rio, abre sua primeira turnê no Brasil.

Harry Styles, Niall Horan, Zayn Malik, Liam Payne e Louis Tomlinson lançaram o disco de estreia do One Direction, “Up all night”, em novembro de 2011. Desde então, mantiveram o esquema de um CD de inéditas a cada novembro. Em 2012, veio “Take me home”. Em 2013, “Midnight memories”.

É este trabalho mais recente que sustenta os shows da atual turnê do quinteto, chamada Where we are. A excursão começou no dia 25 de abril e já visitou Colômbia, Peru, Chile, Argentina e Uruguai. No Brasil, passam primeiro pelo Rio. Em seguida, tocam duas vezes em São Paulo, neste sábado (10) e neste domingo (11).

De acordo com o site Setlist.fm, as apresentações na América Latina têm mostrado repertório idêntico. São sempre as mesmas 23 músicas – e elas devem se repetir no Brasil. Veja, a seguir, detalhes da discografia do One Direction e entenda como cada álbum do grupo contribui para os shows. Depois, o provável set list dos shows.

Capa de 'Up all night', do One Direction (Foto: Divulgação)Capa de ‘Up all night’, o CD de estreia
(Foto: Divulgação)

‘Up all night’ (2011)
A estreia do One Direction costuma ceder apenas três músicas aos shows da turnê – e elas devem aparecer apenas na segunda metade da apresentação. O single “What makes you beautiful”, primeiro hit da boy band, não poderia ficar de fora. Geralmente, é a 19ª da noite, logo antes de a banda sair de cena (depois vem o bis).

No Brasil, a música ficou ainda mais conhecida dois anos atrás, ao ser usada no vídeo comemorativo do garoto Nissim Ourfali. Com seus versos cantados em ritmo bem marcado e um refrão simples e feito para gritar junto, “Beautiful” é um pop grudento e encerra a primeira parte do show.

As outras de “Up all night” que têm vez são o single “One thing” (17ª do set), mais uma com versos relativamente tranquilos e refrão explosivo; e “Moments” (a 13ª). Esta sequer faz parte da versão original do CD, já que integra somente a edição “deluxe”.

Do CD, os fãs devem sentir falta de “Gotta be you” (uma balada que poderia funcionar num momento mais calmo ou para testar habilidades vocais dos jovens cantores) e de “More than this”. Também lançada como single, a faixa não tem sido tocado na Where we are tour.

Capa de 'Take me home', do One Direction (Foto: Divulgação)Capa de ‘Take me home’, do One Direction
(Foto: Divulgação)

‘Take me home’ (2012)
O segundo CD do One Direction tem, usualmente, cinco músicas nos shows. Três delas foram lançadas como single. A dançante “Kiss you” (segunda do set), com sua levada à base de sintetizadores e leve influência hard rock, deve render palmas para acompanhar o ritmo.

Essa canção esteve no centro de uma polêmica com o Restart. Quando lançou “Cara de santa”, a banda brasileira recebeu críticas, justamente pelo fato de o arranjo supostamente lembrar o de “Kiss you” . Ao G1, o vocalista e guitarrista Pe Lu disse que tudo não passava de “picuinha” e classificou o trabalho do One Direction de “muito fino”. 

De “Take me home”, a apresentação provavelmente terá ainda o pop festivo de “Live while we’re young”, com seu coro de “ô, ô, ô, ô!” digno de estádio, e a baladona “Little things”, que investe em violões dedilhados e nos vocais sensíveis e emotivos. Finalmente, há o pop rock agitado “C’mon, c’mon”, com seu jeito de trilha sonora para cenas com carros correndo numa estrada, e “Rock me”, que propõe uma mistura de pop, hard rock levemente distorcido e R&B. Um “clássico” exemplar da sonoridade das boy bands.

Capa de 'Midnight memories', do One Direction (Foto: Divulgação)Capa de ‘Midnight memories’, do One Direction
(Foto: Divulgação)

‘Midnight memories’ (2013)
Os singles do disco mais recente merecem toda atenção e aparecem em momentos marcantes do show. O número escolhido para abrir os trabalhos, por exemplo, é a música roqueira cheia de guitarras que batiza o disco. Para o desfecho, mesma coisa: lá está “Best song ever”.

Todos os demais hits de “Midnight memories” estão representados, caso de “Little black dress”, “Story of my life” e “You & I”, que sai como single em 25 de maio. Para se ter uma ideia, o bis só tem faixas do CD mais recente, incluindo “Little white lies”.

O site Metacritic.com, que compila críticas de publicações estrangeiras, dá uma média de 59 para “Midnight memories”. O número é inferior ao obtido por “Up all night” (média de 64) e “Take me home” (média de 68). De acordo com o resumo do portal, o novo disco é “mais rock” que os seus predecessores.

Mas, na avaliação da revista americana “Billboard”, “Midnight” mereceu nota 85 e supera “Take me home”, porque traz “ideias novas interessantes” e ajuda a “manter ouvintes ansiosos para a evolução da banda”. Já a crítica da “Rolling Stone” é menos generosa e atribui nota 50.  Cita que o One Direction “é feliz ao recorrer a riffs de rock e batidas de hip hop”. Mas peca ao oferecer a “baladas ruins que indicam que Bryan Adams encarna o ideal de maturidade” dos meninos.

Repertório da turnê ‘Where we are’, segundo o site Setlist.fm:

1. “Midnight memories”, de “Midnight memories”
2. “Little black dress”, de “Midnight memories”
3. “Kiss you”, de “Take me home”
4. “Why don’t we go there?, da versão deluxe de “Midnight memories”
5. “Rock me”, de “Take me home”
6. “Don’t forget where you belong”, de “Midnight memories”
7. “Live while we’re young”, de “Take me home”
8. “C’mon, c’mon”, de “Take me home”
9. “Right now”, de “Midnight memories”
10. “Through the dark”, de “Midnight memories”
11. “Happily”, de “Midnight memories”
12. “Little things”, de “Take me home”
13. “Moments”, da versão deluxe de “Up all night”
14. “Strong”, de “Midnight memories”
15. “Better than words”, de “Midnight memories”
16. “Alive”, da versão deluxe de “Midnight memories”
17. “One thing”, de “Up all night”
18. “Diana”, de “Midnight memories”
19. “What makes you beautiful”, de “Up all night”

Bis
20. “You & I”, de “Midnight memories”
21. “Story of my life”, de “Midnight memories”
22. “Little white lies”, de “Midnight memories”
23. “Best song ever”, de “Midnight memories”

Serviço
One Direction no Rio
Quando: quinta-feira, 8 de maio de 2014
Horário: 19h30
Onde: Parque dos Atletas (Avenida Salvador Allende, s/n°- Barra da Tijuca)
Capacidade: 35 mil pessoas
Ingressos: de R$ 280 a R$ 600 (com meia-entrada); esgotados
Classificação: não é permitida a entrada de menores de 6 anos; de 6 a 13 anos, permitida a entrada com pais ou responsávei; a partir de 14 anos, permitida a entrada desacompanhados

One Direction em São Paulo
Quando: sábado, 10 de maio de 2014
Show extra: domingo, 11 de maio de 2014
Horário: 19h30
Onde: Estádio do Morumbi (Praça Roberto Gomes Pedrosa, nº 1)
Capacidade: 65 mil pessoas
Ingressos: de R$ 150 a R$ 600 (com meia-entrada)
Classificação: não é permitida a entrada de menores de 6 anos; de 6 a 13 anos, permitida a entrada com pais ou responsávei; a partir de 14 anos, permitida a entrada desacompanhados

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 10 de maio de 2014 em Música

 

Tags: , , , , , ,

One Direction estreia no Brasil com show para 40 mil pessoas no Rio

AppId is over the quota
AppId is over the quota
One Direction no Parque dos Atletas, no Rio, nesta quinta-feira (8) (Foto: Alexandre Durão/G1)One Direction no Parque dos Atletas, no Rio, nesta quinta-feira (8) (Foto: Alexandre Durão/G1)

A banda britânica One Direction se apresentou para 40 mil pessoas no Parque dos Atletas, Zona Oeste do Rio, na noite desta quinta-feira (8). O grupo afirmou que “foi o melhor show da vida deles”.

A apresentação teve homenagens ao Brasil, inclusive, com o vocalista Harry Styles exibindo uma tatuagem com o nome do país na coxa direita. O cantor chegou a levar um tombo em “Best song ever”, última canção do show, mas não se machucou e reagiu com bom humor.

Fãs registram momento em que Harry Styles mostra a coxa com a palavra 'Brasil' (Foto: Reprodução/Twitter)Fãs registram momento em que Harry Styles
mostra a coxa com a palavra ‘Brasil’.
(Foto: Reprodução / Twitter)

O setlist contou ainda com sucessos como “What makes you Beautiful” e “One thing”. O show teve uma hora e quarenta de duração.

A apresentação começou às 20h45, após abertura do grupo brasileiro P9. A banda abriu a apresentação com o hit “Midnight memories”, do disco homônimo, lançado em novembro de 2013. Em seguida tocaram “Little black dress” e o sucesso “Kiss you”, para delírio dos fãs. Após a música o grupo fez uma pausa e Harry Styles pegou uma bandeira do Brasil de um dos fãs e agradeceu ao público.

Muitos fãs – a grande maioria de adolescentes – foi ao show de cabelos pintados e fantasias em homenagem ao One Direction. O público era formado em sua maioria por crianças e adolescentes acompanhados dos pais. Algumas jovens mais emocionadas choraram durante quase todo o show.

A mãe Anã Paula Sales levou a filha Luana Sales, de 8 anos, à apresentação. A criança foi acompanhada também de um grupo de amigas. “Estamos esperando um show muito bacana. Ela é muito fã”, disse a mãe.


Após a banda tocar “Moments”, o telão exibiu pedidos de fãs por vídeo. O quinteto tentou sambar no palco após um pedido gravado de uma fã. As arquibancadas responderam com gritos de “Eu te amo!” para os vocalistas Nial e Liam.

Harry Styles mostrou sua tatuagem escrita “Brasil” na coxa após “Better than words” e deixou as fãs enlouquecidas.

Mas o ápice da empolgação foi em “What makes you beautiful”, maior sucesso da banda, que foi a última antes do bis. O grupo agradeceu e disse que foi o melhor show da vida deles. “Foi o show que mais gostei em toda a minha vida, de verdade. Obrigado, Rio”, disse o vocalista Liam, acompanhado em seguida por Nial.

Harry Styles com camisa da seleção brasileira no Rio (Foto: G1/Marcelo Elizardo)Harry Styles com camisa da seleção brasileira no
Rio. (Foto: G1 / Marcelo Elizardo)

O One Direction encerrou o show no Rio com o sucesso “Best song ever”, também do álbum “Midnight Memories”. Eles agradeceram em português com um “obrigado”. Uma queima de fogos encerrou o evento.

Harry Styles, Niall Horan, Zayn Malik, Liam Payne e Louis Tomlinson lançaram o disco de estreia do One Direction, “Up all night”, em novembro de 2011. Desde então, mantiveram o esquema de um CD de inéditas a cada novembro. Em 2012, veio “Take me home”. Em 2013, “Midnight memories”.

É este trabalho mais recente que sustenta os shows da atual turnê do quinteto, chamada Where we are. A excursão começou no dia 25 de abril e já visitou Colômbia, Peru, Chile, Argentina e Uruguai. No Brasil, passaram primeiro pelo Rio. Em seguida, tocam duas vezes em São Paulo, neste sábado (10) e neste domingo (11).

As apresentações na América Latina têm mostrado repertório idêntico. São sempre as mesmas 23 músicas – e elas devem se repetir no Brasil.

Público brasileiro espera show do One Direction nesta quinta-feira (8) no Parque dos Atletas, no Rio (Foto: Alexandre Durão/G1)Público brasileiro espera show do One Direction nesta quinta-feira (8) no Parque dos Atletas, no Rio (Foto: Alexandre Durão/G1)Harry Styles, do One Direction, em show no Rio nesta quinta-feira (8) (Foto: Alexandre Durão/G1)Harry Styles, do One Direction, em show no Rio nesta quinta-feira (8) (Foto: Alexandre Durão/G1)Harry Styles e Liam Payne no Parque dos Atletas, no Rio, nesta quinta-feira (8) (Foto: Alexandre Durão/G1)Harry Styles e Liam Payne no Parque dos Atletas, no Rio, nesta quinta-feira (8) (Foto: Alexandre Durão/G1)One Direction em show no Rio nesta quinta-feira (8) (Foto: Alexandre Durão/G1)One Direction em show no Rio nesta quinta-feira (8) (Foto: Alexandre Durão/G1)Liam Payne, do One Direction, em show no Rio (Foto: Alexandre Durão/G1)Liam Payne, do One Direction, em show no Rio (Foto: Alexandre Durão/G1)

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 10 de maio de 2014 em Música

 

Tags: , , ,

App de caronas estreia com mais de 6 mil motoristas cadastrados

Aplicativo brasileiro de caronas Zaznu chega aos iPhones e entra em operação no Brasil a partir do Rio de Janeiro. (Foto: Divulgação/Zaznu)Aplicativo brasileiro de caronas Zaznu chega aos
iPhones e entra em operação no Brasil a partir do
Rio de Janeiro. (Foto: Divulgação/Zaznu)

O aplicativo brasileiro de caronas Zaznu estreou na App Store nesta terça-feira (11) e já pode ser baixado em iPhones e iPads. Com isso, a operação no Brasil começa para valer, a partir do Rio de Janeiro, onde 216 motoristas já têm registro ativo e estão prontos para dar caronas. Em todo o Brasil, no entanto, mais de 6 mil motoristas já se cadastraram. Já os interessados em pegar caronas passam dos 3 mil (Veja aqui).

