RSS

Arquivo da tag: circulam

E-farsas TV – 7 farsas que circulam todo ano pela web!

Todo ano é sempre igual: Um monte de histórias falsas aparece na web e acaba reaparecendo no ano seguinte! E o pior é que, mesmo a gente mostrando aqui no E-farsas que isso tudo é mentira, muita gente continua acreditando e passando adiante. Pensando nisso, o E-farsas elaborou, em parceria com o Listonas, uma lista com 7 dos boatos digitais mais recorrentes da web do ano passado e que, com certeza, veremos novamente esse ano e nos próximos! Descubra conosco que o mundo não acabou, que o messias não voltou e que não fomos atacados por nenhuma raça alienígena. vitrine Também relembre conosco as inúmeras vezes que você viu algum site anunciando uma cura simples para uma doença grave, como é o caso do chá de graviola que curaria o câncer e a água de quiabo que supostamente curaria o diabetes! Perceba nesse episódio que não citamos o ano que estamos relembrando porque é bem provável que essas mesmas farsas voltem a circular esse ano e no ano que vem (e nos próximos). Assista ao vídeo, clicando abaixo e não se esqueça de curtir e de compartilhar com os amigos para ajudar a melhorar um pouco a qualidade dessa nossa internet e que ela fique livre de farsas e dos hoaxes:

  Gilmar Lopes veste Fiction Corporation!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Fonte E-farsas

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 21 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , ,

Imagens que circulam pela web que foram desmascaradas pelo E-farsas!

Artigo escrito em parceria com o blog O Buteco da Net recorda algumas das fotos mais esquisitas que já pesquisamos aqui no E-farsas.com!

No dia 25 de julho de 2012, fizemos um apanhado com algumas das centenas de imagens falsas que já pesquisamos no E-farsas e, com a ajuda do amigo jornalista Humberto Oliveira do blog O Buteco da Net, criamos um resumão que você confere agora. O intuito é mostrar que as pessoas não podem confiar em tudo que veem na web. Confira algumas delas:

Cabo USB

O tão famoso “Cabo USB” do Facebook, na realidade se chamava Rodrigo da Rocha Klein. Ele faleceu numa missão de paz no Haiti. Alguém achou que seria uma boa piada e editou a foto. Rodrigo morreu em 2 de agosto de 2007.

Mais sobre o caso do Cabo USB, clique aqui:

Computador antigo!

Este é um caso curioso, no qual as duas imagens são falsas. Na realidade, de real mesmo, só o painel antigo que aparece nas duas imagens e pertencia a um antigo submarino nuclear. No entanto, nem a impressora, nem a TV, nem o velhinho que aparece são reais, foram todas inseridas digitalmente na imagem do painel.

Mais sobre essa fotomontagem clicando aqui:

Tubarões no Shopping

No início de 2012, uma imagem dizia que o saguão de um shopping (ou estação de metrô) havia ficado completamente cheio de água e com dois tubarões desfilando tranquilamente. O fato, é que as imagens foram roubadas de um site que contém fotos da revista Africa Geographic, de setembro de 2005, e publicadas na internet. Muita gente acreditou.

Saiba mais sobre essa montagem aqui:

Esqueleto Gigante

A imagem é falsa e foi criada por usuários do site Worth1000, que é especializado em montagens no Photoshop e o esqueleto não tem nada de gigante.

Mais sobre a montagem do esqueleto gigante aqui:

Gemeas Olsen

As gêmeas Olsen também foram vítimas de montagens. O criador da edição é desconhecido, mas as imagens originais entregam a farsa.

Saiba mais sobre essa fotomontagem com as gêmeas aqui:

Cidade Puta que Pariu

Há alguns meses, a imagem de um ônibus que conduz a um local chamado “Puta Que Pariu” bombou na internet. De acordo com a notícia, a cidade estaria localizada no interior do estado de Minas Gerais! No entanto, é fácil perceber que o tal ônibus, na realidade, pertence à cidade Curitiba. A imagem real entrega a montagem.

Cidade chamada Puta que Pariu existe mesmo? Descubra aqui:

Mensagem sexual no filme Toy Story

Há algum tempo, circula na internet uma imagem que sugere uma mensagem subliminar no desenho Toy Story. As sombras sugerem que duas pessoas estão praticando sexo oral. Mas uma busca rápida na internet mostra que a imagem é bem diferente. Não se sabe quem é o autor.

Veja como descobrimos que essa foto era falsa aqui:

E você, lembra de alguma foto que publicamos aqui no E-farsas que era falsa? Relembre conosco aí nos comentários!

Agradecimentos ao amigo Humberto Oliveira do Buteco da Net!

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 18 de outubro de 2012 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Malware que atacam falhas da Microsoft já circulam na web

Módulos que exploram as vulnerabilidades CVE-2012-1875 e CVE-2012-1889 foram adicionados ao kit hacker Metasploit

Um código malicioso foi publicado para atacar duas vulnerabilidades de softwares da Microsoft – uma delas ainda não corrigida – foi integrado à estrutura do kit de ferramentas hacker open source Metasploit.

Uma das vulnerabilidades foi identificada como CVE-2012-1875 e fica localizada no Internet Explorer. Crackers podem explorar essa vulnerabilidade para executar o código malicioso, enganando os usuários de forma que eles visitem um site especialmente projetado para isso, ou abrindo um documento do Office que contém um código malicioso do ActiveX anexado a ele.

A falha foi identificada na terça-feira (12/6) no boletim de segurança MS12-037 da Microsoft, mas, de acordo com pesquisadores em segurança da empresa de antivírus McAfee, a vulnerabilidade está sendo ativamente explorada desde 1 de junho.

Pesquisadores de segurança da Symantec disseram, em um post no blog publicado na segunda (18/6), que falha foi utilizada recentemente por crackers para infectar computadores de pessoas que visitaram o site da Amnesty International’s Hong Kong que continha o malware. “A Microsoft está ciente sobre ataques que tentam explorar a vulnerabilidade”, disse a Microsoft na terça. “No entanto, quando o boletim de segurança foi divulgado, a Microsoft não havia visto qualquer prova do código publicado.”

Isso mudou. O código de ataque par o CVE-2012-1875 integrado ao Metasploit tem como alvo o Internet Explorer 8 no Windows XP com Service Pack 3.

A segunda vulnerabilidade atacada por um módulo malicioso que foi adicionado ao Metasploit – identificada como CVE-2012-1889 – está localizado no XML Core Services.

De acordo com pesquisadores de segurança da Trend Micro, os crackers visam essa falha em particular, solicitando ao Google a mostrar avisos sobre anúncios patrocinados pelo governo, que atacaram usuários do GMail no começo deste mês.

A Microsoft ainda não liberou um patch de segurança para essa vulnerabilidade. No entanto, a ferramenta “Fix it” (ou “conserte isso”, em tradução livre), da Microsoft, que bloqueia o vetor de ataque, pode ser baixada na internet.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 2 de julho de 2012 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Malware que atacam falhas da Microsoft já circulam na web

Módulos que exploram as vulnerabilidades CVE-2012-1875 e CVE-2012-1889 foram adicionados ao kit hacker Metasploit

Um código malicioso foi publicado para atacar duas vulnerabilidades de softwares da Microsoft – uma delas ainda não corrigida – foi integrado à estrutura do kit de ferramentas hacker open source Metasploit.

Uma das vulnerabilidades foi identificada como CVE-2012-1875 e fica localizada no Internet Explorer. Crackers podem explorar essa vulnerabilidade para executar o código malicioso, enganando os usuários de forma que eles visitem um site especialmente projetado para isso, ou abrindo um documento do Office que contém um código malicioso do ActiveX anexado a ele.

A falha foi identificada na terça-feira (12/6) no boletim de segurança MS12-037 da Microsoft, mas, de acordo com pesquisadores em segurança da empresa de antivírus McAfee, a vulnerabilidade está sendo ativamente explorada desde 1 de junho.

Pesquisadores de segurança da Symantec disseram, em um post no blog publicado na segunda (18/6), que falha foi utilizada recentemente por crackers para infectar computadores de pessoas que visitaram o site da Amnesty International’s Hong Kong que continha o malware. “A Microsoft está ciente sobre ataques que tentam explorar a vulnerabilidade”, disse a Microsoft na terça. “No entanto, quando o boletim de segurança foi divulgado, a Microsoft não havia visto qualquer prova do código publicado.”

Isso mudou. O código de ataque par o CVE-2012-1875 integrado ao Metasploit tem como alvo o Internet Explorer 8 no Windows XP com Service Pack 3.

A segunda vulnerabilidade atacada por um módulo malicioso que foi adicionado ao Metasploit – identificada como CVE-2012-1889 – está localizado no XML Core Services.

De acordo com pesquisadores de segurança da Trend Micro, os crackers visam essa falha em particular, solicitando ao Google a mostrar avisos sobre anúncios patrocinados pelo governo, que atacaram usuários do GMail no começo deste mês.

A Microsoft ainda não liberou um patch de segurança para essa vulnerabilidade. No entanto, a ferramenta “Fix it” (ou “conserte isso”, em tradução livre), da Microsoft, que bloqueia o vetor de ataque, pode ser baixada na internet.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 29 de junho de 2012 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,