RSS

Arquivo da tag: Desabamento

Desabamento de mina na Colômbia deixa mortos e soterrados

AppId is over the quota
AppId is over the quota
Equipes trabalham no local do soterramento na Colômbia (Foto: Luis Robayo/AFP)Equipes trabalham no local do soterramento na Colômbia (Foto: Luis Robayo/AFP)

Ao menos três pessoas morreram no desabamento de uma mina de ouro artesanal que operava de forma ilegal no departamento de Cauca, no oeste da Colômbia, enquanto as equipes de resgate se apressavam nesta quinta-feira (1º) para resgatar entre 25 e 30 pessoas que ficaram soterradas.

“Conseguimos retirar três corpos, dois feridos foram transferidos” ao hospital, afirmou à rádio Caracol Víctor Claros, comandante do Corpo de Bombeiros do departamento de Cauca.

Os corpos encontrados estavam a 20 metros de profundidade. Organismos de socorro continuam trabalhando na região e entre 25 e 30 pessoas permanecem presas no interior da mina, acrescentou Claros.

“É impossível que estejam com vida porque a terra e a lama são em grande quantidade”, declarou o comandante do Corpo de Bombeiros. “Acredito que é possível descartar que existam pessoas com vida”, afirmou.

Segundo Claros, os mineiros trabalhavam na região, próxima ao município de Santander de Quilichao, quando uma avalanche de terra e lama os soterrou na noite desta quarta.

Na mina de ouro onde ocorreu o desastre trabalham quatro retroescavadeiras. Os trabalhos de resgate em um profundo túnel de 15 metros são observados por 1.500 pessoas, declarou à AFP uma fonte oficial que pediu para não ser identificada.

A equipe de resgate é composta por agentes especializados apoiados por cães treinados, disse a fonte.

Risco latente
“As condições de informalidade trabalhista e infraestrutura significavam um risco latente para os trabalhadores” da mina de ouro artesanal, afirmou em um comunicado a Defensoria do Povo, encarregada por velar pelos direitos humanos dos colombianos.

O organismo emitiu desde o início do ano alertas pedindo o fim deste tipo de atividade no departamento, o que levou as autoridades a apreenderam máquinas escavadeiras.

No entanto, “os trabalhos de exploração ilegal de ouro prosseguiram”, acrescentou o organismo estatal.

De acordo com a Defensoria, as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), presentes no oeste do país, se beneficiam deste tipo de atividade “mediante a cobrança de quotas pela entrada e operação das retroescavadeiras”.

A guerrilha das Farc é a mais importante do país, com 50 anos de existência e cerca de 8 mil combatentes, segundo números oficiais.

Um relatório recente da Agência Nacional de Mineração declarou que de janeiro a setembro de 2013 ocorreram 66 emergências relacionadas a esta atividade, nas quais 71 pessoas faleceram e 51 ficaram feridas.

Na Colômbia há 14.357 unidades de produção mineradora, 56% das quais não têm licença de exploração.

A participação da mineração no PIB colombiano foi de 2,3% em 2012, de acordo com o Departamento de Estatísticas.

Pelo menos três pessoas morreram no desabamento (Foto: Luis Robayo/AFP)Pelo menos três pessoas morreram no desabamento (Foto: Luis Robayo/AFP)

View the original article here

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 3 de maio de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , ,

Desabamento em zona rural do México deixa quatro mortos

AppId is over the quota
AppId is over the quota
Homens procuram por corpos após desabamento em Huehuetlan El Grande, no México (Foto: AFP PHOTO/Jose Castanares)Homens procuram por corpos após desabamento em Huehuetlan El Grande, no México (Foto: AFP PHOTO/Jose Castanares)

Ao menos quatro pessoas, incluindo duas crianças, morreram em uma comunidade rural do estado mexicano de Puebla (centro) após o desabamento de uma colina na madrugada desta quinta-feira (1º), informaram autoridades locais.

“Enviamos nossas condolências às famílias das quatro pessoas que perderam a vida em Huehuetlán El Grande”, escreveu o governador de Puebla, Rafael Moreno, em sua conta do Twitter.

As duas últimas vítimas encontradas pelas equipes de resgate são duas crianças achadas em um rio próximo ao município de Huehuetlán El Grande (4.500 habitantes), afirmou o funcionário.

As outras duas vítimas fatais são duas mulheres. O governador Moreno declarou que as equipes continuam buscando pessoas reportadas como desaparecidas, entre elas outros três menores.

O desabamento nesta comunidade, localizada a 165 km da capital mexicana, foi registrado em uma zona de difícil acesso conhecida como “Barranca San Baltazar”, atingida por fortes chuvas nas últimas horas.

Segundo funcionários da Defesa Civil, a tempestade que caiu na noite de quarta provocou grandes correntes de água que atingiram diversos barrancos.

Funcionários da Defesa Civil e do sistema de urgências médicas se dirigiram ao local na madrugada desta quinta para realizar os trabalhos de resgate, acrescentaram as autoridades.

Carro foi danificado após desabamento em Huehuetlan El Grande, no México, que ocorreu na madrugada desta quinta (1º) (Foto: AFP PHOTO/Jose Castanares)Carro foi danificado após desabamento em Huehuetlan El Grande, no México, que ocorreu na madrugada desta quinta (1º) (Foto: AFP PHOTO/Jose Castanares)Desabamento em Huehuetlan El Grande, no México, ocorreu na madrugada desta quinta (1º) (Foto: AFP PHOTO/Jose Castanares)Desabamento em Huehuetlan El Grande, no México, ocorreu na madrugada desta quinta (1º) (Foto: AFP PHOTO/Jose Castanares)

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 3 de maio de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Mortos em explosão e desabamento de prédios em Nova York chegam a 6

Pelo menos seis pessoas morreram, 69 ficaram feridas e outras ainda estão desaparecidas após a explosão causada por um vazamento de gás que fez dois prédios desabarem em Manhattan, em Nova York, nos Estados Unidos, nesta quarta-feira (12), informaram as autoridades locais. Um porta-voz da polícia disse que cinco pessoas ainda eram procuradas no início desta manhã.

Arte com cronologia desabamento prédios NY 12.03 (Foto: G1)

A explosão atingiu um prédio no cruzamento das ruas 116th Street e Park Avenue, no bairro de East Harlem de Nova York, onde testemunhas disseram ter sido acordadas com o que pareceu ser um terremoto. O prédio ao lado também desabou.

Focos de fogo permaneciam acesos no meio da montanha de escombros várias horas após a explosão, complicando as operações de busca e resgate que entraram pela noite, informou o porta-voz dos bombeiros Michael Parrella.

O prefeito de Nova York, Bill de Blasio, descreveu o fato como uma “tragédia da pior classe”, destacando que a polícia e os bombeiros ainda procuram um determinado número de pessoas.

De Blasio assinalou que a explosão foi provocada por um vazamento de gás, segundo os primeiros elementos da investigação.

“Aproximadamente às 9h30 ocorreu uma grande explosão que destruiu dois prédios, causada por um vazamento de gás”, no Spanish Harlem, um histórico bairro de Manhattan de maioria latina.

O Hospital Mount Sinai recebeu 22 feridos, incluindo 19 que já tiveram alta, entre eles três crianças. Das três pessoas que seguem internadas, uma se encontra em estado crítico, informou um funcionário.

Segundo a Corporação de Hospitais e Saúde da Cidade de Nova York, outras 30 pessoas foram atendidas “com ferimentos diversos” nos hospitais públicos do Harlem e Metropolitano.

Já o hospital Presbiteriano de Manhattan “recebeu onze pacientes vinculados ao incêndio dos prédios no East Harlem”, informou o próprio estabelecimento.

Os serviços de trem saindo e chegando ao terminal Grand Central foram suspensos após a tragédia, ocorrida perto de seus trilhos, mas retornaram ao normal durante a tarde.

Centenas de policiais e bombeiros foram mobilizados com veículos de emergência para socorrer as vítimas.

A companhia de energia Con Edison havia informado anteriormente à AFP que recebeu um telefonema alertando as equipes sobre um possível vazamento de gás às 9h13 locais, poucos minutos antes da explosão.

“Um morador relatou cheiro de gás no interior do prédio residencial em 1652 Park Avenue, mas indicou que o odor poderia estar vindo de fora do prédio”, declarou o porta-voz Bob McGee.

“Duas equipes da Con Edison foram enviadas às 9h15 e chegaram logo após a explosão”, acrescentou.

A empresa também disse que estava trabalhando em estreita colaboração com o Corpo de Bombeiros de Nova York (FDNY) para tornar a área segura.

“Nossas equipes estão verificando as nossas linhas de gás e trabalhando para isolar todas os vazamentos que encontrarem, e estão agindo conjuntamente com o FDNY para tornar a área segura”, disse McGee.

Moradores locais também falaram sobre cheiro de gás na área.

Um porta-voz do Departamento de Polícia de Nova York declarou à AFP que recebeu uma chamada de emergência às 9h34 local.

E o Corpo de Bombeiros informou à AFP que mais de 168 bombeiros e 44 unidades diferentes responderam ao chamado.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13 de março de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , ,

‘Não via nada com tanta fumaça’, diz brasileiro vizinho de desabamento

mapa desabamento prédio harlem (Foto: Arte/G1)O cabeleireiro e maquiador mineiro Marcello Costa (Foto: Arquivo pessoal)O cabeleireiro e maquiador mineiro Marcello Costa
(Foto: Arquivo pessoal)

Na manhã desta quarta-feira (12), o cabeleireiro e maquiador Marcello Costa, de 30 anos, conta que ouviu um estrondo quando saída do seu prédio para trabalhar. Há três anos morador do East Harlem, na ilha de Manhattan, em Nova York, ele pensou que fosse um acidente de caminhão e voltou para casa. O elevador estava parado e ele saiu para ver o que era. Quando andou cerca de 10 metros na rua, viu muita fumaça e os dois prédios desabados.

