RSS

Arquivo da tag: acredita

Ucrânia acredita que Putin está preparado para atacar o país

Tanque russo em frente a base militar ucraniana na Criméia (Foto: Shamil Zhumatov/Reuters)Tanque russo em frente a base militar ucraniana na Criméia (Foto: Shamil Zhumatov/Reuters)

As tropas russas de Vladimir Putin estão preparadas para atacar a Ucrânia “a qualquer momento”, declarou neste domingo (23) o secretário do Conselho de Segurança Nacional e de Defesa ucraniano, Andrei Parubi.

“O alvo de Putin não é a Crimeia, mas toda a Ucrânia (…) Suas tropas mobilizadas na fronteira estão preparadas para atacar a qualquer momento”, declarou Parubi diante de milhares de pessoas no centro de Kiev.

“O invasor pode cruzar a fronteira em qualquer dia. Na imaginação maníaca de Putin, a Ucrânia deve fazer parte da Rússia”, acrescentou.

Cerca de cinco mil pessoas estavam na Maidan, a Praça da Independência do centro da capital ucraniana, segundo um jornalista da AFP. Cartazes com as frases ‘Otan’ e ‘Fora Putin!’ eram exibidas.

Já o Ministério russo da Defesa indicou neste domingo que vai respeitar os acordos relativos ao número de tropas nas zonas na fronteira com a Ucrânia.

“O Ministério russo da Defesa respeita todos os acordos internacionais sobre a limitação do número de tropas nas regiões fronteiriças”, declarou o vice-ministro da Defesa Anatoli Antonov, citado pela agência Ria Novosti.

Segundo ele, esta questão foi levantada em diversas oportunidades durante conversas por telefone entre o ministro russo da Defesa, Serguei Choigu e seus homólogos americano Chuck Hagel e ucraniano Igor Teniukh.

Fonte G1

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 24 de março de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , ,

Oposição acredita que governo ucraniano cogita estado de exceção

O partido da líder opositora detida Yulia Timoshenko afirmou neste sábado (1) que as autoridades ucranianas estão considerando a possibilidade de instaurar o estado de exceção no país para acabar com mais de dois meses de protestos.

A investigação dos serviços de segurança ucranianos (SBU) por “tentativa de tomada de poder” anunciada na sexta-feira (31) à noite é “um elemento que mostra a preparação da instauração do estado de exceção”, declarou Grigori Nemyria, dirigente do partido Batkivshchina.

Mais cedo, um dos líderes da oposição, Arseni Yatseniuk, afirmou que considera “muito provável” uma intervenção do exército contra os manifestantes.

O movimento de protesto começou em novembro, depois da decisão repentina do presidente Viktor Yanukovytch de desistir de assinar um acordo de associação com a União Europeia, negociado durante meses. Ele optou por uma aproximação da Rússia, que concedeu um crédito de 15 bilhões de dólares e uma redução do preço do gás.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 3 de fevereiro de 2014 em Brasil

 

Tags: , , , , , ,

Obama acredita ter votos suficientes para encerrar paralisação do governo

O presidente dos EUA, Barack Obama, fala em coletiva de imprensa sobre a crise no Congresso americano, durante visita à Agência Federal de Administração de Emergências, em Washington DC. (Foto: Kevin Lamarque/Reuters)O presidente dos EUA, Barack Obama, fala em coletiva de imprensa sobre a crise no Congresso americano, durante visita à Agência Federal de Administração de Emergências, em Washington DC. (Foto: Kevin Lamarque/Reuters)

O presidente dos EUA, Barack Obama, disse nesta segunda-feira (7) que acredita que há votos republicanos e democratas suficientes na Câmara de Representantes para encerrar a paralisação do governo federal.

Ele apelou ao Congresso para que vote o tema ainda nesta segunda.

“Chamem uma votação logo. Vamos ver o que acontece”, disse durante entrevistas.

Obama afirmou que, uma vez que o limite da dívida pública seja ampliado, está disposto a sentar com a oposição republicana para discutir temas como o Obamacare e outros.

As declarações foram feitas em visita à Fema, agência federal responsável pelo combate a emergências. Obama ressaltou a perda sofrida pelos serviços públicos em consequência da paralisação.

A agência de emergências chamou de volta funcionários que estavam de licença não remunerada devido à paralisação para ajudar na resposta à passagem da tempestade tropical Karen, mas a tempestade perdeu força e Obama disse que a agência agora mandará 100 funcionários de volta para casa.

Fonte G1

 
Deixe um comentário

Publicado por em 8 de outubro de 2013 em Brasil

 

Tags: , , , , , ,

Família acredita que vovô ‘viciado em Viagra’ teve 54 filhos nos EUA

AppId is over the quota
AppId is over the quota
Família descobre que Samuel Delbert Whitney pode ter tido 54 filhos (Foto: Reprodução/YouTube/Michael85225)Família descobre que Samuel Delbert Whitney
pode ter tido 54 filhos
(Foto: Reprodução/YouTube/Michael85225)

A família de um americano que morreu aos 84 anos em Phoenix, no estado do Arizona,  acredita que ele teve 54 filhos. Segundo informações do jornal “NY Daily News”, a enteada de Samuel Delbert Whitney descobriu, quando foi buscar alguns documentos, vários frascos de 100 miligramas de Viagra e uma pilha de certidões de nascimento no apartamento dele após sua morte.

Lexie Woods agora procura, segundo o jornal, esses filhos e as mulheres com quem seu padrasto se relacionou “escondido” durante todo o tempo em que viveu. “O que queremos fazer é encontrar essas crianças e fazer com que eles saibam que eles têm uma família que os ama e que quer conhecê-las”, disse Woods ao Daily News.

Ao longo dos 17 anos em que o seu padrasto viveu com sua a mãe, Woods disse que ele nunca falou sobre os filhos que teve com outras mulheres.

Whitney possuía um estaleiro e alguns bares, e a enteada Woods acredita que ele também estava envolvido em algumas práticas ilegais e, por isso, entrou em conflito com a lei local várias vezes. A enteada acredita que seu padrasto usava esses locais para se encontrar com as outras mulheres.

Durante uma audiência no tribunal, Woods disse que encontrou dados de que seu padrasto seria pai de 42 filhos. Mas depois de falar com seus vizinhos, Woods acredita que o número poderia ser tão alto quanto 54, de acordo com o jornal.

Ela sabe sobre pelo menos cinco dos seus filhos natos, mas não sabe quantos mais existem e, por isso, insiste em “encontrar seus irmãos”. Apesar de suas falhas, Woods afirmou no tribunal que amava padrasto.

View the original article here

 
Deixe um comentário

Publicado por em 1 de setembro de 2013 em Tecnologia

 

Tags: , , , ,

Mobilidade impulsionará mercado varejista, acredita Motorola Solutions

Conjunto de tendências que vão impulsionar o setor nos próximos cinco anos tem como foco a conexão com clientes por meio de dispositivos móveis.

17 de setembro de 2012 – 17h25

Para a Motorola Solutions, o conjunto de tendências que vão impulsionar o mercado varejista nos próximos cinco anos tem como foco a conexão com clientes, por meio de dispositivos móveis e softwares avançados. O desafio do varejo, segundo a empresa, é estar preparado para atender o cliente conectado, que precisa de informações rápidas e de qualidade.

Com o objetivo de ajudar companhias a ingressar no novo mundo do varejo, a empresa apresentou soluções para o setor. Destaca-se entre as tecnologias o tablet empresarial ET1. Segundo a Motorola, o dispositivo auxilia os varejistas a proporcionar a melhor experiência de compra, disponibilizando as ferramentas de que os funcionários necessitam para responder perguntas, fornecer feedbacks e fechar uma venda sem sair de perto do cliente.

Outro destaque, indica a fabricante, é o MC40, aparelho móvel que incrementa a experiência de compra do cliente, fornecendo ao vendedor acesso às informações do produto, coleta de dados e a capacidade de se tornar um ponto de venda móvel (PDVm). O SB1 também foi apresentado. Trata-se de um dispositivo móvel inteligente e portátil, que pode ser usado para capacitar vendedores e trabalhadores.

“A experiência de compra está mudando. Dentro de poucos anos, ela será inteiramente personalizada. A tecnologia jogará tanto a favor do consumidor, que poderá encontrar exatamente o produto que deseja e a informação necessária para tomar decisões”, avalia Renata Ronco, gerente de Marketing da Motorola Solutions Brasil.

Especial - IT Leaders 2011

O ITBOARD materializa a nova plataforma de conversas do Século XXI. Concentra o diálogo sobre tecnologia e inovação movido a tweets de quem está imerso nesses assuntos. ENTRE NA CONVERSA

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 13 de novembro de 2012 em Tecnologia

 

Tags: , , , , , ,

IFA 2012: Philips acredita em TVs inteligentes e ‘iluminadas’ para crescer no Brasil

Marca, que agora pertence à chinesa TPV Technology, diz que recurso Ambilight e aparelhos que rodam aplicativos serão diferenciais O trocadilho parece inevitável. Uma tecnologia que faz a TV emitir luz ao redor do aparelho, em harmonia com a cena exibida, é uma das principais apostas da Philips para iluminar seu caminho no Brasil e entrar para valer na disputa com as dominantes asiáticas Samsung, LG e Sony. “O Brasil deverá ser um de nossos três principais mercados até a Copa do Mundo”, disse ao IDG Now! o CEO da TP Vision, Martin de Vries.

