RSS

Grupo islâmico assume autoria de ataque armado a shopping de Nairóbi

22 set

A milícia radical islâmica somali Al Shabab assumiu a autoria do ataque armado realizado neste sábado (21) contra o centro comercial Westgate, em Nairóbi, no Quênia, que deixou pelo menos 39 mortos e dezenas de feridos.

Pessoas fogem do shopping Westgate em Nairóbi (Foto: Jason Straziuso/AP)Pessoas fogem do shopping Westgate em Nairóbi (Foto: Jason Straziuso/AP)quênia (Foto: Editoria de Arte/G1)

‘”Shabab confirma que está por trás do espetáculo de Westgate”, é a mensagem que pode ser lida na conta oficial do grupo fundamentalista no Twitter.  “Eles mataram mais de 100 infiéis quenianos e a batalha prossegue”, acrescenta a mensagem.

Os autores do atentado continuam no shopping com um número indeterminado de reféns.

Mais de 50 pessoas também ficaram feridas. “O balanço é de 30 mortos e 60 feridos. Isso inclui as pessoas que morreram no local e as que faleceram no hospital”, indicou um funcionário de alto escalão da polícia. A contagem foi atualizada para 39 mortos.

Um grupo armado e encapuzado invadiu o centro comercial Westgate Mall, um dos mais luxuosos de Nairóbi, cuja clientela é formada principalmente por quenianos ricos e estrangeiros.

Os criminosos dispararam e lançaram granadas contra a clientela cosmopolita – composta por africanos, indianos e ocidentais – e contra os funcionários do shopping.

Unidades de elite do exército queniano foram mobilizadas para reforçar as forças policiais no local e ajudar na retirada dos clientes e dos funcionários do centro comercial, que era sobrevoado por helicópteros.

Segundo uma fonte de segurança, policiais e soldados quenianos conseguiram isolar e encurralar os sobreviventes do grupo armado dentro do centro comercial.

“Os criminosos foram isolados e estão encurralados em uma área em um dos andares. O resto do shopping parece estar seguro”, afirmou a fonte à AFP no local.

Os criminosos, que ainda não tiveram sua identidade divulgada, mas que falam em árabe ou somali, segundo testemunhas, invadiram ao meio-dia o centro comercial Westgate Mall.

Muito movimentado nos fins de semana, o local é citado regularmente como possível alvo de grupos relacionados à Al-Qaeda, como os insurgentes somalis shebab.

Este tipo de ataque é algo que nunca havia ocorrido na capital queniana e pode ser o atentado mais sangrento desde o ataque suicida da Al-Qaeda de 1998, que teve como alvo em agosto daquele ano a embaixada americana em Nairóbi e que deixou mais de 200 mortos.

Fonte G1

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 22 de setembro de 2013 em Brasil

 

Tags: , , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: