RSS

Arquivo da tag: estima

Criador de ‘Candy Crush’ estima valor na bolsa em ao menos US$ 6,6 bi

Psicologia explica sucesso do jogo Candy Crush. (Foto: BBC)Cena de ‘Candy Crush Saga’ (Foto: BBC)

O estúdio King Digital Entertainment, criador do popular game para smartphones e tablets “Candy Crush Saga”, estima que seu valor poderá girar entre US$ 6,6 e 7,6 bilhões quando suas ações começarem a ser comercializadas na Bolsa de Nova York, afirmou a empresa nesta quarta-feira (12).

Em documento transmitido à autoridade da bolsa americana (SEC), a King afirma que a companhia e seus principais acionistas pretendem oferecer 22,2 milhões de ações a um preço de US$ 21 a 24 cada. Levando em consideração o preço, o valor do conjunto do capital da empresa oscilaria entre US$ 6,6 e 7,6 bilhões.

Fundada em 2002, a empresa anunciou no dia 18 de fevereiro a intenção de ser negociada na bolsa com uma oferta inicial de ações (IPO). A King busca conseguir capital para seu crescimento após vivenciar uma ascensão meteórica nos últimos anos.

Seu volume de negócios passou de US$ 164 milhões em 2012 a US$ 1,88 bilhão em 2013, segundo o documento transmitido à SEC. No mesmo intervalo, o lucrou subiu de US$ 7,8 milhões para US$ 567,6 milhões.

View the original article here

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 13 de março de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , ,

Teles devem investir R$ 18 bi no Brasil nos próximos 3 anos, estima ministro

Para que o setor possa alcançar esse valor, Ministério das Comunicações anunciou desoneração de R$ 6 bilhões com isenção de PIS/Pasep, Cofins e IPI para fabricação nacional de equipamentos para rede.

O governo vai promover desonerações de impostos da ordem de 6 bilhões de reais até 2016, visando a estimular a expansão das telecomunicações no País, com prioridade para aquisição de equipamentos produzidos e desenvolvidos no Brasil.  Em contrapartida, as empresas do setor deverão investir, nos próximos 3 anos, em projetos de infraestrutura cerca de 18 bilhões de reais, segundo estimativa do ministro das Comunicações, Paulo Bernardo.

O Diário Oficial da União de amanhã (13/03) vai publicar portaria com as normas a que as empresas terão que se submeter para se beneficiar de desonerações de PIS/Pasep, Cofins e IPI. 

A expectativa do secretário de Telecomunicações do Ministério das Comunicações, Maximiliano Martinhão, é de que em 2016 as empresas de telecomunicações já estejam preparadas para operar com a tecnologia 4G.

O ministro Paulo Bernardo disse em entrevista, depois de assinar portaria que autoriza as desonerações, que espera adesão maciça das empresas do setor para os projetos de expansão de telecomunicações. 

Ele avalia que elas retardaram seus investimentos na expectativa da decisão anunciada hoje, que foi postergada depois que o Tribunal de Contas da União publicou acórdão fazendo considerações sobre a perda de receita com as desonerações.

O ministro prevê que os empresários, agora, deverão antecipar seus investimentos além do que fazem normalmente, acelerando a construção de infraestrutura de telecomunicações por fibra óptica, redes de rádio, serviços de provimento de internet por satélite, e TV por assinatura – que vem associada à internet. Tudo isso deverá acirrar a concorrência, provocando melhora de preços para o consumidor.

A tecnologia de 3G cresceu 80% só no ano passado e a demanda foi acima do que a infraestrutura foi capaz de oferecer, num momento em que “o consumidor se torna cada vez mais exigente”, destacou Paulo Bernardo. Ele repetiu que há preocupação da presidenta Dilma Rousseff para que a expansão dos serviços seja acelerada. 

Da parte do governo, o ministro prometeu que tudo será feito com agilidade, podendo até serem usados, se necessário, recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) para melhoras de infraestrutura em algumas localidades e assim facilitar o trabalho do setor privado.

As empresas têm até o dia 30 de junho para apresentar seus projetos de expansão, cuja análise e aprovação vão ter rito curto no ministério, que já tem gente preparada para isso, declarou Bernardo. 

Na parte de equipamentos, já há isenção de IPI, PIS/Pasep e Cofins sobre aquisição de equipamentos e estruturas de construção civil para passar as redes, mas não será possível desonerar softwares. 

O ministro prevê que as estruturas que devem ser construídas para longas distâncias podem ter demora maior, mas onde os trabalhos de cabeamento já estiverem em condições de serem feitos, o público poderá contar com os novos serviços em curto espaço de tempo.

*Com informações da Agência Brasil 

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 26 de junho de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , ,

Mídias sociais vão movimentar US$ 16,9 bilhões em 2012, estima Gartner

Instituto de pesquisas aponta que redes sociais crescem em importância e empresas devem criar estratégias para fazer parte desse universo.

O mercado mundial de mídias sociais vai movimentar 16,9 bilhões de dólares em 2012, aumento de 43,1% em relação ao ano passado, prevê o instituto de pesquisas Gartner. Os números indicam que as empresas devem inserir em suas estratégias de negócios redes sociais e mobilidade, recomenda o Gartner.

Nesse ano, a propaganda teve a maior fatia desse segmento, com 8,8 bilhões de dólares, afirma o instituto de pesquisas. Entre 2010 e 2011, a receita de jogos sociais mais que dobrou e deve chegar aos 6,2 bilhões de dólares até o final deste ano.

O Gartner aponta que o uso de mídias sociais está mais maduro no País e que a crescente concorrência entre os players, cada um disputando o tempo de lazer e a atenção dos consumidores, levará ao aumento de novas formas de mídias sociais [baseadas em web e móveis].

“Os sites de mídias sociais continuarão a incorporar técnicas de jogos em suas redes, influenciados pelas oportunidades de lucro que essas ferramentas apresentam. A venda de bens virtuais continuará a ser fonte primária de faturamento”, diz Van Baker, diretor de pesquisas do Gartner.

O Gartner espera que essa tendência tenha um impacto positivo no faturamento das companhias do setor. Alguns dos desenvolvedores de mídias sociais, como Zynga, Gree e DeNA, mudaram para uma estratégia de plataforma aberta, aumentando a conveniência e escolha dos usuários.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 19 de agosto de 2012 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Mídias sociais vão movimentar US$ 16,9 bilhões em 2012, estima Gartner

Instituto de pesquisas aponta que redes sociais crescem em importância e empresas devem criar estratégias para fazer parte desse universo.

O mercado mundial de mídias sociais vai movimentar 16,9 bilhões de dólares em 2012, aumento de 43,1% em relação ao ano passado, prevê o instituto de pesquisas Gartner. Os números indicam que as empresas devem inserir em suas estratégias de negócios redes sociais e mobilidade, recomenda o Gartner.

Nesse ano, a propaganda teve a maior fatia desse segmento, com 8,8 bilhões de dólares, afirma o instituto de pesquisas. Entre 2010 e 2011, a receita de jogos sociais mais que dobrou e deve chegar aos 6,2 bilhões de dólares até o final deste ano.

O Gartner aponta que o uso de mídias sociais está mais maduro no País e que a crescente concorrência entre os players, cada um disputando o tempo de lazer e a atenção dos consumidores, levará ao aumento de novas formas de mídias sociais [baseadas em web e móveis].

“Os sites de mídias sociais continuarão a incorporar técnicas de jogos em suas redes, influenciados pelas oportunidades de lucro que essas ferramentas apresentam. A venda de bens virtuais continuará a ser fonte primária de faturamento”, diz Van Baker, diretor de pesquisas do Gartner.

O Gartner espera que essa tendência tenha um impacto positivo no faturamento das companhias do setor. Alguns dos desenvolvedores de mídias sociais, como Zynga, Gree e DeNA, mudaram para uma estratégia de plataforma aberta, aumentando a conveniência e escolha dos usuários.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 19 de agosto de 2012 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,