“O barulho foi muito forte, e tinha muita fumaça”, contou o brasileiro ao G1, por telefone. Marcello mora perto dos dois prédios na Park Avenue que desabaram nesta quarta após uma explosão, deixando pelo menos dois mortos e 18 feridos, segundo a prefeitura da cidade. Mais de 250 bombeiros participam do combate ao fogo e do resgate das vítimas e há relatos de desaparecidos.

Marcello diz que chegou a entrar de novo na sua casa e que viu muita fumaça. “O prejuízo é inimaginável. Mas eu estou bem, estou vivo. Um dos prédios que caiu tinha uma igreja embaixo, que eu costumava frequentar”, conta o mineiro de Nanuque que vive há 11 anos nos Estados Unidos.

O prefeito de Nova York, Bill de Blasio, disse que informações preliminares indicam que um vazamento de gás causou a explosão, de acordo com a imprensa norte-americana.

Marcello acredita na hipótese de terrorismo. “Pela explosão não foi só vazamento. Mas claro que o governo americano não vai colocar a população em pânico”, diz ele. Sua casa agora está isolada e ele está recebendo informações de vizinhos sobre a situação do local.

A explosão ocorreu por volta das 9h30 locais – 10h30 de Brasília. O prefeito de Nova York, Bill de Blasio, chegou ao local no início da tarde.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13 de março de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , ,

Veja o local do desabamento em NY antes e depois da explosão

mapa desabamento prédio harlem (Foto: Arte/G1)

Imagens permitem comparar, antes e depois, o local da explosão que atingiu nesta quarta-feira (12) dois prédios no East Harlem, um bairro de Nova York, causando o desabamento parcial dos imóveis e deixando pelo menos dois mortos e 18 feridos, segundo o prefeito de Nova York, Bill de Blasio.

Um dos prédios que caiu, o que aparece destacado à direita na imagem de antes, tinha uma loja de reparos de pianos no terréo e apartamentos nos outros pisos. Ele tinha cinco andares. O outro imóvel era uma igreja.  Ambos ficavam na Park Avenue, nos números 1644 e 1646.

De acordo com o prefeito, informações preliminares indicam que um vazamento de gás causou a explosão.

Blasio também informou que o fogo ainda não foi apagado e que há relatos de pessoas desaparecidas – entretanto, não se sabe se elas estão presas nos escombros. São efetuadas buscas entre os destroços dos prédios.

Comparativo mostra o local do desabamento em NY durante a ação dos bombeiros (topo) e antes, como eram os prédios (Foto: Reprodução/Twitter/FDNY; Editoria de Arte/G1 sobre Reprodução/Google Street View)Comparativo mostra o local do desabamento em NY durante a ação dos bombeiros (topo) e antes, como eram os prédios (Foto: Reprodução/Twitter/FDNY; Editoria de Arte/G1 sobre Reprodução/Google Street View)Chamas são vistas na parte da frente dos prédios desabados (Foto: Jeremy Sailing/AP)Chamas são vistas na parte da frente dos prédios desabados (Foto: Jeremy Sailing/AP)

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13 de março de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , ,

Desabamento de prédio deixa mortos e soterrados na Índia

Desabamento de prédio em construção deixou dezenas de pessoas soterradas (Foto: AP)Desabamento de prédio em construção deixou
dezenas de pessoas soterradas (Foto: AP)

Treze operários morreram e mais de 40 ficaram presos sob os escombros de um prédio em construção que desabou neste sábado (4) na cidade de Canacona, no sul de Panaji, na Índia.

“Resgatamos treze corpos no local”, informou um policial da cidade.

No momento do acidente, havia cerca de 50 operários no lugar.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 10 de janeiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , ,

Desabamento na Cidade do México mata operário e deixa 17 feridos

O desabamento de parte de uma obra na Cidade do México neste sábado (4) provocou a morte de um operário e deixou pelo menos outros 17 feridos, informaram fontes oficiais.

De acordo com uma nota da Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal, uma laje de aproximadamente 100 metros quadrados cedeu, provocando a tragédia. Cerca de 75 trabalhadores atuavam no momento do desabamento.

Segundo a emissora “ForoTV”, o acidente aconteceu na construção de uma subestação elétrica no bairro Del Valle, situado na delegação (subdivisão da capital federal) de Benito Juárez, ao Sul da Cidade do México.

O operário morto foi identificado como sendo José Trinidad Santiago, de 23 anos, revela um comunicado da Secretaria de Segurança Pública.

O chefe do Corpo de Bombeiros da capital mexicana, Raúl Esquivel, afirmou em entrevista à “ForoTV” que oito dos feridos, todos operários, precisaram de transferência para hospitais, enquanto os demais foram atendidos no local.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 10 de janeiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,