RSS

Fã homenageada por Demi Lovato foi atropelada em assalto na fila do show

30 abr

Demi Lovato segura foto de Milena Lima em show no Citibank Hall, em São Paulo, na noite de 22 de abril (Foto: Arquivo Pessoal/Carolina Moraes)Demi Lovato segura foto de Milena Lima em show no
Citibank Hall, em São Paulo, na noite de 22 de abril
(Foto: Arquivo Pessoal/Carolina Moraes)

Durante o primeiro show da “Neon Lights Tour” em São Paulo, na noite de terça (22), Demi Lovato fez uma homenagem à fã Milena Lima. Além de exibir um papel com a mensagem #staystrongmilena, a cantora segurou uma foto da menina ao cantar “Warrior” e pediu que rezassem por ela (veja vídeo no YouTube gravado por fã). Aos 16 anos, Milena não estava presente por que foi atropelada dias antes do show, quando acampava na porta do Citibank Hall à espera da cantora, que se apresenta novamente no mesmo local nesta quinta (24) e sexta (25).

Carolina Moraes, de 19 anos, continua acampada para os próximos shows, em busca de um lugar próximo ao palco. Ela conta que a amiga sofreu o acidente após um assalto, na noite de 18 de abril. “Nós nos revezamos nas barracas, e nesse dia a Milena estava vindo de Santo Amaro com outra menina quando foi assaltada. Elas entregaram tudo, mas, com o choque, a Milena saiu correndo para a Marginal [Pinheiros]”, conta Carolina ao G1.

Assustada, a colega que presenciou o atropelamento foi chamar as meninas no acampamento. Quando todas voltaram ao lugar, Milena já havia sido levada por uma ambulância. “Passamos a madrugada inteira do dia 19 procurando por ela em hospitais”, lembra. Justamente naquele dia, Carolina completava 19 anos: “Passei meu aniversário inteiro chorando”.

Milena continua internada em um hospital da Zona Sul de São Paulo. Procurada pelo G1, a assessoria de imprensa da Secretaria Estadual de Saúde, responsável pelo hospital onde Milena foi internada, disse que ela foi levada a outra unidade na tarde de quarta (23) para a realização de exames neurológicos. Segundo os pais da menina, que não quiseram dar entrevista, Carolina tem autorização para falar sobre Milena. “Ela estava em coma induzido e tiraram os aparelhos e diminuíram os sedativos. Ela ainda não acordou, mas ouve quando a mãe entra no quarto ou quando algum de nós vai visitá-la”, conta Carolina. Ela está sempre em contato com a família da adolescente para dar informações às companheiras de acampamento.

Demi Lovato segura cartaz com a frase #staystrongmilena em show no Citibank Hall, em São Paulo, na noite de 22 de abril (Foto: Arquivo Pessoal/Carolina Moraes)Demi Lovato segura cartaz com a frase
#staystrongmilena em show no Citibank Hall,
em São Paulo, na noite de 22 de abril
(Foto: Arquivo Pessoal/Carolina Moraes)
Demi Lovato beija foto de Milena Lima em show no Citibank Hall, em São Paulo, na noite de 22 de abril (Foto: Arquivo Pessoal/Carolina Moraes)Demi Lovato beija foto de Milena Lima 
(Foto: Arquivo Pessoal/Carolina Moraes)

Acampadas por um mês
Carolina não conhecia Milena antes do acampamento, que começou no dia 20 de março, mas diz que a convivência diária as tornou bastante próximas. “Tem gente que a conheceu no acampamento; tem gente que a conhecia há um ano; tem um primo que ia no lugar dela às vezes. Convivemos todo este mês juntos, grudados na barraca, então a conexão e o laço que formamos é forte”, ressalta Carolina.

Após o acidente, o grupo se uniu ainda mais, agora com a missão de fazer com que Demi Lovato soubesse do caso e enviasse alguma mensagem para Milena. Criadora da comunidade “Delena Brazil” no Facebook, Carolina pediu ajuda a sites de fãs para que a hashtag #staystrongmilena ganhasse força. “Mais de mil pessoas usaram. Aí tivemos a ideia de fazer os cartazes e levar no show para levantar em ‘Warrior’. Distribuímos alguns na fila, mas teve gente que levou de casa, por conta própria, por que tinha visto a campanha na internet”, conta.

Após a recompensa pelo esforço, os demais integrantes do acampamento continuam preocupados com a recuperação da amiga, mas comemoram o carinho demonstrado pela cantora e pelo público, que gritou em coro o nome de Milena após o fim da música.

Além de mais duas datas em São Paulo, a “Neon Lights Tour” inclui ainda duas apresentações no Citibank Hall do Rio de Janeiro, em 27 e 28 de abril, uma no Espaço Brasília, em Brasília, no dia 30 de abril, e outra no Chevrolet Hall, em Belo Horizonte, em 1 de maio. A turnê brasileira de Demi Lovato será encerrada em Porto Alegre, no Pepsi on Stage, no dia 3 de maio.

Fãs se acamparam nos arredores do Citibank Hall, em São Paulo, para conseguir bons lugares no show de Demi Lovato, na terça-feira (22). Demi também canta nos dias 24 e 25, no mesmo lugar (Foto: João Victor/Futura Press/Estadão Conteúdo)Fãs acamparam nos arredores do Citibank Hall, em São Paulo, para conseguir bons lugares no show de Demi Lovato, na terça-feira (22). Demi também canta nos dias 24 e 25, no mesmo lugar (Foto: João Victor/Futura Press/Estadão Conteúdo)

View the original article here

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 30 de abril de 2014 em Música

 

Tags: , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: