RSS

Arquivo da tag: animal

Estudo diz que animal terrestre mais rápido do mundo é um ácaro

Ácaro Paratarsotomus macropalpis consegue percorrer o equivalente a 322 vezes o comprimento do próprio corpo em um segundo (Foto: Samuel Rubin (W.M. Keck Sc ience Center, Pitzer College) / Dr. J.C. Wright Laboratory (Department of Biology, Pomona College), The Claremont University Consortium, Claremont, CA)Ácaro ‘Paratarsotomus macropalpis’ consegue percorrer o equivalente a 322 vezes o comprimento do próprio corpo em um segundo (Foto: Samuel Rubin (W.M. Keck Science Center, Pitzer College)/Dr. J.C. Wright Laboratory (Department of Biology, Pomona College), The Claremont University Consortium, Claremont, CA

O mundo animal tem um novo recordista de velocidade, segundo um estudo apresentado no domingo (27) na reunião científica “Experimental Biology 2014”, em San Diego, nos Estados Unidos. O bicho terrestre mais rápido do mundo, aponta a pesquisa, percorre uma distância equivalente a 322 vezes o comprimento do próprio corpo em apenas um segundo.

Trata-se do ácaro Paratarsotomus macropalpis. Com o tamanho inferior ao de um grão de gergelim, ele desbancou o antigo recordista mundial: o besouro-tigre australiano, capaz de percorrer 171 vezes seu próprio comprimento em um segundo.

Essa medida diz respeito à velocidade do animal proporcionalmente ao tamanho de seu corpo. Conhecido por sua rapidez, um guepardo que corra a uma velocidade de cerca de 95 km/h, por exemplo, percorre somente 16 vezes seu próprio comprimento por segundo.

Animal também foi filmado andando em seu habitat natural (Foto: Samuel Rubin (W.M. Keck Sc ience Center, Pitzer College) / Dr. J.C. Wright Laboratory (Department of Biology, Pomona College), The Claremont University Consortium, Claremont, CA)Foto mostra aparato de filmagem para captar
movimentos de ácaro em hábitat natural (Foto:
Samuel Rubin (W.M. Keck Science Center, Pitzer
College)/Dr. J.C. Wright Laboratory (Department of
Biology, Pomona College), The Claremont University
Consortium, Claremont, CA)

Um dos estudantes responsáveis por encontrar esse tipo de ácaro e documentar sua velocidade no hábitat natural foi Samuel Rubin, aluno do Pitzer College, na Califórnia.”É muito legal descobrir algo que seja mais rápido que qualquer outra coisa. E apenas imaginar um humano correndo tão rápido, levando em conta seu tamanho, é realmente surpreendente”, diz.

Caso o homem tivesse uma velocidade equivalente à da espécie Paratarsotomus macropalpis, levando em conta seu tamanho, ele seria capaz de percorrer mais de 580 metros a cada segundo.

Para Rubin, o estudo sobre como esses aracnídeos conseguem atingir velocidades tão grandes pode inspirar novas tecnologias revolucionárias para a construção de veículos, robôs e outros equipamentos.

Esse tipo de ácaro é natural do sul da Califórnia, onde é comumente encontrado em rochas e calçadas. Para determinar sua velocidade, os cientistas usaram câmeras de alta velocidade no laboratório e também em no ambiente natural dos animais.

“Era muito difícil pegá-los e, quando filmávamos ao ar livre, era preciso segui-los de forma incrivelmente rápida, já que o campo de visão da câmera era de apenas 10 centímetros”, conta Rubin.

Movimentos do ácaro foram filmados com câmera especial em laboratório (Foto: Samuel Rubin (W.M. Keck Sc ience Center, Pitzer College) / Dr. J.C. Wright Laboratory (Department of Biology, Pomona College), The Claremont University Consortium, Claremont, CA)Movimentos do ácaro também foram filmados com câmera especial em laboratório (Foto: Samuel Rubin (W.M. Keck Science Center, Pitzer College)/Dr. J.C. Wright Laboratory (Department of Biology, Pomona College), The Claremont University Consortium, Claremont, CA

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 1 de maio de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Ex-apresentador do Animal Planet é condenado por vender lagartos raros

Donald Schultz exibe uma cobra em frente a um cassino em Las Vegas, em 2010 (Foto: Glenn Pinkerton/Las Vegas News Bureau/AP)Donald Schultz exibe uma cobra em frente a um cassino em Las Vegas, em 2010 (Foto: Glenn Pinkerton/Las Vegas News Bureau/AP)

O ex-apresentador de um programa do canal Animal Planet, Donald Schultz, foi condenado nesta segunda-feira (24), nos Estados Unidos, a dois anos de liberdade condicional, 200 horas de serviço comunitário e uma multa de US$ 9 mil depois de admitir que tentou vender dois lagartos iranianos, uma espécie em extinção, sem autorização.

Em novembro, Schultz, que é sul-africano, fez um acordo judicial e se declarou culpado de violar a Lei de Espécies Ameaçadas de Extinção. Em 2010, ele tentou vender dois lagartos raros por US$ 2,5 mil a um agente federal disfarçado de cliente.

No seu programa, “Wild Recon”, que foi cancelado, Schultz se aventurava em locais remotos para recolher amostras biológicas a partir de cobras venenosas e outros animais perigosos. Ele também fez o programa “Venom in Vegas”, no qual ficou em uma grande estrutura de vídeo fechado com mais de cem cobras, algumas venenosas, em frente a um cassino de Las Vegas.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 26 de março de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , , ,

Ex-apresentador do Animal Planet é condenado por vender lagartos raros

Donald Schultz exibe uma cobra em frente a um cassino em Las Vegas, em 2010 (Foto: Glenn Pinkerton/Las Vegas News Bureau/AP)Donald Schultz exibe uma cobra em frente a um cassino em Las Vegas, em 2010 (Foto: Glenn Pinkerton/Las Vegas News Bureau/AP)

O ex-apresentador de um programa do canal Animal Planet, Donald Schultz, foi condenado nesta segunda-feira (24), nos Estados Unidos, a dois anos de liberdade condicional, 200 horas de serviço comunitário e uma multa de US$ 9 mil depois de admitir que tentou vender dois lagartos iranianos, uma espécie em extinção, sem autorização.

Em novembro, Schultz, que é sul-africano, fez um acordo judicial e se declarou culpado de violar a Lei de Espécies Ameaçadas de Extinção. Em 2010, ele tentou vender dois lagartos raros por US$ 2,5 mil a um agente federal disfarçado de cliente.

No seu programa, “Wild Recon”, que foi cancelado, Schultz se aventurava em locais remotos para recolher amostras biológicas a partir de cobras venenosas e outros animais perigosos. Ele também fez o programa “Venom in Vegas”, no qual ficou em uma grande estrutura de vídeo fechado com mais de cem cobras, algumas venenosas, em frente a um cassino de Las Vegas.

Fonte G1

 
1 comentário

Publicado por em 26 de março de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , ,

Casal ‘louco por pandas’ tem até lingerie com imagem do animal

O casal Celine e Andre Cornet exibiu uma coleção curiosa em sua casa em Haccourt, na Bélgica, formada por cerca de 2.200 itens que contenham pandas.

A dupla de idosos contou que começou a coleção em 1978, quando Andre deu à esposa um souvenir com o formato do animal, comprado durante uma de suas viagens como caminhoneiro.

Atualmente, o “acervo de pandas” conta com diversas pelúcias, roupas de cama e até lingerie com a imagem do urso.

Celine contou também que planeja doar a coleção para crianças assim que falecer.

Andre Cornet exibe calcinha com imagem de panda, parte da coleção que tem com a esposa (Foto: Yves Herman/Reuters)Andre Cornet exibe calcinha com imagem de panda, parte da coleção que tem com a esposa (Foto: Yves Herman/Reuters)Celine e o marido possuem cerca de 2.200 peças com imagens de pandas (Foto: Yves Herman/Reuters)Celine e o marido possuem cerca de 2.200 peças com imagens de pandas (Foto: Yves Herman/Reuters)Casal de 'loucos por panda' mora em Haccout, na Bélgica (Foto: Yves Herman/Reuters)Casal de ‘loucos por panda’ mora em Haccout, na Bélgica (Foto: Yves Herman/Reuters)Celine Cornet mostra panda de 1978, que deu origem à coleção (Foto: Yves Herman/Reuters)Casal possui até roupa de cama com imagem do animal (Foto: Yves Herman/Reuters)Celine Cornet mostra panda de 1978, que deu origem à coleção (Foto: Yves Herman/Reuters)Celine Cornet mostra panda de 1978, que deu origem à coleção (Foto: Yves Herman/Reuters)

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13 de março de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Cientistas descobrem ‘Pompeia animal’ na China

Fósseis de 120 milhões de anos de animais chineses estão em ótimo estado de conservação (Foto: BBC)Fósseis de 120 milhões de anos de animais chineses estão em ótimo estado de conservação (Foto: Baoyu Jiang/BBC)

Cientistas dizem ter descoberto sinais de que a erupção de um vulcão chinês há 120 milhões de anos pode ter matado diversos animais no período Cretáceo.

Eles teriam sido mortos de forma instantânea, semelhante ao que aconteceu com a população da cidade romana antiga de Pompeia no ano de 79 d.C., que foi arrasada por uma erupção do vulcão Vesúvio.

Como os moradores da cidade, os animais foram envolvidos por cinzas e lava, e foram petrificados.

O estudo foi publicado nesta quinta-feira pela revista científica “Nature”.

Mistério
O leito de fósseis de 120 milhões de anos na província de Liaoning, no nordeste da China, sempre tem sido um mistério para os cientistas. O lugar é repleto de fósseis em ótimas condições de preservação.

Um grupo bastante eclético de animais foi desenterrado ali, entre eles, os primeiros dinossauros com penas, algumas das primeiras espécies de mamíferos, pássaros, peixes e insetos.

“Há anos que cientistas têm curiosidade para saber como esses animais foram mortos e ficaram excepcionalmente bem preservados”, disse o pesquisador Baoyu Jiang, na universidade de Nanjing.

E agora, pela primeira vez, os cientistas dizem ter sinais mais concretos de que a erupção de um vulcão possa ter sido a causa da morte dos animais.

A floresta de árvores coníferas cercada por lagos – onde esses animais viviam – era cercada de vulcões, e os pesquisadores acreditam que explosões soltaram no ar uma mistura de gás, cinzas e rochas – conhecida como fluxo piroclástico.

Como as pessoas que viviam em Pompeia, várias criaturas foram mortas instantaneamente e em seguida cobertas por uma densa camada de cinzas.

Os animais foram petrificados em pleno movimento, com músculos flexionados e a espinha estendida. Eles foram todos encontrados no mesmo local. Para os cientistas, a força das explosões empurrou os corpos para um mesmo lugar.

“Todos os fósseis estudados estão presos dentro de fluxos piroclásticos”, diz Jiang. Ele afirma que alguns fósseis possuem os mesmos sinais de queimadura encontrado na população de Pompeia.

Os pesquisadores dizem que outras camadas encontradas no leito de fósseis indicam que várias erupções ocorreram no período Cretáceo.

Para o paleontólogo Mike Benton, da universidade de Bristol, o trabalho de Jiang “confirma e esclarece o que suspeitávamos há anos”.

“Mas os autores dão um passo além e sugerem que todos os animais foram mortos, transportados e excepcionalmente preservados pelos fluxos piroclásticos.”

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 6 de fevereiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Escocesa apara pelos de égua e ‘transforma’ animal em zebra

Maria McKenna, de 23 anos, moradora de Springburn, na Escócia, cansou de ter que convencer as pessoas que “Petri”, sua égua de estimação, não era uma zebra ou um burro, devido os padrões de cor de seus pelos, e decidiu aparar tudo para que a égua ficasse realmente com “listras” por todo o seu corpo.

Após gastar mais de quatro horas aparando os pelos do animal de estimação, Petri chamou ainda mais atenção ao desfilar pela vizinhança mostrando seu “penteado” curioso, que vai dos pelos no corpo até a crina do animal.

Maria McKenna aparou os pelos de sua égua para que ficasse parecida com uma zebra (Foto: Caters News)Maria McKenna aparou os pelos de sua égua para que ficasse parecida com uma zebra (Foto: Caters News)

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 30 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

Lista reúne momentos de ‘overdose de fofura’ do reino animal

‘Oba, ganhei colo!’
Dois usuários da rede social “Reddit” publicaram fotos que mostram dois cordeiros com as quatro patas para cima enquanto são segurados longe do chão, como se estivessem comemorando que “ganharam colo”. As imagens foram reproduzidas milhares de vezes pelos usuários, que ficaram encantados com a “fofura” da foto e a “alegria” dos cordeiros (leia a matéria).

Cordeiro colocou as patas para cima como se estivesse 'comemorando' ao ficar no colo de uma jovem (Foto: Reprodução/Imgur/frankiex3)Cordeiro colocou as patas para cima como se estivesse ‘comemorando’ ao ficar no colo de uma jovem (Foto: Reprodução/Imgur/frankiex3)

Abraço generoso
No zoológico da cidade de Duisburg, na Alemanha, um um filhote de coala deu um abraço apertado em um “amigo” de pelúcia durante um procedimento de pesagem na instituição. O bebê coala, que nasceu em julho de 2013, pesa 350 gramas e ainda não foi batizado pelos funcionários (leia a matéria).

Coala é flagrado dando 'abraço generoso' em 'amigo' de pelúcia em zoológico na Alemanha (Foto: Ina Fassbender/Reuters)Coala é flagrado dando ‘abraço generoso’ em ‘amigo’ de pelúcia em zoológico na Alemanha (Foto: Ina Fassbender/Reuters)

Cão guloso ‘briga’ com bebê
Na Rússia, um cachorro e um bebê foram filmados em uma cena hilária na qual o animal se recusava a dividir um biscoito com a criança, fazendo de tudo para que ninguém chegasse perto da comida. Toda vez que o bebê se aproximava, o pug “guloso” colocava a pata nos braços da criança, e chegou até a pegar o biscoito com a boca e levá-lo para longe para que pudesse aproveitar o alimento sozinho (leia a matéria).

Pug usou as patas para impedir que bebê ficasse com biscoito (Foto: Reprodução/YouTube/MsArvensis)Pug usou as patas para impedir que bebê ficasse com biscoito (Foto: Reprodução/YouTube/MsArvensis)


Lontra vira ‘xodó’
Um bebê lontra virou xodó de um centro de resgate da Sociedade Escocesa de Prevenção da Crueldade contra os Animais (SPCA) após ser encontrado em outubro de 2013 vagando em uma estrada na região de Caithness. Após ser examinado, o filhote foi levado para o centro nacional de salvamento de animais selvagens em Fishcross, e ganhou o nome de Murkle (leia a matéria).

Bebê lontra foi encontrado no dia 3 de outubro vagando em estrada (Foto: Divulgação/Scottish SPCA)Bebê lontra foi encontrado em outubro de 2013 vagando em estrada (Foto: Divulgação/Scottish SPCA)

Filhote ganha companhia
Um filhote de leão branco, à época com oito dias de idade, ganhou um burro de pelúcia de presente no zoológico de Belgrado, na Sérvia. O zoológico da capital sérvia tem um total de 11 leões brancos, espécie que está extinta na natureza e só é encontrada em zoológicos e reservas (leia a matéria).

Filhote de urso branco ganhou burro de pelúcia no zoológico de Belgrado (Foto: Marko Djurica/Reuters)Filhote de leão branco ganhou burro de pelúcia no zoológico de Belgrado em outubro de 2013 (Foto: Marko Djurica/Reuters)

‘Gata cogumelo’
Em julho de 2013, uma gatinha resgatada por um blogueiro japonês fez sucesso na web após aparecer em uma sequência de fotos adoráveis, com destaque para uma em que “veste” uma fantasia de cogumelo shimeji feita de crochê. A gata “wasabi-chan” havia sido atacada por um corvo, mas Tatsuki Yoshinaga conseguiu salvar o bichano e deu tratamento adequado ao animal, que apresentou melhoras no tratamento dos ferimento (leia a matéria).

Após ser resgatada, gatinha 'wasabi-chan' se tornou hit após aparecer vestindo fantasias (Foto: Reprodução/Instagram/shimejiwasabi)Após ser resgatada, gatinha ‘wasabi-chan’ se tornou hit após aparecer vestindo fantasias (Foto: Reprodução/Instagram/shimejiwasabi)

Campeões da preguiça
Já em junho de 2013, uma dupla de pandas-vermelhos foi flagrada descansando em cima de galhos em um zoológico na China. Enquanto o “amigo” dormia, um dos animais soltou um grande bocejo, o que rendeu aos bichos o título de “campeões da preguiça” (leia a matéria).

Panda-vermelho boceja para colega enquanto descansam em galho no zoológico de Pequim, na China (Foto: Mark Ralston/AFP)Panda-vermelho boceja para colega enquanto descansam em galho no zoológico de Pequim, na China (Foto: Mark Ralston/AFP)

Preguiça romântica
A canadense Rachael Hosein postou um vídeo no início de 2013 que mostra a mulher interagindo com um filho de bicho-preguiça em um santuário na Costa Rica. Em determinado momento, o simpático e vagaroso bicho pega um pedaço de uma flor e parece entregar para Rachael, que fica encantada com o gesto. A gravação se tornou hit na web e foi assistida mais de 1,3 milhão de vezes (leia a matéria).

FIlhote de preguiça parece dar flor para visitante em santuário na Costa Rica (Foto: Reprodução)FIlhote de preguiça parece dar flor para visitante em santuário na Costa Rica (Foto: Reprodução)

Urso ganha…ursinho de pelúcia
No Zoológico do Oregon, que fica na cidade de Portland (EUA), um filhote de urso ganhou um bicho de pelúcia como companheiro, após uma família de Medford ter encontrado o filhote em uma floresta e tê-lo levado para casa em maio de 2012. Sem saber como cuidar do ursinho órfão, a família avisou o Departamento de Vida Selvagem do estado do Oregon (leia a matéria).

filhote de urso ganhou um bicho de pelúcia como companheiro no Zoológico do Oregon. (Foto: Carli Davidson/AP)Filhote de urso ganhou um bicho de pelúcia como companheiro no Zoológico do Oregon. (Foto: Carli Davidson/AP)

‘Me dá um abraço?’
A filhote de leopardo-nebuloso ‘Sumalee’, nascida em junho de 2011 em um zoológico no estado americano de Washington, chamou atenção em fotos feitas nos últimos dias. Ele conseguiu se apoiar sobre as duas patas traseiras e abrir as patas dianteiras, em uma pose na qual o animal parecia pedir um abraço (leia a matéria).

A filhote de leopardo-nebuloso 'Sumalee', nascido em 22 de junho em um zoológico no estado americano de Washington, chamou atenção em fotos feitas nos últimos dias. Ele conseguiu se apoiar sobre as duas patas traseiras e abrir as patas dianteiras, em uma (Foto: Seth Bynum/Point Defiance Zoo & Aquarium)A filhote de leopardo-nebuloso ‘Sumalee’, parece ‘pedir abraço’ no Zoológico e Aquário de Point Defiance, no estado de Washington (EUA) (Foto: Seth Bynum/Point Defiance Zoo & Aquarium)

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 28 de janeiro de 2014 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,