RSS

Arquivo da tag: ambiente

Gisele Bündchen vira modelo de compromisso com o meio ambiente

Gisele em conferência da ONU no Quênia em janeiro (Foto: Simon Maina/AFP)Gisele Bündchen em conferência da ONU no
Quênia em janeiro (Foto: Simon Maina/AFP)

A modelo Gisele Bündchen, embaixadora da Boa Vontade do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma, na sigla em inglês) desde 2009, foi madrinha da cerimônia de entrega do prêmio “Campeões da Terra” na quarta-feira (18), em Nova York.

Comprometida com a natureza desde a infância, Gisele uniu glamour e sustentabilidade no Museu de História Natural durante a entrega do prêmio, que reconhece as contribuições para o meio ambiente, públicas e privadas, e que teve entre os ganhadores deste ano a ministra brasileira do Meio Ambiente, Izabella Teixeira.

Gisele usou um vestido laranja curto, com seus longos cabelos soltos, e esbanjou simpatia e vigor para defender a causa na cerimônia, que terminou com um baile.

A modelo lembrou que os EUA desperdiçam 40% de sua comida, enquanto uma em cada sete pessoas passa fome no restante do mundo. Ela pediu que os cidadãos de Nova York e de todo o planeta tenham uma atitude mais responsável.

Gisele conversou também com a ministra Izabella e posou com as crianças vencedoras dos prêmios do 22° concurso de desenho infantil do Pnuma.

A modelo, que nos últimos anos tem garantido presença nessa cerimônia, começou a colaborar ativamente com as causas ambientais há dez anos, quando passou alguns dias na reserva indígena do Xingu, na Amazônia, e tomou conhecimento do enorme impacto ambiental existente na região.

Em 2008, Gisele criou o projeto Água Limpa em sua cidade natal, Horizontina (RS), com a intenção de proteger a vegetação local e preservar suas águas. Além disso, ela lançou um blog de conscientização sobre o tema.

Ministra Izabella Teixeira fala em coletiva durante entrega do prêmio 'Campeões da Terra' (Foto: Stan Honda/AFP)Ministra Izabella Teixeira fala em coletiva na entrega do prêmio ‘Campeões da Terra’ (Foto: Stan Honda/AFP)

Fonte G1

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 22 de setembro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Água radioativa não prejudica meio ambiente, diz agência japonesa

Funcionário mede radioatividade ao redor de tanque de água em usina de Fukushima. (Foto: Tepco/AFP Photo)Funcionário mede radioatividade ao redor de tanque de água em usina. (Foto: Tepco/AFP Photo)

As consequências para o meio ambiente da água radioativa da central nuclear acidentada de Fukushima não são tão preocupantes, afirmou o presidente da autoridade reguladora do setor.

“Não se pode negar que há vazamentos de água contaminada, mas não é necessário preocupar-se excessivamente com as consequências no meio ambiente”, disse Shuniche Tanaka.

“Não acredito que o que disse Abe seja cientificamente falso”, acrescentou Tanaka, em referência ao discurso do primeiro-ministro Shinzo Abe em Buenos Aires. Na capital argentina, ao apresentar a candidatura de Tóquio para os Jogos Olímpicos de 2020, Abe disse que o risco era limitado e a situação estava controlada.

“Não olhem as manchetes dos jornais, olhem a realidade: as consequências estão bloqueadas na zona de 0,3 quilômetro quadrado”, disse Abe. “Deixem-me assegurar que a situação está sob controle: isto não afeta e nunca afetará Tóquio”, completou o chefe de Governo japonês.

Ao ser questionado sobre as declarações, que não foram bem recebidas entre a opinião pública, Tanaka disse que “era uma declaração pessoal”. “Saber se a situação está sob controle ou não é uma apreciação pessoa, isto varia de um indivíduo para outro”, disse Tanaka.

“O pior que poderia acontecer à centra seria um terremoto ou tsunami que acabasse com o trabalho efetuado até agora”, concluiu.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13 de setembro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Trabalho remoto pode favorecer o meio ambiente, diz estudo

Relatório realizado pela TeamViewer com 500 trabalhadores norte-americanos revela que 86% dos entrevistados economizam mais gasolina.

A prática do trabalho home office, adotada por muitas empresas, tem se mostrado favorável ao meio ambiente. Foi o que divulgou uma pesquisa da TeamViewer, com 500 trabalhadores norte-americanos.

O comportamento é mais forte nas mulheres, mas quase todos os entrevistados (97%) disseram que usam menos recursos, como gasolina (86%), papel da impressora (31%), energia elétrica, marcadores e lápis (15%), água do chuveiro (13%) e até mesmo analgésicos (12%).

Segundo dados do estudo a maioria as ações dos trabalhadores remotos são favoráveis ao meio ambiente, pois quando estão em casa apagar a luz ao sair de um cômodo (74%), fazem a própria comida (60%), mantém o nível do ar condicionado ou aquecedor mais baixo (56%), imprimem menos (53%), desligam o computador à noite (50%), reciclam (39%) e evitam usar água engarrafada (34%).

Além disso, o estudo mostra que os funcionários tendem a economizar dinheiro quando trabalham em casa, e o valor pode chegar a 80 dólares por dia.  “Os colaboradores, além de poupar dinheiro quando trabalham de casa realizam mudanças no comportamento, que contribuem para a conservação do meio ambiente”, disse Holger Felgner, gerente geral da TeamViewer.

Agência IPNews

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 19 de junho de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

iPhone lidera preferência no ambiente corporativo

Embora os dispositivos Android tenham maior quota do mercado mundial, os dispositivos iOS continuam a ser dominantes no segmento corporativo

Embora os dispositivos Android tenham maior quota do mercado mundial, os dispositivos iOS continuam a ser dominantes nas empresas. Estatísticas da empresa de compartilhamento de arquivos Egnyte sugerem que o lançamento do iPhone 5 está ajudando a ampliar esta liderança, mesmo diante da boa fase da Samsung, maior fabricante de dispositivos Android.

No mês passado, a Good Technology compartilhou estatísticas mostrando que mais de três quartos dos novos dispositivos ativados no último trimestre de 2012 foram idevices – incluindo todos os cinco melhores gadgets.

Na semana passada, a Egnyte cedeu para a CITEworld novas estatísticas, de aproximadamente 100 mil clientes. A empresa também compartilhou algumas dessas estatísticas com TechCrunch, anteriormente). Confira, abaixo um recorte das sessões da Egnyte, por dispositivo, ao longo de 2012 (primeira coluna) e nos dois primeiros meses de 2013 (segunda coluna).

Este gráfico mostra a porcentagem de
sessões de cada tipo de dispositivo móvel

A parte mais interessante disso é que mais usuários estão acessando arquivos com seus iPhones – um total de 48% das sessões em 2013 foram sessões iPhone, contra 42% em todo o ano de 2012. A razão para isso, ao que parece, é que um monte de usuários antigos do iPhone mudaram para um modelo mais novo no Natal – o que explica o crescimento do iPhone 5 e iPhone 4S – e estão usando esses dispositivos para o trabalho também.

O Android caiu no geral, mas a Samsung está emergindo como líder lá, com o Galaxy S e Galaxy Note, bom desempenho em 2013.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 18 de junho de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Gnome: Tradicional ambiente para Linux está de volta

Projeto GNOME está trabalhando em “modo clássico”, que trará de volta elementos fundamentais do tradicional GNOME 2

Seria difícil imaginar uma prova mais viva da aversão de muitos usuários do Linux à nova versão Gnome 3 do que as opções alternativas que surgiram em resposta.

É claro que o Unity foi outro fator motivador. Temos visto o lançamento dos tradicionais desktops MATE e Cinnamon, por exemplo, bem como todas as distros, como SolusOS e a última novidade, o “pure Gnome” para Ubuntu – focado em fornecer uma experiência mais clássica.

Em uma surpreendente reviravolta, no entanto, o projeto Gnome anunciou estar trabalhando em um “modo clássico”, que trará de volta elementos fundamentais do tradicional Gnome 2.

Um pouco de história: No início deste mês, o projeto anunciou faria um pequeno “retrocesso” no próximo 3.8. Destinado a sistemas que não precisam atender à renderização 3D exigida pelo Gnome Shell, o modo de retorno oferece uma área de trabalho 2D muito semelhante à interface do usuário do 2.

“Nós conversamos sobre os usuários que usam o modo de retorno, porque eles estão familiarizados com certos elementos e características do 2 UX, tais como barra de tarefas, minimização, etc”, escreveu o desenvolvedor Matthias Clasen, em um comunicado.

“O Gnome 3 trouxe novos padrões para substituir estes, como visão geral e de busca”, acrescentou Clasen. “E, enquanto nós certamente esperamos que muitos usuários achem as novas formas confortáveis ??e limpas depois de uma fase de aprendizagem curta, não devemos culpar as pessoas que preferem a velha. Afinal, esses recursos foram o ponto crucial para manter o Gnome 2 por 10 anos!”

Em vez disso, o projeto prevê uma pequena modificação no conjunto de extensões disponíveis para o Shell, entre as quais já estão muitas que trazem de volta os elementos clássicos da interface do usuário, observou Clasen.

Especificamente, o projeto decidiu compilar uma lista de extensões suportadas focadas em recriar a sensação da clássica interface, incluindo a clássica aba Alt, barra de tarefas, botões min/max e menu principal. “Para garantir que essas extensões continuem funcionando, vamos liberá-las como um tarball, assim como qualquer outro módulo,” Clasen disse.

O que ainda está para ser decidido é como os usuários irão ativar esse novo modo clássico, mas uma opção seria adicionar um botão na ferramenta Tweak Tool, acrescentou.

Parece que o GNOME está atendendo aos pedidos de seus usuários afinal de contas. Será que isto vai conter a onda de alternativas ao 2 que continuam aparecendo?

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 23 de março de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Gnome: Tradicional ambiente para Linux está de volta

Projeto GNOME está trabalhando em “modo clássico”, que trará de volta elementos fundamentais do tradicional GNOME 2

Seria difícil imaginar uma prova mais viva da aversão de muitos usuários do Linux à nova versão Gnome 3 do que as opções alternativas que surgiram em resposta.

É claro que o Unity foi outro fator motivador. Temos visto o lançamento dos tradicionais desktops MATE e Cinnamon, por exemplo, bem como todas as distros, como SolusOS e a última novidade, o “pure Gnome” para Ubuntu – focado em fornecer uma experiência mais clássica.

Em uma surpreendente reviravolta, no entanto, o projeto Gnome anunciou estar trabalhando em um “modo clássico”, que trará de volta elementos fundamentais do tradicional Gnome 2.

Um pouco de história: No início deste mês, o projeto anunciou faria um pequeno “retrocesso” no próximo 3.8. Destinado a sistemas que não precisam atender à renderização 3D exigida pelo Gnome Shell, o modo de retorno oferece uma área de trabalho 2D muito semelhante à interface do usuário do 2.

“Nós conversamos sobre os usuários que usam o modo de retorno, porque eles estão familiarizados com certos elementos e características do 2 UX, tais como barra de tarefas, minimização, etc”, escreveu o desenvolvedor Matthias Clasen, em um comunicado.

“O Gnome 3 trouxe novos padrões para substituir estes, como visão geral e de busca”, acrescentou Clasen. “E, enquanto nós certamente esperamos que muitos usuários achem as novas formas confortáveis ??e limpas depois de uma fase de aprendizagem curta, não devemos culpar as pessoas que preferem a velha. Afinal, esses recursos foram o ponto crucial para manter o Gnome 2 por 10 anos!”

Em vez disso, o projeto prevê uma pequena modificação no conjunto de extensões disponíveis para o Shell, entre as quais já estão muitas que trazem de volta os elementos clássicos da interface do usuário, observou Clasen.

Especificamente, o projeto decidiu compilar uma lista de extensões suportadas focadas em recriar a sensação da clássica interface, incluindo a clássica aba Alt, barra de tarefas, botões min/max e menu principal. “Para garantir que essas extensões continuem funcionando, vamos liberá-las como um tarball, assim como qualquer outro módulo,” Clasen disse.

O que ainda está para ser decidido é como os usuários irão ativar esse novo modo clássico, mas uma opção seria adicionar um botão na ferramenta Tweak Tool, acrescentou.

Parece que o GNOME está atendendo aos pedidos de seus usuários afinal de contas. Será que isto vai conter a onda de alternativas ao 2 que continuam aparecendo?

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 22 de janeiro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Bolsa de NY usará redes sociais como ambiente de redundância

Um atraso de sete minutos em e-mail enviado aos investidores teria sido o motivo pelo qual Nyse pretende aderir ao Facebook e Twitter.

A Bolsa de Valores de Nova York (NYSE, na sigla em inglês) disse que planeja usar o Twitter e o Facebook para encontrar compradores e vendedores para fechar negociações diárias, após ter  um problema técnico em seu método habitual de e-mail.

No final das negociações da semana passada, uma notificação por e-mail foi criada para alertar os investidores sobre um número descomunal de ordens de compra não preenchidos, de acordo com o Wall Street Journal. No entanto, este e-mail foi enviado com atraso de sete minutos.

Tais atrasos no fechamento poderiam ter causado salto ou queda de uma ação em seu nível final de negociação. Isso levou a NYSE a enviar aos comerciantes uma notificação dizendo que, se os alertas falharem de novo, irá usar as redes sociais para ajudar a endereçar os desequilíbrios das compras e vendas.

O movimento reflete uma tendência de crescimento onde as bolsas tradicionais estão sendo forçadas a adotar tecnologias digitais.

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13 de novembro de 2012 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,