O executivo da joint venture estabelecida em abril deste ano entre a holandesa Philips e a chinesa TPV Technology tem uma missão complicada pela frente: fazer a empresa crescer em um mercado com margens de lucro em queda e centrado na questão do preço. No entanto, ele está confiante que eventos como a Copa e as Olimpíadas serão motivadores para uma nova onda de compra de TVs de tela fina – tanto por quem ainda tem TV de tubo como os que desejam telas maiores.

E é aí que a Philips espera avançar com seu recurso diferencial, em um mercado em que qualidade de imagem é praticamente uma commoditie. “Vamos ampliar nossas linhas de TVs Ambilight e trazer mais modelos para o Brasil”, diz o holandês.

Na IFA 2012, a empresa apresentou suas novas famílias de televisores, que devem chegar ao mercado – Brasil incluído – nos próximos meses.

Entre os modelos, destaque para a série 9000, top de linha. O aparelho possui recursos que aumentam o contraste e a taxa de atualização da imagem (quanto maior, melhor). A inovação mais interessante é uma espécie de camada, chamada Moth Eye (olho de mariposa), sobre a tela, reduzindo drasticamente o reflexo da luz ambiente.

Segundo os executivos da empresa, essa tecnologia ainda é tão cara que somente a família 9000, com preços em torno de 2300 euros (no mercado europeu) a terá.

Vries reconhece que a competição no Brasil é duríssima. “Nos últimos anos, houve uma ‘erosão de preços'”, diz. De fato, a entrada com toda força das coreanas Samsung e LG fez os preços das TVs de tela fina despencar nos últimos anos. 

Por isso, de acordo com ele, um dos motivos para a parceria com a TPV é justamente poder ter acesso à capacidade produtiva chinesa e competir no fator preço. “Ganhamos muito em eficiência”, diz. No entanto, o executivo acredita que a marca e os diferenciais da Phlips permitem cobrar um “premium” pelos produtos.

Smart TVs
Outro foco da Philips está nas chamadas smart TVs, capazes de acessar a internet e rodar aplicativos.

Para Jordy Egging, diretor de produtos da empresa, ainda há muito espaço para essa nova geração. A penetração deste tipo de equipamento por aqui ainda é de apenas 18%, contra cerca de 75% nos mercados europeus desenvolvidos. “O crescimento da categoria depende essencialmente da penetração da banda larga”, explica. “Como isso vem se tornando mais comum no Brasil, será um processo natural”. Segundo ele, em poucos anos 80% do portfólio da empresa será de TVs “inteligentes”. Egging também acredita que a Philips pode brigar no segmento de consumidores focados em qualidade de imagem.”Temos muita tecnologia e vários prêmios nesse quesito”, afirma.

Já o badalado 3D não está tão em alta, pelo menos na visão da empresa. “É um recurso muito desejado, mas pouco usado”, admite o CEO Vries. Para ele, a falta de conteúdo e a questão dos óculos ainda são grandes barreiras.

Não a toa, a indústria corre para oferecer aparelhos 3D sem óculos. No entanto, de todas as soluções na IFA 2012 (inclusive da própria Philips), nenhuma se destacou – a imagem tem aspecto granulado e o ângulo de visão é mínimo.

“Ainda é muito caro, e as pessoas esperam a melhor imagem possível sempre”, diz Vries. “Por isso ainda não podemos levar esse tipo de produto ao mercado”.

Outro lançamento badalado na IFA 2012, as TVs com resolução 4K, também não causam rugas de preocupação no diretor Egging. “Vai levar anos para que haja conteúdo neste nível de definição”, afirma. Além disso, conteúdo 4K via internet consumiria tanta banda que pode levar ainda mais tempo para sua disseminação. “Por isso, acredito que ainda há uma boa vida útil para o Blu-ray”, argumenta.

Games na nuvem
Por falar em tendências, o CEO da TP Vision também acredita em jogos via cloud, usando a TV como plataforma, e nos aplicativos sociais (social apps) para mudar a forma como os consumidores interagem com as TVs.

“Nossos usuários de smart TVs logam-se duas vezes ao dia para usar os aplicativos”, afirma. “Isso mostra que estamos no caminho certo, porque no futuro todas as TVs serão assim”.

* o jornalista viajou a convite da TP Vision

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 16 de outubro de 2012 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,

IFA 2012: Philips acredita em TVs inteligentes e ‘iluminadas’ para crescer no Brasil

Marca, que agora pertence à chinesa TPV Technology, diz que recurso Ambilight e aparelhos que rodam aplicativos serão diferenciais O trocadilho parece inevitável. Uma tecnologia que faz a TV emitir luz ao redor do aparelho, em harmonia com a cena exibida, é uma das principais apostas da Philips para iluminar seu caminho no Brasil e entrar para valer na disputa com as dominantes asiáticas Samsung, LG e Sony. “O Brasil deverá ser um de nossos três principais mercados até a Copa do Mundo”, disse ao IDG Now! o CEO da TP Vision, Martin de Vries.

O executivo da joint venture estabelecida em abril deste ano entre a holandesa Philips e a chinesa TPV Technology tem uma missão complicada pela frente: fazer a empresa crescer em um mercado com margens de lucro em queda e centrado na questão do preço. No entanto, ele está confiante que eventos como a Copa e as Olimpíadas serão motivadores para uma nova onda de compra de TVs de tela fina – tanto por quem ainda tem TV de tubo como os que desejam telas maiores.

E é aí que a Philips espera avançar com seu recurso diferencial, em um mercado em que qualidade de imagem é praticamente uma commoditie. “Vamos ampliar nossas linhas de TVs Ambilight e trazer mais modelos para o Brasil”, diz o holandês.

Na IFA 2012, a empresa apresentou suas novas famílias de televisores, que devem chegar ao mercado – Brasil incluído – nos próximos meses.

Entre os modelos, destaque para a série 9000, top de linha. O aparelho possui recursos que aumentam o contraste e a taxa de atualização da imagem (quanto maior, melhor). A inovação mais interessante é uma espécie de camada, chamada Moth Eye (olho de mariposa), sobre a tela, reduzindo drasticamente o reflexo da luz ambiente.

Segundo os executivos da empresa, essa tecnologia ainda é tão cara que somente a família 9000, com preços em torno de 2300 euros (no mercado europeu) a terá.

Vries reconhece que a competição no Brasil é duríssima. “Nos últimos anos, houve uma ‘erosão de preços'”, diz. De fato, a entrada com toda força das coreanas Samsung e LG fez os preços das TVs de tela fina despencar nos últimos anos. 

Por isso, de acordo com ele, um dos motivos para a parceria com a TPV é justamente poder ter acesso à capacidade produtiva chinesa e competir no fator preço. “Ganhamos muito em eficiência”, diz. No entanto, o executivo acredita que a marca e os diferenciais da Phlips permitem cobrar um “premium” pelos produtos.

Smart TVs
Outro foco da Philips está nas chamadas smart TVs, capazes de acessar a internet e rodar aplicativos.

Para Jordy Egging, diretor de produtos da empresa, ainda há muito espaço para essa nova geração. A penetração deste tipo de equipamento por aqui ainda é de apenas 18%, contra cerca de 75% nos mercados europeus desenvolvidos. “O crescimento da categoria depende essencialmente da penetração da banda larga”, explica. “Como isso vem se tornando mais comum no Brasil, será um processo natural”. Segundo ele, em poucos anos 80% do portfólio da empresa será de TVs “inteligentes”. Egging também acredita que a Philips pode brigar no segmento de consumidores focados em qualidade de imagem.”Temos muita tecnologia e vários prêmios nesse quesito”, afirma.

Já o badalado 3D não está tão em alta, pelo menos na visão da empresa. “É um recurso muito desejado, mas pouco usado”, admite o CEO Vries. Para ele, a falta de conteúdo e a questão dos óculos ainda são grandes barreiras.

Não a toa, a indústria corre para oferecer aparelhos 3D sem óculos. No entanto, de todas as soluções na IFA 2012 (inclusive da própria Philips), nenhuma se destacou – a imagem tem aspecto granulado e o ângulo de visão é mínimo.

“Ainda é muito caro, e as pessoas esperam a melhor imagem possível sempre”, diz Vries. “Por isso ainda não podemos levar esse tipo de produto ao mercado”.

Outro lançamento badalado na IFA 2012, as TVs com resolução 4K, também não causam rugas de preocupação no diretor Egging. “Vai levar anos para que haja conteúdo neste nível de definição”, afirma. Além disso, conteúdo 4K via internet consumiria tanta banda que pode levar ainda mais tempo para sua disseminação. “Por isso, acredito que ainda há uma boa vida útil para o Blu-ray”, argumenta.

Games na nuvem
Por falar em tendências, o CEO da TP Vision também acredita em jogos via cloud, usando a TV como plataforma, e nos aplicativos sociais (social apps) para mudar a forma como os consumidores interagem com as TVs.

“Nossos usuários de smart TVs logam-se duas vezes ao dia para usar os aplicativos”, afirma. “Isso mostra que estamos no caminho certo, porque no futuro todas as TVs serão assim”.

* o jornalista viajou a convite da TP Vision

View the original article here

This post was made using the Auto Blogging Software from WebMagnates.org This line will not appear when posts are made after activating the software to full version.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 14 de outubro de 2012 em Tecnologia

 

Tags: , , , , ,