RSS

Arquivo da tag: Acrobata

Acrobata de SC que sofreu queda em circo nos EUA recebe alta do hospital

AppId is over the quota
AppId is over the quota

A acrobata catarinense que despencou de uma altura de cerca de 7 metros durante uma apresentação de circo nos Estados Unidos recebeu alta do hospital nesta quinta-feira (8). Widny Neves, de 25 anos, deixou a unidade de saúde norte-americana em uma cadeira de rodas e foi para um hotel, como mostrou a reportagem do Jornal Nacional (veja vídeo ao lado). As outras duas brasileiras feridas no acidente, Dayana Costa e Stefany Neves, continuam no hospital, sem previsão de alta. Dayana está em estado grave.

As três brasileiras outras cinco acrobatas sofreram o acidente no domingo (4). No número, eles formam uma espécie de candelabro ou lustre, suspensos apenas pelos cabelos. Uma plataforma que era elevada e suspendia as artistas caiu, lançando os artistas ao chão e ferindo um dançarino que estava embaixo.

Widny deixou o hospital nesta quinta-feira (8) (Foto: Reprodução RBS TV)Widny deixou o hospital nesta quinta-feira (8)
(Foto: Reprodução TV Globo)

Segundo a família, a catarinense de Joinville, no Norte de Santa Catarina, teve ferimentos no pescoço, nas costas e fratura no braço direito. A mãe dela, Griselda Neves, está nos Estados Unidos desde quarta-feira (7) para acompanhar a filha.

“Ela está caminhando. Vitória é pouco, é um milagre”, disse a mãe, que vai ficar no país até a filha se recuperar. Já Widny agradeceu o apoio que está recebendo após o acidente. “Obrigado por todo amor e carinho de todo povo brasileiro que está apoiando a gente”, disse ela, que espera voltar para o circo.

Família circense
Há 10 anos, a família de Widny possui uma academia de circo em Joinville. O pai da jovem, Roiter Neves, explicou que se trata de um local lúdico, que reúne pessoas para fazerem exercícios relacionados à atividade. Widny nasceu nesse ambiente e desde pequena mostrava interesse. Começou a aprender com o pai.

Mais velha, foi cursar educação física na Universidade da Região de Joinville (Univille) e, em 2008, mudou-se para o Estados Unidos, onde desde 2010, está no Ringling Brothers and Barnum and Bailey Circus.

O acidente
Em entrevista coletiva nesta quinta-feira (8), os diretores do circo onde o acidente ocorreu disseram que até o ano passado o número era com apenas duas artistas. A decisão de aumentar para oito foi tomada em conjunto, entre o circo e o criador da apresentação, o brasileiro Andrei Medeiros.

O gancho que se rompeu era de aço, com capacidade para 4,5 mil kg. O circo disse que ainda não sabe porque ele não aguentou a estrutura e as acrobatas, que no total pesavam 600 kg.

Veja o site do Jornal Nacional

new WM.Player( { videosIDs: “3333896”, sitePage: “aftvrbs_scg1/videos”, zoneId: “134771” } ).attachTo($(“#3333896”)[0]);

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 10 de maio de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,

Acrobata ferida em circo nos EUA aparece sorrindo em foto no hospital

AppId is over the quota
AppId is over the quota
Jovem acrobata faz sinal positivo para mostrar que está bem (Foto: Reprodução/Facebook)Jovem acrobata faz sinal positivo para mostrar que
está bem (Foto: Reprodução/Facebook)

Uma foto divulgada em uma rede social mostra que a acrobata catarinense que despencou de uma altura de cerca de 10 metros em uma apresentação nos Estados Unidos está bem. Widny Neves, de 25 anos, está internada em um hospital do país norte-americano. A imagem mostra ela sorrindo, fazendo um sinal positivo.

A jovem de Joinville, no Norte de Santa Catarina, e mais oito acrobatas sofreram o acidente no domingo (4) durante uma apresentação do grupo circense. No número, eles formam uma espécie de candelabro ou lustre, suspensos apenas pelos cabelos. Uma plataforma que era elevada e suspendia as artistas caiu, lançando os artistas ao chão e ferindo um dançarino que estava embaixo. Além de Widny, outras duas brasileiras também ficaram feridas.

Mãe da acrobata catarinense embarcou para os Estados Unidos nesta terça (Foto: Rejane Gambim /Divulgação)Mãe da acrobata catarinense embarcou para os
Estados Unidos nesta terça
(Foto: Rejane Gambim /Divulgação)

Segundo a família, que mora na cidade catarinense, a artista teve ferimento no pescoço, nas costas e fratura no braço direito. A mãe dela, Griselda Neves, embarcou no final da tarde desta terça-feira (6) e deve chegar na manhã de quarta (7) ao país. Ela disse que a preocupação agora é com o tratamento da filha.

Griselda informou ainda que, desde o acidente, a família conseguiu falar com a jovem três vezes, com o auxílio da internet. “Isso nos deixou mais tranquilos”, afirmou. Ainda conforme a mãe, o telefone da família não parava de tocar desde domingo (4).

Família circense
Há 10 anos, a família possui uma academia de circo em Joinville. O pai da jovem, Roiter Neves, explicou que se trata de um local lúdico, que reúne pessoas para fazerem exercícios relacionados à atividade. Widny nasceu nesse ambiente e desde pequena mostrava interesse. Começou a aprender com o pai.

Mais velha, foi cursar educação física na Universidade da Região de Joinville (Univille) e, em 2008, mudou-se para o Estados Unidos, onde desde 2010, está no Ringling Brothers and Barnum and Bailey Circus.

Em nota, a empresa Feld Entertainment, empresa ligada a Ringling Bros, informou que “todos os artistas em cena receberam atendimento médico imediato e foram transportados para o hospital. As apresentações foram canceladas e foi iniciada uma investigação para detectar as causas do acidente”.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 7 de maio de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , ,