RSS

Arquivo da tag: combatentes

Líder da Chechênia nega ter enviado combatentes para a Ucrânia

AppId is over the quota
AppId is over the quota
Ramzan Kadyrov, líder da Chechênia, nega ter enviado tropas à Ucrânia (Foto: Musa Sadulayev/AP Photo)Ramzan Kadyrov, líder da Chechênia, nega ter enviado tropas à Ucrânia (Foto: Musa Sadulayev/AP Photo)

O líder da Chechênia, apoiado pelo Kremlin, negou ter enviado combatentes para a Ucrânia para apoiar os separatistas pró-Rússia, mas disse que alguns deles podem ter ido por vontade própria.

O secretário de Estado dos EUA, John Kerry, mostrou-se preocupado com Moscou nesta semana após relatos sobre combatentes chechenos e de outros lugares seguindo para Ucrânia, com o objetivo de se juntar às rebeliões contra a liderança de Kiev.

O líder checheno Ramzan Kadyrov repetiu as negativas de Moscou em relação ao envolvimento, mas disse que reconhecia alguns dos combatentes em fotos da Ucrânia.

“Nós não os enviamos. Eles não são absolutamente nossos funcionários”, ele disse em uma entrevista que será exibida no programa de TV russo neste sábado (31).

“Se uma pessoas deixa por vontade própria (a Rússia), não temos o direito de impedir isso. Essa é uma decisão dela”.

Kadyrov não descartou o envio de combatentes chechenos para a Ucrânia, se for ordenado a fazê-lo, pelo presidente Vladimir Putin, que se reserva o direito de usar a força na Ucrânia se a população de língua russa estiver em perigo.

“Se houver uma ordem, vamos cumpri-la com prazer porque qualquer guerreiro é um defensor do seu povo, da sua Pátria”, disse Kadyrov.

View the original article here

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 31 de maio de 2014 em Brasil

 

Tags: , , ,

Ataque rebelde mata 30 combatentes do governo sírio, dizem ativistas

AppId is over the quota
AppId is over the quota
Rebeldes deixam local de explosão que teria matado 30 combatentes do governo sírio nesta terça-feira (6) (Foto: Rasem Ghareeb/Reuters)Rebeldes deixam local de explosão que teria matado 30 combatentes do governo sírio nesta terça-feira (6) (Foto: Rasem Ghareeb/Reuters)

Cerca de 30 integrantes das forças do governo sírio morreram na explosão de uma bomba colocada em um túnel sob um posto de controle na província de Idlib, noroeste do país, disseram ativistas da oposição nesta terça-feira (6).

Vídeos e fotos colocadas por partidários da oposição na internet mostram uma grossa nuvem de fumaça e também terra lançadas para o ar perto de uma pequena cidade enquanto homens gritavam “Allahu Akbar” (Deus é Grande).

Rebeldes que lutam para derrubar o presidente Bashar al-Assad promovem com frequência ataques contra suas forças, mas não são frequentes explosões dessa dimensão.

O grupo oposicionista de monitoramento Observatório Sírio para os Direitos Humanos, com sede na Grã-Bretanha, disse que a explosão ocorreu na periferia da cidade de Ma’arat al-Nu’man, em Idlib.

Segundo o Observatório, cerca de 70 rebeldes morreram na segunda-feira (5) em confrontos entre grupos islamitas rivais numa região do leste do país, perto da fronteira do Iraque, onde eles disputam entre si o controle de áreas produtoras de petróleo.

arte síria versão 15.04 (Foto: Arte/G1)

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 7 de maio de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Ao menos 36 combatentes aliados são mortos por rebeldes na Síria

Movimento nas ruas de Demasco na quinta-feira (3) (Foto: Diaa Al-Din/Reuters)Movimento nas ruas de Demasco na quinta-feira (3) (Foto: Diaa Al-Din/Reuters)

Dezenas de jihadistas morreram ou foram capturados nas últimas 24 horas na Síria por forças rebeldes que decidiram combater seus ex-aliados, aos quais acusam de abusos, informou o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH) neste sábado (4).

Segundo o observatório, ao menos 36 combatentes, entre integrantes e aliados do Estado Islâmico no Iraque e o Levante (EIIL), morreram desde sexta-feira na província síria de Idleb e outras dezenas foram capturados pelos rebeldes nesta região do nordeste do país.

Em um comunicado, a opositora Coalizão Nacional Síria demonstrou neste sábado seu apoio total ao combate dos rebeldes contra seus ex-aliados jihadistas, vinculados à Al-Qaeda.

Segundo o OSDH e os rebeldes, na sexta-feira explodiram violentos combates entre o EIIL e as três coalizões rebeldes nas províncias de Idleb e Aleppo (norte).

A Coalizão Nacional Síria considera crucial que “as forças rebeldes continuem defendendo a revolução contra as milícias de Al-Assad e contra as forças da Al-Qaeda, que tentam trair a revolução”.

Os jihadistas, entre eles inúmeros estrangeiros, se uniram à rebelião contra o regime de Bashar al Assad, quando a revolta e suas origens pacíficas se converteu num conflito aberto.

Fonte G1

 
1 comentário

Publicado por em 10 de janeiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , ,