RSS

Arquivo da tag: coleta

Coreia do Sul multa Google por coleta ilegal de dados de redes Wi-Fi

Serviço Street View adiciona 77 novas cidades brasileiras (Foto: Divulgação)Serviço Street View usa carros com câmeras
especiais (Foto: Divulgação/Google)

A Coreia do Sul multou o Google em 210 milhões de won, cerca de US$ 194 mil, por coletar dados pessoais de redes Wi-Fi do país enquanto mapeava as ruas para o serviço Street View, que permite ver locais do ponto de vista do pedestre. A coleta de dados ocorreu em 2009 e em 2010.

Além da multa, o Google deverá apagar todos os dados pessoais coletados sem consentimento durante o trabalho do Street View, uma determinação da comissão de comunicações da Coreia do Sul.

“Esta multa é a primeiro do tipo imposta à uma empresa global que violou as leis de privacidade da informação. A comissão irá punir quem coletar informação do povo sul-coreano sem exceção”, disse o presidente da comissão de comunicação, Lee Kyung-jae.

O Google também foi multado pela França, Alemanha e 38 estados dos Estados Unidos por coleta de dados privados durante o trabalho de mapeamento do Street View. Além de pedir desculpas e de pagar as multas, a empresa prometeu apagar todos os dados.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 31 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , ,

Coreia do Sul multa Google por coleta ilegal de dados de redes Wi-Fi

Serviço Street View adiciona 77 novas cidades brasileiras (Foto: Divulgação)Serviço Street View usa carros com câmeras
especiais (Foto: Divulgação/Google)

A Coreia do Sul multou o Google em 210 milhões de won, cerca de US$ 194 mil, por coletar dados pessoais de redes Wi-Fi do país enquanto mapeava as ruas para o serviço Street View, que permite ver locais do ponto de vista do pedestre. A coleta de dados ocorreu em 2009 e em 2010.

Além da multa, o Google deverá apagar todos os dados pessoais coletados sem consentimento durante o trabalho do Street View, uma determinação da comissão de comunicações da Coreia do Sul.

“Esta multa é a primeiro do tipo imposta à uma empresa global que violou as leis de privacidade da informação. A comissão irá punir quem coletar informação do povo sul-coreano sem exceção”, disse o presidente da comissão de comunicação, Lee Kyung-jae.

O Google também foi multado pela França, Alemanha e 38 estados dos Estados Unidos por coleta de dados privados durante o trabalho de mapeamento do Street View. Além de pedir desculpas e de pagar as multas, a empresa prometeu apagar todos os dados.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 31 de janeiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , , ,

Corte dos EUA aprova coleta de dados telefônicos por mais 3 meses

A Corte de Vigilância da Inteligência Externa dos EUA renovou nesta sexta-feira (3) a autoridade das agências do país para coletar dados de milhões de ligações telefônicas de norte-americanos.

O tribunal liberou a comunidade da inteligência a coletar dados de companhias telefônicas, disse em comunicado o gabinete do diretor nacional de Inteligência, James Clapper.

O comunicado não ofereceu mais detalhes sobre a decisão, mas uma autoridade norte-americana afirmou à agência de notícias Reuters que a autorização foi renovada por três meses, e que ela se aplica a todo o programa de coleta de dados.

No passado, essas ordens eram por vezes emitidas para companhias telefônicas individualmente. Mas a autoridade disse que a última ordem serviu para todas as empresas cujos dados foram coletados nas últimas autorizações emitidas pelo órgão.

Disputa legal
A notícia de que a Agência de Segurança Nacional (NSA, na sigla em inglês) pode rastrear ligações telefônicas dos norte-americanos ao coletar dados que mostram para quem e quando eles ligaram foi uma das grandes revelações do prestador de serviços Edward Snowden no ano passado, que causaram comoção pública sobre a espionagem do governo.

Dois juízes distritais norte-americanos emitiram decisões conflitantes sobre a legalidade e a constitucionalidade do processo de coleta de dados da NSA.

Na sexta-feira, o Departamento de Justiça informou que vai apelar da decisão emitida em dezembro pelo juiz federal de Washington Richard Leon, que declarou que a coleta de dados era provavelmente ilegal. Leon afirmou que não poderia imaginar uma invasão de privacidade mais “indiscriminada” e “arbitrária”. Porém, William Pauley, um juiz federal sediado em Manhattan, decidiu no mês passado que a coleta de dados é legal.

Ainda nesta sexta, o gabinete de Clapper afirmou que as agências de inteligência dos EUA estavam “abertas para modificações” no programa do coleta de dados, mudanças que “dariam maior privacidade e proteção da liberdade civil, mantendo os benefícios operacionais”.

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, deve produzir suas próprias recomendações de reformas na vigilância eletrônica do país neste mês.

Fonte G1

 
1 comentário

Publicado por em 10 de janeiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Corte dos EUA aprova coleta de dados telefônicos por mais 3 meses

A Corte de Vigilância da Inteligência Externa dos EUA renovou nesta sexta-feira (3) a autoridade das agências do país para coletar dados de milhões de ligações telefônicas de norte-americanos.

O tribunal liberou a comunidade da inteligência a coletar dados de companhias telefônicas, disse em comunicado o gabinete do diretor nacional de Inteligência, James Clapper.

O comunicado não ofereceu mais detalhes sobre a decisão, mas uma autoridade norte-americana afirmou à agência de notícias Reuters que a autorização foi renovada por três meses, e que ela se aplica a todo o programa de coleta de dados.

No passado, essas ordens eram por vezes emitidas para companhias telefônicas individualmente. Mas a autoridade disse que a última ordem serviu para todas as empresas cujos dados foram coletados nas últimas autorizações emitidas pelo órgão.

Disputa legal
A notícia de que a Agência de Segurança Nacional (NSA, na sigla em inglês) pode rastrear ligações telefônicas dos norte-americanos ao coletar dados que mostram para quem e quando eles ligaram foi uma das grandes revelações do prestador de serviços Edward Snowden no ano passado, que causaram comoção pública sobre a espionagem do governo.

Dois juízes distritais norte-americanos emitiram decisões conflitantes sobre a legalidade e a constitucionalidade do processo de coleta de dados da NSA.

Na sexta-feira, o Departamento de Justiça informou que vai apelar da decisão emitida em dezembro pelo juiz federal de Washington Richard Leon, que declarou que a coleta de dados era provavelmente ilegal. Leon afirmou que não poderia imaginar uma invasão de privacidade mais “indiscriminada” e “arbitrária”. Porém, William Pauley, um juiz federal sediado em Manhattan, decidiu no mês passado que a coleta de dados é legal.

Ainda nesta sexta, o gabinete de Clapper afirmou que as agências de inteligência dos EUA estavam “abertas para modificações” no programa do coleta de dados, mudanças que “dariam maior privacidade e proteção da liberdade civil, mantendo os benefícios operacionais”.

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, deve produzir suas próprias recomendações de reformas na vigilância eletrônica do país neste mês.

View the original article here

 
1 comentário

Publicado por em 10 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,