Segundo Yohathan Faber, um dos cofundadores da empresa que desenvolve o aplicativo, o objetivo é criar mais opções de transporte. “O nosso negócio vai ajudar todo mundo. Traz benefício para o trânsito, para o passageiro, para o motorista, e até diminui a poluição.”

O Zaznu importa o modelo de pedir caronas pelo celular de um aplicativo famoso em San Francisco, na Califórnia, onde Faber e seu sócio moram. Presente em 24 cidades norte-americanas, o Lyft já é tido como responsável por reduzir a quantidade de carros nas ruas da cidade californiana e por empregar pessoas sem ocupação, mas que possuíam um veículo.

Por outro lado, também nos EUA, surge a discussão se o modelo de caronas vai acabar com os táxis. Por aqui, essa classe de trabalhadores já torceu o nariz para a novidade, argumentando que os motoristas que dão carona, na verdade, exercem a profissão sem autorização.

Até agora, o aplicativo, já disponível para celulares Android, estava em fase de testes. Com a chegada aos iPhones, começa a operação para valer. Apenas colhendo cadastros até então, registrou 6.382 motoristas em todas as 12 cidades sede da Copa do Mundo.

Com o aplicativo, tanto motoristas podem oferecer caronas como passageiros podem pedi-las. Mas antes, é preciso se registrar na plataforma do Zaznu. Nessa etapa, motoristas e “caronistas” seguem caminhos distintos.

Os interessados em dar caronas tem que preencher uma ficha e enviar documentos ao Zaznu, como carteira de motorista e de identidade, comprovante de residência e seguro do carro. A equipe responsável pelo app confere se o candidato tem passagens pela polícia, se mantém todos os documentos em dia e até checa a página do sujeito no Facebook. Depois disso, ocorre uma entrevista.

Aplicativo brasileiro de caronas Zaznu chega aos iPhones e entra em operação no Brasil a partir do Rio de Janeiro. (Foto: Divulgação/Zaznu)Aplicativo brasileiro de caronas Zaznu chega aos
iPhones e entra em operação no Brasil a partir do
Rio de Janeiro. (Foto: Divulgação/Zaznu)

Já quem pleiteia se sentar no banco do passageiro se cadastra utilizando o perfil do Facebook e tem de fornecer o número do cartão do crédito. Segundo Faber, esses procedimentos são necessários para dar maior segurança a quem utiliza o aplicativo. “O nosso serviço é muito mais seguro do que o táxi. O cara que cadastra o cartão de crédito não vai entrar no seu carro e te assaltar.”

Para não configurar um serviço remunerado de transporte, os passageiros fazem uma doação, não um pagamento, diz Faber. “A gente usa o valor do quilômetro, que é a tabela do táxi, menos 20%, mas, se quiser, o usuário não precisa pagar nada”, afirma. Segundo a empresa, uma viagem no Rio, do Galeão ao Flamengo, que sairia por R$ 42,70 se feita em um táxi ficaria em R$ 37,70 pelo Zaznu. 

Após a viagem, é possível avaliar motorista e passageiro. Até o começo de abril, o Zaznu deve chegar a São Paulo. Curitiba, Belo Horizonte, Brasília, Porto Alegre e Florianópolis também devem receber o serviço.

Dentro de dois meses, uma nova atualização do aplicativo deve ser lançada, contendo uma ferramenta que tentará unir passageiros e motoristas com gostos similares. O aplicativo fará isso baseado nas preferências dos perfis do Facebook usados no cadastro. Para colocar no mesmo carro pessoas com gostos similares, o Zaznu vai considerar ainda se a distância entre elas não impeditiva.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13 de março de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , ,

Documentário sobre o Papa terá estreia em favelas na Argentina

O documentário “Francisco de Buenos Aires”, uma coprodução argentino-italiana que atualmente ainda está sendo rodada, vai ser lançado nas favelas da Argentina em 13 de março, quando se completa um ano de pontificado de Jorge Bergoglio.

“As filmagens estão muito adiantadas. O documentário vai ter pré-estreia em várias favelas e hospitais de Buenos Aires, porque deve ser fiel ao protagonista da biografia”, afirmou o diretor argentino Miguel Rodríguez Arias.

Ainda não se tem certeza se o próprio Papa aparecerá na cinebiografia, que abordará sua fé, sua paixão pelo futebol, seu deleite pela música e a literatura e sua amizade com o escritor Jorge Luis Borges.

Não deverá fazer referência a questões mais polêmicas como o papel do jesuíta Bergoglio durante a ditadura argentina (1976/83) nem sua militância no peronismo, o principal movimento político desde a segunda metade do século 20 na Argentina.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13 de janeiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , ,